A WWE transmitiu esta terça-feira mais uma edição do NXT 2.0 na USA Network, a partir do Capitol Wrestling Center em Orlando, Flórida, a última antes do NXT WarGames do próximo domingo, dia 5 de Dezembro.

Resultados

– Kay Lee Ray venceu Dakota Kai (WarGames Advantage Ladder Match)
– Cameron Grimes venceu Andre Chase
– Kyle O’Reilly & Von Wagner venceram Legado Del Fantasma (Raul Mendoza & Joaquin Wilde) (NXT Tag Team Championships Nº1 Contender’s Match)
– Joe Gacy venceu Adam Harding
– Solo Sikoa venceu Edris Enofé
– Indi Hartwell & Persia Pirotta venceram Valentina Feroz & Yulisa Leon
– Bron Breakker venceu Johnny Gargano (WarGames Advantage Ladder Match)

Report

O NXT começou com as duas equipas femininas que se vão enfrentar no WarGames numa brawl incrível que foi parada por vários árbitros, tendo só ficado Kay Lee Ray e Dakota Kai na zona de ringue, e assim tivemos o primeiro combate da noite.

– Kay Lee Ray venceu Dakota Kai (WarGames Advantage Ladder Match): A lutadora escocesa meteu o pé no acelerador e dominou desde os primeiros momentos deste Ladder Match, sendo que a neozelandesa tentou responder com um Spinning Neckbreaker nas escadas de acesso ao ringue. Ainda assim, Kay Lee Ray veio com tudo para este opener, mostrando uma grande agressividade.

Com o passar dos minutos o desgaste foi sendo cada vez mais visível e as duas lutadoras nunca baixaram os índices de agressividade, e começaram a procurar cada vez mais subir a um escadote para tentar vencer o Ladder Match.

No final, Kay Lee Ray conseguiu deixar Dakota Kai presa no escadote e agarrar na mala, garantindo assim a vantagem para a sua equipa no Women’s WarGames Match.

Nos bastidores vimos os Grizzled Young Veterans (James Drake & Zack Gibson) a tentarem roubar algo, mas foram interrompidos pelos Jacket Time (Ikemen Jiro & Kushida), que de forma inadvertida preveniram o roubo ao cacifo que pertencia a Brooks Jensen & Josh Briggs.

– Cameron Grimes venceu Andre Chase: Andre Chase foi dominando com batota e dando uma aula a Cameron Grimes, mas este virou o combate a seu favor e do nada acertou o seu Cave-In para a vitória.

Depois do combate, Duke Hudson apareceu e decidiu mostrar algumas fotografias de penteados que Cameron Grimes poderá usar depois do Hair vs Hair Match de domingo, tendo mostrado uma foto do seu rival careca, dizendo que este será o futuro look do milionário do NXT. Cameron Grimes fartou-se da conversa e estava a preparar-se para rapar o cabelo a Andre Chase, mas um dos alunos do professor salvou-o.

Em seguida tivemos um video package de Edris Enofé, que vai estrear-se no NXT contra Solo Sikoa.

De regresso ao ringue tivemos a equipa 2.0 que vai enfrentar os veteranos no WarGames, e o NXT North American Champion Carmelo Hayes não perdeu tempo em insultar Johnny Gargano. Já Grayson Waller insultou LA Knight, sendo que Bron Breakker gozou com o que o NXT Champion Tommaso Ciampa lhe tem dito, e que a sua equipa vai vencer e depois lhe vai tirar o título. Já Tony D’Angelo até elogiou os veteranos, antes de dizer que eles vão ser destruídos.

A seguir foi anunciado que Bron Breakker irá representar a equipa 2.0 no Ladder Match e este disse que irá destruir Johnny Gargano. Este apareceu e explicou que os jovens só têm um ringue para lutar por causa de veteranos como ele, e que se Bron Breakker tiver coragem, ele deixa a sua equipa nos bastidores e os dois mostram quem é o melhor.

Nos bastidores, os Legado Del Fantasma foram entrevistados e explicaram que a história é escrita pelos vencedores e que eles irão mais uma vez vencer a dupla de Kyle O’Reilly & Von Wagner.

A seguir tivemos os MSK, com Wes Lee a discutir com o GPS do carro, antes de ambos saírem do mesmo para irem conversar com o seu mentor. Infelizmente só deu para ver um vulto envolvido em luz e não deu para perceber quem é o mentor de Nash Carter & Wes Lee.

– Kyle O’Reilly & Von Wagner venceram Legado Del Fantasma (Raul Mendoza & Joaquin Wilde) (NXT Tag Team Championships Nº1 Contender’s Match): A equipa de Kyle O’Reilly & Von Wagner entrou melhor neste importante combate, tendo dominado os primeiros minutos. Quando os Legado Del Fantasma já estava no domínio, Xyon Quin e Santos Escobar envolveram-se numa brawl. Ainda assim, Raul Mendoza & Joaquin Wilde ficaram no controlo durante mais alguns momentos, até que Kyle O’Reilly fez o tag a Von Wagner, que virou o combate do avesso.

A agressividade aumentou com o passar dos minutos e os Legado Del Fantasma tentaram fazer batota, mas Kyle O’Reilly & Von Wagner conseguiram a vitória e assim vão lutar pelos NXT Tag Team Championships no WarGames.

Nos bastidores, os NXT Tag Team Champions Fabian Aichner & Marcel Barthel foram entrevistados, mas rapidamente foram interrompidos por Kyle O’Reilly & Von Wagner, que explicaram que iam conquistar os títulos.

A seguir tivemos mais imagens da “menina do papá” do NXT, Tiffany Stratton, a dizer que ela tem tudo o que quer porque o seu pai lhe dá, e ela agora quer ser Superstar do NXT.

De regresso ao ringue tivemos Joe Gacy, a dizer que a divisão cruiserweight é algo que divide as pessoas e que nas suas mãos não haverá limites nem de tamanho, nem de género.

– Joe Gacy venceu Adam Harding: Joe Gacy não teve problemas em derrotar o seu primeiro adversário deste All-Inclusive Invitational, depois de uma grande Powerbomb.

Quando ia para começar o segundo combate, desta vez contra uma lutadora, a Diamond Mine interrompeu Joe Gacy e o NXT Cruiserweight Champion Roderick Strong afirmou estar farto de conversa e partiu para o ataque. Todavia, um dos adversários de Joe Gacy distraiu o campeão e isso abriu espaço para o estranho lutador ganhar vantagem.

A seguir, Solo Sikoa foi entrevistado e explicou que tem respeito pelo seu adversário, mas que ele é o campeão das ruas e irá vencer mais uma vez. Boa ainda interrompeu Solo Sikoa, mas este explicou que não fala a linguagem do chinês e que ele está por sua conta.

– Solo Sikoa venceu Edris Enofé: Solo Sikoa dominou desde cedo usando a sua agressividade para controlar o estreante Edris Enofé, que ainda assim deu tudo para vencer este combate. No final, Edris Enofé falhou um 450 da terceira corda, o que abriu espaço para Solo Sikoa acertar um Samoan Drop seguido de um Splash da terceira corda para garantir a vitória.

Depois do combate, Boa tentou atacar os dois lutadores, que se uniram para despachar o lutador chinês.

Nos bastidores, Persia Pirotta e Indi Hartwell estavam a aquecer, quando receberam uma chamada a dizer que Dexter Lumis fugiu do hospital. No segmento entrou também Wendy Choo, que anteriormente era a Mei Ying.

No parque de estacionamento do NXT, Xyon Quin explicou que a luta contra o Legado Del Fantasma só agora começou, sendo que Elektra Lopez apareceu e explicou que até respeita o facto deste querer estar sozinho, mas que vai precisar de sorte contra Santos Escobar na próxima semana.

– Indi Hartwell & Persia Pirotta venceram Valentina Feroz & Yulisa Leon: Valentina Feroz & Yulisa Leon entraram de forma dominante, aproveitando o estado mental de Indi Hartwell, mas Persia Pirotta conseguiu entrar no combate e acabou por o vencer de forma rápida.

Em seguida tivemos uma vignette a promover a estreia de Draco Anthony no NXT.

– Bron Breakker venceu Johnny Gargano (WarGames Advantage Ladder Match): Este Ladder Match teve dois lutadores com estratégias bastante distintas, com Bron Breakker a querer usar a sua força e Johnny Gargano a fazer de tudo para usar a sua experiência e agilidade para tentar dominar o jovem lutador.

O que tivemos foi uma luta bastante equilibrada, onde os escadotes foram usados como armas por parte de ambas as Superstars. Estas foram dando tudo para vencer este main event e até vimos Bron Breakker a acertar um Frankensteiner da terceira corda.

No final, os dois lutaram no topo do escadote e até parecia que a vitória ia sorrir a Johnny Gargano, mas Bron Breakker puxou “Johnny Wrestling” do topo do escadote e acertou um Powerslam que lhe deu o tempo que precisava para subir ao mesmo e vencer o combate.

O NXT terminou com os oito lutadores que irão lutar no Men’s WarGames Match envolvidos numa grande brawl.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

6 Comentários

  1. Não tenho acompanhado o NXT 2.0 (só um pouco no início), mas fiquei curioso para ver o que tinham feito com o Parker Boudreaux aka Gunnar Harland e após alguma dificuldade para o reconhecer… Vi que tinham feito dele um Snitsky 2.0 que se juntou à Wyatt Family ou então é filho do Nailz. What a heck? Uma pessoa com um físico daqueles, é tapado até ao pescoço e ainda rapam o cabelo. Ele tinha uma aparência fixe, porque raio fizeram isto? Se calhar para quem está acompanhar o seu personagem, até está a gostar, mas… na minha opinião, começaram com o pé errado.

  2. Show decente, com o destaque principal a recair nos dois Ladder Matches.

  3. Gostei:
    – A Team Raquel e Team Dakota começam o show à porrada, com o público em altas. Uma boa forma de começar o show que faz uma boa transição para o 1º combate da noite… Kay Lee Ray vs Dakota Kai que foi um ótimo combate. Era difícil falhar com estas 2 e o combate teve uma excelente quantidade de violência. Ótima forma de começar o show.
    – Cameron Grimes vs Andre Chase. Uma squash para Grimes. Foi algo desfrutável.
    – Entrevista com a Team 2.0, eventualmente interrompida por Johnny Gargano. Este segmento foi ótimo. Todos os membros da Team 2.0 fizeram um bom trabalho com as suas promos e adorei o insulto de ‘’booty nephew’’ ao Breakker.
    – Wagner & O’Reilly vs Legado Del Fantasma. O público não ajudou grande coisa, mas o combate ainda se aproveita. Continuo a achar que Kyle O’Reilly está a ser muito desaproveitado nesta tag team.
    – Solo Sikoa vs Edris Enofé. Um bom combate e gostei imenso da exibição de Enofé. Vamos ver que tipo de futuro terá ele.
    – Bron Breakker vs Johnny Gargano. Sim senhora, que combate para terminar o show! Um fantástico main event. O público esteve a vibrar o combate inteiro, os 2 homens tiveram uma excelente exibição no que foi um dos melhores combates do NXT 2.0. Vejam este combate!

    Não Gostei:
    – Após Grimes vs Chase, Hudson apareceu no ecrã. Grimes tentou rapar o cabelo de Chase, mas um dos alunos deste salvou-o. O segmento não foi mau, mas durou demasiado tempo.
    – Promo de Joe Gacy. Não tenho grande coisa a dizer sobre isto. Joe Gacy vs Jobber. Ganhou bem rápido. Joe Gacy vs Jobber Feminina não acontece porque os Diamond Mine apareceram. Gacy ataca Strong e é salvo por Harland. Isto foi mau. Ninguém sai deste segmento bem.
    – Hartwell & Pirotta vs Feroz & Leon. Uma squash para as primeiras. Não foi mau, mas não foi bom.

    Overall: 6/10. Até que foi um bom episódio, tirando claro as coisas com Joe Gacy e Diamond Mine. O NXT 2.0 tem melhorado imenso nos tempos recentes, com mais personagens excelentes e combates muito bons. Estão no bom caminho.

  4. El Cuebro8 meses

    Quem eram a lutadora e o lutador que o Gacy estava para enfrentar no “open challenge” dele? E no mais foi um bom show, com combates muito interessantes, nomes novos em ação e mais gente vindo por aí, como aquele Draco! WarGames promete também!

  5. El Cuebro8 meses

    E quem é o cara que “salvou” o Chase ali?

  6. Anónimo8 meses

    Destaco os dois Ladder Matches, foram bons.