A WWE transmitiu esta terça-feira mais uma edição do NXT 2.0 na USA Network, a partir do Capitol Wrestling Center em Orlando, Flórida, rumo ao especial Vengeance Day do dia 15 de Fevereiro.

Resultados

– Imperium (Gunther, NXT Tag Team Champions Marcel Barthel & Fabian Aichner) venceram Diamond Mine (Roderick Strong, Brutus & Julius Creed)
– Raquel Gonzalez venceu Cora Jade
– Sarray venceu Kayla Inlay
– Joe Gacy venceu LA Knight
– Wendy Choo venceu Amari Miller
– Andre Chase venceu Draco Anthony
– NXT Champion Bron Breakker & Tommaso Ciampa venceram Legado Del Fantasma (Joaquin Wilde & Raul Mendoza)

Report

– Imperium (Gunther, NXT Tag Team Champions Marcel Barthel & Fabian Aichner) venceram Diamond Mine (Roderick Strong, Brutus & Julius Creed): O opener começou de forma bastante agressiva por parte das duas equipas, com os Creed Brothers a terem algum ímpeto por causa da sua força, mas acabaram por ser controlados pelos Imperium, isto apesar de Roderick Strong ter tentado aumentar o ritmo do embate.

O trio liderado por Gunther dominou então o líder da Diamond Mine durante vários minutos, mas quando este fez o tag a Julius Creed, este em conjunto com o seu irmão acabou por virar o combate do avesso. O nível de agressividade nunca diminuiu e depois de algum caos, Gunther aplicou uma Powerbomb em Brutus Creed que lhe deu a vitória.

A seguir tivemos imagens de uma promo de LA Knight onde este falou de Grayson Waller, mas acabou por ser interrompido por Joe Gacy, que tentou convencer o carismático lutador que o podia ajudar. LA Knight explicou que não quer ajuda, mas sim um combate.

De regresso ao ringue tivemos as Toxic Attraction, com as NXT Women’s Tag Team Champions Gigi Dolin & Jacy Jayne a falarem de Indi Hartwell & Persia Pirotta e de como se vão vingar delas no Vengeance Day.

Kay Lee Ray interrompeu a NXT Women’s Champion Mandy Rose e relembrou o seu reinado histórico enquanto NXT UK Women’s Champion. Já a campeã não quis saber nada disso, pois ela é a mulher mais popular da WWE e não há talento no mundo que substitua alguém como ela. Kay Lee Ray fartou-se da conversa e deu um estalo à líder das Toxic Attraction e acabou o segmento a perseguir o trio.

Nos bastidores, Cora Jade foi entrevistada e explicou que só quer enfrentar Raquel Gonzalez para provar que ela tem o que é preciso para fazer equipa com a “Big Mami Cool” no Women’s Dusty Rhodes Tag Team Classic. A ex-campeã apareceu e desejou sorte à jovem lutadora.

– Raquel Gonzalez venceu Cora Jade: A força de Raquel Gonzalez foi um problema para Cora Jade desde o primeiro segundo, mas a jovem sobreviveu a tudo o que a ex-campeã ia fazendo.

Com o passar dos minutos, apear de toda a pancada que já tinha levado, Cora Jade foi começando a ter alguma ofensiva, mas no final Raquel Gonzalez aplicou a sua Chingona Bomb para garantir a vitória.

Assim que o combate terminou, Raquel Gonzalez ajudou Cora Jade a levantar-se e explicou que se ela ainda quiser fazer equipa no Women’s Dusty Rhodes Tag Team Classic, elas vão ganhar o torneio.

Logo a seguir tivemos Pete Dunne a dizer que quer resolver o seu problema com Tony D’Angelo, e que se este tiver coragem aceita o desafio para um Steel Cage Match.

– Sarray venceu Kayla Inlay: Sarray entrou de forma dominante neste seu combate de regresso, mas Kayla Inlay conseguiu ter o controlo durante alguns momentos. A “Warrior of the Sun” voltou a meter a sua agressividade no combate e isso colocou o ímpeto do seu lado, tendo vencido depois da sua versão do Tazplex.

Em seguida tivemos Duke Hudson a explicar que é o dono do seu destino e vai fazer Dante Chen pagar.

No balneário vimos o NXT Champion Bron Breakker a treinar, tendo sido interrompido por Tommaso Ciampa. Depois de uma conversa um pouco tensa, os dois concordaram em destruir o Legado Del Fantasma.

De regresso ao ringue tivemos o NXT North American Champion Carmelo Hayes e Trick Williams, e os dois tiveram palavras pouco bonitas em relação a Cameron Grimes. O candidato principal apareceu e não perdeu tempo a gozar com os dois, algo que fez aquecer o ambiente.

No final, Carmelo Hayes explicou que nunca falha, prometendo assim reter o título no Vengeance Day.

No balneário, Malik Blade e Edris Enofé estavam a tentar escolher o nome da sua equipa, havendo hipóteses no mínimo sugestivas. Os dois continuaram a sonhar acordados com o que diriam a Mandy Rose se a vissem, sendo que Edris Enofé convenceu Malik Blade para este fechar os olhos e imaginar que a NXT Women’s Champion estava à sua frente, para ele dizer o que diria à campeã. Quando Malik Blade estava a fazer o seu discurso, Mandy Rose entrou no balneário e caiu nos braços do lutador, tendo a seguir continuado a fugir de Kay Lee Ray. O segmento terminou com Edris Enofé a querer seguir a brawl, mas Malik Blade explicou que precisava de um minuto, é compreensível…

Nos bastidores, a Diamond Mine mostrou-se irritada pela derrota contra os Imperium, mas os Creed Brothers prometeram que vão vencer o Men’s Dusty Rhodes Tag Team Classic e tirar os NXT Tag Team Championships aos Imperium. O segmento terminou com os Grizzled Young Veterans a provocar os jovens lutadores, rumo à semi-final da próxima semana.

– Joe Gacy venceu LA Knight: La Knight entrou com tudo neste embate, mas Joe Gacy mostrou que também é bastante agressivo e conseguiu virá-lo a seu favor. O domínio do sinistro lutador durou vários minutos, mas quando parecia que LA Knight ia recuperar, Grayson Waller nas costas do árbitro atacou o seu rival, o que abriu espaço para Joe Gacy vencer com a sua Lariat.

Depois do combate, Grayson Waller continuou a provocar LA Knight e o veterano ainda atacou o seu rival, mas Sanga usou a sua força para deixar o carismático lutador no ringue. O segmento terminou com o australiano a dizer que se LA Knight conseguir vencer o seu guarda-costas na próxima semana, então se calhar podem ter um combate.

Nos bastidores, Robert Stone explicou que quando olhou para Von Wagner percebeu que tinha de estar ligado ao poderoso lutador e que este é o futuro e irá conquistar todos os títulos na WWE.

– Wendy Choo venceu Amari Miller: O estilo sonolento de Wendy Choo foi um problema para Amari Miller, que teve vários problemas em ter alguma ofensiva. Tiffany Stratton ainda tentou motivar Amari Miller com o cartão de crédito do seu pai, mas no final Wendy Choo venceu mesmo o combate.

Assim que o embate terminou, a “menina do papá” foi refilar porque queria o cartão de crédito de volta, mas a noite ficou ainda pior quando percebeu que era Wendy Choo que estava na posse do mesmo.

Nos bastidores, Indi Hartwell e Persia Pirotta estavam a conversar sobre homens e sobre os NXT Women’s Tag Team Championships. Brooks Jensen veio pedir conselhos a Dexter Lumis para este o ajudar a conquistar Kayden Carter. Indi Hartwell explicou que comunicação não verbal é bastante importante, tendo os InDex saído de cena depois de uma troca de olhares. Brooks Jensen ainda tentou usar esse olhar em Persia Pirotta, mas não teve sorte.

A seguir tivemos um video package a promover a chegada de Nikkita Lyons ao NXT.

No backstage, Sarray foi entrevistada e esta estava a falar do colar que a sua avó ofereceu, mas foi interrompida por Dakota Kai, que mais uma vez mostrou ter uns parafusos a menos, voltando a falar sozinha e de como todas as relações acabam.

– Andre Chase venceu Draco Anthony: Andre Chase quis ensinar umas coisas a Draco Anthony na estreia deste, mas o ex-militar usou a sua agressividade para ter algum controlo e até pisou a bandeira da Chase University. Isso tirou o professor do sério, que virou o combate de tal forma que acabou por o vencer.

Nos bastidores, Mandy Rose já estava desesperada por ter de fugir de Kay Lee Ray, mas a noite da campeã ainda ficou pior pois a escocesa atirou-lhe bastante comida para cima, o que fez a NXT Women’s Champion meter-se novamente em fuga.

– NXT Champion Bron Breakker & Tommaso Ciampa venceram Legado Del Fantasma (Joaquin Wilde & Raul Mendoza): A dupla do NXT Champion Bron Breakker & Tommaso Ciampa entrou de forma dominante neste main event, mas com alguma batota à mistura, o duo dos Legado Del Fantasma conseguiu isolar o jovem campeão.

Joaquin Wilde & Raul Mendoza dominaram durante vários minutos, mas Bron Breakker conseguiu fazer o tag a Tommaso Ciampa, que virou o combate do avesso. Nos minutos seguintes tivemos o caos, e as duas equipas quase venceram por várias vezes, mas Bron Breakker com o Military Press Powerslam venceu este main event.

Assim que o combate terminou, Mandy Rose apareceu ainda a fugir de Kay Lee Ray e finalmente aceitou enfrentar a escocesa no próximo NXT. O show terminou quando a candidata principal acertou o Gory Bomb na campeã, para em seguida pousar com o NXT Women’s Championship.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

4 Comentários

  1. O meu destaque vai para o fetiche que desconhecia do Vince com a Sailor Moon, o que é isto? E aquele “amuleto” vindo mesmo da loja dos chineses a pilhas para dar aquela luzinha vermelha… Muito Bom SR.Vincent!!! 🤣🤣🤣

  2. Gostei:
    – Imperium vs Diamond Mine. Um combate bem divertido de se ver com ambas as tag teams a proporcionar belos spots, principalmente a partir de suplexes. Gosto que isto esteja a ser usado para construir a feud entre os Creeds e Aichner & Barthel, um combate que eu estou bem entusiasmado para ver.
    – Segmento entre as Toxic Attraction e Kay Lee Ray. A batalha de promos entre Mandy e KLR foi ótima. As boquinhas de KLR foram bem entregues e a própria Mandy tem vindo a melhorar imenso o seu mic work.
    – Cora Jade vs Raquel Gonzalez. Um bom combate com boa história. Raquel domina mas Cora Jade esforça-se e mostra uma grande resiliência, provando-se a Raquel e as 2 serão uma equipa no Dusty Classic feminino.
    – Segmento entre Grimes, Hayes e Williams. Como seria de esperar, uma boa batalha de promos. Os 2 fizeram um bom trabalho, adorei especialmente aquela última frase de Carmelo antes de sair do ring.
    – LA Knight vs Joe Gacy. Um ótimo combate aqui. Parece-me que a WWE está a preparar Knight para ser um mega babyface, o homem está rodeado de heels a quererem atacá-lo.
    – Mandy Rose e Kay Lee Ray metem-se à porrada nos bastidores. KLR vai intimidar Mandy para receber o seu combate. Um bom segmento aqui. Segue-se Breakker & Ciampa vs Legado del Fantasma. A equipa entre ex-rivais combinou muito bem e resultou num fantástico main event. Já esperava um ótimo combate e foi exatamente isso que tivemos. O show ainda termina com KLR a atacar Mandy Rose. No entanto, vejam este combate!

    Não Gostei:
    – Sarray vs Kayla Inlay. Uma squash para Sarray. Nada demais aqui.
    – Wendy Choo vs Amari Miller. Não foi um mau combate, mas não liguei muito a isto. No entanto, adorei aquela ”elbow drop” da Wendy. Agora, Miller perder porque a Tiffany Stratton atirou um cartão de crédito lá para dentro… meu Deus.
    – Andre Chase vs Draco Anthony. Um combate com pouco a dizer.

    Overall: 6/10. Um show principalmente positivo. Destaco o main event, a feud entre KLR e Mandy Rose, bem como tudo o que se passou com LA Knight ao longo do seu combate.

  3. El Cuebro5 meses

    Bronson com o ombro lesionado?

  4. Anónimo5 meses

    Destaco o main event, foi um bom combate.