Faz login e remove a publicidade
Frank casino

A WWE transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do NXT na USA Network, novamente na Full Sail University e em concorrência direta com o AEW Dynamite, numa altura em que nos vamos aproximando do NXT TakeOver: In Your House, que acontecerá no dia 7 de Junho.

Resultados

– Drake Maverick venceu Kushida e Jake Atlas
– Johnny Gargano venceu Adrian Alanis
– Raquel Gonzalez venceu Shotzi Blackheart
– Charlotte Flair & Chelsea Green venceram Rhea Ripley & Io Shirai
– Tommaso Ciampa venceu Leon Ruff
– Timothy Thatcher venceu Matt Riddle (Fight Pit Match)

Report

– Drake Maverick venceu Kushida e Jake Atlas: O primeiro combate do NXT foi o Triple Threat Match para definir o adversário de El Hijo del Fantasma na final do torneio que irá definir o novo campeão interino do NXT Cruiserweight Champion, e como se seria de esperar, tivemos um combate bastante caótico e equilibrado.

Os três lutadores tiveram várias hipóteses para vencer, mas o final chegou de forma surpreendente. Quando parecia que Kushida iria fazer Jake Atlas desistir com o seu Cross Armbreaker, Drake Maverick mostrou toda a sua inteligência e fez o pin em Jake Atlas. Assim, venceu o combate a mantém o seu sonho de se tornar o NXT Cruiserweight Champion e permanecer na WWE.

No backstage tivemos imagens de Kurt Angle a explicar as regras do Fight Pit que acontecerá no NXT.

De regresso ao ringue tivemos Johnny Gargano e Candice LeRae, a afirmar que as pessoas que estão no público só têm trabalho por causa deles e que neste NXT iríamos ter o primeiro Johnny Gargano Invitational.

– Johnny Gargano venceu Adrian Alanis: Como seria de esperar, Johnny Gargano venceu Adrian Alanis rapidamente, tendo-o feito desistir com o Gargano Escape.

Assim que o combate acabou tivemos Keith Lee e Mia Yim a aparecer no titantron, onde os dois gozaram com os segmentos dos jantares da família Gargano e afirmaram que Johnny Gargano e Candice LeRae cometeram um erro ao meterem-se com eles.

No backstage, McKenzie Mitchell entrevistou Drake Maverick, que afirmou que não queria vencer assim e que quando se tornar NXT Cruiserweight Champion interino irá dar a Kushida a primeira hipótese de lutar pelo título.

Em seguida tivemos uma entrevista dos NXT Tag Team Champions Fabian Aichner & Marcel Barthel, que sabem que Oney Lorcan & Danny Burch querem lutar pelos títulos, mas que os mesmos não irão sair da sua posse tão cedo.

– Raquel Gonzalez venceu Shotzi Blackheart: Shotzi Blackheart começou o combate contra Raquel Gonzalez de forma dominante, apesar da diferença de tamanho. Raquel Gonzalez só começou a dominar quando Dakota Kai quis roubar e destruir o mini-tanque de Shotzi Blackheart. Esta tentativa de roubo só acabou quando Tegan Nox veio atacar a sua rival. No entanto, toda esta confusão deu espaço a Raquel González para começar a dominar o combate.

O final chegou depois de Shotzi Blackheart deitar a segurança “janela fora” e com uma trust fall quase se lesionou.

Entretanto Candice LeRae veio discutir com Tegan Nox, o que abriu hipótese de Dakota Kai ajudar a sua guarda costas a vencer o combate.

– Charlotte Flair & Chelsea Green venceram Rhea Ripley & Io Shirai: Ao contrário do que muitos esperavam, foi Chelsea Green e não Sasha Banks a parceira de Charlotte Flair. A dupla de Rhea Ripley & Io Shirai até começou melhor o combate, mas rapidamente Charlotte Flair & Chelsea Green começaram a dominar.

As duas lutadoras conseguiram isolar Io Shirai durante vários minutos, até que a “Genius of the Sky” conseguiu o tag em Rhea Ripley. O ímpeto do combate virou novamente e o final foi bastante equilibrado. Porém, parecia que ia ser Rhea Ripley e Io Shirai a vencer, mas a “Queen” mostrou toda a sua experiência, para com um pin rápido e os pés nas cordas arrecadar a vitória.

No backstage tivemos uma entrevista a Johnny Gargano e Candice LeRae, onde “Johnny Wrestling” desafiou o NXT North American Champion Keith Lee para um combate no NXT TakeOver: In Your House, enquanto Candice LeRae desafiou Mia Yim para um combate no próximo NXT.

De seguida tivemos as negociações entre o NXT Champion Adam Cole e o General Manager do NXT, William Regal. Depois de uma troca de galhardetes entre os dois, ficou decidido que Adam Cole defenderá o seu título contra Velveteen Dream no NXT TakeOver: In Your House, com a estipulação de que caso Adam Cole retenha o título, Velveteen Dream não poderá voltar a lutar pelo NXT Championship enquanto ele for campeão.

– Tommaso Ciampa venceu Leon Ruff: Antes do seu combate, Tommaso Ciampa percebeu que tinha a companhia de Scarlett, e a mulher de Karrion Kross viu o rival vencer o seu combate facilmente. Assim que o combate acabou, Karrion Kross apareceu no titantron e afirmou que o combate entre eles no NXT TakeOver: In Your House será especial, mas que o “Blackheart” irá perder.

– Timothy Thatcher venceu Matt Riddle (Fight Pit Match): O main event deste NXT foi então o combate Fight Pit entre Timothy Thatcher e Matt Riddle, que teve Kurt Angle como árbitro. Como se esperava, a agressividade esteve sempre a um nível elevadíssimo, com Matt Riddle a quase deixar Timothy Thatcher KO com um pontapé que também partiram dois dentes ao lutador.

No entanto, Timothy Thatcher mostrou toda a sua capacidade de aguentar a dor e perseverança, mantendo-se em combate e até dominando boa parte do mesmo. Já depois de lutarem no topo da jaula, Matt Riddle parecia que ia ter a segunda vitória sobre o seu ex-parceiro de equipa.

No entanto, o combate continuou e Timothy Thatcher conseguiu apanhar o “Original Bro” num Rear Naked Choke e não largou mais o pescoço de Matt Riddle até este desmaiar. Kurt Angle não teve outra hipótese se não mandar tocar a campainha, dando assim a vitória a Timothy Thatcher.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

26 Comentários

  1. Dyho2 meses

    Que tristeza, o Drake maverick na final

  2. Jean2 meses

    Eu pensava que quem ia ser a parceria da Charlotte flair erá a Sasha banks . Aí a Bayley poderia ficar com raiva dela por ter feito par com a Charlotte . Eu acho que a rivalidade da Sasha e da Bayley está longe de acontecer , é se acontecer

    Mas sempre tive curiosidade de ver um combate de shelsea green vs Rhea Ripley surpreso quando a shelsea green entrou

    Será que teremos num futuro . NIA JAX vs Rhea Ripley ? Queria muito ver elas se se enfrentando no ringue

    • Anónimo2 meses

      Pode ser que isso aconteça quando a Rhea Ripley subir ao main roster.

  3. Vale a pena ver o main event?

    • Eu acho que sim, é algo diferente do que é comum num combate de wrestling e isso por si só já deve despertar a nossa curiosidade.

    • Vale sim, aconselho!

    • Obrigado.
      Thatcher é um dos Wrestlers mais underrated da atualidade e Riddle é uma futura estrela.
      Irei ver

    • Se o Thatcher é underrated o que será o Cesaro, Ziggler, KO…. O Thatcher é um bom worker não muito mais do que isso, tem uma falta de carisma enorme, não é lá grande coisa no mic e tens melhores brawlers ou wrestlers técnicos na WWE que ele… nem percebi o porquê desta aposta nele no NXT…
      Para mim é um desperdício de tempo este push ao Thatcher… podiam ter dado a spotlight a um lutador com futuro e foram desperdiçar esta oportunidade…

  4. Foi um episódio do NXT com vários destaques e por isso gostei mais do que é habitual. Adorei o opener e o desfecho, pena não ter havido VAR xD O combate entre Raquel González e Shotzi Blackheart também foi bacano, sendo que esta última tem, na minha opinião, condições para ser uma das caras da divisão no próximo ano.
    Bem me parecia que a parceira-mistério de Charlotte Flair seria Chelsea Green, era algo que eu já tinha previsto há uns dias por uma questão de exclusão de partes e até acho que fez sentido tendo em conta a sua personalidade mais “exuberante” semelhante à de “The Queen”. Veremos se essa dupla é para continuar ou se foi apenas para uma ocasião.
    O main event foi brutal e intenso como seria de prever atendendo ao facto de estarem frente a frente dois lutadores muito bons tecnicamente como Matt Riddle e Timothy Thatcher. O facto da vitória ter ido para o Thatcher garante que este é mesmo o adeus do Riddle ao NXT e consequente transição para o main roster (SmackDown, aparentemente), visto que quem precisava do triunfo para se manter com ímpeto na brand amarela era o Timothy.

  5. Antonio2 meses

    NTX sensacional 🔥🔥🔥🔥 muito foda !

    A cada semana fico mais surpreendido com a qualidade e criatividade😍😍

  6. Um dos episódios do NXT mais fortes desta era da pandemia, se não talvez mesmo o mais forte. A maioria dos combates foram de boa qualidade, os segmentos foram bons e progrediram todas as histórias atuais e ainda tivemos, na minha opinião, um combate candidato a melhor do ano no main-event!

    Drake Maverick vs Jake Atlas vs KUSHIDA – Muito bom combate, sempre com um pace fantástico e com vários spots de qualidade. Gosto muito da vitória do Drake e o final foi bastante criativo e inteligente. A sua história tem sido fantástica e a forma como este tem sido bookado no torneio dá-me esperença em relação ao seu futuro na empresa e espero que no fim disto tudo a WWE decida manter o Drake. Seria uma pena enorme vê-lo sair.

    O segmento entre os Garganos e Keith Lee/Mia Yim foi… qualquer coisa ahah. Um bocado whacky, mas foi mesmo esse o objetivo. O Keith Lee é simplesmente uma estrela. A delivery dele em tudo o que diz e faz é fenomenal. Sou um bocado fanboy, mas é tão óbvio que temos aqui uma estrela in the making. O Gargano consegue ser um heel interessante. Estou a gostar desta feud.

    Shotzi Blackheart vs Raquel Gonzalez – Combate decente, mais longo do que o que estava à espera. Ambas trabalharam bem o combate. O bump da Shotzi fora do ringue foi assustador, espero que não se tenha lesionado. Há feuds interessantes a serem desenvolvidas na divisão feminina neste momento – Dakota e Nox é certamente uma delas. Tenho muitas esperanças para o futuro da Dakota na WWE, acho que é das mais talentosas de toda a empresa.

    Shirai/Ripley vs Charlotte/Chelsea – combate de tag-team muito bom, sempre a um bom ritmo e sem momentos aborrecidos. Prefiro mil vezes esta fórmula do que a previsibilidade do babyface a ser dominado durante 50 minutos para depois fazer a hot tag. A vitória da Charlotte sobre a Io Shirai diz-me que a possibilidade desta última ganhar o título no TakeOver é alta. A Rhea vai provavelmente levar o pin porque pronto, a WWE vai querer proteger a Charlotte.

    Bom segmento entre o Regal e o Cole. Acho que o Velveteen ganha o título no TakeOver dada a estipulação (e o Regal também deu a ideia que isto pode ser um combate cinemático). O Cole já teve o seu tempo como campeão e está na altura de ar fresco. Não sei se o Adam Cole e a Undisputed Era sobem para o main-roster depois disto, mas espero bem que sim. Já estão no NXT há demasiado tempo.

    O Ciampa ganhou a um jobber qualquer, mas oof, o melhor estava para o fim. Aquele visual da Scarlett em frente ao titantron enquanto o Karrion fazia uma “promo” foi brutal. Rezo para que a WWE não o estrague no main-roster porque ele tem tudo o que o Vince gosta.

    Matt Riddle vs Timothy Thatcher – HOLY SHIT!! Que combate bruto, literalmente bruto. Estes dois são uns animais autênticos. Todo o combate teve um “real fight feel” e o facto do Riddle ter “arrancado” uns dentes ao Thatcher logo no inicio ajudou imenso a dar um ar legitimo ao combate. Esta cage é uma ótima ideia para este tipo de combates mais técnicos. O Riddle perde aqui porque acho que se vai mover para o Smackdown já esta semana. O clássico “put someone over on your way out” e o Thatcher saiu deste combate um autêntico badass. Um dos melhores combates do ano até agora. Fantástico.

  7. Bom episódio.

    – Drake Maverick vs KUSHIDA vs Jake Atlas – Era algo previsível o resultado, mas fizeram bem em não dar uma vitória limpa ao Maverick para não descredibilizar o KUSHIDA, penso que na final o El Hijo del Fantasma ganha com a ajuda dos mascarados, quanto ao Maverick acho que pouco acrescenta ao roster mas também não fico triste caso fique na WWE, é carismático e bom no mic.

    – Johnny Gargano vs Adrian Alanis – Não estou muito interessado nesta feud… não me puxa muito mas penso que os Garganos saem com a vitória no Takeover.

    – Raquel Gonzalez vs Shotzi Blackheart – Duas lutadores que irão ter um bom futuro na WWE, pessoalmente acho muito interessante a Shotzi.

    – Charlotte Flair & Chelsea Green vs Rhea Ripley & Io Shirai – Não sei que rumo a WWE quer dar à Charlotte mas espero mesmo que perca o título no Takeover.

    – Acho que é desta que o Cole perde o título… os Undisputed Era já deram muito ao NXT, está na hora de subirem ao main roster, de preferência gostava de os ver no RAW.

    – Tommaso Ciampa vs Leon Ruff – É o combate que mais anseio ver no Takeover Ciampa vs Kross… vai ser brutal, gostava de ver o Ciampa a subir ao main roster depois do Takeover.

    – Timothy Thatcher vs Matt Riddle (Fight Pit Match) – Bom combate, agressivo e inovador ! Achei foi péssima a decisão do vencedor… por duas razões:

    1ª: Porque ainda é cedo para a subida do Riddler e com a vitória do Riddle podíamos ter tido a seguir uma feud entre o Riddler vs Dunn (heel) e aí o Dunn saía por cima e ia encaminhado para o NXT Championship e o Riddler iria para o main roster.

    2ª: Acho que este push ao Thatcher é um desperdício de tempo… é um bom worker mas não mais do que isso, não é carismático, não é grande coisa no mic e há melhores wrestlers técnicos ou brawlers na WWE ou mesmo no NXT do que ele. Podiam ter utilizado este afastamento do Dunn para apresentar um wrestler com um futuro promissor e não alguém que indo parar ao main roster, se subir, vai andar no mid card/low card ou em tag teams.

    • Não vejo isto como um push ao Thatcher. Simplesmente o Riddle foi chamado ao main-roster e como tal, decidiram meter o Thatcher over neste combate. Não tanto o “temos que meter o Thatcher over porque vamos pushá-lo” mas mais “bem, é o ultimo combate do Riddle no NXT portanto mais vale dar aqui uma vitória ao Thatcher”. Acho que é mais isso, se é que me faço entender. Perder o último combate no NXT antes da súbida é algo bastante comum. Duvido que vejamos o Thatcher a lutar por títulos ou algo assim.

    • Sinceramente espero que seja mesmo esse o plano @Pedro Santos, ou que entre numa feud com o Dunn assim que este voltar.
      Gostava de ver o Dunn a ir atrás do NXT Championship, é um talento incrível e jovem.

    • Sim, tendo em conta que o Thatcher deu o turn no seu tag-team partner, é bem possivel que seja essa a próxima feud onde o Dunne sai por cima.

  8. Facebook Profile photo

    Bem, vou dar a minha opinião sincera sobre o show de hoje. Gostei e de 0 a 10, vou dar um 8.0.
    Para começar, tivemos um bom combate de cruiserweights, onde ouve curiosidade até ao fim para saber quem venceria e neste caso, qualquer um podia vencer o que dá mais apetite ao combate. Gostei do desfecho, ainda por cima com controvérsia.
    O combate do Gargano foi curto, mas entendi para o que era.
    O combate da Raquel González, gostei mas gostava de saber o que vão fazer com ela. Se vai dominar até trair Dakota ou se vão fazer dela um jobber.
    No outro combate feminino, onde foi um tag team match, estava à espera que fosse a Rhea e Io a vencer, para criar ímpeto. A Io cada semana que passa está a convencer-me muito e num futuro e se apostarem nela, podemos ver boas coisas da parte dela.
    Tomasso dominou e foi curto, mas tal como o Gargano, entendo que foi mais para mandar recado ao Kross.
    No final, tivemos um combate mais de técnica em vez de vermos aquelas acrobacias. Gostei do combate, mas acho que foi curto. Queria mais daquele ambiente e também queria que o desfecho fosse diferente, sendo o Riddle a sair vencedor e não Timothy Thatcher mas o mesmo, make my brooo take a nap!

  9. JPB2 meses

    Keith Lee e Mia Yim quase me matam de tanto rir! hahahaha

  10. Litos2 meses

    Excelente combate entre o Riddle e o Thatcher, mas houve um pormenor que não concordei: o Riddle tem de um background de artes marciais. Algo que ensinam em todas as artes marciais é desistir se o adversário aplicar uma submissão de que nós sabemos de que não vamos sair, por isso não acredito que “desmaiar” seja algo que esteja de acordo com isso

    • Ryu2 meses

      Acredito que tenha sido para o proteger, assim dá a ideia que ele tentou aguentar o máximo sem desistir. Dessa forma apesar de ter perdido o combate, não sai descredibilizado

  11. Doughc2 meses

    Showzaço
    A plateia dá outro clima
    Cade o Var kkkkk, acho que o Maverick fica no NXT mesmo se perder, protegeram bem o Kushida
    Gargano/Candice x Mia/Keith me encanta ri bastante com o segmento e acho que o Gargano tem tudo pra vencer e o Keith Lee subir para o main event do NXT
    Blackheart é uma futura estrela e espero a Dakota Kai campeã do NXT no futuro ela é foda
    Chelsea combinou com a Charlotte é uma mulher que acho que vai se dar melhor no main roster que no NXT, mas daqui bastante tempo, gostei do combate tag em que não tivemos a mesmo formula dos últimos 80 anos
    Ciampa x Kross é sem duvida a coisa mais interessante, ansioso pelo combate
    Combate brutal no final e pelo jeito Riddle estará em breve no Smackdown boa sorte pra ele
    Adam Cole x Dream deve ser em “cinematica”, caso o Dream não vença (acho pouco provavél, mas devido aquelas acusações..e talvez até um turn do Dexter em cima dele) ai eu faria o Keith Lee a tirar o title do Cole)

  12. Ryu2 meses

    Bem, que combate entre o Riddle e o Tatcher! É capaz de ter sido um dos combates que mais gostei nos ultimos anos no Wrestling. Sei que não é o típico combate tradicional de wrestling, mas foi isso que tornou o combate tão especial, e tendo em conta que ultimamente tenho vindo cada vez mais a apreciar o mundo das artes marciais, achei o combate mesmo muito bom. Achei esta jaula bastante melhor que a jaula normal, mas dúvido que a voltem a usar pelo menos com publico pois, deve dificultar bastante a visibilidade da crowd.
    Caso esta seja mesmo a despedida do Riddle no NXT, que tenha um excelente futuro no Main Roster, a WWE só tem a ganhar caso o bookem da maneira correta. Muita gente fala das “polémicas” dele mas no fundo tudo o que ele fez foi apenas desafiar o Lesnar e o Goldberg… Não sei até que ponto isto é considerado uma polémica, tanto que ele nunca faltou ao respeito a nenhum dos dois, pelo que se sabe, mas enfim.
    Quanto ao Tatcher é pena já ter chegado tarde ao NXT, provavelmente terá um papel tal como o Chris Hero teve, mas já é fantástico ter ganho um combate desta dimensão. Ao contrário do que já foi dito nos comentários, acho-o bastante carismático, muito devido ás suas expressões faciais, e props ao gajo por ter continuado o combate mesmo com os dentes partidos. Apesar de ter sido um acidente, e é sempre mau quando acontecem, acho que ajudou bastante na sua personagem.

  13. duzonraven2 meses

    Foi um bom show

    A rivalidade pelo título feminino já está cansando, espero que Io Shirai consiga vencer no takeover, assim Rhea e Charlotte continuam sua rivalidade sem o título e Io pode dar espaço a outras desafiantes como campeã

    Shotzi é bem interessante, embora quase tenha se matado no combate com aquele bump, mas com certeza terá um futuro brilhante

  14. Anónimo2 meses

    Foi um bom NXT! o combate de Tag Team feminino foi muito bom. Assim como o main event, que excelente combete que foi! Que venha o próximo show.

  15. BRRM2 meses

    Riddle vs Thatcher foi brutal a todos níveis da palavra