A WWE transmitiu esta segunda-feira mais uma edição do Raw na USA Network, a partir do Frost Bank Center em San Antonio, Texas, rumo à WrestleMania XL de 6 e 7 de Abril.

Resultados

– WWE Intercontinental Champion Gunther venceu Dominik Mysterio (Non-Title Match)
Shayna Baszler & Zoey Stark venceram Katana Chance & Kayden Carter
– Nia Jax venceu Becky Lynch (por desqualificação)
– Andrade venceu Apollo Crews
– Undisputed WWE Tag Team Champions Judgment Day (Damian Priest & Finn Bálor) venceram Imperium (Ludwig Kaiser & Giovanni Vinci) (Non-Title Match)
– Sami Zayn venceu Ivar
– Drew McIntyre venceu Jey Uso

Report

Em destaque neste Raw tivemos dois Non-Title Matches envolvendo o WWE Intercontinental Champion Gunther e os Undisputed WWE Tag Team Champions Judgment Day (Damian Priest & Finn Bálor), e o main event foi um rematch entre Drew McIntyre e Jey Uso.

3 Comentários

  1. Morais5 meses

    Grande RAW!!!!

  2. Anónimo5 meses

    Destaco o main event.

  3. Começámos este episódio do RAW com o Cody Rhodes e o Seth Rollins, na continuação desta storyline com inspiração óbvia do filme “Avengers: Endgame”. As promos de ambos os lados foram sólidas, cumpriram o seu trabalho. No entanto, preciso que o Rollins reforme já o “Diarrhea Dwayne”. Que coisa horrível… De seguida, o primeiro combate da noite com Dominik vs Gunther e como eu adorei isto! Foi como ver um bebé a enfrentar um urso! Bom trabalho dos 2. Seguiu-se Chance & Carter vs Baszler e Stark que até foi decente. A Chance & Carter são uma tag sempre divertida de se ver. A promo pós-combate com as Damage CTRL já foi de menor destaque, nada a dizer sobre isso. Becky Lynch vs Nia Jax foi um bom combate que teve um final sujo, mas com sentido, com a Liv Morgan a conseguir uma espécie de vingança da semana passada. No entanto, o grande destaque vai para a Nia Jax a roubar o chapéu daquele gajo no público. Hahaha! Andrade vs Apollo Crews foi um combate rápido para dar a vitória ao El Idolo. Bom ver o Apollo Crews por uma vez, no entanto. Imperium vs Judgment Day foi um combate bem trabalhado. Não teve uma ação por aí além, mas mérito para ambas as tags que começaram como heel vs heel, mas o seu desempenho fez com que a arena inteira estivesse pelos campeões nos momentos finais. Ivar vs Sami Zayn foi um ótimo combate, mesmo muito bom! Premissa simples de David vs Golias com o Sami a superar a adversidade. Tragam a Gauntlet, promete imenso! Para terminar, Drew McIntyre vs Jey Uso foi a melhor parte da noite. Um combate muito sólido, com uma boa quantidade de intensidade, e um pós-combate especialmente sensacional que interligou várias storyline! Um fantástico final para um bom episódio de Raw.