Depois do Clash at the Castle do passado sábado, a WWE transmitiu esta segunda-feira mais uma edição do Raw na USA Network, a partir do T-Mobile Center em Kansas City, Missouri, rumo ao Extreme Rules de 8 de Outubro.

Resultados

– New Day (Kofi Kingston & Xavier Woods) vs Los Lotharios (Angel & Humberto) vs Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) vs Alpha Academy (Chad Gable & Otis) (No Contest)
– WWE Women’s Tag Team Champions Raquel Rodriguez & Aliyah venceram Doudrop & Nikki ASH
– Kevin Owens venceu Austin Theory
– Damian Priest venceu Rey Mysterio
– WWE United States Champion Bobby Lashley venceu The Miz (Steel Cage Match)

Report

O Raw abriu com Edge e este falou de como conhece Dominik desde os cinco anos e de toda a história que tem com os Mysterios e que para ele, o jovem é como se fosse seu sobrinho e que não percebe o porquê deste ataque, porque se foi pelo Spear, ele pede desculpa e que nunca se quis intrometer entre os Mysterios. O “Rated R Superstar” explicou que aquilo que ele fez a Rey Mysterio não se faz e que Dominik já não é uma criança, por isso é bom que venha ao ringue.

Quem apareceu foi Rey Mysterio que pediu ao seu amigo para não ter de fazer isto, mas o Hall of Famer, explicou que se Dominik já tem idade para beber, conduzir e entrar em ringue, então tem de responder pelas suas ações.

Quem apareceu,  foi Rhea Ripley que afirmou que viu potencial no jovem e fez dele um homem. Foi então que Dominik apareceu, tendo o seu pai tentado convencê-lo a acabar com isto, mas a “Nightmare” afirmou que o jovem já não ouve o seu pai e que Edge está acabado.

O “Mestre do 619” estava então a sair de cena e ficou cara a cara com o seu filho e tentou chamá-lo à razão mais uma vez, mas o que tivemos foi Finn Bálor e Damian Priest a tentarem atacar Edge pelas costas, mas este livrou-se dos seus rivais, isto até Dominik se meter na brawl. Rey Mysterio ainda se tentou envolver mas Rhea Ripley atacou-o, o que abriu espaço para que os Judgment Day tentassem lesionar a perna de Edge com uma cadeira.

A seguir, tivemos imagens da chegada de The Miz e Tommaso Ciampa à arena e quando os dois estavam a falar de Dexter Lumis, viram um carro virado ao contrário.

– New Day (Kofi Kingston & Xavier Woods) vs Los Lotharios (Angel & Humberto) vs Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) vs Alpha Academy (Chad Gable & Otis) (No Contest): O combate começou de forma caótica ao ponto dos dois lutadores do New Day terem ficado em ringue, o que os levou a tentarem uma vitória rápida, mas as outras três pararam essa tentativa de Xavier Woods e Kofi Kingston de vencerem este embate.

Com o passar dos minutos, tanto Los Lotharios como a Alpha Academy foram tendo algum domínio, mas o equilíbrio foi a nota de destaque deste opener e com isso as quase vitórias foram sendo cada vez mais frequentes.

Quando parecia que Chad Gable poderia estar perto da vitória, tivemos o inesperado regresso de Braun Strowman, que destruiu todos os lutadores que apanhou pela frente e com isso fez com que este combate terminasse em No Contest.

Ainda assim, o ataque do “Monster Among Men” só terminou com um Powerslam em Angelo Dawkins que o fez atravessar a mesa de comentadores.

– WWE Women’s Tag Team Champions Raquel Rodriguez & Aliyah venceram Doudrop & Nikki ASH: A dupla escocesa entrou de forma dominante ao controlar Aliyah durante alguns momentos, mas esta aguentou a ofensiva das suas adversárias e conseguiu fazer o tag a Raquel Rodriguez que virou o combate do avesso e o venceu depois dum Slam em Doudrop.

Nos bastidores, Rey Mysterio foi entrevistado e afirmou que nunca irá meter as mãos no seu filho, mas que Damian Priest ou Finn Bálor irão sofrer às suas mãos.

De regresso ao ringue, tivemos Austin Theory ainda afetado pelo que lhe aconteceu no Clash at the Castle, mas que está feliz por Roman Reigns ainda ser o Undisputed WWE Universal Champion, pois ele um dia irá tirar-lhe o título.

Kevin Owens interrompeu o “Mr. Money In The Bank” e começou a gozar com o que lhe aconteceu, o que foi tirando Austin Theory do sério, tendo começado a insultar o “Prizefighter” e a dizer que este fala muito mas não ganha títulos.

As farpas entre os dois lutadores foram aumentando de tom, até que Kevin Owens afirmou que a qualquer altura irá um árbitro entrar em ringue e os dois irão lutar.

– Kevin Owens venceu Austin Theory: Kevin Owens entrou de forma agressiva e dominou os minutos iniciais deste embate, mas Austin Theory começou a virar o ímpeto a seu favor e ficou no controlo quando contra-atacou um senton do “Prizefighter”.

O “Mr. Money In The Bank” dominou então durante vários minutos e de forma bastante agressiva, mas Kevin Owens nunca se deixou ficar e foi aguentando a ofensiva do seu adversário, até que começou a equilibrar as contas. Ora isso fez com que as quase vitórias fossem começando a aparecer e no final, o “Prizefighter” provou nesta noite estar um patamar acima e depois da Pop Up Powerbomb e dum Stunner conquistou a vitória.

A seguir tivemos um video pacakge com alguns dos melhores momentos do Clash at the Castle.

De regresso ao ringue, tivemos as Damage Control, com Bayley a vangloriar-se da sua vitória sob Bianca Belair no Clash at the Castle, sendo que Dakota Kai e IYO SKY relembraram a todos que na semana passada perderam de forma irregular e que na próxima semana irão ganhar os títulos que já deveriam ser delas.

A “Role Model” voltou a centrar as suas atenções em Bianca Belair, e foi então que a Raw Women’s Champion veio ao ringue e afirmou que Bayley só a venceu por causa das suas amigas e então desafiou a sua rival para um combate.

A líder das Damage Control recusou o desafio e afirmou que já venceu a “EST da WWE” no passado e quando quiser o título, irá tê-lo.

Nos bastidores, Johnny Gargano foi entrevistado e este estava a falar do seu futuro, tendo sido interrompido por Austin Theory que o veio chatear por este só falar e não lutar, o que fez com que “Johnny Wrestling” anunciasse que na próxima semana irá regressar aos ringue.

– Damian Priest venceu Rey Mysterio: Damian Priest entrou de forma dominante e controlou Rey Mysterio durante vários minutos. Ainda assim, o lendário luchador foi dando luta e quando parecia que estava a virar o ímpeto a seu favor, uma distração por parte dos Judgment Day fez com que o “Archer of Infamy” voltasse ao controlo.

O poderoso lutador controlou durante mais alguns minutos, mas quando Rey Mysterio meteu o pé no acelerador virou o combate do avesso e quase o venceu depois dum Asai Moonsault. As vitórias foram aparecendo por parte dos dois lutadores, e quando Rey Mysterio se preparava para acertar o seu 619, Dominik meteu-se à frente do seu pai, o que causou a distração necessária para Damian Priest acertar uma grande Lariat antes de aplicar o South of Heaven Chokeslam que lhe deu a vitória.

Após o combate terminar, Rhea Ripley pegou no microfone e começou a gozar com Rey Mysterio, tendo a seguir anunciado que Dominik irá enfrentar Edge no próximo Raw.

Nos bastidores, o WWE United States Champion Bobby Lashley e este afirmou que The Miz pode achar que está seguro ao estar dentro da jaula, mas irá estar no ringue consigo e isso é uma má notícia.

Ainda no backstage, Braun Strowman não gostou de ser interrompido e afirmou que ninguém o irá parar e que estará no SmackDown na próxima sexta-feira.

A seguir, tivemos imagens duma entrevista a Matt Riddle após o Clash at the Castle, onde este afirmou que um dia irá vingar-se de Seth Rollins. Já o “Visionary” afirmou que admira a coragem do “Original Bro” mas que eles não irão voltar a lutar.

– WWE United States Champion Bobby Lashley venceu The Miz (Steel Cage Match): The Miz atacou Bobby Lashley pelas costas ainda antes do combate começar e com isso, Tommaso Ciampa juntou-se ao ataque e os dois dominaram o “All Mighty” antes do main event começar de forma oficial.

O “A-Lister” dominou então durante vários minutos, sendo que sempre que podia tentava fugir da jaula, o que foi dando espaço para Bobby Lashley ter alguma ofensiva. Fora do ringue, Tommaso Ciampa fez de tudo para não deixar o WWE United States Champion sair da jaula, e com isso The Miz foi mantendo a ofensiva.

A agressividade foi aumentando com o passar do tempo e com isso as quase vitórias foram surgindo, em especial por The Miz que quase venceu com o Skull Crushing Finale.

Já Bobby Lashley tentou sair pela porta e foi atacado por Tommaso Ciampa, o que deu uma abertura ao “A-Lister” atacar o WWE United States Champion, tendo em seguida começado a sair pelo outro lado da jaula.

Porém, Dexter Lumis apareceu vindo debaixo do ringue, o que fez com que The Miz entrasse novamente dentro da jaula, o que abriu espaço para que o “All Mighty” acertasse o seu Spear, que o ajudou a reter o WWE United States Championship.

Já depois do combate ter terminado, Dexter Lumis entrou na jaula e aplicou a sua submissão no “A-Lister”, deixando-o a dormir.


O que achaste deste WWE Raw?

27 Comentários

  1. EdSilva1 mês

    Sera q o Strowman volta hj mesmo?

  2. Metemamorph1 mês

    STROWMAN IS BACKKKKKKK

  3. Natan1 mês

    Finalmente o Strowman voltou, agora falta o The Fiend pra fazer a festa haha

    • 19041 mês

      Ele e reigns davam um combatezorro

    • Natan1 mês

      Desde que não dêem a vitória pro Roman novamente tudo bem kkk

    • Rodrigo Nascimento1 mês

      Chora, chora, chora. No final o nosso chefe Tribal vai vencer sempre com o apoio da tribo

    • Natan4 semanas

      Daqui a pouco quem acabará chorando vai ser tu depois que o Tribal Chief cair kkkkkkk

  4. The Name1 mês

    Foi mesmo o Triple H que fez o booking hoje ou foi o Vince?
    O Strowman volta durante um combate onde estão 4 equipas que estão a lutar para ganhar uma oportunidade pelos títulos e é isto que acontece? Destruiu completamente a divisão de tag team que já têm poucas equipas além destas, mas isto sou eu, parece que a divisão de tag team vai continuar irrelevante durante mais algum tempo, infelizmente 🤦🏻‍♂️

    • Natan4 semanas

      Realmente concordo contigo, gostei do regresso mas poderia colocar de outro jeito, mas não confrontando os tag team porque torço para que um deles batam os Usos de uma vez e que possivelmente acabassem com a unificação

  5. WWE1 mês

    Excelente show.

  6. Facebook Profile photo
    A Marcos1 mês

    Braun detonou geral!
    Boa HHH

  7. Mindfreak4 semanas

    Não podiam ter feito o Strowman regressar de outra forma? Entendo que o queiram mostrar como alguém dominante, mas fazer o gajo destruir grande parte da divisão de tag team não me agrada.

    De resto foi um Raw razoável. De destacar que o Dominik me parece muito melhor como heel e que gosto do facto de o Lumis quase sempre aparecer à volta do Main Event, dá-lhe uma certa importância.

    • Diego4 semanas

      Cara o Lumis como stalker do miz está soberbo, esse último angle dele saindo debaixo do ringue eu pulei de risadas aqui em casa, achei maravilhoso, HHH tem ouro nas mãos para trabalhar com ele, e o miz um dos melhores storytellers que já vi realmente tá começando a mostrar – se aterrorizado com o seu stalker

  8. O Raw está cada vez mais a melhorar, gostei de alguns aspetos do show e curiosamente não gostei tanto do braun. Estou curioso com o KO que está a ter cada vez mais destaque, e por fim o dominik que para mim tinha 2 opções ou ir para o nxt, que ainda pode ser que vá mais tarde, ou entrar para os judgment day que foi o que aconteceu e aqui ganhará experiência, veremos como é dominik heel que até agora não mostrou nada.

  9. The Name4 semanas

    Este foi um raw ok, teve bons momentos, mas nada de especial, talvez o raw mais fraco até agora da era do Triple H, mas para a semana o show parece que vai ser melhor, assim espero.

  10. MC4 semanas

    O RAW tornou-se um programa extremamente interessante em coisa de quê, mês e meio? Mais um ótimo show, com o regresso do Strowman a ser o destaque mas um ótimo show de ponta a ponta de um modo geral.

    Por falar em interessante, os Judgment Day estão mais interessantes que nunca agora, mas… come on. O Edge supostamente não tem assim tanto mais tempo para andar nestas andanças, segundo ele. Vamos a despachar isto, para não desperdiçar estes últimos tempos da sua carreira de wrestling com os JD…

  11. McIntyre4 semanas

    Off topic
    Sou só eu que não gosto do “cucuruto” na máscara do Rey Mysterio? Também prefiro que o Dolph Ziggler e o Bobby Lashley usem “calções” em vez de calças.

  12. McIntyre4 semanas

    Luís Salvador, qual foi o melhor combate que viste até hoje?

    • João Canais4 semanas

      Lumis é puro ouro… Que trabalho excepcional!! Sou sincero que não o acompanhei, mas pelo que está a fazer neste momento, merece todo o destaque possível…
      Bom show a meu ver, pelo regresso do touro, pelo heel turn, pelo Lumis, pelo KO e pela stable da Bailey…
      O Mistério mais novo ou muito me engano ou recebe um push inconsequente, confesso que não vejo grande futuro nele ao nível do main event..

      Pelo muito que se tem falado os próximos 3/4 episódios de Raw e Smackdown irão ser frutíferos ao nível de regressos/surpresas/emoção… A ver vamos 💪

  13. Anónimo4 semanas

    Destaco os desenvolvimentos a volta dos Judgment Day, o combate entre o Kevin Owens vs Theory, e o main event.

  14. The truth hurts4 semanas

    Bom show contudo não gostei da forma como fizeram regressar o Strowman

  15. NO.1 Contendership Fatal 4-Way Tag Team Match – ⭐️⭐️⭐️⭐️

    Raquel & Alijah vs. Nikki A.S.H & Doudrop – ⭐️⭐️ ¾

    Kevin Owens vs. Austin Theory – ⭐️⭐️⭐️ ¾

    Rey Mysterio vs. Damien Priest – ⭐️⭐️⭐️ ¾

    Steel Cage United States Championship Match – ⭐️⭐️⭐️ ¾

    💥 Regresso do Braun Strowman a manter a imprevisibilidade que põe as pessoas a ver e que o Triple H tem dominado bem até agora; Booking dos Judgement Day e toda a história dos Mysterios; Damage Ctrl com o booking certo no pace certo;

    🤷‍♂️ Divisão de Tag Team a ser dominada por 1 pessoa, apesar de bem defendido, que não seja uma regularidade.

    🤢 A Promo do Theory deixou um pouco a desejar bem como toda esta construção dele. Há qualquer coisa a meio caminho, que tem de deixar de estar a meio caminho, senão a série de derrotas com a mala poderão cair numa desvalorização total.