Faz login e remove a publicidade
Frank casino

Desde que a pandemia do coronavírus obrigou a WWE a fazer shows sem fãs que Vince McMahon estabeleceu que quer ser o primeiro promotor do mundo do Wrestling, e até talvez do desporto e entretenimento em geral, a voltar a fazer shows com fãs presentes nas arenas.

Ainda há poucos dias foi reportado que a WWE estava a tentar agendar dois shows para o final de Julho no RP Funding Center, em Lakeland na Flórida, que tem uma capacidade para 8 mil lugares. No entanto e segundo o Fightful, isso está longe de acontecer, porque a Flórida é o estado com mais casos de COVID-19 no país.

Nas últimas semanas também se tem falado que a WWE pretende que o SummerSlam, que está previsto para dia 23 de Agosto, já conte com fãs nas arenas, mas ainda não é certo que isso vá mesmo acontecer. O regresso dos fãs aos shows da WWE pode ter sido adiado para o mês seguinte.

Antes da pandemia ter afectado os Estados Unidos da América, a WWE previa realizar uma edição do SmackDown no dia 17 de Abril em Cleveland, Ohio. O show foi cancelado, mas foi agora reagendado para uma edição do Raw no dia 28 de Setembro, tal como reporta o site do Rocket Mortgage Fieldhouse.

A arena está a vender bilhetes para o WWE Raw do dia 28 de Setembro, a começar nos 20 dólares. Assim sendo, parece que a WWE acredita que no final de Setembro já poderá ter fãs nas arenas. Se não puder, será depois uma questão de voltar a reagendar o show para outra data futura.


Achas que a WWE já conseguirá ter fãs nas arenas em Setembro?

15 Comentários

  1. mahal deus1 mês

    wwe querendo prever quando a pandemia vai acabar pra mim é ridículo.

    • Mario1 mês

      Não estão a querer prever. Já tem havido eventos com público.

  2. Apesar de discordar que devam fazer shows com público se há comissios políticos com público também pode haver desportos interiores. Quem quiser ir ao evento assume total responsabilidade de querer ir.

  3. Júlio César1 mês

    Sim; com públicos pequenos

  4. Penso que sim. Com lotação limitada e distanciamento entre o público presente é possível. Aqui em Portugal já se começam a fazer eventos com estas condições, por isso não vejo porque não fazerem igual na WWE

  5. Facebook Profile photo

    JPTC50… a diferença de Portugal para os estados unidos é que nós temos uma média de 5 a 10 mortes por dia e 200 a 500 casos de COVID e nos Estados Unidos têm 1000 a 2500 mortes por dia e 30.000 a 45.000 casos por dia (reportados, porque em ambos os casos são mais). Por muito que gostasse que houvesse público neste momentos é impossível

    • Mas em Portugal temos 10 milhões de pessoas e nos Estados Unidos mais de 300 milhões. É difícil comparar números. A questão é que as indústrias não podem parar para sempre. A uma certa altura temos que retomar as nossas vidas, com as devidas medidas de segurança. Por isso acho que em setembro sim, é possível voltar a ter público nos eventos da WWE, com lotação limitada, distanciamento entre os grupos e uso obrigatório de máscara. Daqui até 28 de setembro ainda faltam 3 meses, tudo pode mudar, mas acredito que dificilmente não continuará a haver público nessa altura.

    • Facebook Profile photo

      Concordo e espero que assim seja

    • Facebook Profile photo

      Já tenho saudades do público. Nem que seja uns 20 por cento da arena, já dá para o Wrestler ficar mais contente!

  6. El Cuebro1 mês

    Para mim não é uma boa ideia isso, a WWE devia esperar mais!

  7. Não sei se será uma boa ideia,é esperar para ver pois não se sabe a evolução que a pandemia terá nessa altura nos EUA

  8. Anónimo1 mês

    Acho que vai depender de como a situação nos EUA estiver daqui até Setembro. Se estiver melhor, o que acho um pouco difícil, pode ser que já consigam ter público, é esperar para ver.

  9. Ahahahaha estes gajos têm piada. Se for para estarem a fazer o trabalho horrível que têm feito nesta pandemia, fiquem quietos.