A WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir da MVP Arena em Albany, Nova Iorque, rumo ao WrestleMania Backlash do dia 8 de Maio.

Resultados

– Xavier Woods venceu Butch
– Gunther venceu Teddy Goodz
Raw Tag Team Champion Riddle venceu SmackDown Tag Team Champion Jey Uso
– Madcap Moss venceu Angel
– Drew McIntyre vs Sami Zayn (No Contest) (Lumberjack Match)

Report

O programa abriu com a assinatura de contrato para o I Quit Match pelo SmackDown Women’s Championship, sendo que Drew Gulak teve de trazer o contrato dos bastidores, sendo que queria mostrar um PowerPoint onde mostraria as regras para este combate. A “Queen” começou logo a insultar o novo assistente de Adam Pearce, antes de começar a enumerar as formas como poderia fazer a sua rival dizer “I Quit!”.

Antes de Ronda Rousey abrir a boca, Charlotte Flair virou a mesa e atacou Ronda Rousey com um kendo stick, mas esta virou o ataque a seu favor e atacou a “Queen” até que Drew Gulak a parou.

Isso foi má ideia para o assistente de Adam Pearce, que acabou por sofrer o habitual arm bar de Ronda Rousey, que aproveitou para assinar o contrato enquanto fazia-o desistir.

– Xavier Woods venceu Butch: Xavier Woods tentou entrar melhor, mas Butch com a sua agressividade virou o ímpeto a seu favor e dominou o lutador dos New Day durante vários minutos, mas este nunca se deixou ficar e foi equilibrando este opener.

Depois de várias quase vitórias, em especial por parte de Butch, Xavier Woods novamente com um pin rápido, venceu o lutador britânico. Assim que o combate terminou, Butch perdeu a cabeça com a sua derrota e atacou um segurança da WWE, antes de sair de cena pelo meio dos fãs.

Nos bastidores, Aliyah estava a falar com o Intercontinental Champion Ricochet e este estava a dizer que quer ser um dos melhores campeões de sempre, e foi então que Shanky desafiou o “One and Only” para um combate.

A seguir tivemos Ludwig Kaiser a apresentar Gunther, tendo afirmado que os dois vão trazer honra ao desporto do Wrestling.

– Gunther venceu Teddy Goodz: Gunther destruiu o seu adversário a seu bel-prazer e quando decidiu que estava na hora, acertou a sua Powerbomb e venceu este embate.

Nos bastidores, tivemos os Raw Tag Team Champions RK-Bro a conversar, com Riddle a dizer que está feliz por estar no SmackDown para estar com os seus amigos da brand azul. Drew McIntyre apareceu e depois de um momento de tensão entre o “Viper” e o “Scottish Warrior”, os dois fizeram as pazes. O segmento terminou com Sami Zayn a aparecer.

A seguir tivemos Xia Li a dizer que já não vai defender mais ninguém e agora está na altura de se defender a si própria.

– Raw Tag Team Champion Riddle venceu SmackDown Tag Team Champion Jey Uso: Riddle entrou de forma agressiva e dominou durante os minutos iniciais, mas fora do ringue virou o combate a seu favor, em especial quando acertou um Suplex na mesa dos comentadores à la Randy Orton.

O SmackDown Tag Team Champion dominou durante alguns minutos, mas cometeu o erro de tentar trocar strikes com o “Original Bro” e este começou a virar o ímpeto a seu favor e até quase venceu com o seu Floating Bro e com isso os dois lutadores foram tendo várias hipóteses para vencer.

No final, Jey Uso subiu à terceira corda para acertar o Splash, mas Riddle levantou os joelhos e apanhou o seu adversário num pin e venceu este combate. Quando o combate terminou, vimos imagens de Roman Reigns no seu balneário, que estava bastante zangado com o que aconteceu.

A seguir tivemos as WWE Women’s Tag Team Champions Naomi & Sasha Banks a serem entrevistadas e estas estavam a falar do seu futuro enquanto campeãs, mas foram interrompidas por Natalya & Shayna Baszler e estas não demoraram muito a dizer que serão as próximas campeãs, tendo a “Queen of Spades” empurrado “The Boss”, o que fez com que as campeãs aceitassem este desafio.

Nos bastidores, Happy Corbin foi chatear Madcap Moss, com este a recusar ser novamente o lacaio do seu antigo amigo, tendo o segmento terminado com o vencedor da Andre The Giant Memorial Battle Royal de 2022 a fazer uma piada sobre Happy Corbin.

De seguida tivemos um video package a promover a estreia de Raquel Rodriguez que acontecerá no próximo SmackDown.

– Madcap Moss venceu Angel: Madcap Moss entrou bem neste combate, mas com alguma batota de Humberto, Angel conseguiu ter alguma ofensiva, mas o poderoso lutador virou o ímpeto a seu favor e no final acertou a sua Punchline e garantiu mais uma vitória.

Assim que o combate terminou, Happy Corbin atacou Madcap Moss à traição, tendo fechado o ataque com o End of Days, antes de sair de cena com o troféu da Andre The Giant Memorial Battle Royal de 2022.

No balneário do Undisputed WWE Universal Champion Roman Reigns estava zangado com a derrota de Jey Uso, sendo que Paul Heyman afirmou que Sami Zayn queria falar com o “Tribal Chief”. O “Great Liberator” começou por reconhecer o campeão e a bajular Roman Reigns e afirmou que ele ouviu lutadores a falar mal da sua família e que este tem uma proposta para fazer ao Undisputed WWE Universal Champion.

Ele precisa de vencer Drew McIntyre e que se tiver ajuda para isso, no futuro ele irá devolver o favor com o maior dos gostos. Já depois de Sami Zayn sair de cena, Roman Reigns mandou os seus primos garantir que ninguém fala sobre a sua família.

A seguir tivemos Lacey Evans a falar mais uma vez da sua juventude complicada e como isso a ajuda a ser uma pessoa e uma Superstar melhor.

– Drew McIntyre vs Sami Zayn (No Contest) (Lumberjack Match): Sami Zayn tentou fugir assim que este embate começou, mas nada feito e isso deu o domínio a Drew McIntyre. O “Great Liberator” só ficou no controlo quando Sheamus & Ridge Holland atacaram o “Scottish Warrior” e isso fez com que Sami Zayn dominasse durante alguns minutos.

Quando Drew McIntyre já estava novamente no controlo, os Usos atacaram os RK-Bro fora do ringue o que aumentou a confusão, que terminou com Drew McIntyre a voar para cima de vários lutadores, o que abriu espaço para que Sami Zayn se escondesse e conseguisse fugir mais uma vez.

Adam Pearce apareceu e explicou que pensava que era impossível alguém fugir de um Lumberjack Match, mas cá estamos e na próxima semana, eles irão voltar a lutar, mas desta vez será um Steel Cage Match.

Jinder Mahal e Shanky decidiram então entrar em ringue para atacar Drew McIntyre, mas este aguentou o ataque e depois de dois Glasgow Kisses, acertou um Claymore Kick no seu antigo amigo.


O que achaste deste WWE SmackDown?

17 Comentários

  1. Willow2 meses

    Mais um SmackDown, mas um show fraco. Criatividade 0 e combates mais do que repetitivos.

  2. Nuno Ramos2 meses

    Só gostava de perceber uma coisa. Desde quando Roman Reigns Tribal Chief manda nos seus próprios primos? Por ser lider? Por ser campeão? Ou é pela personagem que interpreta duma storilyne. Mas o wrestling é desporto ou é um teatro e uma encenaçao.

  3. MC2 meses

    Digam o que quiserem, o Gunther está um espetáculo fisicamente, melhor que antes (e mais saudável) e continua a fazer o que sempre fez: a desmantelar os idiotas que lhe aparecem pela frente. Pushem este gajo até à lua!

  4. Quando o main event é isto esta visto o queba smackdown é, pior que heat de 2003 ou wse superstars de anos mais tarde… enfim coisa tão deprimente…

  5. Gostei:
    – Assinatura de contrato entre Charlotte Flair e Ronda Rousey, com Drew Gulak por lá também. A bulha foi a melhor parte disto e aquela imagem da Ronda a assinar o contrato enquanto tem o Gulak numa arm lock ficou bem. Fico feliz por ver o Gulak a fazer algo que não seja ficar o show inteiro no catering.
    – Xavier Woods vs Butch. Foi sólido. Podia ter sido melhor, mas não me importo e foi um bom combate de abertura. Gosto também da agressividade desta nova gimmick do Pete Dunne, mas podíamos parar com o Sheamus e o Ridge Holland a tratar dele como se fosse uma criança.
    – Riddle vs Jey Uso. Um ótimo combate, com uma ótima near fall pouco depois de Riddle falhar o RKO. Este mais o da semana passada já dão uma boa sneak-peek para o que devemos esperar no Backlash entre estas 2 tag teams.
    – Entrevista com Naomi e Sasha Banks, interrompida por Natalya e Shayna Baszler. É bom saber que ainda vai haver uma feud entre as 2 TAG TEAMS na divisão feminina. As promos foram decentes, vá.
    – Segmento entre The Bloodline e Sami Zayn. Bom segmento aqui, com propostas muito interessantes da parte de Sami Zayn. Parece que vão começar a preparar a feud entre Drew McIntyre e Roman Reigns, o que é bom, mas e Shinsuke Nakamura? Levou com um double superkick há umas semanas e… já está?
    – Nova vinheta da Lacey Evans. Não esperava que isto me tocasse no coração, mas ora aqui está. Ótima vinheta, que esta nova gimmick de Evans continue este bom momento.
    – Drew McIntyre vs Sami Zayn. Portanto, até foi um bom combate, apesar de ser o teu típico lumberjack: eles são mais educados com o heel e mais agressivos com o face. Depois claro, uma briga enorme permite a Zayn fugir, o que significa: 3 semanas, 3x o mesmo combate, 3x o mesmo final… Um bom combate com um final de caca.

    Não Gostei:
    – Gunther vs Teddy Goodz. Siga meter o Gunther em combates com membros mesmo do roster. Sei que há que introduzi-lo há malta mais casual, mas metê-lo em squashes é um desperdício (eu sei que é só a 2ª squash desde que chegou).
    – Madcap Moss vs Angel. Que parvoíce de taunt é aquela do Moss dar chapadas no seu cu? Ao menos já não é o Bobby Lashley, mas continua a ser parvo. O combate não teve nada de substância e o mesmo se aplica ao que aconteceu pós-combate.

    Overall: 6/10. Achei uma SmackDown positiva. Podia ter sido bem melhor, mas não a achei tão má quanto outros. Destaco a vinheta de Lacey Evans e Riddle vs Jey Uso.

  6. Anónimo2 meses

    Ótimo combate entre Jey Uso e Riddle. Bom segmento entre a Bloodline e Sami Zayn.

  7. Foi um SmackDown razoável mas uma pergunta: quem é o Teddy Goodz? :/

  8. Foi um Smackdown q.b que podia ter sido bem melhor!

  9. Kick_Ass2 meses

    Episódio fraco tal como foi o RAW desta semana, há muito que melhorar…
    A única coisa positiva foi mesmo o combate do Jey Uso vs Riddle porque o resto foi descartável.