Durante o Crown Jewel deste sábado aconteceu a colisão entre os gigantes Omos e Braun Strowman. Um detalhe desse mesmo combate foi a ausência de MVP para a mentoria e ajuda do “Nigerian Giant”.

No último SmackDown, MVP foi atacado por Braun Strowman com três Powerslams, o que afastou a estrela dos programas da empresa.

Esta foi uma maneira de afastar MVP do Crown Jewel, no entanto, o mesmo nunca poderia ser apresentado no evento.

Segundo Sean Ross Sapp do Fightful, MVP era um muçulmano que se tornou ateu, o que é punível por lei na Arábia Saudita, país onde decorreu este evento.

A estrela também já informou que por causa de sua ficha criminal, as suas aparições internacionais estão sujeitas a verificações de antecedentes e permissões especiais para que ele possa viajar.

Por todas estas razões era uma impossibilidade garantida ter a presença de MVP no último sábado, pelo que Omos acabou por perder um combate após um Running Powerslam do seu rival.


Qual a tua análise sobre as razões que obrigaram o afastamento de MVP deste evento?

1 Comentário

  1. Max3 meses

    Lei é lei, simples assim.