A primeira semana do ano ainda não terminou e já tivemos os primeiros despedimentos na WWE em 2022, com William Regal a “encabeçar” a lista de despedidos por já não estar associado ao NXT 2.0.

Naturalmente, muitos foram os lutadores que recorreram às redes sociais para manifestar o seu agradecimento ao antigo General Manager do NXT, pois foi ele o responsável pelo seu sucesso e popularidade.

Johnny Gargano escreveu que se não fosse por William Regal, muitos dos lutadores que adoramos não estariam na televisão. O britânico foi responsável por dar oportunidades a muitos “indie guys”. Por fim, “Johnny Wrestling” afirmou que o veterano merece crédito por ter ajudado e moldado a geração de wrestlers atuais.

Cora Jade também se manifestou, afirmou que já teve a oportunidade de formar relações e aprender com muitas grandes pessoas, e uma delas foi William Regal, que é um autêntico génio e está sempre disponível para todos no esclarecimento de dúvidas ou a dar conselhos. A jovem diz estar grata pelo que aprendeu com ele no último ano.

Já Amari Miller reagiu apenas de coração partido…

Quanto a James Drake, afirmou que William Regal é o responsável pela concepção do NXT UK, um trabalho árduo que começou em 2016, quando viajou por todo o Reino Unido para encontrar os 16 lutadores que viriam a participar no WWE UK Tournament. James Drake diz que nunca se irá esquecer da oferta que William Regal lhe fez ao telefone, que lhe permitiu abandonar o emprego a full time que antigamente possuía.

Num segundo tweet, o lutador do NXT afirma que nessa altura não tinha um grande nome na “cena britânica” e lutava em poucos shows. Sem William Regal, nunca estaria onde está neste momento, não haveria FSW no Reino Unido e certamente não haveria a atual versão dos Grizzled Young Veterans. Por fim, James Drake afirmou que William Regal vive e respira este trabalho, e agradece-lhe.

Também Bronson Reed, agora conhecido como JONAH fora da WWE, reagiu ao despedimento de William Regal, afirmando que este é inestimável quando se trata de conhecimento sobre Wrestling.

Já Dax Harwood, conhecido como Scott Dawson na WWE, reagiu afirmando que não haveria FTR (The Revival na WWE) sem William Regal.

Por fim, Dakota Kai partilhou um pequeno vídeo das várias vezes que William Regal gritou “WARGAMES!” no NXT.


Achas que a WWE fez mal em despedir William Regal? Teria ele ainda muito mais a oferecer na empresa?

9 Comentários

  1. Pedro Almeida2 semanas

    UMANGA!

  2. Dois dedos de testa2 semanas

    Quando a merda reina, a qualidade fica pelo caminho

  3. Não percebo este despedimento. Só resta agradecer ao Wilian Regal por tudo o que fez na empresa.

  4. Rui2 semanas

    Eu nao acompanhava e nao atualmente, mas o william regal nao merecia isto pelo que fez na wwe como lutador

  5. El Cuebro2 semanas

    Realmente a WWE está “se livrando” de boa parte das pessoas dos tempos do NXT Black and Gold hein, não sei não sobre Strong e Ciampa agora, já tivemos o Burch e o Thatcher, está uma situação muito estranha, ouvi dizer que ia sobrar para boa parte dos contratados pelo Hunter, essa reformulação ainda não me agrada como foi e está sendo feita! Estão conseguindo acabar com uma das poucas coisas realmente boas que a WWE ainda tinha!

  6. Bruno Fec2 semanas

    Despedir Regal é completamente incompreensível, basta dar uma vista de olhos pelas reações de wrestlers que trabalharam com ele o quanto este homem fez por eles, pelo NXT e pela WWE ao dia de hoje, basta ver quem está no topo hoje, passaram quase todos por Regal. Rollins, Big E, KO, Finn Balor, Sasha, Becky, Bianca…mais um despedimento ridículo para juntar a vários outros.

  7. Despedimentos sem sentido nenhum, desejo-lhe o melhor!