Depois do NXT TakeOver: Vengeance Day do último domingo, a WWE transmitiu esta quarta-feira, a partir do Capitol Wrestling Center, mais uma edição do NXT na USA Network, em concorrência com o AEW Dynamite.

Resultados

– Shotzi Blackheart & Ember Moon venceram Candice LeRae & Indi Hartwell
– Leon Ruff venceu Isaiah “Swerve” Scott
– Kacy Catanzaro & Kayden Carter venceram Aliyah & Jessi Kamea
– Kushida venceu Tyler Rust
– Zoey Stark venceu Valentina Feroz
– Pete Dunne & NXT Tag Team Champions Danny Burch & Oney Lorcan venceram NXT Champion Finn Bálor, Kyle O’Reilly & Roderick Strong

Report

O NXT abriu com um video package do NXT TakeOver: Vengeance Day e logo de seguida tivemos Kyle O’Reilly no ringue para falar do que Adam Cole fez no final do evento. O lutador diz que continua a pensar no assunto e não percebe o que aconteceu, mas que está irritado e que Adam Cole estragou a Undisputed ERA, mas que pior do que o pontapé que levou foi ter-se sentido traído.

Kyle O’Reilly disse que apesar de tudo Adam Cole continua a ser seu irmão e que quer ouvir o que ele tem a dizer, mas que no final provavelmente vai dar-lhe um soco na cara. Quem veio ao ringue foi Roderick Strong que tentou explicar o que aconteceu, mas Kyle O’Reilly disse que não confiava nele e queria falar com Adam Cole.

Quem apareceu foi então o NXT Champion Finn Bálor, que disse que se Kyle O’Reilly queria falar com Adam Cole teria de esperar, pois ele também o que fazer. Quando parecia que Finn Bálor e Roderick Strong iam começar à pancada, Pete Dunne, Danny Burch e Oney Lorcan vieram do nada e atacaram os três lutadores.

De seguida tivemos uma promo do NXT Cruiserweight Champion Santos Escobar a dizer que não pode lutar esta semana. William Regal remarcou o combate entre ele e Karrion Kross para o próximo NXT e ameaçou que caso o combate não aconteça, o campeão ficará sem o título e será suspenso.

O General Manager também anunciou que ainda hoje veremos um Six-Man Tag Team Match entre o trio de Pete Dunne, Danny Burch & Oney Lorcan e a equipa de Finn Bálor, Kyle O’Reilly & Roderick Strong.

– Shotzi Blackheart & Ember Moon venceram Candice LeRae & Indi Hartwell: A equipa de Shotzi Blackheart & Ember Moon entrou melhor neste primeiro combate da noite, mas com alguma batota à mistura as duas lutadoras dos The Way conseguiram isolar Ember Moon durante vários minutos.

Durante o domínio, tivemos imagens de uma carrinha branca que estava no parque de estacionamento do Capitol Wrestling Center e Johnny Gargano teve de ir ver se essa carrinha era de Dexter Lumis e se lá estava Austin Theory.

Quando Shotzi Blackheart conseguiu finalmente entrar em ringue, a extravagante lutadora virou o combate do avesso. Quando o combate estava a entrar numa fase caótica, com as duas equipas a quase vencer por várias vezes, tivemos o NXT North American Champion Johnny Gargano a aparecer perto do ringue com Austin Theory, o que fez com que Candice LeRae viesse abraçar o jovem lutador.

Toda esta distração deu espaço a Ember Moon para fazer um pin rápido em Indi Hartwell e vencer este opener.

Em seguida tivemos imagens de Pat McAfee a fazer questão de dizer que ele sempre teve razão quando disse que Adam Cole não prestava e que espera que as pessoas lhe peçam desculpa pelo Twitter.

A seguir tivemos imagens do que aconteceu durante a manhã desta quarta-feira e Kushida foi entrevistado, este afirmou que ainda não terminou os seus assuntos com Johnny Gargano, mas Bronson Reed também falou e disse que apesar de respeitar o lutador japonês, ele também ainda não terminou os seus assuntos com o NXT North American Champion. O segmento terminou com Malcom Bivens a chatear Kushida.

– Leon Ruff venceu Isaiah “Swerve” Scott: O combate começou totalmente controlado por “Swerve” Scott, mas este deixou o ímpeto subir-lhe à cabeça e Leon Ruff conseguiu equilibrar o combate. No final, Isaiah Scott parecia ter ganho o controlo do confronto, mas Leon Ruff surpreendeu o adversário com um Crucifix Pin,.

Depois do combate, parecia que Isaiah “Swerve” Scott ia cumprimentar Leon Ruff pela vitória, mas deixou sair toda a sua frustração e atacou o ex-NXT North American Champion.

– Kacy Catanzaro & Kayden Carter venceram Aliyah & Jessi Kamea: O combate começou de forma equilibrada, mas a dupla liderada por Robert Stone conseguiu dominar durante alguns momentos. Ainda assim, a maior velocidade e agilidade de Kacy Catanzaro & Kayden Carter foi um problema e as duas lutadoras acabaram por vencer.

Assim que o combate terminou, Boa e Xia Li apareceram e Kacy Catanzaro tentou falar com a lutadora chinesa, que lhe pegou na mão e pintou-a, com duas linhas negras.

Em seguida tivemos os MSK a receberem o seu troféu por terem ganho o Dusty Rhodes Tag Team Classic, onde anunciaram que no próximo dia 3 de Março irão enfrentar Danny Burch & Oney Lorcan e vão tornar-se os novos NXT Tag Team Champions.

Já quando Dakota Kai & Raquel González estavam a fazer o seu discurso de vitória, foram interrompidas pelas WWE Women’s Tag Team Champion Nia Jax & Shayna Baszler. Depois de várias trocas de palavras, insultos e de sabermos que também os títulos femininos serão defendidos no NXT de dia 3 de Março, o segmento acabou com Raquel González a dizer que vai enfiar o troféu pelo hole da “Irresistible Force”.

A seguir tivemos imagens de Kyle O’Reilly e Roderick Strong a discutir no parque de estacionamento do Capitol Wrestling Center, naquele que foi mais um sinal do fim da Undisputed ERA.

Logo a seguir vimos mais um video package de Cameron Grimes a aproveitar a sua riqueza. O video package terminou com o lutador a destruir o seu carro, mas a não ficar preocupado com o assunto.

Em seguida vimos imagens da uma sessão fotográfica da NXT Women’s Champion Io Shirai, que acabou por ser atacada por Toni Storm, mostrando assim que a rivalidade pelo título ainda não terminou.

– Kushida venceu Tyler Rust: Kushida e Tyler Rust começaram de forma bastante técnica, com o japonês a levar a melhor durante alguns momentos, até que o adversário fez uso do seu engenho para virar o combate a seu favor.

Tyler Rust mostrou o seu talento e conseguiu controlar Kushida por algum tempo, mas este voltou a equilibrar a contenda. Nos momentos finais, ambos os lutadores quase venceram por várias vezes. No final, Kushida conseguiu aplicar a sua Hoverboard Lock, Malcolm Bivens mandou o árbitro parar o combate e assim o japonês venceu.

Em seguida tivemos imagens da estreia de LA Knight (Eli Drake) e também imagens do lutador a ser entrevistado à porta de sua casa, mas ficou irritadíssimo e disse que o seu domínio no NXT vai começar agora.

– Zoey Stark venceu Valentina Feroz: Zoey Stark estreou-se no NXT e apesar da brasileira Valentina Feroz (Rita Reis) ter dado luta, a estreante não deu hipótese e com uma joelhada venceu o combate.

A seguir tivemos Karrion Kross e Scarlett a falarem de Santos Escobar e de como este vai sofrer às suas mãos.

– Pete Dunne & NXT Tag Team Champions Danny Burch & Oney Lorcan venceram NXT Champion Finn Bálor, Kyle O’Reilly & Roderick Strong: Apesar de inesperado, o trio de Finn Bálor, Kyle O’Reilly e Roderick Strong entrou melhor neste combate, mas o trio adversário lá conseguiu assumir o controlo, pelo menos até Kyle O’Reilly entrar em ringue e só com alguma batota conseguiram parar o ímpeto do lutador.

Depois de alguns minutos de domínio, Kyle O’Reilly conseguiu fazer o tag a Finn Bálor, que mostrou estar num patamar muito elevado e quase se preparava para vencer este Six-Man Tag Team Match. Foi então que Adam Cole apareceu e atacou o NXT Champion, que acabou por cair em cima do árbitro. Isso fez com que Adam Cole também atacasse Kyle O’Reilly com as escadas.

De regresso ao ringue e de forma inadvertida, Finn Bálor atacou Roderick Strong e toda esta confusão abriu espaço para que Pete Dunne acertasse o seu Bitter End no campeão e arrecadasse a vitória.

O NXT terminou com Adam Cole a acertar mais um Superkick em Finn Bálor e depois a pousar com o NXT Championship.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

6 Comentários

  1. El Cuebro2 semanas

    Essa situação da UE está interessante, o Adam ataca o Kyle, mas não o Roderick e ainda sobra para o Finn, a verdade é que tem muita gente de olho no campeão! No mais a luta pelos títulos de duplas femininas prometem, a Dakota numa outra atitude frente à Shayna e também as duas mulheres altas Nia e Raquel, será incrível, a propósito acho que os títulos de duplas femininos ficarão no NXT, estariam muito melhor abrigados com tantas duplas boas! No “midcard” Shane Strickland chegou amigos, heel turn para ele, espero que o jogo vire! Kushida voltando com tudo e o Bronson também! Uma pena ver a Rita perder, talvez o único ponto negativo do episódio, quero dizer também não gosto do novo personagem do Cameron Grimes! No mais alguém mais notou que LA Knight poderia ser o nome de algum time de alguma liga norte americana? Nome estranho, mas ainda dá o tom do dedo!

  2. Bom NXT.
    Destaco:
    – bom main event, gostei como abordaram a situação da UR
    – bom segmento a envolver a Raquel, Dakota, Shayna e Nia Jax

  3. Anónimo2 semanas

    Mais um bom NXT. Destaco o main event, foi um bom combate.

  4. Foi mais um belo NXT!
    Bom opener com o Kyle a dizer que está confuso, o que faz total sentido.
    A Shotzi & Ember vencendo a Candice & Hartwell mostra que estão gostando da “The Way” protegendo-os na derrota.
    O Ruff vencendo o “Swerve” eu fico 🤷🏾‍♂️
    Mas o segundo saiu por cima e eu gosto dele heel.
    Kacy Catanzaro & Kayden Carter venceram Aliyah & Jessi Kamea
    Nada demais, no mais a Xia continua bem no seu papel, essa história vai ser boa para evoluir a personagem.
    Kushida venceu Tyler Rust
    Mais uma boa apresentação do Kushida e uma vitória para não sair tão por baixo assim da sua derrota.mo TakeOver.
    – Zoey Stark venceu Valentina Feroz
    Muito interessante essa Zoey hein, não tinha a visto ainda, bem dominante com um bom movest, gostei.
    E no Main Event teve tudo o que esperamos dos envolvidos, boa vitória por parte do Dunne (que provavelmente terá mais uma chance pelo título) e a saga “Why, Adam, Why???” continua hahahah
    Ou não né, pois motivo é claro, o NXT Championship.

  5. Bom episodio do NXT.
    Destaques:
    -Bom main event e boa continuaçao da historia à volta dos UE.
    -Cameron Grimes e esta nova gimmick é totalmente hilariante.
    -Fixe ver o Pat McAffee a aparecer novamente no NXT.

  6. Foi um show razoável, não pensei que fosse tão pouco “newsworthy”… Destaco apenas o segmento dos vencedores dos torneios (em especial o confronto entre Nia Jax & Shayna Baszler e Dakota Kai & Raquel González) e o combate do main event e angle subsequente.