Impacto! #118 – Road to Lockdown

O TNA Lockdown é já este Domingo, dia 9 de Março, em directo e ao vivo de Miami, Flórida. O Wrestling.PT irá transmitir o evento em directo que começa às 01h em Portugal, 22h no Brasil. Nesta edição do Impacto! iremos falar desta edição de 2014 do mais perigoso PPV do ano.

Antes de começar tenho que sublinhar que não devem de forma alguma deixar de ler a antevisão deste PPV, feita pelo José Sousa. Completando a sua antevisão e propositadamente usando o meu “tempo de antena” para fazer o “hype” da edição deste ano do Lockdown, irei olhar para cada um dos combates que poderemos assistir Domingo. Sende este PPV recheado de combates com estipulações, decidi apenas explicar as regras de cada combate, o que vai estar em jogo e a história que levou a onde nos encontramos hoje. Espero que esta iniciativa seja de utilidade para todos aqueles que vão assistir ao PPV e sobretudo para aqueles que querem assistir, mas sentem que poderão não estar totalmente por dentro dos recentes desenvolvimentos, histórias e personagens.

Magnus vs Samoa Joe (Steel Cage Match pelo TNA World Heavyweight Champioship)

Regras: Este combate será pelo TNA World Heavyweight Champioship, pelo que o vencedor do combate será o Campeão Mundial. MVP determinou na semana passada que este combate entre Samoa Joe e Magnus apenas poderia ser ganha via submissão, o que implica que um dos lutadores desista ou perca os sentidos (knockout).

História: A história de Magnus e Samoa Joe começa no início de 2011, quando a TNA decidiu realizar Wild Card Tournment para determinar uma dupla que seria candidata aos títulos da Divisão de tag team. As equipas foram escolhidas aleatoriamente e quis a sorte que Joe e Magnus formassem a equipa que acabaria por vencer esse torneio. No PPV Genesis Joe e Magnus tiveram pela frente Crimson e Matt Morgan, mas não arrecadaram os títulos, algo que só viria a acontecer quase um mês depois no PPV Against All Odds. A dupla viria a prolongar o seu reinado até Maio, perdendo no Sacrifice para os Bad Influence. Com a primeira edição da Bound For Glory Series acabou a parceria e ambos os lutadores seguiram para tentar conquistar uma hipótese de lutar pelo titulo mundial. Ora, tal como James Storm e Bobby Roode, também Magnus e Samoa Joe acabariam por perder mais que uma perceria na BFG Series. Joe acabaria por eliminar Magnus no Gauntlet Match que abriu a BFG Series e na fase regular do torneio Joe venceu o combate contra Magnus e deixou-o de fora das meias-finais. Magnus foi à procura de vingança e desafiou Joe para um combate pelo TV Title, que era detido por Joe na altura. Mais uma vez Magnus foi incapaz de vencer o Samoan Submission Machine. Frustrado, Magnus viria a desafiar Joe para um rematch numa edição do Open Fight Night e desta vez Magnus teve uma derrota mais saborosa, ao ser desqualificado por atacar Joe com uma ferramenta. A rivalidade culminou num combate no PPV No Surrender, onde Joe voltou a sair vencedor. Curiosamente esta é uma história que não assistiu a um capitulo final. É que pouco tempo depois do PPV, Magnus foi atacado pelos Aces and 8s nos bastidores e teve que se afastar para recuperar de uma lesão no joelho. Ao regressar à televisão, Magnus e Joe não voltaram a acertar contas e até voltaram a combater lado a lado, numa nova versão dos Main Event Mafia. Hoje, Magnus é o novo World Heavyweight Champion graças à ajuda de Dixie Carter, Rockstar Spud e EC3, enquanto Joe esteve do lado contrário da barricada a defender um combate justo pelo titulo mundial. Durante uma edição recente do Impact Wrestling, foi agendado um tag-team match entre EC3 e Magnus contra Kurt Angle e Samoa Joe. Se Magnus e EC3 vencessem o combate forçariam os seus adversários a abandonar a TNA, mas se Joe e Angle ganhassem o combate, quem conseguisse o pin ou a submissão iria receber o title shot. Joe cumpriu a missão e aqui estamos hoje. Será que Magnus conseguirá sobreviver a Samoa Joe dentro de uma jaula? Sem ajudas externas e com a vitória só ao alcance de uma submissão, parece que as contas são hoje muito difíceis para Magnus…

Team MVP vs Team Dixie (Lethal Lockdown)

Regras: O combate decorre dentro de uma cage e começa com um lutador de cada equipa dentro do ringue. Depois um lutador de cada equipa entra em acção a cada dois minutos, sendo que a ordem de entrada de cada equipa (ou seja quem fica com a vantagem) ainda não foi determinada no momento em que escreve este Impacto!. Assim que todos os lutadores entrarem no ringue, o tecto da cage desce, recheado de armas, e esta fica totalmente selada. O combate só pode ser ganho via submissão ou pinfall.

História: Há algumas semanas atrás os Wolves Davey Richards e Eddie Edwards estrearam-se na TNA, mas recusaram a oferta de um tryout por parte de Dixie Carter afirmando que já tinham os contratos assinados com a TNA, por acção de um novo investidor. MVP foi o cara que regressou à TNA no papel de investidor, mostrando que estava muito insatisfeito pela forma como Dixie Carter tem comandado a TNA. Apesar de uma fraca tentativa de aproximação de Dixie Carter a MVP, este mostrou que quer romper com o Dixie e quer trazer algo de novo à organização. Sem nenhum tipo de acordo a ser possível, MVP e Dixie decidiram trazer para o Lockdown o futuro da TNA, neste Lethal Lockdown onde a equipa vencedora conquistará o controlo da organização. Na equipa de Dixie Carter vai estar Bobby Roode (que receberá 10% das acções da TNA se conseguir vencer o combate), Austin Aries e os BroMans, enquanto MVP e os The Wolves irão estar na equipa contrária, à qual se juntará um parceiro mistério.  A grande pergunta: Quem sairá com o controlo da TNA? MVP ou Dixie Carter?

Madison Rayne vs Gail Kim (Steel Cage Match pelo Knockouts Championship

Regras: O Ringue vai estar rodeado por uma jaula de ferro. Uma lutadora pode ganhar por submissão, pinfall ou se conseguir fugir da jaula. A vencedora será a campeã da divisão feminine da TNA.

História: ODB, Tessmacher e Gail Kim defrontaram-se pelo titulo da divisão no PPV Bound For Glory. Para vencer o combate, Gail Kim recorreu a uma ajuda preciosa de Lei’D Tapa que atacou as suas adversárias e facilitou a tarefa. Kim reteve o titulo com a ajuda de Tapa e até se deu ao luxo de lançar um open challenge a qualquer lutadora que estivesse disposta a tentar roubar o seu titulo. A surpresa surgiu perto do final do ano, quando Madison Rayne regressou à TNA depois de alguns meses de ausência para salvar ODB de um ataque de Lei’D Tapa e Gail Kim. Em Janeiro, Rayne acabaria por defrontar Kim pelo titulo e com sucesso sagrou-se a nova KO champion. Desde então, Kim e Rayne entraram em rota de colisão e num Street Fight Match, Gail Kim conseguiu este title que agora a vai permitir ter a oportunidade de recuperar o titulo. Quem sairá da cage como campeão das Knockouts?

Gunner vs James Storm (Steel Cage Match)

Regras: O Ringue vai estar rodeado por uma jaula de ferro. Um lutador pode ganhar por submissão, pinfall ou se conseguir fugir da jaula.

História: Em Maio James Storm viu-se numa situação muito complicado, ficando no meio de uma tempestade de tag-teams entre os Bad Influence e os Dirty Heels (Austin Aries/Bobby Roode). A forma do Cowboy se defender foi procurar um aliado e encontrou-o em Gunner. No Slammiversary Gunner e Storm, enfrentaram os Bad Influence, os Dirty Heels e a dupla Chavo/Hernadez para um combate pelos titulos da divisão. Foi a tempestade perfeita para Storm que acabou como Tag-team champion. O reinado desta equipa duraria até ao Bound For Glory, onde a dupla acabaria por perder os títulos para os BroMans. Durante os meses desse reinado, Gunner e Storm começaram a dar sinais de desentendimentos, com a dupla a ter algumas vitórias muito complicadas com erros individuais. Os problemas agravaram-se quando falharam a oportunidade de reconquistar os títulos diante dos BroMans novamente por culpa de erros individuais. A dupla acabaria por se separar em definitivo quando durante um Feast or Fired Match, Gunner atacou Storm e custou-lhe a conquista de uma das malas, que mais tarde se viria a saber que continha um title shot pelo World Heavyweight Championship. Storm acabou por se juntar a Bobby Roode para defrontar Gunner e Kurt Angle e segurar uma vitória, que este prometeu enterrar o machado de guerra. No entanto, Storm acabou por mostrar que não esquecia e não perdoava, quando interferiu no combate pelo Titulo Mundial entre Gunner e o campeão Magnus, custando ao Modern Day Viking  a vitória nesse combate. O Lockdown será o palco do ajuste de contas. Quem sairá por cima, Gunner ou James Storm?

Kurt Angle vs Ethan Carter III (Steel Cage Match)

Regras: O Ringue vai estar rodeado por uma jaula de ferro. Um lutador pode ganhar por submissão, pinfall ou se conseguir fugir da jaula.

História: De forma muito simples, Ethan Carter III estreou-se na TNA como sobrinho de Dixie Carter e obedecendo às vontades da sua tia, decidiu ajudar Magnus a manter o titulo mundial, quando este defrontou Kurt Angle. EC3 salvou Magnus de um Angle Lock e não satisfeito, mais tarde acabou por atacar maliciosamente Kurt Angle provocando uma lesão no joelho. Na semana passada em Londres, Angle foi definitivamente induzido no TNA Hall of Fame e EC3 quis interromper a cerimónia, confirmando que no Lockdown Angle terá oportunidade de se vingar de EC3. Será que EC3 irá derrotar mais uma lenda da TNA depois de Sting? Ou irá Kurt Angle ensinar uma lição a este mimado presunçoso?

Mr. Anderson vs Samuel Shaw (Steel Cage Match)

Regras: O Ringue vai estar rodeado por uma jaula de ferro. Um lutador pode ganhar por submissão, pinfall ou se conseguir fugir da jaula.

História: O enquadramento deste combate centra-se mais em Sam Shaw que em Mr. Anderson. De Anderson apenas refiro que este vem de uma feud com Bully Ray, que parece ter ficado para já concluída. Samuel Shaw regressou à TNA no final de 2013, numa série de segmentos em que este aparecia obcecado com Christy Hemme, chegando a atacar quem dela se aproximasse nos bastidores. Há duas semanas atrás, Mr. Anderson teve a infeliz ideia de trocar algumas palavras com Hemme acabando por ter um acesso que fúria que resultou em que Hemme perdesse os sentidos. A semana passada Shaw tentou pedir desculpas pelo seu comportamento a Hemme, mas acabou por ser interrompido por Anderson. Shaw acabou por usar Hemme como escudo e acabou por atacar Anderson, colocando-o no seu side choke – Kata gatame. Irá Shaw continuar a sua perseguição a Christy Hemme ou irá Anderson ser capaz de travar a obsessão de um homem?

Link permanente da imagem incorporada

Bad Influence e Chris Sabin vs The Great Muta, Seiya Sanada e Tigre Uno (Steel Cage Match)

Regras: O Ringue vai estar rodeado por uma jaula de ferro. Um lutador pode ganhar por submissão ou pinfall.

História: Este combate não tem nenhuma história de enquadramento e basicamente resulta da recente parceria entre a Wrestle-1 e a TNA. Numa rara aparições em território Norte-Americano, o The Great Muta regressa aos ringues ao lado do seu protegido e recente novo X Division Champion Sanada, aos quais se junta o estreante talento Mexicano e ex-AAA Tigre Uno. Esta espécie de Team Internacional vai defrontar os maus da fita Bad Influence Kazarian e Christopher Daniels, que vão ter a companhia de Chris Sabin. Quem vencerá faces ou heels?

Video da Semana

Willow is Coming!

Não se esqueçam que podem e devem continuar a deixas as vossas questões, nos comentários, para a Presidente da TNA Dixie Carter.

Até ao próximo Impacto!

Sobre o Autor

- Colaborador do Wrestling.PT para os conteúdos da Total Nonstop Action!

21 Comentários

  1. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Boa explicação das regras, e rivalidades.

    O card é muito bom, dos melhores da season TNA, onde tenho bastante curiosidade em relação ao Shaw, acredito numa intervenção do Bully, mas já mencionaste que talvez a rivalidade estivesse encerrada!Bons motivos para ver o PPV(infelizmente não vou ver em directo)

    • Jorge Rebelo - há 3 anos

      Por acaso há algumas ausências importantes deste PPV, desde logo o Bully Ray, mas também o Abyss e o Eric Young. Para todos os efeitos ainda não sabemos de que forma o Jeff Hardy ou o Willow vão fazer parte do Lockdown. Entre o Impact de hoje e o PPV de Domingo podemos ainda ter algumas surpresas e agrada-me que sem jogar os trunfos todos, a TNA conseguiu colocar um bom card para este PPV.

      • MR Perfection André Santos - há 3 anos

        Sem duvida, achas que o Willow fará o debut no PPV?

      • Jorge Rebelo - há 3 anos

        O Jeff Hardy está a ser anunciado pela TNA para os 2 dias do Lockdown (fan fest e PPV), pelo que isso é certo. Agora resta saber se vai haver Hardy e Willow ou só Willow ou até algo estilo Joseph Park/Abyss.

  2. Franciscoxb - há 3 anos

    Bom artigo!

    Estou bastante curioso para ver o Lockdown,estou curioso para ver o Sam Shaw em ring, adoro a gimmick dele, só que ainda não vi muito dele em ring, com o Anderson deve mostrar o seu talento em ring.

    No Lethal Lockdown, o participante mistério da Team MVP deve ser o AJ Styles, acredito que o MVP no Lockdown faça o turn e que dê a vitória a Team Dixie aplicando o seu finisher no AJ e o Bobby Roode faz o pin, para tornar a storyline mais interessante.ficando os dois com o controlo da TNA (Dixie e Mvp) vs AJ Styles numa feud

    • THE STEPFATHER - há 3 anos

      Cara, eu acho muito pouco provável que isso aconteça, mas seria ótimo se acontecesse, principalmente por ter o AJ de volta.

    • Jorge Rebelo - há 3 anos

      Com essa ideia, já ganhaste :D

      • Silveira9 - há 3 anos

        Era bom…mas duvido até porque o AJvai defrontar o Chris Hero dia 21 num show da ROH

      • Jorge Rebelo - há 3 anos

        Que combate brutal em perspectiva!

      • Franciscoxb - há 3 anos

        Então o membro mistério da team MVP podia ser o Eric Young, e podia acontcer uma feud entre Dixie and MVP vs Eric Young, acho que o Young com uma gimmick certa, poderia chegar ao Main Event, pois tem talento

  3. DanielBR - há 3 anos

    Belo artigo,não sabia a respeito da estipulação do Joe vs Magnus ,deixou mais interessante pois duvido q o Joe “peça pra sair” ou q o Magnus perca o combate.

    • Jorge Rebelo - há 3 anos

      As emana passada, na assinatura do contrato para o main-event, o MVP colocou essa estipulação no combate, de este só poder ser ganho por submissão.

  4. YO - há 3 anos

    Eu achava que o Roode ia fazer o face turn e dar a vitória pro Team MVP,mas agora já não sei.O terceiro membro do Team MVP será quem vai fazer a diferença.Só não sei quem será ele.Talvez o Willow ou o Sting,mas eu gostaria que fosse o AJ,mas isso é pouco provável.
    O main event é imprevisível.Não consigo ver o Joe dar tap out e não vejo o Magnus já perdendo o título.

  5. MicaelDuarte - há 3 anos

    Bom trabalho Jorge.

    Pode não ser o combate em qual os fãs depositam mais expectativas, mas eu estou curioso em relação ao combate entre o Samuel Shaw e o Anderson. Será um boa prova para testar aquilo que o Shaw vale em ringue, uma vez que, em termos de personagem, tem estado bem.

    Não consigo ter interesse no “Team Dixie” vs “Team MVP”.

    Claro que também quero ver o Magnus vs Samoa Joe, mas como já disse, o Shawn/Anderson convenceu-me, especialmente com o último segmento.

    Não me recordo se costumas dar a tua opinião acerca dos vencedores, mas achas que o Magnus continuará Campeão Mundial? A meu ver, gostava que ele permanecesse Campeão e depois, no fim da “feud”, o Joe se tornasse Campeão…

    • Jorge Rebelo - há 3 anos

      Micael como o José Sousa ainda vai fazer a antevisão do PPV estou a aguardar o trabalho dele para fazer as minhas previsões. Neste impacto! apenas quis fazer uma explicação, um guia para aqueles que normalmente não seguem a TNA e o queiram fazer neste Domingo.

  6. AwesomeTheMiz - há 3 anos

    Bom artigo, Jorge!!

    O card está excelente este ano. Como fã de Steel Cages Matches posso dizer que o LockDown é o meu pay-per-view preferido, por este combate se caracterizar. Desde que acompanho TNA, a edição de 2012 deste pay-per-view ainda me faz tremer. E mais, fico feliz por esta edição voltarmos ao comum e todos os combates serem na Steel Cage, diferente do ano passado.

    Palpites, por enquanto:
    – Magnus
    – Team MVP
    – Madison Rayne
    – James Storm
    – Ethan Carter III
    – Mr. Anderson

    • Jorge Rebelo - há 3 anos

      Tenho opinião diferente em muitas dessas previsões, mas vamos ter oportunidade para falar nisso quando o José publicar a sua antevisão deste PPV.

      • AwesomeTheMiz - há 3 anos

        Sim, até por isto disse por enquanto. Até porque temos o Impact de hoje e também irei ler as previsões do José no Sábado. Te aguardo para falar mais lá, Jorge! E podes ter certeza de especialista em TNA que és, influenciarás nos meus palpites! xD

      • Jorge Rebelo - há 3 anos

        Olha que não sou muito bom em previsões, já que a lógica dos resultados nem sempre é coerente :D

  7. danielLP21 - há 3 anos

    Excelente artigo Jorge. O Lockdown deste ano tem um “card” muito bom, quase tão bom como o que o Genesis podia ter tido caso tivesse sido transmitido em formato de PPV. Lembro-me de dizermos na altura que a TNA podia estar a gastar os trunfos naqueles iMPACT’s e que corria o risco de o Lockdown perder qualidade com isso, mas a verdade é que lá se safaram bem…

    No Sábado, darei as minhas previsões e aguardo também pelas tuas. Ainda não sei se vejo o PPV em directo, mas é provável que o faça.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador