Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Neutralizer #6 – Benoit vs Bryan em 3 Moves

Sejam bem-vindos à 6ª edição do Neutralizer. O artigo de hoje será um pouco diferente do que tenho vindo a apresentar, pois terá uma parte com uma análise mais técnica a 3 manobras utilizadas por dois lutadores muito técnicos. Falo, claro está, de Chris Benoit e Daniel Bryan.

CHRIS BENOIT

Chris Benoit começou a sua carreira no wrestling em 1985 na companhia de Stu Hart, a Stampede Wrestling. Treinado por Stu e Bruce Hart na popular “Hart Dungeon”, Benoit tinha como ídolos Bret Hart e Dynamite Kid. Em 1986, foi para o Japão onde treinou na New Japan Pro Wrestling. Entre esse ano e 1994, Benoit esteve no circuito independente, contudo teve uma breve passagem pela WCW em 1992. Em 1994, teve o primeiro grande passo na sua carreira, ao estrear-se na ECW com o ring name de “Crippler”. No “November 2 Remember”, Benoit partiu o pescoço a Sabu e mais tarde, em Fevereiro de 1995, ganhou os títulos de equipas da ECW com Dean Malenko. Benoit voltou para a WCW em 1995, começando a demonstrar o seu grande potencial no mid-card. Mais tarde, ainda nesse ano, Benoit juntou-se aos “Four Horseman”.

Em 1996, Benoit teve uma rivalidade com Kevin Sullivan, onde na história Nancy (a mulher de Sullivan) estava a trair o seu marido com Benoit. Mas, na altura as coisas eram diferentes e ainda não havia tanto aquela noção de que o wrestling é pré-determinado, e por isso Benoit e Nancy teriam que ser vistos juntos, de forma a que a storyline parecesse real. Contudo, a aproximação de Nancy com Benoit, levou ao divórcio da primeira de Sullivan o que originou algumas discussões de backstage entre Benoit e Sullivan.

Em 1999, Benoit venceu os títulos de equipas da WCW com Dean Malenko.

Benoit a certa altura ficou insatisfeito com o facto de estar sempre no mid-card, nunca dando o passo ao main event. A WCW acabou por dar-lhe o título Mundial como um “suborno” para que ele não saísse da companhia, mas Benoit “não quis saber” e acabou mesmo por abandonar a WCW um dia depois da vitória.

Estrou-se na WWE no ano de 2000 no grupo “The Radicalz”. Venceu o título Intercontinental na WresteMania do mesmo ano e entrou em feuds pelo título da WWE.

Num combate TLC no meio do ano, Benoit sofreu uma lesão no pescoço, que o afastou dos ringues por um ano. Quando regressou, Benoit venceu o título Intercontinental pela quarta e última vez e o título de tag team, tendo como parceiro Kurt Angle.

Em 2004, Chris Benoit foi o vencedor da Royal Rumble e na WrestleMania 20 venceu Triple H e HBK, tornando-se no novo World Heavyweight Champion. Benoit continuou com o título até ao Summerslam onde perdeu para Randy Orton.

Após disso e até ao ano de 2006, voltou a ser um mid carder e esteve em rivalidades pelo United States Championhip. Em 2007, Benoit foi para a ECW, onde no “Vengeance”, tinha um combate marcado pelo título mundial da ECW contra CM Punk. Rumores indicavam que Benoit era suposto vencer o título nesse PPV, até que…

Benoit não apareceu no evento, com a justificação que a esposa (Nancy) e o filho (Daniel) estavam doentes. No telefonema efectuado aos oficiais da WWE, Benoit despediu-se com um “I love you”, e isso não era muito comum vindo de Benoit. Chavo Guerrero foi dos que mais desconfiou e resolveu ligar-lhe mas a resposta foi a mesma: a família estava doente e Chris não podia comparecer.

Na segunda-feira seguinte ao PPV a notícia de que Benoit, a sua esposa e o seu filho tinham morrido caiu que nem uma bomba. No início, tudo parecia um triplo assassinato, mas com as investigações descobriu-se que Benoit teria morto o seu filho e a sua mulher e posteriormente, teria cometido o homicídio. Uma notícia chocante, até porque Benoit era descrito como “um homem de família, uma pessoa calma e descontraída, um bom marido…”

Chris Benoit passou a ser conhecido como um assassino! Os media esmagaram o wrestling completamente, quando descobriram que Benoit tomava esteróides, chegando a haver a intervenção do FBI, que considerava as notícias sensionalistas. A seguir?? Seguiu-se aquilo que todos nós sabemos, a WWE “apagou” a imagem de Benoit completamente dos seus registos, era como se ele nunca tivesse existido.

Minha opinião: Chris Benoit é sem dúvida dos melhores wrestlers de sempre a nível técnico, as suas ring skills eram das melhores de sempre e Benoit foi um grande inovador neste ponto, ao utilizar manobras que não eram muito comuns na altura. Infelizmente, as suas mic skills não eram das melhores, mas o seu carisma vinha ao de cima com as suas manobras, que “falavam por ele”. Sem dúvida um dos melhores lutadores de sempre! Quanto à parte “fora do ringue”, eu como uma pessoa que acredita muito na humanidade, não posso considerar o que este homem fez, não menos do que uma “monstruosidade”. É por isto que eu não posso concordar quando chamam a este homem “uma lenda”, e também é por isso que eu não concordo com a entrada de Benoit no Hall of Fame.

Triple H (c) vs HBK vs Chris Benoit – WrestleMania 20:
Chris Benoit Tribute (RAW) – http://youtu.be/s5CWp-ovUlQ
Vince McMahon “apaga” Chris Benoit do passado da WWE – http://youtu.be/Ri7ZdIahMJg

DANIEL BRYAN

Daniel Bryan começou a sua carreira de wrestling em 1999, tendo sido treinado por Shawn Michaels e William Regal. Mas o seu grande destaque viria acontecer na Ring of Honor, estreando em 2002 e sendo um dos participantes do primeiro main event da companhia. Em 2005 Bryan derrotou James Gibson para se tornar RHO Heavyweight Champion, mantendo o título por 15 meses e defendendo o mesmo contra Samoa Joe, Chris Hero, Kenta e muitos outros…

Na ROH, foi o primeiro homem a unificar 2 títulos na cmpanhia, ao unificar o ROH Pure Title e o ROH World Title.

Daniel Bryan acabou por assinar pela WWE em 2009, fazendo a sua estreia no NXT, entrando numa storylines com o seu “pro” The Miz. Esta rivalidade terminou no Night of Champions de 2010, com Bryan a vencer Miz pelo United States Championhip.

No NXT, perdeu muitos combates e foi “mandado embora” após um incidente com Justin Roberts, em que Bryan “estrangulou” Roberts e a WWE não considerou essa ação PG.

No Summerslam, Bryan foi um dos membros da Team WWE que enfrentou os Nexus no mesmo PPV. A prestação de Bryan foi bastante boa e ficou entre os últimos lutadores no combate. Bryan perdeu o título em março de 2011.

No Money in The Bank de 2011, Bryan venceu a mala que lhe dava uma oportunidade pelo título mundial quando ele quisesse. O cash in acabou por acontecer no PPV TLC, no então campeão Big Show, que vinha de um confronto físico com Mark Henry. Bryan fez o heel turn em plena rivalidade com Show e defendeu o título na Wrestlemania 28, perdendo o título para Sheamus em 18 segundos, acabando um reinado que deixava muito a desejar.

Em 2012, fez equipa com Kane formando a Team Hell No, que se tornaram campeões de equipas num reinado longo e divertido. Acabaram por perder os títulos para os The Shield.

Recentemente, Bryan separou-se de Kane e está a receber um push, e julgo que não estou errado quando digo que ele é o homem mais over na WWE actualmente. Bryan será um dos participantes na MITB Ladder Match pelo WWE Championhip e pelo menos por agora, é um dos principais favoritos à vitória.

Minha opinião: Bryan é um wrestler muito técnico e daqueles que sabe conduzir os combates. As suas mic skills são boas, apesar de não ser dos melhores neste aspeto. Na questão do carisma, bem carisma é o que não lhe falta…Daniel Bryan consegue pôr toda a plateia a gritar YES! YES! YES! ou NO! NO! NO! Penso que não é preciso dizer mais nada! Além disso, é um homem bastante elogiado no backsatage, não tem problemas com drogas e é um bom exemplo.

Bryan Danielson (Daniel Bryan) vs CM Punk – ROH: http://youtu.be/9-A-VyaUIGk
Ataque de Daniel Bryan a Justin Roberts – http://youtu.be/hD2gkoX0FtQ
Daniel Bryan cashes in on Big Show – http://youtu.be/cv9Iix4-b6I

Vamos passar à segunda parte do artigo. Como sabem as semelhanças entre Benoit e Bryan são bastantes, desde ambos serem dos melhores wrestlers técnicos de sempre, até serem 2 especialistas em submissões…Mas neste artigo, vou compará-los com base em 3 manobras que ambos executam: Diving Headbutt; Snap Suplex/Snap Half-Hatch Suplex; CrossFace Crippler/No (Yes) Lock.

Diving Headbutt

Criado por Dynamite Kid, este move consiste num salto da terceira corda, lançando-se de uma forma horizontal abrindo os braços (de forma a que fique mais bonito para a fotografia) e aterra com a cabeça na zona do peito do adversário.

No aspecto real, não considero uma manobra de alto risco…o tempo de ar implica mais força devido à gravidade, a cabeça pesa em média 4 quilos mas a gravidade pesa mais, o crânio, mais propriamente a testa, sendo o osso mais duro do corpo humano e tendo pontaria pode partir as costelas, causar falta de ar no esterno ou partir de imediato o nariz se a mira for a cabeça do adversário.

Comparando este movimento feito por Benoit e Bryan, eu penso que Bryan é um pouco mais “desleixado” e deixa as pernas de qualquer maneira, enquanto que o salto de Benoit é mais bonito de se ver e o próprio salto é mais “direito e firme”.

SNAP SUPLEX / SNAP HALF-HATCH SUPLEX

Este movimento é executado da mesma forma de um Suplex normal, ou seja o braço do adversário é posicionado atrás da cabeça do executante, depois agarra as calças do mesmo para posteriormente puxá-lo para trás, dando uma cambalhota de 180º, fazendo o adversário cair de costas.

A parte do “Snap” é quando o suplex é executado mais rapidamente com um trajecto mais curto em que a força toda do executante é concentrada nas ancas permitindo levantar no ar o adversário e não desequilibrar-se. Esta versão é mais de Chris Benoit…

Pois a versão de Bryan tem algumas diferenças…primeiro chama-se Snap Half-Hatch Suplex e segundo Bryan não coloca o braço do adversário por trás da sua cabeça, em vez disso, agarra o braço por baixo do sovaco o que implica mais estabilidade e força devido à baixa estatura e baixo peso de Bryan.

No aspeto real, afecta toda a espinha vertebral com uma concentração maior de dor na zona lombar, podendo ter a consequência de falta de ar. Neste caso, eu prefiro a versão de Bryan pois a prisão do braço da sua versão tem mais segurança que o movimento aplicado por Benoit, contudo a versão deste é ligeiramente mais rápida. Ainda assim, gosto mais da versão de Daniel Bryan.

CROSSFACE CRIPPLER / NO (YES) LOCK

Estes 2 finishers são praticamente iguais com ligeiras diferenças. A aplicação desta submissão obriga o adversário a estar deitado no chão com a barriga virada para baixo. Esta manobra obriga o executante a controlar um dos braços do adversário nas suas pernas e prender a cabeça do adversário puxando-a para trás para deslocar o pescoço e a cervical controlando as costas do mesmo com o corpo do usuário para não deixar o oponente fugir e dobrar a espinha vertebral na zona lombar. Por isso, esta manobra implica a prisão do braço e a pressão nas costas do adversário a partir do corpo do executante.

No controlo do braço, ganha Bryan com o seu Yes Lock em que é completamente puxado para trás quase deslocando o ombro controlando entre as pernas. Nota-se que as pernas de Bryan são maiores que das de Benoit o que permite melhor controlo sobre o braço.

Já na pressão das costas, a vitória vai para o Crossface pois nesta versão, o peso e a musculatura dificultam o movimento do adversário e mantêm-no no chão e por isso, raramente precisa de controlar o braço do adversário com as pernas.

No aspeto real, afecta o pescoço, a cervical e a lombar, no caso de Bryan o ombro também. Se este movimento fosse mal executado e “com intenção”, a manobra de Benoit podia mais facilmente partir o pescoço do que a manobra de Bryan.

Para mim, Benoit é o “rei” nesta manobra e vence Bryan e todos os que praticam este movimento…pois embora Bryan consiga trazer legitimidade à sua manobra, eu penso que a de Benoit consegue, de certa forma, ser um pouco mais realista. Mas ambas as versões são muito bem executadas e são finishers bastante credíveis.

No geral, ambos são excelentes wrestlers e bastantes técnicos, estando entre os melhores de sempre com toda a certeza. Se fosse para escolher um, eu escolhia Bryan por de certa forma ser uma estrela “em ascensão” e por tudo o que ele faz, dá-me gozo assistir. Isso também acontecia com Benoit e este pode ser superior a Bryan, mas com certeza que este último ficará na história do wrestling como um dos melhores de sempre/como um “monstro” dentro do ringue, já Benoit ele com a fama de “monstro” ficou, agora poderá não ter sido somente dentro dos ringues…

Eu escolho Bryan por todos os seus progressos desde que está na WWE, a sua evolução nas mic skills mostram tudo. Sem dúvida que Bryan=wrestling e daqui a alguns anos, todos nós poderemos dizer com orgulho que vimos este homem a lutar.

Tenham uma boa semana e até ao próximo artigo!

Sobre o Autor

47 Comentários

  1. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Miguel uma boa comparação e completa o meu artigo da semana passada, muito bom!

    Preferências…gosto mais do Benoit(e estou a analisar só wrestling), lembro-me da wrestlemania que ele sagrou-se campeão..simplesmente fantástico.
    Ele era um lutador muito intenso talvez seria ECW champion e teriamos um Benoit vs Punk que nunca aconteceu!

    Bryan é fenomenal um lutador brilhante também muito intenso mas dos dois gosto mais de Benoit!

    Claro que condeno aquilo que ele fez…

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Obrigado!
      Sim, o Benoit era um general no ringue e esse combate foi genial e mereceu bem o lugar de main event.

      Se eu fosse a escolher o meu preferido, eu iria optar pelo Bryan porque apesar de Benoit ser superior no ringue, o Bryan consegue ser um melhor “entertainer”, sem perder qualidade no ringue.

  2. José Sousa - há 3 anos

    Muito iguais ambos. Mas o Benoit era melhor tecnicamente. Porém o Bryan é muito superior como perfomer e na criação de uma gimmick Miguel, pelo menos é a minha opinião.

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Sim, para mim o Benoit está mesmo no topo quando se fala de wrestling técnico.
      O Bryan é superior como “entertainer”! Sobre as gimmicks dele, eu não vou falar muito porque eu não considero que ele tenha um gimmick e penso que nunca teve; talvez quando usava máscara no circuito independente…mas só mesmo aí. É claro que se considerarmos os “Yes” e os “No” uma gimmick, então sim ele é bastante bom nesse ponto!!

    • Enigma - há 3 anos

      Eu ia comentar mas roubaste-me as palavras.

      • Enigma - há 3 anos

        Ao ver o segundo vídeo, “Chris Benoit Tribute (RAW)”, confesso que me emocionou e quase desce água aos olhos.

        Mas não foi de saudade ou pelo tal tributo, foi por ver uma criança inocente e indefesa ter o fim á vida de forma tão cruel.

        Pobre Daniel, que tua alma esteja em paz.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Mesmo!
        Coitado do miúdo que não fez nada para “merecer aquilo”. Nunca compreendi os motivos que levaram o Benoit a cometer tamanha monstrousidade…se ele queria acabar com a sua vida, que acabasse mas agora assassinar a mulher e o filho…

      • Enigma - há 3 anos

        Nem mais.

  3. ITS_ME_ITS_ME_ITS_DDT - há 3 anos

    Who is chris benoit ?

  4. LuisMPBO - há 3 anos

    Bom artigo.
    Quero começar por dizer que não comentei a semana passada porque não tinha nada para dizer e, porque, olha, não me apeteceu. Mas leio sempre!
    Apesar de achar que comparar 3 manobras não nos leva a nenhuma conclusão, sei que tens perfeita noção disso e que esse não era o objetivo, por isso gostei da ideia!
    Em relação as manobras, nada a acrescentar, concordo contigo.
    Quanto a eles os dois num todo, apesar de considerar o Benoit um lutador técnico melhor que o Bryan, uma vez que para mim e o melhor de sempre, acho o Bryan um melhor lutador overall, porque não esta muito distante tecnicamente, e um performer melhor, tem mic skills muito melhores e uma gimmick melhor, sendo que a do Benoit residia basicamente no facto de ser um grande lutador, e mais nada, e por mais que isso ate atraísse bastante muitos fas (eu incluído) não pode ser considerada uma gimmick original. Eu não tocava no carisma, porque acho que o Benoit tinha bastante carisma, pela forma como cativava as pessoas no ringue (o carisma pode se atingir de muitas maneiras). Mas, não tinha mais que o Bryan.
    O Bryan e o meu lutador favorito atualmente e o Benoit e o meu favorito de sempre (eu não ligo, nem discuto, nem penso! nessa… coisa…)
    Mas, numa analise geral, o Bryan e mais completo

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Obrigado por seres um leitor assíduo Luís!
      Sim, o meu objetivo era apenas comparar algumas manobras feitas por 2 wrestlers de tempos diferentes, mas com bastantes semelhanças entre si.
      Eu também penso que o Benoit está no topo quando se fala em wrestling técnico, mas quando se fala em geral, eu gosto mais do Bryan pelas razões que tu apontaste e também porque o Bryan consegue fazer melhor entretenimento do que o Benoit.
      Sim, o Benoit era muito carismárico assim como o Bryan, mas de formas diferentes pois enquanto o Bryan nos consegue cativar com as mic skills e com os seus comportamentos, as manobras de Benoit acabavam por certa forma, ter o mesmo efeito, ao “falarem por ele” e “esconder” um pouco as suas fracas mic skills e a forma a que isso podesse levar a que o chamássemos de “não carismático” e com as suas ring skills, isso não aconteceu e Benoit acabou por também ficar conhecido pelo seu carisma.

  5. AwesomeTheMiz - há 3 anos

    Falar de Chris Benoit é complicado… Benoit foi um grande wrestler e poderia ter seguido ainda mais se não tivesse morrido. Acredito eu, que os registros de Benoit no Wrestling não devam ser apagados, mas ele deve ser esquecido. Se Benoit tivesse apenas se matado, concordaria com sua indução ao Hall of Fame, mas conhecemos a história.

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Sim, acho que independente da opinião das pessoas sobre as suas ações fora do ringue, penso que todos concordamos que ele foi dos melhores dentro do ringue e um excelente wrestler técnico!

      Eu tenho uma opinião parecida pois acho que se apenas ele tivesse cometido o suicídio, a WWE não teria apagado os registos e talvez a sua entrada no Hall of Fame fosse possível…mas visto que isso não aconteceu, eu não acredito que a WWE alguma vez vá induzir Benoit no Hall of Fame.

  6. danielLP21 - há 3 anos

    Excelente artigo. Concordo na análise às 3 manobras. A “Diving Headbutt” do Chris Benoit era simplesmente perfeita. Repito: perfeita.

    No entanto, acho que o Daniel Bryan é mais completo. Transpira Wrestling por todos os lados e, se não matar ninguém, vai ficar na história da WWE como um dos melhores, não tenho a mínima dúvida.

  7. lol45 - há 3 anos

    Excelente artigo.
    eu pessoalmente gosto mais do bryan pois e mais completo e e o pacote completo the best in the world.
    ja o benoit ele era muito bom exceto no microfone mas isso ele compensava no ringue com as suas capacidades.

    • lol45 - há 3 anos

      ah e outra coisa.
      e impressionante como fizeram um tributo ao benoit (embora ainda nao soubessem que ele era um assassino) e na passada raw que vergonha nem uma pequena mençao ao falecimento do doink the clown.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Também reparei nisso e foi uma grande falha!

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Obrigado!
      Sim, o Bryan é mais completo e consegue trazer mais entretenimento do que o Benoit embora este fosse ligeiramente superior no ringue.
      Concordo contigo: atualmente o Bryan é o verdadeiro “best in the world” e terá um grande futuro na companhia.

  8. Carlito - há 3 anos

    Segundo algumas fontes, devido aos esteróides que tomava, Benoit tinha um coração 3x maior do que o normal e se ele não tivesse feito o que fez, provavelmente teria morrido 10 meses depois. Também tinha um cérebro igual ao de um idoso de 85 anos (talvez por isso fez o que fez, mas não acredito).
    Se tivesse seguido vivo, ele iria ganhar o ECW Championship e quando perdese o título iria sair da WWE para criar a sua própria academia.

    Quanto ao artigo em si, Benoit é superior tecnicamente mas o Bryan é melhor entertainer.

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Eu também li essa notícia inclusive acho que saiu uma notícia recente a dizer isso com declarações da irmã da mulher do Benoit…
      Nunca percebi o porquê das ações de Benoit e se isso fosse verdade, continua a não ser justificação para aquilo que ele fez à mulher e ao filho.

      Sim, o Benoit tem que estar no topo quando falamos em wrestling técnico e o Bryan tem que estar no topo quando se fala em bons “entertainers” e também no topo dos melhores wrestlers de sempre…e a magia de Bryan é mesmo esse: ele conseguir ser um excelente wrestler ao mesmo tempo que é um excelente “entertainer”.

      • Carlito - há 3 anos

        Exacto, isso não é justificação nenhuma para o que ele fez, o mais provável era ele estar sobre o efeito das drogas.

        O Bryan é um dos melhores wrestlers de sempre, de isso não há dúvidas.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Sim, talvez. Ele com os vícios de cafeína e esteróides, podia muito bem tomar outro tipo de drogas.

    • MR Perfection André Santos - há 3 anos

      Sim é verdade! há documentários no you tube que relata esse facto.Quem “pediu” o cérebro de benoit foi um ex lutador e o pai de benoit consentiu e aí analisaram que o cérebro estava todo danificado. Mais importante é que ele tinha um diario que escrevia os seus pensamentos e muitos dele já demonstravam que estava algo errado e a morte do seu amigo Eddie foi o culminar de tudo!

      • Carlito - há 3 anos

        Pois sim, aquando da morte do Eddie, o Benoit já tomava as drogas, creio, e com essa morte, a situação piorou.

  9. IDS - há 3 anos

    O Stevie Richards luta muito.

  10. uiwhat - há 3 anos

    o steven richards é melhor tecnicamente mas o bryan é melhor entertainer e mais completo no ringue.
    o bryan e um futuro hall of famer penso eu.

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Sim, o Benoit (ou Steven Richards como lhe quiseres chamar) está no topo quando falamos sobre wrestlers técnicos. E sim o Bryan é mais completo e além disso tem umas mic skills bastante mais avançadas do que as do Benoit.
      Se o Bryan continuar com este trabalho (e se não matar ninguém) com certeza que será um futuro Hall of Famer.

  11. Rubinho16@ - há 3 anos

    Muito bom artigo! A rúbrica “Neutralizer” vai tornado-se, aos poucos e poucos, dos melhores artigo do espaço “Universo”.
    Em relação ao artigo, é do saber de todos que o Benoit era melhor tecnicamente, mas o Bryan consegue ser melhor entretainer e é muito melhor como face do que Benoit.
    Olhem este segmento do Benoit com o Cena : http://www.youtube.com/watch?v=ivHj4hMfVpI

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Muito obrigado pelo teu feedback, Rubinho!
      Sim, é unânime que o Benoit era mais técnico do que o Bryan mas que este consegue ser melhor “entertainer” sem perder a qualidade no ringue, o que o torna mais completo do que Benoit!

  12. don_ricardo_corleone - há 3 anos

    Em relação ao Benoit, na minha opinião o comportamento dele fora do ringue em nada influencia o seu estatuto de lenda, seja o Benoit, seja outro qualquer. Sem querer defender o que ele fez, que é indefensável, por vezes a mente humana tem destas coisas, por vezes as pessoas têm momentos de loucura, ou avariam de todo de uma hora para a outra! Por isso recuso-me a julgar o Chris Benoit pela forma como morreu, prefiro lembrá-lo pela forma como viveu. E ele viveu como uma das maiores lendas do wrestling, o primeiro meu wrestler favorito. Adorei a feud com os Evolution e depois com o Edge.
    O Daniel Bryan também deve ser fã dele, nota-se que o seu move set foi inspirado no canadiano. Ambos são fantásticos, do melhor que a WWE já teve. Uma feud entre ambos seria fantástica!
    Só discordo da parte do crossface. Acho o yes lock mais realista devido à posição do braço neste ultimo caso. Além disso o Benoit era mais desleixado no crossface, por vezes fazia a pressão no nariz, ou nem isso e tinha as mãos por cima. Era raro, mas acontecia.
    Para mim ganha o Daniel Bryan que é melhor no micro, apesar de o Benoit não ser tão mau como o pintavam.
    http://www.youtube.com/watch?v=TcUUyyZwVlY

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Em relação ao estatuto de lenda, em teoria para alguns de nós fãs não influencia (para mim influencia, e até posso estar a ser muito injusto para um dos melhores wrestlers de sempre, mas eu não consigo olhar para ele da mesma maneira sabendo o que ele fez), mas não é bem assim do “nada influencia” que dizes aí pois ele foi bastante prejudicado pelos seus comportamentos…todos sabemos que Benoit era digno de Hall of Fame pelo wrestler que era, mas a partir do momento em que ele fez o que fez, “garantiu a sua não entrada” no Hall of Fame, por isso as suas ações influenciaram o seu estatuto de lenda.
      É claro que é indiscutível que ele foi dos melhores wrestlers de sempre que nos ofereceu grandes momentos como na Wrestlemania 20, quando fez desistir o Triple H, o homem que pôs Randy Orton no topo ao de certa forma “jobba” e perder o título para ele…
      Sim, o D.Bryan faz muitas manobras que o Benoit fazia…ambos os wrestlers também têm semelhanças com o criador da Diving Headbutt: Dynamite Kid…
      Eu não concordo porque para mim o Benoit sempre será o “rei” da manobra, mas se alguém chega aos pés dele, esse alguém é Daniel Bryan. Na versão de Bryan, o braço é torcido e tem pressão na cabeça, braço e pescoço e por isso acaba por parecer um pouco uma mistura de Armbreaker com o Crossface, mas ainda assim na versão de Benoit, sendo que Benoit tem um peso maior ao de Bryan, tinha mais facilidade em manter o adversário no chão.
      Mas isso são opiniões e ambas as manobras são muito credíveis.
      O Benoit era melhor tecnicamente mas o Bryan é melhor no microfone e acaba por ser um wrestler mais completo, até porque consegue incorporar a componente de “entertainer” melhor do que Benoit fazia.

  13. hardy - há 3 anos

    primeira vez que vejo Bryan vs Cena?

  14. El Shaarawy - há 3 anos

    Christopher Michael é um assassino!! Chris Benoit, o wrestler, é uma lenda!!

    • Miguel Silva - há 3 anos

      Eu pessoalmente não consigo fazer essa distinção com essa “frieza” mas de certa forma essa “avaliação” tem uma razão de ser pois apesar das ações de Benoit nunca nos devemos esquecer do wrestler brilhante que ele foi!

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador