Frank casino

Depois do Extreme Rules deste domingo, a WWE transmitiu esta segunda-feira mais uma edição do Raw na USA Network, novamente no Performance Center e já a pensar no SummerSlam de Agosto.

Resultados

– Seth Rollins venceu Aleister Black
– Shelton Benjamin venceu WWE 24/7 Champion R-Truth
– Mustafa Ali, Ricochet & Cedric Alexander venceram MVP, Bobby Lashley & WWE 24/7 Champion Shelton Benjamin
– Ruby Riott venceu Peyton Royce
– Raw Tag Team Champions Street Profits venceram Andrade & Angel Garza (Non-Title Match)
– Kairi Sane venceu SmackDown Women’s Champion Bayley (Non-Title Match)
– Randy Orton venceu Big Show (Unsanctioned Match)

Report

O Raw desta semana abriu com a vinda de Seth Rollins ao ringue e o “Monday Night Messiah” falou do Eye For An Eye Match contra Rey Mysterio. Sobre a pergunta se ele se arrepende do que fez, Seth Rollins questionou o WWE Universe se este se arrepende de lhe ter virado as costas e de o terem tornado o “Monday Night Messiah”.

Seth Rollins continuou o seu discurso até que foi interrompido por Aleister Black, que chegou e afirmou que ele iria rectificar tudo o que Seth Rollins fez e dirigiu-se ao ringue, tendo atacado Murphy perante o olhar do “Monday Night Messiah”.

– Seth Rollins venceu Aleister Black: O “Monday Night Messiah” começou o combate de forma dominante, tendo deixado Aleister Black no chão durante vários minutos, focando muito do seu ataque no braço direito do lutador holandês. Porém, como já se sabe, o “Dutch Destroyer” nunca desiste e com vários pontapés e joelhadas, Aleister Black virou o combate do avesso.

Aleister Black quase venceu o combate por várias vezes, mas Murphy acabou por interferir a favor do seu líder. No final, os dois lutadores quase venceram por várias vezes, mas foi o “Monday Night Messiah” que arrecadou a vitória ao ter acertado o seu Blackout.

Já depois do combate, Seth Rollins e Murphy atacaram violentamente o braço direito de Aleister Black, enquanto gritavam que o lutador holandês não tinha amigos.

No backstage tivemos MVP e Bobby Lashley, primeiro a falar com Ron Simmons e depois com o WWE 24/7 Champion R-Truth, que recusou ir para o ringue com eles. O que R-Truth não esperava era ser atacado pelas costas por Shelton Benjamin, que fez o pin e tornou-se assim o novo WWE 24/7 Champion, e ao que parece faz agora parte do grupo de MVP.

De regresso ao ringue, tivemos MVP, Bobby Lashley e o novo WWE 24/7 Champion Shelton Benjamin, com MVP a vangloriar-se por ser o WWE United States Champion, isto apesar de nunca ter vencido Apollo Crews. MVP acabou por ser interrompido por Ricochet e Cedric Alexander e, depois de se ter trocado algumas farpas, tivemos o regresso de Mustafa Ali ao Raw. O trio de ágeis lutadores usou a sua velocidade para deixar o trio de veteranos abasurdidos.

– Mustafa Ali, Ricochet & Cedric Alexander venceram MVP, Bobby Lashley & WWE 24/7 Champion Shelton Benjamin: No segundo combate da noite, o trio de MVP, Bobby Lashley e Shelton Benjamin usou a sua maior força e experiência para dominar a maior parte do combate, tendo isolado primeiro Cedric Alexander e depois Ricochet.

Depois de vários minutos de domínio, a entrada de Mustafa Ali virou o combate do avesso, de tal forma que o trio de Mustafa Ali, Ricochet & Cedric Alexander conseguiu tirar Bobby Lashley e Shelton Benjamin do combate. No fim, o regressado Mustafa Ali aplicou o seu 450 Splash em MVP para a vitória.

Em seguida tivemos Randy Orton a falar de como o maior momento da sua carreira não foi juntar-se aos Evolution, nem quando se tornou o Campeão Mundial mais novo de sempre, mas sim quando atacou Edge na noite a seguir ao Royal Rumble deste ano. O “Legend Killer” continuou a falar que todos os que lhe têm feito frente nestes meses são pessoas quem ele considerou amigos, mas que tal como acabou a carreira de Edge e de Christian, neste Raw também irá acabar com a carreira de Big Show.

De seguida tivemos um video package sobre a carreira de Big Show desde a WCW até aos vários títulos que já conquistou na WWE.

Logo de seguida tivemos uma entrevista a Christian, que a partir de sua casa afirmou que Randy Orton é um dos melhores de sempre, mas que depois do que ele e Ric Flair lhe fizeram, nunca mais os irá olhar da mesma forma. De seguida, Christian falou de como ainda está em recuperação e que espera ver Big Show a deixar Randy Orton KO.

De seguida no backstage tivemos uma entrevista a Bianca Belair, mas a “EST da WWE” foi interrompida por Peyton Royce, que começou a insultar a nova lutadora do Raw. Ruby Riott apareceu e depois de Peyton Royce insultar Liv Morgan, a extravagante lutadora queria enfrentar logo ali Peyton Royce, mas as duas levaram a sua rivalidade para o ringue.

– Ruby Riott venceu Peyton Royce: O combate entre as duas rivais foi bastante agressivo desde o primeiro minuto, tendo a icónica Peyton Royce dominado boa parte do mesmo. Ainda assim, Ruby Riott do nada virou o combate e acabou mesmo por o vencer, com o Riott Kick.

De regresso ao backstage tivemos uma entrevista a Zelina Vega e à dupla de Angel Garza e Andrade. Depois de terem insultado os Raw Tag Team Champions, a entrevista acabou de forma inesperada quando os Street Profits atacaram os seus adversários, de forma a marcar território.

– Raw Tag Team Champions Street Profits venceram Andrade & Angel Garza (Non-Title Match): A dupla de Andrade & Angel Garza entrou com tudo e começaram a dominar o combate desde início, apesar de Montez Ford ainda ter mostrado toda a sua agilidade.

No entanto, os dois mexicanos conseguiram isolar o ágil lutador durante vários minutos. Quando Montez Ford conseguiu fazer o tag em Angelo Dawkins, o homem forte dos Street Profits virou o combate do avesso e no final foi Montez Ford com um Frogsplash absurdo que garantiu a vitória aos campeões.

Antes do próximo combate tivemos Bayley e Sasha Banks, acompanhadas por todos os títulos, e vangloriaram-se das suas conquistas no Extreme Rules, até que foram interrompidas por Asuka e Kairi Sane.

No entanto, tivemos a presença de Stephanie McMahon através do titantron, a invalidar a vitória de Sasha Banks no Extreme Rules e a anunciar que Asuka e Sasha Banks irão lutar no próximo Raw, para definir de uma vez quem é a Raw Women’s Champion. O combate terá algumas regras específicas, e o título mudará de mão em caso de count out, desqualificação ou interferências.

– Kairi Sane venceu SmackDown Women’s Champion Bayley (Non-Title Match): A SmackDown Women’s Champion Bayley dominou quase desde o início, mas Kairi Sane mostrou nunca desistir e manteve-se sempre em combate. Também durante o confronto tivemos uma entrevista a Shayna Baszler, que afirmou mostrar-se interessada neste combate, tal como um tubarão se sente interessado na sua presa.

Kairi Sane conseguiu montar uma ofensiva que virou o combate e quase venceu quando acertou o Insane Elbow, mas Bayley tinha lesionado o braço direito da “Pirate Princess”, o que fez com que o golpe não tivesse o impacto habitual. De seguida, a campeã quase venceu também com um Elbow Drop, mas no final, quando a “Role Model” tentou acertar o Belly to Bayley, Kairi Sane reverteu para um pin rápido e arrecadou uma grande vitória.

Em seguida tivemos o WWE Champion Drew McIntyre a vir ao ringue para falar da sua vitória no Extreme Rules contra Dolph Ziggler, e o “Scottish Psychopath” afirmou que agora só pensa no SummerSlam e que espera ter um adversário com valor.

Só que o campeão escocês foi interrompido por Dolph Ziggler, que queria uma desforra, que Drew McIntyre rejeitou. Quando o “Show Off” voltou a pedir uma desforra, acabou por levar uma cabeçada. Já com o WWE Champion Drew McIntyre fora do ringue, Dolph Ziggler pediu novamente uma desforra e disse que Drew McIntyre podia escolher a estipulação, e foi então que o WWE Champion aceitou o desafio.

De seguida tivemos uma promo de Big Show a falar da sua história com Randy Orton e de como os dois foram amigos durante muitos anos, e que sabe que a sua carreira está em perigo contra ele, mas que vai fazer de tudo para que a sua carreira não termine às mãos do “Legend Killer”.

– Randy Orton venceu Big Show (Unsanctioned Match): O Unsanctioned Match começou bastante agressivo, como seria de esperar, com Big Show a usar a sua força para ganhar algum domínio. No entanto, Randy Orton conseguiu virar o combate quando de forma surpreendente foi ajudado por Andrade & Angel Garza, ajuda essa que só foi parada quando os Viking Raiders vieram em auxílio de Big Show.

O “Legend Killer” dominou durante algum tempo, mas a força de Big Show foi sempre um factor decisivo e quase venceu com um Chokeslam. Big Show tentou o home-run com uma Vader Bomb em Randy Orton, que estava em cima de uma mesa, mas este desviou-se e aplicou depois um RKO que quase lhe deu a vitória.

A partir daí foi académico, com Randy Orton a acertar várias cadeiradas em Big Show e um DDT da 3ª corda, até que o “Legend Killer” quis acertar um segundo RKO que lhe garantiu a vitória.

No entanto, assim que o combate terminou, Randy Orton decidiu que a noite ainda não tinha terminado e acertou o seu Punt Kick em Big Show, deixando-lhe depois algumas mensagens ao ouvido.


O que achaste do WWE Raw desta semana?

36 Comentários

  1. Facebook Profile photo
    Rodrigo Rodrigues Ortiz2 meses

    Caso Sasha Banks venha a perder o combate do próximo Raw para Asuka “reter” o título é de se desistir da ideia de quê ainda vença o Raw Women’s Championchip, visto que logo Charlotte Flair retorna e aí os holofotes voltam a ser dela como de costume e está entra na rota e a The Boss sai à francesa.

    • BO$$2 meses

      Charlotte está se recuperando de um vazamento dos selicone, não volta tão cedo!

    • Alexa Two Belts2 meses

      Sasha ou Charlotte não vão tirar esse título, algo me diz que será Shayna Baszler, infelizmente.

    • Doughc2 meses

      Sasha logo logo briga pelo title da marca azul, deixa a Asuka com o title mesmo que é melhor.

  2. Achei as dua primeiras horas bem chatas, mas minha curiosidade para ver o que ocorreria com a história do título feminino me prendeu ao show. Alias, o show começou a melhorar depois do segmento da Bayley e Sasha, a última hora foi bem melhor que as duas primeiras.
    Gostei de saber que eles farão os títulos mundiais serem defendidos nos episódios das próximas semanas, espero que isso se torne mais comum.

  3. Lucas Vaz ferreira2 meses

    Cadê Shelton derrotou o R truth pelo 24/7 tem que colocar tbm

    • Roman2 meses

      Luiz! Esse retorno do orton como legend killer e o fato do undertaker estar a se apossentar (foi falado que se apossenteu e por outro lado talvez poderia ter mais algum combate) me fez pensar em que estão a deixar o orton super over como legend killer para fazer o ultimo combate da carreira do taker. Oque pensas disto?

    • Nada… Apenas especulação que fez você pensar.

    • Luís, contrata esse Lucas Vaz para postar os resultados das lutas aqui no site, não é a primeira vez que ele quer corrigir, sendo não sabe nem falar direito…

  4. BO$$2 meses

    Espero que Sasha vença!!!!

    • Alexa Two Belts2 meses

      Prefiro que ela ganhe do SD, pois é um título que nunca ganhou. Por mim já tirava esse título da Bayley no SummerSlam.

    • Facebook Profile photo
      Rodrigo Rodrigues Ortiz2 meses

      Também espero que Sasha vença. Ela merece ter um quinto reinado para tirar a sombra dos outros quatro que foram demasiado curtos.

    • BO$$2 meses

      Também queria que ganhasse o do SD, mas a dupla dela com a Bayley está tão boa que prefiro ver as duas juntas por mais um tempo!

  5. Tiago Pereira2 meses

    Acho que o show n se fica c a sua carreira por aqui

  6. Facebook Profile photo

    Melhoria significativa na qualidade do produto.
    Avalio o Raw em 7.5 de 0 a 10!
    Seth Rollins vs Aleister Black – gostei, espero que no Summerslam seja pé por pé, assim alguém vai ficar sem finisher! 😂👍
    Shelton Benjamin vs R-Truth – Preferia o Flair 😂
    Mustafa Ali, Ricochet & Cedric Alexander vs MVP, Bobby Lashley & Shelton Benjamin – Já foi bem melhor!
    Ruby Riott vs Peyton Royce – que seja uma mudança positiva para Ruby.
    Street Profits vs Andrade & Angel Garza – gostei do combate na sua totalidade!
    Kairi Sane vs Bayley – também gostei do combate, intensidade etc… Se a Sane realmente sair, espero que tenha sucesso por onde vá!
    Randy Orton vs Big Show – não foi mau de todo!

  7. Facts2 meses

    Agora a especialidade do Rollins já não é arrancar olhos, mas sim braços… Bem, espero que não coloquem o Aleister e o Rollins em rivalidade porque ambos precisam de vitórias. De facto daria uma boa rivalidade, mas a meu ver, o Rollins tem que cimentar a sua faceta heel e “ganhar rivalidades”, já o Aleister precisa de vitórias para se afirmar cada vez mais.

    • Já vais ter Rollins vs Aleister arm for an arm no Summerslam hehe.

    • Fabio Pereira2 meses

      Mas se formos sempre a pensar nisto de tal talento não pode perder jamais e precisa de vitórias e etc, os lutadores vão sempre ganhar de jobbers e ficar com a credibilidade limitada até certo nível, e assim nunca estaremos satisfeitos com o booking. Tudo bem que o booking da WWE é péssimo, mas acho que as vezes mais vale sacrificar o ímpeto de lutador X a fim de valorizar lutador Y. Mas entendo o seu ponto de vista.

  8. Facebook Profile photo

    Well, foi um RAW ‘meh’. Destaco o combate feminino da Kairi, o regresso dominante do Ali e o Main-Event!

    Pontos positivos:
    – Boa despedida da Kairi Sane! Fiquei genuinamente feliz com o seu último combate na WWE e com o resultado do mesmo. Foi um bom take-off e desejo-lhe tudo de bom!
    – Regresso do Ali foi um refresco. Sinto que esta rivalidade daqueles 3 vai ser tão espremida tipo a do Rollins mas vá, é algo diferente. Isto leva-me a crer que o Hacker que víamos no Smackdown era mesmo algo em grande que foi guardado para quando houver público, isto é, se é que vamos voltar a ouvir falar dessa personagem novamente. Dada a situação atual, honestamente, quem me dera que fosse o Roman a voltar com character diferente, quando houver público. Ele faz falta na brand azul.
    – RKO está imparável and I LOVE TO SEE IT! Adoro o Legend Killer e estou a adorar a forma como a personagem está tão sólida e tão *french kiss* neste momento!

    Pontos Negativos:
    Há certas coisas que me têm irritado, quanto ao RAW e cada vez mais fico cansado de assistir.
    – Seth, Murphy contra Aleister Black e os do costume. Há meses que temos visto isto semanalmente e já enjoa, é sempre a mesma treta. Epah mudem, não custa nada meter o Black na rota do título que o Shelton tem ou que o MVP ‘tem’. Mudem o target do Rollins, é sempre a mesma cena, credo.
    – Depois é aquela indecisão do vai/não vai com os títulos e equipas de tag-team. Ora numa semana uma equipa mostra-se boa candidata, ora na semana a seguir perde de forma tão clean que até brilha. O RAW e a Smackdown precisam de uma organização tremenda de lutadores.
    – A stable do MVP em si está mal organizada. Gosto do conceito mas mudaria totalmente a disposição das coisas. Lashley precisa de vencer combates e ser o powerhouse. Na minha opinião, a colocação do título no MVP foi um erro. Ele deveria ser apenas o manager da stable e tornar aquilo credível, de alguma forma. Quanto à nova adição, achei interessante mas não deixo de não gostar do facto de ‘a besta’ do grupo estar só ali a passear e a seguir ordens.

    • Facebook Profile photo

      BTW aquele Punt do Randy no Big Show foi tão potente que quando ele voltar não vai saber se era heel ou face eheh

    • Facebook Profile photo

      ” perder de forma limpa, que até brilha” that’s Word play right there

    • O Aleister Balck a lutar pelo título do Shelton? Queres enterrar o rapaz de vez?

    • Facebook Profile photo

      Bruno, e não foi limpinho aquele lindo Reverse Frogsplash do Ford? :’)
      Ze Pedro, entendo o que estás a dizer mas apenas estou farto de ver o Aleister a andar à porrada com os mesmos gajos todas as semanas ahahah

    • Eu também estou cansado de o ver sempre nas mesmas coisas todas as semanas, mas prefiro mil vezes isso de que o por a lutar pelo 24/7.

    • O Lashley devia ser o campeão dos Estados Unidos e não o MVP. Devia ter sido Apollo vs Lashley no Extreme Rules to begin with. O MVP está ali para dar heat ao Lashley, fazer promos por ele e depois comer os pins (tal como fez no combate de tag-team). MVP como manager do Shelton e Lashley (ambos campeões, apesar do 24/7 title ter 0 valor) seria um cenário bastante melhor.

    • Concordo, Pedro Santos.

    • Facebook Profile photo

      Foi o que eu disse, Pedro Santos. Não gosto da build assim construída, apesar de gostar dela, em si. O Lashley está só a passear e isso irrita-me dado o ‘powerhouse’ que é.

  9. Foi um RAW OK para Bom.
    -> Acho que era escusado fazer o Aleister Black ter a sua primeira derrota limpa no MR num episódio semanal, preferia este combate no SummerSlam apesar de ser uma rivalidade repetitiva já que eles andavam na mesma feud há uns 2 meses. Sendo assim espero que o Black abandone esta rivalidade com o Rollins.
    -> Mudança de título 24/7, nada de especial.
    -> Bom regresso do Ali e boa vitória para ele e para o Cedric e Ricochet.
    -> Combate da Ruby Riott e Peyton Royce só para encher chouriços, não vai levar a lado nenhum.
    -> Não entendo isto, este combate dos SP e Andrade e Garza era desnecessário, o Garza e o Andrade até podiam não ganhar o combate, mas não podia ser assim limpo.
    -> Bom combate, com ritmo, se foi a despedida da Kairi Sane sai bem, se anunciarem Kairi Sane e Bayley para o próximo SmackDown a Bayley deve ganhar.
    -> Randy Orton a destruir outra lenda, bom main event.

  10. Bom Raw no geral, com combates de boa qualidade (Bayley/Sane, Rollins/Black e ambos os combates de tag-team) e com uma boa progressão de algumas histórias. O Orton foi mais uma vez o MVP do Raw – uma promo excelente e depois a ter um combate minimamente decente com um Big Show totalmente acabado. Os maneirismos do Orton durante o combate foram excelentes, poucos tem a qualidade dele no que toca a contar histórias. Destaque também para o return do Mustafa Ali e da adição do Shelton ao Hurt Business – finalmente a fazerem algo minimamente relevante com ele. Destaco também pela positiva a vitória da Ruby Riot e a boa promo do Seth Rollins no inicio do show.

    Pela negativa, não percebi muito bem a vitória dos Street Profits sobre o Andrade e o Garza até porque “mata” uns possíveis contenders aos títulos (a divisão está mesmo no fundo do poço neste momento e o reinado dos Profits tem sido uma autência miséria). Rollins vs Aleister, tal como disse em cima, foi um bom combate, mas durante quanto tempo vamos repetir as mesmas combinações? Murphy vs Aleister ou Aleister vs Rollins, é sempre a mesma coisa. Cansa um bocado. Façam algo diferente com o Aleister, por amor da santa. E no fim quando o Rollins e o Murphy estavam a destruir o Aleister, porque é que o Humberto ou o Owens não vieram ajudá-lo? Ai ai, as plot holes. Ou então o Aleister já não tem amigos!

  11. Doughc2 meses

    Bem ao contrario de todos sou a favor de uma feud entre Black e Rollins kkkkkk
    A Kaire Sane é talento puro
    Espero que a Sasha perca o title e rivalize com a Bayley pode ser até main event do Summerslam que não ia ligar
    Mustafa Ali grande retorno acho que será o próximo champion dos E.U.A
    Triste que vai ter Ziegler x Drew de novo

    • Anónimo2 meses

      Penso que o combate entre o Drew McIntyre e o Dolph Ziggler deve ser o último. Talvez no fim do combate apareça o adversário que vai desafiar o Drew pelo titulo no SummerSlam, como se tem vindo a falar pode ser o Randy Orton.

  12. Bom RAW,gostei de ver acho que foi consistente e teve bons combates e segmentos relativamente bons.

    Seth Rollins vs Aleister Black
    Ótimo combate para abrir o show e o Rollins a conquistar uma vitória limpa e continuar o caminho de vitória que começou no ER,e mencionar a boa promo feita antes do combate.
    Pena o booking do Black não ser do melhor,de à uns tempos para cá que o seu booking está um pouco desleixado e desinteressante.

    -Hurt Business vs Ali/Cedric/Ricochet
    Primeiro mencionar o regresso do Ali(finalmente voltou a ser utilizado) e a adição do Shelton à Hurt Business,é bom vê-lo a ser utilizado.
    O combate foi bom e foi interessante ver que o Ali fez pin no MVP,poderemos ver um combate pelo titulo dos EUA entre eles num futuro próximo.
    Mais uma ótima promo de Randy Orton,como tem sido habitual…

    -Street Profits vs Andrade e Garza
    Bom combate entre estas duas equipas,que ainda no backstage tiveram uma pequena brawl para dar mais hype ao combate.
    Com esta vitória limpa dos Profits,parece continuar a tensão entre o Andrade e o Garza como se viu no segmento seguinte,veremos o que se segue entre eles.

    -Kairi Sane vs Bayley
    Bom combate entre elas,não esperava esta vitória da Kairi pois deverá estar de saída,pode ser que ainda tenha uma oportunidade pelo título da Bayley.
    Btw mais um bom segmento da Sasha e da Bayley,têm feito um ótimo trabalho.

    Big Show vs Randy Orton
    Antes do combate,gostei da promo do Big Show.
    Gostei do combate,foi intenso e brutal q.b.,mas o que se destaca é aquela intensidade do Orton,foi o que tornou o combate interessante a meu ver…agora o Ortin deve seguir a rota do título da WWE.

  13. Foi um bom Raw.
    Seth Rollins venceu Aleister Black
    Será que a WWE vai desperdiçar mais um talento? O Black é um material Main Event, pra que meter ele nesses segmentos que fogem totalmente da sua personagem e ainda pior, botar ele pra perder! Abre o olho WWE, olha quantos talentos já foram desperdiçados!

    – Shelton Benjamin venceu WWE 24/7 Champion R-Truth
    Talvez com a parceira do MVP e Lashley o Shelton valorize um pouco esse título.

    – Mustafa Ali, Ricochet & Cedric Alexander venceram MVP, Bobby Lashley & WWE 24/7 Champion Shelton Benjamin
    Bom retorno do Ali, pelo jeito desistiram de o fazer o Hacker (acho que desistiram até do Hacker nessa altura 😂)

    – Ruby Riott venceu Peyton Royce
    Previsível a vitória da Ruby que é uma das mais talentosas em ring da Womans division, pena que a WWE não aposta nela (mais uma)

    – Raw Tag Team Champions Street Profits venceram Andrade & Angel Garza (Non-Title Match)
    Não gostei da derrota dos desafiantes, quer dizer, os Profets ficam com um reinado quase que Full time de palhaçadas e do nada derrrotam a futura dupla campeã? Sei lá, não gostei!
    Massssss que Reverse Frogsplash do Ford hein? Em slow motion fica uma imagem IMPRESSIONANTE!
    – Kairi Sane venceu SmackDown Women’s Champion Bayley (Non-Title Match)
    A Kaire não ia sair depois desse Raw? E outra coisa, não sei se fui o único a reparar, mas não acharam que a Sane foi meio desleixada com a Bayley? Acertou alguns golpes em cheio, achei que a Bayley apanhou bastante, literalmente.

    – Randy Orton venceu Big Show (Unsanctioned Match)
    The Legend Killer strikes again, estão REconstruindo um monstro! Que trabalho esse senhor desempenha!

  14. Anónimo2 meses

    Foi um bom Raw. Destaco os combates entre o Seth Rollins/ Aleister Black e Kairi Sane/Bayley, foram combates com boa qualidade.

  15. Lucsx2 meses

    Ora bem. Sasha não ganha o título. A Bayley lá vai continuar a “gozar” com a situação.
    A Sasha farta disso, começa a pensar mais nela e
    ai faz o turn e as duas amigas se tornam inimigas.