Depois do Clash at the Castle do último sábado, a WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir da Climate Pledge Arena em Seattle, Washington, rumo ao Extreme Rules de 8 de Outubro.

Resultados

– Imperium (WWE Intercontinental Champion Gunther, Ludwig Kaiser & Giovanni Vinci) venceram Brawling Brutes (Sheamus, Ridge Holland & Butch)
– WWE Women’s Tag Team Champions Aliyah & Raquel Rodriguez venceram Toxic Attraction (Gigi Dolin & Jacy Jayne) (Non-Title Match)
– Ronda Rousey venceu Sonya Deville, Lacey Evans, Natalya e Xia Li (SmackDown Women’s Championship Nº1 Contender’s Fatal 5-Way Elimination Match)
– Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) & Hit Row (Ashante “Thee” Adonis & Top Dolla) venceram Los Lotharios (Angel & Humberto) & Maximum Male Models (Mace & Mansoor)
– Drew McIntyre venceu Solo Sikoa (por desqualificação)

Report

O SmackDown desta semana abriu com imagens do final do Undisputed WWE Universal Championship Match do Clash at the Castle, em que Solo Sikoa ajudou o seu primo Roman Reigns a derrotar Drew McIntyre.

Pouco depois, tivemos a entrada dos Imperium, com a stable europeia a recuperar boa parte da imagem que possuía antigamente.

– Imperium (WWE Intercontinental Champion Gunther, Ludwig Kaiser & Giovanni Vinci) venceram Brawling Brutes (Sheamus, Ridge Holland & Butch): Este grande opener começou melhor para os Brawling Brutes, até que Gunther e Sheamus entraram no ringue para lembrar os fãs da “guerra” que aconteceu no Clash at the Castle, e os Imperium começaram a dominar.

Só que o trio britânico não desistiu contra o trio europeu, a agressividade foi aumentando e as oportunidades de vitória começaram a surgir para as duas equipas. No final, os Imperium levaram a melhor com Giovanni Vinci e Ludwig Kaiser a garantirem a vitória sobre Ridge Holland.

De seguida, Michael Cole e Corey Graves apresentaram as condolências da WWE pelo falecimento da Queen Elizabeth II.

A seguir, os Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) e Sami Zayn foram até ao ringue para falar da vitória de Roman Reigns contra Drew McIntyre no Clash at the Castle, e apresentar e introduzir Solo Sikoa na Bloodline.

Depois da entrada e algumas palavras do “Street Champion”, Drew McIntyre apareceu munido de uma cadeira para se vingar, mas Solo Sikoa foi salvo por Sami Zayn, que acabou por levar com a cadeirada do “Scottish Warrior”.

O segmento terminou com o escocês a desafiar o ex-lutador do NXT para um combate ainda neste show, o novo membro da Bloodline aceitou.

– WWE Women’s Tag Team Champions Aliyah & Raquel Rodriguez venceram Toxic Attraction (Gigi Dolin & Jacy Jayne) (Non-Title Match): As campeãs entraram melhor no combate, graças à maior força da “Big Mami Cool”, mas a dupla vinda do NXT deu a volta e dominou Aliyah durante vários minutos.

Esta última lá conseguiu fazer o tag e Raquel Rodriguez entrou novamente com tudo e começaram a surgir algumas false finishes. No final, a poderosa lutadora aplicou uma enorme All Texana Powerbomb em Jacy Jayne para obter a vitória.

– Ronda Rousey venceu Sonya Deville, Lacey Evans, Natalya e Xia Li (SmackDown Women’s Championship Nº1 Contender’s Fatal 5-Way Elimination Match): O caos instalou-se neste combate logo nos primeiros segundos, com as várias lutadoras a trocarem os seus golpes característicos, e Ronda Rousey fez Natalya desistir com o Arm Bar.

Pouco depois, a “Baddest Woman On The Planet” eliminou Lacey Evans, enquanto que Sonya Deville eliminou Xia Li.

Ronda Rousey e a antiga oficial da WWE ficaram assim para o fim deste Elimination Match, mas a ex-lutadora da UFC não deu muitas hipóteses e acabou por arrecadar a vitória com um Ankle Lock.

Com esta vitória, foi anunciado Liv Morgan vs Ronda Rousey pelo SmackDown Women’s Championship para o Extreme Rules de 8 de Outubro.

No balneário, os The Usos e Sami Zayn tentavam motivar e ajudar Solo Sikoa rumo ao combate contra Drew McIntyre, mas houve desentendimento entre o “Honorary Uce” e os Undisputed WWE Tag Team Champions.

No backstage, Ronda Rousey foi abordada por Shayna Baszler, que a parabenizou pela vitória no Fatal 5-Way Elimination Match, e a “Baddest Woman On The Planet” prometeu vingança contra Liv Morgan.

– Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) & Hit Row (Ashante “Thee” Adonis & Top Dolla) venceram Los Lotharios (Angel & Humberto) & Maximum Male Models (Mace & Mansoor): O combate começou melhor para o quarteto babyface, mas a equipa heel lá conseguiu isolar Ashante “Thee” Adonis dos seus parceiros e dominar durante alguns minutos. No entanto, Angelo Dawkins entrou e deu a volta ao combate.

O caos instalou-se tanto dentro como fora do ringue, com B-Fab, Maxxine Dupri e Max Dupri à mistura. No final, Top Dolla e Ashante “Thee” Adonis aplicaram o seu golpe double team e este último garantiu a vitória sobre Mansoor.

A seguir, os Alpha Academy (Chad Gable & Otis) apareceram para reclamar do que lhes aconteceu com Braun Strowman no Raw e afirmar que iriam estragar o regresso deste ao SmackDown, mas claro que isso não aconteceu.

O “Monster Among Men” lá interrompeu a dupla e destruiu-a dentro do ringue, tendo terminado o segmento com uma incrível Powerbomb em Otis.

No backstage, Drew McIntyre foi entrevistado sobre a derrota no Clash at the Castle e o combate que irá ter contra Solo Sikoa, deixando um aviso a este último.

– Drew McIntyre venceu Solo Sikoa (por desqualificação): O lutador escocês entrou com tudo neste combate e ia vencendo-o em muito pouco tempo, mas os The Usos salvaram o seu irmão ao puxarem-no para fora do ringue. Pouco depois e com alguma confusão, Solo Sikoa conseguiu começar a dominar.

Só que o “Scottish Warrior” conseguiu equilibrar o combate e começaram a surgir algumas oportunidades de vitória para ambos os lutadores. Sami Zayn e The Usos voltaram a interferir, mas sem grande sucesso, até porque os Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) apareceram para os despachar.

Depois de Drew McIntyre ter aplicado o Claymore Kick em Solo Sikoa, Karrion Kross apareceu para atacar o rival pelas costas. Este prendeu-o numa submissão e o SmackDown terminou com o lutador escocês quase a desmaiar.


O que achaste deste WWE SmackDown?

12 Comentários

  1. Wilow3 semanas

    MMM E NADA É A MESMA COISA 💩

    • Natan3 semanas

      Deus o livre, a pior stable da história com o melhor talento a ser desperdiçado como manager

    • Wilow3 semanas

      L.A. Night deve ganhar muito pra se expor a isso.

    • El Cuebro3 semanas

      Seria bom ter o Knight voltando aos ringues, ele solo vale muito mais do que essa stable toda junta, deviam desistir disso e levar as coisas de volta a seu normal, quem sabe mandar o Mace e o Mansoor para o NXT, mas não como dupla!

  2. The Name3 semanas

    La Knight está de volta, let’s goooooo!

  3. Ronda novamente? que desperdício

  4. Gostei:
    – 6-Man Tag. Um fantástico combate, com um ritmo elevado. Aquele momento onde o Sheamus e o Gunther voltaram a enfrentar-se após o seu brilhante combate foi brutal. Um combate altamente desfrutável e não me importava de ver esta feud a durar mais um mesito.
    – Aliyah & Rodriguez vs Toxic Attraction. Foi decente, apesar de não ter durado muito. Raquel esteve muito sólida, como habitual, e as Toxic também estiveram bem. Gostava que as campeãs começassem a ter combates mais longos, mas em princípio, o Triple H vai retificar o erro de há umas semanas e dar os títulos às Damage CTRL neste próximo Raw, que é a melhor decisão, na minha opinião.
    – Fatal Five Way Elimination para determinar a #1 Contender ao Women’s Title. Apesar de ter sido um combate curto, foi muito bem executado. A Ronda dominou a competição inteira e ficou bem a dominar todas. Também gostei da Sonya a ir a ela sem medo no final. Aquele counter à Lacey Evans para a armbar… lindo!
    – 8-Man Tag. Não posso dizer que isto foi mau. E o booking ao longo do combate foi sólido, portanto ninguém ficou mal.
    – Promo da Alpha Academy, espancados por Braun. Este é o Braun que tivemos durante algum tempo e que devia ter ficado assim. Aparece, mata todos, vai-se embora. Gostei de como o Otis deu-lhe resposta; continua a ser um lutador bem underrated nos meus olhos.
    – Drew McIntyre vs Solo Sikoa. Era um combate para exibir o Solo Sikoa e continuar a feud. Em termos de ação, não foi lá grande coisa, mas cumpriu o seu trabalho. Gostei da forma como o Karrion Kross atacou o Drew, especialmente de como o ecrã ficou preto e branco. Torna-o especial.

    Não Gostei:
    – The Bloodline introduz Sikoa, e são atacados por Drew, com Sami a levar mais uma bala pela Bloodline. O segmento não foi nada por aí além, só introduziu um novo membro e afirma que vai continuar a feud entre Drew e Roman. A única coisa de destaque foi mesmo o Sami a sacrificar-se novamente.

    Overall: 6.5/10. Um SmackDown decente hoje. Não foi o melhor, mas tem estado superior ao que andava a ser em meses passados. Hoje só destaco o combate de abertura, uma 6-man Tag brutal.

  5. The Brawling Brutes vs. Imperium – ⭐️⭐️⭐️⭐️

    Raquel & Alijah vs. Toxic Attraction – ⭐️⭐️⭐ ¾

    Fatal 5-Way Elimination – ⭐️ ¾

    8-Men Tag Team Match – ⭐️⭐️⭐️

    Drew McIntyre vs. Solo Sikoa – ⭐️⭐️⭐️ ½

    🤢 Alguem que explique as regras de uma Fatal 5-Way Elimination ao produtor do combate feminino. Mauzinho.

    🤷‍♂️ Toxic sem Mandy feels weird. É esperar. Esta semana tirando em cada 1 ou 2 bangers, não foi das melhores semanas de wrestling in-ring na WWE. Factos. Alguém se lembra dos Viking Raiders a destruirem os New Day? Estranho não estarem na Fatal 4-Way da próxima semana.

    💥 A rivalidade dos Brutes com os Imperium e a saga Sami – Bloodline está impressionante e bem over. Coisas boas.

  6. WWE3 semanas

    bom sd

  7. MC3 semanas

    Bom episódio do SmackDown.

    Como side note, o Kross é um gajo sortudo, dass 😅

  8. Tirando os Imperium vs Brawling Brutes, que foi o combate do show, foi tudo muito prevísivel.
    Os Bloodline têm demasiadas promos e tempo de antena.

  9. Anónimo3 semanas

    Ótimo combate entre os Imperium vs Brawling Brutes,destaco também o main event.