Opinião Feminina #104 – Controversy Creates Cash

Sejam todos muito bem-vindos a mais uma edição do Opinião Feminina, que em dia de Survivor Series irá falar dos últimos acontecimentos relacionados com o combate pelo Título da WWE de hoje. Ora, quando há semanas atrás comecei a planear e a delinear futuras edições, este não tinha sido o tema escolhido para o dia de hoje, mesmo sendo dia de pay-per-view. Contudo, após uma manobra algo controversa da WWE que tomou lugar na última Raw – levando-me a roubar o título da biografia de Eric Bischoff para usar como título no meu próprio espaço – acabei por mudar de ideias à última hora.

Porém, embora tenha sido a razão principal a conduzir a esta minha mudança de ideias, a controvérsia gerada na última Raw não será o tema principal, como já foi explicado, por isso teremos que recuar até onde ficámos da última vez: Hell in a Cell.

Há pouco a dizer sobre o main-event do Hell in a Cell, pois no fundo este foi exactamente aquilo que era necessário que fosse. Cumpriu o seu propósito. O combate não foi o melhor, do ponto de vista técnico, mas ninguém no seu perfeito juízo, com a história actual, poderia esperar que fosse. Contudo, para seu próprio crédito, as personagens não só estavam bem delineadas e promovidas, como foram capazes de contar uma história, o que acaba por ser aquilo que procuramos nos combates em si. Nem CM Punk, nem Ryback ficaram prejudicados com o que se passou no Hell in a Cell e no fundo, isso é o mais importante a longo prazo.

Se pudesse, o único aspecto que teria mudado era a introdução de Brad Maddox logo de início. Já tinha referido em comentários e em artigos que não poria de parte a ideia de que Punk mantivesse o título devido a uma tramóia entre si e os árbitros. Admito, não pensei automaticamente em Brad Maddox, mas quando o mesmo apareceu para ser o árbitro deste main-event tal tornou-se ridiculamente claro. Gostava que o suspense tivesse sido mantido por mais tempo. Contudo, não foi um main-event que me tivesse desiludido.

Tal como depois nos apercebemos, a Raw que se seguiu ao Hell in a Cell foi feita de ilusões que rapidamente iriam ser desfeitas. Para promover o Survivor Series, a WWE anunciou nesta Raw um combate tradicional deste pay-per-view, onde iriam lutar cinco contra cinco. E tal como muitos sabem, este é o pay-per-view que menos vende, entre os principais. A meu ver, e segundo vários fãs espalhados por este mundo, o Survivor Series é o que menos vende porque o seu conceito já não funciona e convence nos dias de hoje. Basta olhar para o Royal Rumble para notar as óbvias diferenças de sucesso entre ambos os conceitos.

A meu ver, o Survivor Series está preso num ciclo vicioso. O conceito actual já não dá o sucesso que dava antigamente, portanto a WWE já não investe neste, tratando por isso o combate tradicional de Survivor Series como algo secundário. Ao tratar o combate tradicional de Survivor Series, a identidade do pay-per-view, como algo secundário, o evento passa a ser visto como qualquer outro pay-per-view regular, deixando de ser um dos principais aos olhos dos fãs. Ou seja, as suas vendas ficam dependentes da qualidade das histórias e da promoção do evento, tal como qualquer outro.

Para que o conceito original seja lucrativo novamente, os combates tradicionais precisam de ser vistos de outra forma, ou melhor, tratados de outra forma. Importância e valor precisa de lhes ser associado para começarem a render. Os fãs pagam para ver aquilo que julgam ser importante. Sempre assim foi e sempre assim será. Escusado será dizer que agendar este combate entre a Team Foley e a Team Punk, apenas para o cancelar na semana a seguir, em nada ajuda a credibilidade do conceito do pay-per-view.

O problema é que a WWE não estava em condições para ter este combate da forma como o agendou e as razões não se resumem apenas à falta de credibilidade deste conceito. Este combate de Survivor Series em especifico, a meu ver, tinha demasiadas atracções. CM Punk, Randy Orton, os campeões de Tag Team e o campeão Intercontinental estavam todos neste combate, o que automaticamente impedia que estes títulos e Randy Orton lutassem noutros combates, tornando o card do Survivor Series, no geral, bastante escasso. Porquê? Porque as poucas atracções que a WWE possui neste momento estariam todas concentradas num combate apenas.

Iriam encher o resto do pay-per-view com o quê? Com os lutadores que não se preocuparam em consolidar para depois os culparem das fracas vendas do pay-per-view? A WWE precisa de melhorar o seu produto como um todo antes de tomar um passo destes.

Um dos aspectos que definitivamente atrasa a melhoria da WWE é o facto da peça fundamental do main-event do pay-per-view da noite anterior não se encontrar presente para explicar as suas acções ou sequer dar um avanço, por mais pequeno que fosse, à história. Infelizmente, na minha triste ingenuidade, julgava que ver um árbitro a atacar e influenciar um combate pelo Título da WWE fosse algo importante o suficiente para ter destaque na noite seguinte, afinal essa teria que ser uma das principais razões para assistir ao episódio. A WWE podia ter feito qualquer coisa, desde uma transmissão via satélite, uma entrevista gravada mais cedo a partir de um “hospital”, visto que ele estava a recuperar do ataque de Ryback, qualquer coisa para fazer os fãs acreditar que o tinha acontecido na noite anterior tinha sido relevante. Aliás, nem o próprio Ryback se mostrou ralado com o assunto, portanto nem sei porque é que os fãs precisam de se preocupar.

Esta história só começou a ter algum avanço duas semanas depois do Hell in a Cell. Ora, Brad Maddox não se inibiu e explicou tudo o que o motivou a tramar Ryback. Pessoalmente, gostei da explicação, é aceitável, embora a promo tivesse tido demasiadas pausas. A reacção da multidão eléctrica de Birmingham foi o que se esperava durante essas pausas, tornando a promo bastante desconcertante e difícil de seguir. De qualquer das formas, nem foi a promo de Maddox que me incomodou muito, foi mais o que o caro chefe da WWE teve a dizer.

Portanto, ter o vencedor do combate de Money in the Bank como adversário do campeão da WWE é tão chocante e absurdo que valha o despedimento de Vickie Guerrero? Quer dizer, entendo que Ziggler não é, de forma alguma, o grande injustiçado pelo que se passou no Survivor Series, mas tendo em conta que há tantas formas de dizer ou transmitir a mesma mensagem, teria Vince McMahon mesmo de fazê-lo de forma a rebaixar um talento que deveria estar a promover?

Infelizmente, tal como já temos observado de forma abismal no último ano, nada do que acontece na WWE interessa ou tem algum impacto. Os main-events de pay-per-views mudam com uma facilidade tremenda; um acontecimento supostamente chocante que envolve o título da WWE em pay-per-view só é explicado – ou sofre algum avanço – duas semanas depois de acontecer e é resolvido numa Raw com uma falta de impacto angustiante; figuras de autoridade são seleccionadas e apresentadas, para depois aparecer Vince e ser ele a tomar todas as decisões; Mick Foley irrita-se com CM Punk e tenta castigá-lo ao colocá-lo num combate de Tag Team que depois deixa de acontecer, mas mesmo assim isso não faz com que a presença de Mick Foley como representante da equipa deixe de fazer sentido (leia-se a ironia)… Enfim, expliquem-me lá outra vez porque é que devo levar a sério o que a WWE anuncia?

E chegámos finalmente ao grande momento que marcou esta semana. A opinião sobre este controverso segmento não está, de todo, a ser consensual, embora tal não seja surpreendente. Tal seja por já estar habituada a certas formas de pensar dos chefes da WWE, mas o que a WWE fez no segmento entre Paul Heyman, CM Punk e Jerry Lawler não me surpreendeu, incomodou ou ofendeu.

Às pessoas que têm usado este este segmento para arrasar a indústria do wrestling profissional, só porque foi feito no contexto de wrestling profissional, por favor, lembrem-se que a Raw, e todo o conteúdo que a WWE produz, é feito com o objectivo de entreter os fãs. Tem tanto propósito quanto um filme, uma série ou uma telenovela, onde por acaso, ataques cardíacos são recriados frequentemente. Quantas situações sérias e reais não são por vezes alvo de gozo em filmes ou séries de comédia? Se não se sentem ofendidos nesses momentos, não têm razão para se sentir ofendidos no contexto do wrestling profissional.

Um ataque cardíaco foi usado para consolidar um dos vilões que a WWE apresenta neste momento, tal como em muitas telenovelas, séries, ou filme são usados assassinatos, acidentes, tortura a crianças e deficientes motores para fazer com que as pessoas odeiem os respectivos vilões. Todos estes momentos são feitos com o objectivo de chocar e mexer com os sentimentos das pessoas.

Para aqueles que defendem que neste caso é diferente pois Jerry Lawler foi uma verdadeira vítima, acreditem que Jerry Lawler está felícissimo por estar vivo e por estar mais uma vez a comentar a Raw e a participar na indústria que tem sido a sua vida nos últimos anos. Não acredito de forma alguma que o homem que deixou que Michael Cole usasse a morte da sua mãe numa história, poucos dias depois desta ter morrido, e que fez piadas à custa do seu próprio ataque cardíaco minutos depois deste segmento ter acontecido se tivesse sentido incomodado com que aconteceu. Se acham que este parecia genuinamente ofendido, então congratulem-no pelas suas capacidades de actor, pois não se esqueçam que era mesmo esse o objectivo. Como booker que foi em Memphis, como lutador que foi durante imenso tempo, se há alguém que iria entender uma situação destas, então essa pessoa é definitivamente Jerry Lawler.

Aos fãs de Wrestling que têm atacado veemente Heyman e Punk via redes sociais, devido ao que aconteceu, espero que não sejam os mesmos fãs que desde 2008 imploram incessantemente que a WWE traga de volta histórias realistas, momentos chocantes e atrevido. A tão adorada Attitude Era de que a maioria fala foi feita de segmentos do mesmo teor que este e, por vezes, piores. Aliás, nem precisamos de ir tão longe no tempo, afinal uma situação bastante semelhante ocorreu ainda este ano quando Chris Jericho mencionou os problemas da família de CM Punk e os usou para desenvolver a sua história. Ou só faz mal e irria os fãs se virmos o pai de CM Punk a embebedar-se em televisão nacional, visto que foram nessas condições que Lawler sofreu o ataque cardíaco?

Sinceramente, não percebo a raiva dos fãs em relação a isto. Lawler obviamente não se importou. Percebo perfeitamente que alguns se tenham sentido incomodados, que não tenham gostado ou que tenham até achado demais. É perfeitamente razoável e aceitável sentir isso. Não vamos todos sentirmo-nos da mesma forma em relação a um segmento específico, contudo acho que temos de ser razoáveis em relação às críticas que fazemos e não dramatizar demasiado a situação. Existiram momentos na história da WWE que também me deixaram desconfortável e incomodada, mas não dramatizei tanto quanto vejo muitos fãs fazerem, pois pessoalmente também me incomodo com certas cenas que vejo em filmes e séries.

Neste segmento, a única coisa que me deixou desconfortável foi a ideia de que existiam pessoas nos bastidores da WWE preocupadas em filmar Jerry Lawler a ser reanimado. Nem foi tanto o facto de terem passado parte da reanimação televisão, foi mais o facto de haverem empregados que mantiveram o sangue frio necessário para continuar a filmar algo que era perfeitamente dispensável. Não foi algo que me ofendeu, propriamente dito, mas definitivamente chocou-me como é que perante uma situação daquelas podem estar tão preocupados em continuar a gravar o que se está a passar. Pior ainda se houve alguém que lhes disse para de facto continuarem com o seu trabalho.

Desde que CM Punk virou heel que a maioria dos fãs, eu incluída, pede para que este não seja mais um heel vulgar e típico que a WWE está farta de apresentar. A WWE precisa de um tipo de heels diferentes e CM Punk precisava mesmo de ser diferente. Precisava de ser odiado. Afinal, quantas vezes muitos de nós não pedimos histórias e personagens que mexam com os nossos sentimentos? Que nos movam? Nos dias de hoje, personagens e histórias assim são cada vez mais raras e contam-se pelos dedos da mão.

Não foi exactamente isso que CM Punk conseguiu na última Raw? Tenham gostado ou não, tenham-se sentido confortáveis ou não com a situação, a verdade é que CM Punk e Paul Heyman conseguiram mexer com todos nós naquele segmento. Não terá CM Punk virado de vez os fãs contra si? Depois do que se passou, quantas pessoas a mais irão agora pagar para ver CM Punk a sofrer às mãos de Ryback e Cena? Quantas pessoas a mais não irão agora gritar um pouco mais alto por Ryback e Cena?

A meu ver, o objectivo foi cumprido. As pessoas estão a falar com o que se passou, boa porção da multidão está chocada e como as partes envolvidas obviamente não estavam ofendidas com assunto, concluo que o objectivo tenha sido cumprido. Mesmo que esse não tenha sido aquele que julgamos. Afinal, todos nós conhecemos o humor negro de Vince McMahon, mas de qualquer das formas, para bem ou para o mal, foi CM Punk, como heel, que lucrou com isso, portanto não me posso queixar.

Numa continuação da sua missão em desvalorizar tudo o que é supostamente importante, a WWE colocou nessa mesma noite Ryback a destruir Brad Maddox. No fundo, embora não tenha sido a promo mais eficiente e bem-sucedida dos últimos tempos, achei que o que Brad Maddox afirmou na semana passada tinha o potencial de se prolongar e de se tornar numa rivalidade decente. Sinceramente, se a WWE o quisesse, tinham aqui uma oportunidade de desviar Ryback da rota do título sem o prejudicar. Contudo, tal levaria a outro combate entre CM Punk e John Cena que, depois de vários, um deles que ocorreu bastante recentemente, iria certamente limitar a lista dos seus possíveis desfechos.

Portanto, a minha sugestão para tal consistia em Ryback perseguir as duas coisas: a sua vingança contra Brad Maddox cujo desfecho não aconteceria agora, e por outro lado lutava agora no Survivor Series pelo Título. Caso Punk mantivesse o título, como espero que seja, Ryback poderia assim sair da rota do mesmo, mas manter-se relevante de qualquer das formas ao perseguir Maddox.

E atenção, o combate de Ryback com este não teria que ser um dos combates típicos que costuma ter com lutadores de mid-card ou low-card. Com um bocadinho de dedicação, a WWE podia terminar esta história com Ryback a parecer mais forte que nunca e Maddox a ser visto como alguém reconhecido pelos fãs, mesmo perdendo. Na história em si, Ryback continuaria a ser visto como uma besta destruidora na perseguição de algo importante, neste caso a justiça, enquanto o seu adversário seria um cobarde manhoso que julga ser melhor que todos. No fundo, nem seria uma dinâmica muito diferente da que Ryback possui com CM Punk. Pessoalmente, esta solução parece-me bastante mais viável e razoável, tendo em conta as circunstâncias que a geraram, do que o que acabou por acontecer. Afinal, Brad Maddox influenciou um combate pelo Título da WWE em pleno pay-per-view, julgo que por isso esta história merecesse algo mais.

Penso que a maioria concorda comigo quando digo que até ao Royal Rumble, pelo menos, a situação em relação ao título mantém-se: CM Punk precisa de continuar como campeão. Especialmente agora que está tão perto de chegar à meta de um ano com o título. Nada de bom advém de andar a brincar à batata quente com o título da WWE tão perto da Road to Wrestlemania, portanto tirá-lo das mãos de Punk agora é absolutamente rídiculo. Parece cada vez mais óbvio que Punk e The Rock têm encontro marcado no Royal Rumble, portanto a situação que tivemos no Hell in a Cell repete-se: Punk precisa de manter, mas como?

O combate de hoje é uma Triple Threat, logo sem desqualificações, portanto é perfeitamente viável uma possível interferência de Heyman. Calculo que Ryback, que mais uma vez se encontra numa situação extremamente importante e relevante, seja novamente protegido na sua derrota. John Cena, que tem andado entretido com Vickie Guerrero e AJ Lee sem se perceber porquê, obviamente não precisa de mais um reinado, muito menos agora. Também não punha de parte uma interferência de algum destes elementos acima referidos e/ou Dolph Ziggler, de forma a que Cena perca este combate sem ficar demasiado descredibilizado.

Imagino que a história deste combate seja bastante semelhante à história da Triple Threat disputada entre Triple H, John Cena e Edge de há uns anos atrás. Do que me recordo, nessa Triple Threat, Edge tentou esquivar-se e deixar que Cena e Triple H tratassem um do outro até que estes se aperceberam e se viraram contra ele. Visualizo o mesmo, ou algo extremamente semelhante, a ocorrer neste combate, mas desta vez com Punk no papel de Edge.

Em relação ao final, não consigo imaginar Ryback a sofrer o pin, mas também não visualizo Cena a passar por isso. Porquê? Porque ambos sofreram o pin nos últimos dois pay-per-views, embora tenham sido em situações questionáveis. De qualquer das formas, como normal, CM Punk tem vindo a “compensar” nas últimas Raw. Se tivesse que apostar, diria que Punk faz o pin em Cena, após este último sofrer o finisher de Ryback e, muito provavelmente, o do campeão também. Mais um pay-per-view, mais uma vez que fico curiosa para ver como é que a WWE irá tratar do desfecho do combate pelo Título da WWE. A passos largos nos aproximamos do Royal Rumble e todos os pay-per-views até lá serão decisivos. Enfim, por hoje é tudo, bom fim-de-semana e pay-per-view a todos, não se esqueçam de votar na League, para ver se batemos mais um recorde! Até para a semana!

Sobre o Autor

- Administradora. Publico parte das notícias, faço a gestão da League, dos Passatempos e ainda sou escritora do artigo “Opinião Feminina”.

67 Comentários

  1. Miguel - há 4 anos

    Excelente artigo Salgado.

    É difícil pois nem Cena nem Ryback podem sair descredibilizados e Punk não pode perder.

    Que achas acerca do Ziggler? Fará o Cash-in?

    • Salgado - há 4 anos

      Neste momento, tudo depende da história de Sheamus e Big Show. Se a WWE quiser acabar já com a história de ambos, faz o cash-in hoje. Se não, então esperam até ao próximo pay-per-view, que é o que eu acredito mais.

      Contudo, não acredito a 100% no que vou dizer de seguida, mas já me passou pela cabeça a ideia de que a WWE iria guardar o cash-in do Ziggler para depois da Wrestlemania 29, por exemplo logo na Raw a seguir, Ele ainda tem imenso tempo, afinal ele só ganhou a mala em Julho, tem até Julho de 2013 esta oportunidade.

      Sinceramente, só digo isto porque não estou a ver Ziggler a lutar por um dos títulos na Wrestlemania 29 e estou a ver que o cash-in nunca mais acontece e a Road to Wrestlemania a aproximar-se.

      Mas isto ainda são só teorias pouco consolidadas.

      • danielLP21 - há 4 anos

        Desde que o cash-in não seja numa SmackDown…

      • Salgado - há 4 anos

        Oh, para aquilo que vai durar, também olha deixa estar… Fazer agora o cash-in com todo o aparato em pay-per-view para ele o perder o Rumble, que é o mais provável, para isso esperavam até depois da Wrestlemania e começam o novo ano da WWE com ele como campeão.

  2. danielLP21 - há 4 anos

    Excelente artigo, argumentos bem explicados e fáceis de compreender, apesar de já se saber que não concordo com certas coisas. Enfim, já se falou muito nisso durante a semana, e por essa razão não vou fazer mais um testamento a comentar esse assunto. Fico apenas satisfeito que o produto da WWE esteja a sofrer alterações e espero que não fiquem por aqui. E sim, o Punk conseguiu o objectivo de virar os fãs contra si.

    Em relação ao resto do artigo, nada a dizer. Também acho que o CM Punk vai manter o título, e penso que seja o Cena a sofrer o “pin”.

    Como eu já tinha dito, as alterações que o card do Survivor Series teve foram positivas. No entanto, não mudou assim tanto no que toca aos três Main-Events, uma vez que teríamos na mesma o combate de Tag Team, Sheamus vs Big Show e Dolph Ziggler vs John Cena, embora este último, muito provavelmente, não vendesse tanto como um Triple Threat pelo Título da WWE. Além disso, o Cena tem que estar no Main-Event, e longe da WWE colocar o Dolph num Main-Event de um PPV…

    “Portanto, ter o vencedor do combate de Money in the Bank como adversário do campeão da WWE é tão chocante e absurdo que valha o despedimento de Vickie Guerrero? Quer dizer, entendo que Ziggler não é, de forma alguma, o grande injustiçado pelo que se passou no Survivor Series, mas tendo em conta que há tantas formas de dizer ou transmitir a mesma mensagem, teria Vince McMahon mesmo de fazê-lo de forma a rebaixar um talento que deveria estar a promover?”

    Nada a dizer, não podia concordar mais contigo. Que escândalo o facto de a Vickie, que por acaso foi a Manager do Dolph nos últimos 2 anos ( mais alguns meses) apontar esse mesmo lutador como adversário do Campeão da WWE e não o indivíduo de verde…

  3. Mateus2330 - há 4 anos

    Bom artigo salgado! Acho que CM Punk ganha com o Ryback fazendo o Finisher no Cena e Heyman Atrapalhando Ryback e o Punk fazendo o pin no Cena.

  4. Ricardo Cinza - há 4 anos

    Bom artigo salgado!!!!!!!
    Tenho uma duvida: é possivel que o dolph ziggler faça o cash-in no Cm Punk????
    Obrigado

  5. José Sousa - há 4 anos

    Excelente artigo Salgado como diz o Daniel o Punk conseguiu o que pretendia, como eu disse no meu artigo o Punk para ser odiado tem que quebrar as ” regras normais” e por isso é com estas situações mais polémicas que ele consegue ser odiado. Conseguiu isso quando tratou o Hardy como Drogado e quando usou familia do Rey Mysterio. Ao Punk seja como face ou como heel ele é marcamente quando ultrapassa o limite do aceitável e dessa forma o objectivo foi conseguido.

    Eu acho que o Ziggler ainda vai acabar por ser valorizado, mais cedo ou mais tarde só tenho pena que não lhe tenham dado mais vitórias antes do cash-in. Mas espero que quando acontecer o cash-in que Ziggler seja mesmo valorizado como campeão.

    Sobre o combate de hoje, como tu dizer eu não estou a ver o Ryback a sofrer o pin por razões obvias, ou seja a WWE não vai estragar o build-up que lhe fizeram, e nunca o Cena perdeu e sofreu dois pins seguidos, por isso eu tenho um feeling que o Cena ganha, mas também poderá ser o Punk a vencer. Como tu dizes e como eu defendi ontem a partir de hoje qualquer decisão que envolva Cena, Punk, Ryback,Ziggler, Sheamus, Big Show, Orton e Miz vai começar a definir os rumos para a Wrestlemania de cada um destes wrestlers. Wrestlers esse que na sua maioria serão aqueles que farão a Wrestlemania no máximo acrescento Rey, Sin Cara, Hell No, Rhodes Schollars, Lesnar e Undertaker, serão estes que correndo tudo dentro do normal que irão abrilhantar a Wrestlemania. E cada escolha e feud criada ou novo angle numa feud vai começar a afectar esse caminho.

  6. Tibraco - há 4 anos

    O final que descreveste vai ser exatamente o que vai acontecer. Punk vence com o Cena a sofrer o Pin. Aliás, penso que o combate que eles tiveram na RAW com Cena a vencer foi já a pensarem nesta situação.

    Em relação ao artigo, está muito bom, como sempre, embora não concorde com algumas coisas (ou então eu entendi mal xD). A história do Maddox , a meu ver, era absolutamente dispensável. Então iamos ter uma rivalidade entre Ryback , o Esfomeado, contra um simples árbitro que sonha ser Superstar? Era demasiado desigual para termos algo convincente. Não estou a ver nada de interessante a sair dali,

    Outro aspeto que não concordei foi a questão do Ziggler. Tu és mesmo fã dele não és? xD As tuas análises são quase sempre super racionais mas quando falas do Ziggler, desculpa que te diga e espero que leves isto como uma critica construtiva até porque sou teu fã xD, perdes um bocadinho dessa mesma racionalidade. É verdade que ele é o Mr Money in The Bank mas quantas derrotas ele tem sofrido desde então? Eu acho que , de momento, ele não tinha credibilidade para enfrentar o Punk, quanto mais com o Cena e o Ryback na “Lista de espera”.

    P.S. Planeias escrever um artigo sobre o Show da SmackDown no pavilhão atlântico?

    • Salgado - há 4 anos

      É demasiado desigual agora que já começou e já acabou, sem qualquer atributo. Com a história de Maddox, eles podiam ter feito algo muito melhor a longo prazo. Maddox continuava a tramá-lo nos seus combates, até ao ponto onde a figura autoritária em questão agendava um combate de ambos. Até podias ter segmentos de Ryback à procura de Maddox pela arena, mas este sempre a fugir ou a emboscá-lo. Se fosses melhorando a qualidade da perseguição gradualmente, mas nunca deixando Ryback claramente a vantagem, as pessoas ficariam com um desejo ainda maior de ver Maddox a ser castigado. Lembras-te da Road to Wrestlemania 24? Onde o Undertaker estava sempre atrás do Edge, mas ficava sempre entretido com os Edgeheads, porque estes se metiam no caminho? Pessoalmente, cheguei a um ponto em que já enlouquecia com a vontade de ver Edge nas mãos de Undertaker. Ja viste a ansiedade que é só para ver a apanhá-lo?

      É óbvio que nem Ryback, nem Maddox são Edge e Undertaker, mas a mesma ideia podia ser aplicada aqui e podia ter resultado. Só sugeri isto porque acho muito mais interessante e vantajoso para a personagem de Ryback estar estar a perseguir algo que nós no fundo sempre sabemos que ele iria conseguir apanhar, ao contrário do título da WWE. Em vez da WWE estar sempre preocupada e cuidadosa com a ideia dele estar em combates pelo título, mas sair dos mesmos sem os ganhar, colocavam-no em algo que iria ter o investimento das pessoas nas mesma se fosse bem feito.

      Sou fã do Dolph Ziggler, mas consigo ser imparcial xD Acho que percebeste mal o que quis dizer. Eu não acho que Dolph Ziggler devesse enfrentar CM Punk pelo título no Survivor Series, acho é que ele devia ter credibilidade para tal. Devido à mala que tem, Dolph Ziggler devia ser visto como um futuro campeão, não como alguém que não tem credibilidade para lutar com as maiores estrelas da indústria. O meu motivo de queixa da promo de Vince foi o tom com que ele ignorou Ziggler e rebaixou a ideia dele puder lutar por um título. Esse tom, essa arrogância e desprezo – e sim, sei que McMahon é face e Ziggler é heel – é que descredibilizou mais Ziggler. Por isso é que, tal como disse, há imensas formas de passar a mesma mensagem, Vince não precisava de ter usado aquela que rebaixava o seu talento.

      Não consistia nos meus planos e de qualquer forma já passou uma semana.

      • José Sousa - há 4 anos

        Sim a Salgado tem razão o Ziggler não merecia nesta altura, mas deveria ter vitórias para que fosse visto de forma credível para isso. Porque se a WWE quer que o Ziggler seja parte do main-event tem que o tratar como isso, e não como um Main-eventer “wannabee” que não fez nada para merecer o main-event, e se analisares racionalmente percebes que o Ziggler merece o main-event.

        Aliás já que estamos numa de racionalidade, que rivalidade teve o Ryback antes desta que justificasse que fosse o adversário do Punk? responde racionalmente?É que racionalmente ele até esta feud não teve nem uma feud de PPv que justificasse. Por isso o argumento que usar para o Ziggler também não se aplicaria para o Ryback na altura do Hell in the Cell. E atenção que eu gosto do Ryback, aliás eu já por muitas vezes disse que já via potencial nele quando era o Skip Sheffield sobretudo na fase Nexus.

      • Salgado - há 4 anos

        No Opinião Feminina tento sempre analisar tudo da forma mais racional e imparcial possível. Quem tem seguido o espaço com atenção sabe perfeitamente que acho que Ziggler tem tido uma péssima credibilização como futuro campeão, embora mereça sê-lo.

        O que eles fizeram com o Ryback foi o que devem fazer com todos os novos lutadores: ascensão gradual. Se perguntares à WWE o que é que ele fez? Eles vão-te dizer que ele venceu o campeão intercontinental sem quaisquer dificuldades e que, como sendo alguém com muita vontade de enfrentar mais e mais adversários, Ryback foi atrás do último desafio presente: o campeão da WWE. Acontece que, tal como referi no artigo que falei sobre Ryback há umas semanas, penso que tenha sido o centésimo, eles apressaram a construção de Ryback. E acho que tal não só por quererem apostar nele, mas também como plano de contigência para o facto do Cena não puder competir no Hell in a Cell, que foi o que acabou por acontecer.

        Se tivessem tido mais tempo e se Cena não tivesse ficado impossibilitado de competir no hell in a Cell, quem sabe tinhas visto um combate entre Ryback e Miz em pay-per-view? Quem sabe ele não teria tido um reinado com um desses títulos antes de enfrentar Punk? No fundo, o push de Ryback também foi bastante influenciado pelas necessidades da WWE, especialmente pela necessidade do campeão precisar de defender o título no pay-per-view.

      • Tibraco - há 4 anos

        Eu acho o Ziggler excelente e não restam dúvidas que merece o main event. Concordo que a WWE não tem sabido gerir da melhor maneira a sua ascenção mas continuo a achar que a intervenção do Vince não feriu assim tanto a credibilidade do Ziggler. Ele perder combates com “quase todos” é bem mais grave e é aí que reside o problema.

        No que diz respeito à credibilidade do Ryback estou de acordo com a Salgado. Foi um plano de contigência. Com o Cena de fora quem poderia enfrentar o Punk? Desta forma tiveram que apressar o Push do Ryback. Se até o campeão intercontinental não foi um desafio suficientemente duro para ele , parece-me que tinha alguma lógica ele desafiar o Punk. Não vejo, sinceramente, mal nenhum nessa situação.

        Salgado, percebo a lógica e a comparação com o Edge e o Undertaker é bem lembrado. Mas , pelo menos a mim, não me iria cativar muito. Não é o género de rivalidade que me consegue prender a atenção. Até no Wrestling gostos não se discutem.

        Para terminar, espero que não tenhas levado a mal ter dito que eras um bocadinho imparcial quando falavas do Ziggler. Aliás qualquer análise deste género está sempre sujeita à subjetividade e não é por isso que deixas de ser uma cronista fabulosa. E não há aqui nenhuma hipérbole, tu escreves MESMO muito bem. Contudo, penso que de vez em quando é salutar existir umas divergência de opinião que só contribuem para o bem do debate. Dizer sempre que o artigo é ótimo e concordo com o tudo o que disseste ( que é o acontece 90 % das vezes) também se torna monótono.

      • Salgado - há 4 anos

        É claro que vê-lo a perder os combates todos é muito pior, mas vê bem a imagm que passa. Se o chefe da WWE goza a ideia dele ser main-eventer, então porque é que nos devemos preocupar?

        Tibraco, percebo que agora que já acabou e não foi basicamente por aí além seja dificil de visualizar, contudo acho que se tivesse sido bem feito, as pessoas teriam aderido. Pensa assim, muita gente há meses atrás disse que o “Feed me more” não ia pegar e que ryback não ia ficar over, contudo agora são as arenas inteiras a gritar por ele. Eu própria não tinha qualquer interesse em vê-lo contra CM Punk, se me tivesses sugerido a ideia quando este rivalizava com Miz, contudo quando ele apareceu para “salvar” Jim Ross fiquei super empolgada e presa ao ecrã para ver o que ia acontecer.

        Mas lá está, apenas estava a defender a ideia de que tinha potencial para ser algo mais do que foi. podia perfeitamente não ter resultado. Apenas vi naquilo uma oportunidade de manter Ryback afastado daquilo que sabemos que ele não pode ter de momento.

        Claro que não levei a mal, Tibraco :) Deixas-te-me foi preocupada, pois no OF esforço-me imenso para não me deixar demasiado pelo que “sinto” como fã. Concordo absolutamente contigo. Não é tanto o ser monótono, como pouco sincero, principalmene com algumas pessoas. É impossível concordar em todas as edições com tudo o que uma pessoa diz, contudo isso não quer dizer que a pessoa que está a comentar tenha menos direito ou menos razão que eu, que estou a escrever. E se reparares, grande parte do que envolve este universo, está condenado a ser subjectivo e sujeito à interpretação de cada um, portanto divergências de opiniões estão destinadas a acontecer e não há problema nenhum com isso, gera debate e boa conversa :)

      • José Sousa - há 4 anos

        Sem dúvida apenas queria chegar onde chegaste, ou seja foram as contigências que levaram a essa situação mais cedo ele lá chegar, aliás era visivel que se não fosse agora durante 2013 ele chegava lá. E não questiono o talento do Ryback. Lá está a questão do Miz é verdade ele bateu facilmente o Miz, mas a verdade é que esses squash aconteceram não por demérito do Miz e do Ziggler mas também porque a WWE queria valorizar o Ryback, por isso essa lógica tem sempre um reverso da medalha.

        Mas o que está feito, está feito agora a WWE tem é que manter o plano como o Ryback e nisso concordo contigo Salgado, ele não pode sofrer o pin hoje e nisso todos nós concordamos sem dúvida. E espero que não o estraguem, mas gostava que o Ziggler não fosse tratado pelo Vince como um wannabee porque ele já fez o suficiente que comprova o contrário. Aliás por essas provas no passado é que ele merecia desde que tem a mala maior credibilização, ou seja pelo menos uma vitória contra Orton ou com o Jericho devia ter contigo.

        Aliás eu concordo contigo sobre o cash-in na minha opinião deixava para depois do Wrestlemania, eu deixava o Orton sair como campeão da Wrestlemania e depois num show qualquer a seguir fazia o cash-in porque para ser um bom cash-in não tem que ser em PPV. Aliás o Ziggler talvez tivesse mais a ganhar porque no período pós-Wrestlemania a WWE poderia dar-lhe um reinado maior e com isso consolidá-lo como main-eventer. Que é coisa que caso faça antes da WM arrisca-se a nao acontecer tão bem quanto seria o desejável, mas no entanto concordo contigo e acho que o cash-in é no TLC.

      • Salgado - há 4 anos

        Ele com o Jericho teve e até ficou com o mérito do mandar embora da WWE, mas com o Orton já se sabe que as coisas não funcionam bem assim.

        Só sugeri ser nessa Raw em específico porque acaba por ser uma tão importante quanto um pay-per-view. toda a gente quer ver o que seguimento da Wrestlemania e ziggler teria certamente os olhos do mundo postos nele. Sinceramente, só sugeri isso porque acho que já vão tarde para fazer o cash-in agora, portanto guardem-no para depois. Dêem a entender a ideia que ele o possa fazer na Mania, como o Bryan disse que ia fazer. Mas, acima de tudo, construam a sua credibilidade, senão acabam-lhe por completo com o ímpeto e deixam do levar a sério.

        Exacto, depois da Wrestlemania, quando o Rock, Triple H, Brock Lesnar, Undertaker.. Enfim todos os main-eventers de à dez anos atrás se forem embora, o Ziggler terá mais tempo e destaque para ser campeão por um período significativo de tempo.

        Só digo que é no TLC porque não estou a ver a WWE a acabar com a rivalidade de Big Show e Sheamus hoje. Acho que eles ainda querem “espremer” mais esta rivalidade para dar tudo o que pode dar e acabam com a mesma no TLC, mas posso estar enganada. É uma questão de ver logo à noite. De quaisquer das formas, se fizer o cash-in agora, o mesmo está condenado à partida, portanto não vou ficar demasiado excitada ou contente com o mesmo.

      • José Sousa - há 4 anos

        Aliás ontem eu divergi contigo Tribaco no meu artigo, mas ambas as posições eram válidas. Aliás como diz a Salgado o facto de escrevermos não nos dá mais razão do que voces apenas podemos ter perspectivas positivas. aliás eu adoro debater com posições contrárias desde que fundamentadas e tu consegues isso. Porque isso é o segredo de um bom debate é debater posições mesmo que sejam antagónicas sempre sem ofender a posição do outro.

        Aliás nesta situação a minha opinião é igual á vossa apenas coloquei a questão do Ryback como um pormenor, porque eu concordo com voces e gosto dele e do Ziggler. Sim eu gosto do Ryback, eu sei que é mais facil nao gostar e dizer que é um goldberg mas eu sei que não é. Ele tem potencial e as pessoas com o tempo vão aprender a gostar dele. Claro que haverá sempre hater como existem haters do Cena, do Sheamus, do Punk, do Miz, do Ziggler e do Rhodes etc isso haverá sempre.

        O que é importante debater sempre mais que só o talento dos wrestlers, apesar disso contar como é lógico, é o contexto das feuds, a prova disso é o Sheamus e o Big Show que contra todas as odds deram uma feud interessante, e o excelente combate no Hell in The Cell, e hoje é dos combates que mais as pessoas querem ver no Survivor Series.

      • Salgado - há 4 anos

        Olha isso é que é uma grande verdade. Eu não dava aum chavo para ver o combate do Big Show e do Sheamus no hell in a Cell, mas a verdade é que foi dos melhores, senão o melhor, da noite. E olhem que isso é uma grande prova do talento de Sheamus. É claro que big Show tem o seu crédito, como natural, mas isto diz muito de Sheamus. Por acaso estou curiosa para ver se eles conseguem repetir a proeza. Ao menos, já que ainda cá está, o Big Show está a fazer o que deve: elevar alguém de hoje.

      • José Sousa - há 4 anos

        Lá está Salgado depende dos planos da WWE para ele, eu também temo que seja em breve, mas se pensarmos no benefício do wrestler deveria ser no pós-Wrestlemania, porque dentro de um mês o spotlight está ocupado por um monte de gente sobretudo esses mais veteranos que vão estar na Wrestlemania. E com isso o reinado dele pode arriscar-se a ser curto e sem significado e para isso prefiro que esperem para depois.

        Aliás usando uma comparação, se o o cash-in e reinado do Ziggler forem agora ele arrisca-se a ser um Daniel Bryan 2.0, mas com o Bryan correu bem mas com o Ziggler tenho medo que não corra. eu sei que já falaste sobre isso num artigo e concordo. Aliás quando leio comments aqui a dizerem que o Bryan pode ganhar o Rumble eu rio-me, porque sinceramente não acredito nisso! A WWE vai apostar no Bryan mas vai ser depois da Wrestlemania, aliás jovens talentos como Bryan, Ziggler, cody Rhodes e Barrett vão ter mais a ganhar se a aposta para o main-event for depois da Wrestlemania porque terão mais tempo para se credibilizarem como main-eventers. O mesmo raciocinio se passa com o Miz(face) eu sei que não defendes, mas é quase óbvio que ele vai acontecer hoje.

        Outro dos motivos pelos quais temo que o cash-in é em breve são os rumores do regresso do combate da Money in the Bank para uma só mala, regressando na Wrestlemania e se isso se confirmar,, então o ziggler tem o cash-in antes porque a WWE não arrisca duas malas ao mesmo tempo. Pelo menos uma que seja pelo título de WHC e outra á moda antiga ( e que eu prefiro) onde o dono pode escolher o título.

      • Salgado - há 4 anos

        Mas não vão esperar… Sinceramente, acho que como as coisas estão agora, ficava mais feliz se ele não fizesse o cash-in xDD

        Ah, mas ele é mesmo um Daniel Bryan 2.0. Acho que a única diferença entre o percurso de ambos é que no combate de MITB do Bryan ninguém acreditava que este ganhasse, enquanto no do Ziggler ele era um dos dois favoritos à vitória. Cheguei mesmo a dizer (penso que tenha sido no perguntas e respostas) que o cash-in do Ziggler ia ser idêntico ao do bryan. Ele chegava e fazia o pin, sem fazer qualquer manobra. Sinceramente, acho que vai ser o Ryback a ganhar o Rumble. Estou a dizer isto desde que o Ryback começou a rivalizar com o Punk e ainda não tive razões para pensar o contrário.

        Não defendo porque não estamos em situação para isso agora. Com tão poucos heels de jeito, vão virar um dos poucos que é bom para quê? Não consigo perceber a ideia de virar Miz para face só por virar.

        Sim, mas eu nõ acredito nesses rumores. Desde que o MITB saiu da Wrestlemania que correm rumores de que o combate vai voltar ao evento, portanto é caso para dizer que preciso de ver para crer. Sim, pessoalmente, também prefiro tudo como estava antes. Uma mala, o combate na Wrestlemania apenas, e o vencedor escolhia o título na altura do cash-in. a meu ver, ao mudarem isto tudo contribuiram para a descredibilização do conceito.

      • José Sousa - há 4 anos

        Mas olha que é mesmo! Acho que ninguem dava nada por aquele combate, e ele surpreendeu acho que todos tivemos momentos em que achavamos é com esta que o Show vai perder e vice-versa, o combate foi muito bom. Sim o Sheamus tem muito talento podemos debater a forma como começou o reinado e como isso afectou o próprio reinado, mas ele no ringue é bom wrestler isso é verdade. Aliás as pessoas criticaram o reinado e as feuds mas eu não vi nem um combate fraco no reinado dele,o defeito não estava ai nem de perto nem de longe.

      • Salgado - há 4 anos

        Contou uma história excelente. Começou devagar, assim meio tímido, também as pessoas – eu incluída – não estavam a dar muito crédito ao combate logo de partida, contudo à medida que foi progredindo foi prendendo a atenção dos fãs. Muitas vezes, a WWE cai na tentação de abusar nas near-falls porque pensa que se as usar ao desbarato o combate é visto como bom. Aliás, posso estar a confundir, mas penso que foi o combate do Punk e do Cena no NOC que teve demasiadas, chegando até a matar um pouco o ritmo do combate e a credibilidade do mesmo.

        No Show/Sheamus tal não aconteceu de todo. Foi feito de forma bastante inteligente, os finishers ficaram extremamente valorizados e foram levados bastante a sério.

        A única crítica que tive a fazer ao reinado de Sheamus foi o facto dele estar a ficar com a imagem de invencível. Se reparares bem, ele raramente ficava “por baixo” em qualquer coisa, fosse pay-per-view ou smackdown ou raw. Contudo, no que toca à qualidade, os combates de Sheamus nunca deram motivo de queixa. E olha, finalmente ele perdeu limpo para um heel. E não só não foi em vão, como está a contar uma história excelente. O trabalho deles tem que ser reconhecido.

      • danielLP21 - há 4 anos

        “Não é tanto o ser monótono, como pouco sincero, principalmene com algumas pessoas. É impossível concordar em todas as edições com tudo o que uma pessoa diz(…)”

        Agora ofendeste-me Salgado :(

        Claro que é possível concordar com tudo. Então se tu escreves uma coisa e quando eu olho para essa coisa penso ” É isto mesmo que eu escreveria se estivesse no lugar dela” não é o mesmo que concordar? Uma pessoa quando concorda não pode fazer nada, e há mesmo casos em que eu concordo absoluamente em tudo contigo. E não acredito que seja o único. Se achas pouco sincero, então não posso fazer nada.

        Sim, eu sei que não estavas a falar de mim, ou pelo menos, apenas de mim, mas doeu na mesma :(

      • Salgado - há 4 anos

        Ai :/ Eu não queria ofender ninguém.

        Daniel, há uma diferença entre as pessoas que vêm e numa ou duas linhas dizem que concordam com tudo, e depois existem aqueles comentadores que mesmo que concordem com o que digo, justificam porquê e dão espaço para que ocorra um debate. E nesses tipos de comentários, consegue-se perceber quem está a ser sincero ou não. E além, disso tu não concordas sempre comigo, não sei se reparaste, hoje discordaste xDD

        Além disso, não leste bem o que eu disse. Eu disse que “É impossível concordar em todas as edições com tudo o que uma pessoa diz(…)”. Ou seja, que é impossível concordar com tudo em TODAS as edições. Não disse que é impossível concordar com TUDO numa SÓ edição.

        Não estava a falar de ti de todo e nem sequer estava a falar de alguém em especifico, estava a dirigir-me a um determinado grupo de pessoas.

        Talvez não o tenha dito vezes suficientes, mas vejo-te como um excelente comentador e com quem tenho imenso prazer debater. E se por acaso não lês o OF ou algo do género, então enganaste-me muito bem :) (é um elogio :) )

      • danielLP21 - há 4 anos

        Concordo tanto com a Salgado como com o José Sousa. O cash-in já foi adiado por demasiado tempo e talvez agora seja tarde demais para o Dolph. Infelizmente, o cash-in deverá acontecer no TLC e o Ziggler fica com um reinado de porcaria. Talvez perca o título na Elimination Chamber…

        Realmente, que melhor impacto no pós-WrestleMania do que fazer o cash-in e ganhar o Título Mundial quando The Rock, Undertaker, Brock Lesnar ( muito provavelmente não renovará) e, provavelmente, Triple H saírem do main-event?

        Uma das coisas que me deixa mais pensativo em relação ao Dolph é: faça ou não o cash-in antes da WrestleMania, qual será o papel dele no PPV e que combate terá? Será pelo Título Mundial? Eu quero acreditar que sim mas talvez esteja a ser ingénuo, senão o que fariam o Sheamus, o Randy Orton e, até, o Big Show?

      • Salgado - há 4 anos

        Elimination Chamber? O meu pessimismo eterno diz que isso é demasiado bom. É já no Rumble xDD Isto se não for dois dias depois do TLC :P

        Muita gente diz que ele vai lutar com o Zack Ryder. Eles os dois há imenso tempo que estão a promover esse combate e o próprio Ziggler disse numa entrevista que se a oportunidade surgir, gostaria de seguir em frente com isso. Se fosse bem construído e não fosse visto como uma “jobber rilvary” não me importava nada que acontecesse, mas duvido muito que a WWE dê essa prenda ao Ryder, portanto o Ziggler ou está num combate de mid card com outra pessoa qualquer ou num combate de tag team com várias pessoas. É uma questão da WWE ver quem é que “sobra” depois de fazer o planeamento todo. Não me importava que o Ziggler lutasse com alguém com a mala em jogo, desde que a mantivesse, claro. Isso até dava mais ímpeto para quando ele fizesse o cash-in na Raw.

        Pelo título mundial, acho que vai envolver o Sheamus e o Orton, definitivamente. Depois, talvez o Ryback, pois eu acho que ele vai ganhar o Rumble, e talvez o Barrett. Em relação ao Barrett já não acredito muito, porque começo a ver pessoas a mais no combate. Duvido que o façam maior que uma Triple Threat. E nesse caso, nem sequer há espaço para o Ziggler. Ele não é uma prioridade

      • danielLP21 - há 4 anos

        Não me ofendeste, foi só uma “força de expressão” :D

        Tens razão, li mal o que escreveste :o

        Em relação ao último parágrafo, é relativo. Para uns posso ser um bom comentador, para outros não. Pelo menos já tenho 18 anos, acho que já tenho idade para comentar haha

        Claro que leio os teus artigos, por mais ocupado que eu esteja num determinado Domingo, nunca posso deixar de ler o OF. Aprendo sempre alguma coisa nova, sem exagero.

      • Salgado - há 4 anos

        Bem, hoje nos debates vocês só me dão sustos xDD

        ahahaha, posso estar enganada, mas pelo que leio também não pareces ser pessoa que se incomode muito com o que os outros pensam, especialmente se for referente ao teu direito de comentar. E sinceramente, acho que fazes muito bem :) Venham mais como tu!

        Ainda bem, sinto-me extremamente lisonjeada com isso e não posso, claro, deixar de agradecer. Não surgem OF, se não existirem estes debates ou se as pessoas não comentarem, porque apercebam-se ou não, estes artigos surgem a partir da divergência de opiniões. É a partir daí que eu desenvolvo para explicar a minha própria opinião. Talvez seja por isso que também os artigos acabam por ficar tão longos, mas tento tempre referir a maior parte de opiniões que posso para também me conseguir explicar melhor ao maior número de pessoas, e para isso, tenho que usar vários argumentos. Portanto, acreditem, sem o vosso feedback e a vossa dedicação, o OF também não tinha a qualidade que tem.

    • danielLP21 - há 4 anos

      Eu acho que a Salgado não queria dizer que o Dolph devia lutar com o Punk pelo título. Pelo menos, não foi o que me deu a entender. Pareceu-me apenas uma crítica à forma como o Vince falou do Ziggler.

      • danielLP21 - há 4 anos

        Exacto, tal como eu pensava.

        P.S. O comentário da Salgado ainda não tinha aparecido quando eu escrevi o meu. Só apareceu depois.

      • Salgado - há 4 anos

        Tens que me dar tempo para escrever xDD

      • Tibraco - há 4 anos

        Peço desculpa, não te queria preocupar xD Eu acho inevitável que se note as tuas preferências por este ou aquele wrestler durante os teus artigos. Não és nenhuma jornalista portanto não tens que ser imparcial, embora na esmagadora maioria das ocasiões o sejas.

        Reconheço a validade dos teus argumentos em relação ao Maddox e devo dizer que és bastante presuasiva xD Mas desta vez não conseguiste :) Continuo a achar que daria uma história desinteressante e fico contente pela WWE não ter optado por esse caminho. Nesta questão não estamos mesmo de acordo :)

      • Salgado - há 4 anos

        Não tens que pedir desculpas :) Não há problema em notar as minhas preferências, isso não consigo mesmo evitar – penso que seja impossível – mas prefiro ser imparcial sempre que puder, porque fico de consciência mais tranquila de que estou a fazer um bom trabalho. É tão fácil cair na tentação de arranjar motivos/desculpas para colocar os nossos preferidos no topo, e no fundo é preciso ter cuidado com isso porque nem sempre o que nós queremos, como fãs, é o melhor para indústria ou traduz a vontade do resto dos fãs.

        ahahaha atenção, até podia não ser nada de especial e correr super mal, mas querem o quê? Vi potencial na história e tive que defender isso xD

      • danielLP21 - há 4 anos

        Digamos que a Salgado consegue disfarçar muito bem :D

      • Salgado - há 4 anos

        Acho que disfaço bem melhor aqueles de quem não gosto do que o que gosto :)

      • danielLP21 - há 4 anos

        True story, quem lê os teus artigos não diria que não és grande fã do CM Punk, lá nisso tens todo o mérito.

      • Salgado - há 4 anos

        E não é só dele :) Mas vez, o CM Punk é o exemplo perfeito. Ele tem feito um excelente trabalho e tem que ser reconhecido por isso independentemente do resto. Agora quando ele fizer algo mal, também o vou reconhecer e isso não vai ter nada a ver com ser ou deixar de fã dele. É uma questão de imparcialidade que gosto muito de manter.

  7. Vinícius Nunes - há 4 anos

    Realmente a Salgado disse tudo nesse artigo, principalmente na parte do segmento de Heyman/Punk/Lawler, foi perfeita a análise. E sobre o PPV de hoje tenho quase certeza que Punk retém e que Cena sofre o pin.

  8. danielLP21 - há 4 anos

    Vou continuar aqui senão perco-me com tanto comentário :D

    Eu falei no Elimination Chamber de forma positivista, porque também duvido muito que lá chegue. E digo-te desde já que não me chocava se o Dolph tivesse um reinado como o do Christian, mas não creio que a WWE chegue a esse ponto. Por acaso, não te acho uma pessoa muito pessimista, mas em relação ao face-turn do Miz e ao reinado do Dolph não posso negar que estás mesmo num estado de pessimismo :D

    Sinceramente, eu não acredito que o Dolph lute com o Ryder na ‘Mania. Se o “Internet Champion” tivesse, neste momento, o mínimo de credidibilização possível, talvez não fosse má ideia, mas da forma como as coisas estão, seria um passo atrás para o Ziggler.

    To be honest ( parafraseando o Sheamus xDD ), tenho esperanças que o Money In The Bank volte para a WrestleMania, até porque este ano há muitos lutadores dignos de lutar na WrestleMania e gostava de saber como a WWE fará para os colocar no card. Ora bem, caso se confirme a hipótese Randy Orton vs Sheamus vs Ryback ( não acredito muito que este vença o Royal Rumble) pelo Título Mundial, ficaremos com Wade Barrett, Big Show, The Miz, Dolph Ziggler, Rey Mysterio, Sín Cara, Damien Sandow, Cody Rhodes e outros com lugares a preencher no evento. Não referi o Kane e o Daniel Bryan porque estou convicto de que lutaram um contra o outro na WrestleMania. Assim, e voltando ao Ryder, creio que ele nem um lugar terá na WrestleMania.

    • Salgado - há 4 anos

      Aiii… Se ele tivesse um reinado como o Christian… Quer dizer, ele já teve de 6 minutos, portanto… Epa, não pode ser. Isso seria mesmo para testar a paciência dos fãs. Pelo menos, era um grande teste à minha. Também prefiro acreditar que não chegam a esse ponto.

      É sempre assim. Há sempre um ou dois aspectos para os quais sou sempre ligeiramente pessimista. É uma forma de me preparar para o pior. Assim se acontecer, não fico tão surpreendida xDD Em relação ao Miz, resume-se apenas a não compreender a razão por trás da mudança. O facto dele ser bem-sucedido ou não, e as dúvidas por trás disso, são secundárias. Simplesmente não vejo a utilidade de virar um bom heel para face, numa altura onde temos poucos heels qualidade, quando há outros lutadores bem mais pertos de ser faces do que Miz. O ponto principal resume-se apenas a isso. Mas olha, também já me rendi e agora é uma questão de esperar para ver o que acontece.

      Daniel, este ano também havia muitos lutadores dignos de aparecer na Wrestlemania e meteram-nos num combate de Tag Team. Só não vou acreditar nesse rumor logo de imediato porque é um rumor recorrente. É praticamente da praxe. Sempre que é altura de Wrestlemania, é o que se ouve dizer. Contudo, adorava que acabassem com o pay-per-view e fizessem isso.

      O Mysterio, o Sin Cara, o Rhodes e o Sandow podem ficar entregues a um combate de tag team, isto porque agora temos várias equipas. A não ser que o Mysterio e o Cara se enfrentem, mas de qualquer das formas, há mais equipas para os substituir. E quem sabe o Barrett e o Ziggler não lutam um contra o outro por um título ou até pela mala? Por acaso já tinha lido a tua ideia do Bryan e do Kane se enfrentarem na Wrestlemania e sinceramente acho que é excelente e, se acontecer, bem adivinhado. Em relação ao Ryback ganhar o Rumble, de momento, acho que é isso que vai acontecer, mas pode mudar muita coisa até lá.

      • danielLP21 - há 4 anos

        Não te preocupes, isso não vai acontecer. Ah, e se não me engano, o reinado durou 11/12 minutos, como se isso fizesse alguma diferença…

        Eu acho que o Miz vai vender muito como face, mais até do que nós imaginamos. Ele transpira carsima, tem catchfrases que dão quer para uma personagem face como para uma personagem heel e tem o apoio de muitos daqueles que sabem ver minimamente Wrestling, tipo eu e tu :D

        No entanto, não posso deixar de concordar com uma coisa que tu já disseste mais do que uma vez: era muito mais fácil virar o Dolph face do que o Miz, simplesmente porque seria um processo natural. Ele é ovacionado, é dos que vende mais merchandising e tem, igualmente, muito carisma.

        Eu sei que este ano também havia muitos lutadores nessa situação mas duvido que inventem mais um combate de Tag Team, só se forem buscar outra vez o Laurinaitis e ele tiver uma rivalidade com o Booker T ( Deus nos livre!). Daí a minha esperança que o Money In The Bank esteja presente na ‘Mania. E não te esqueças dos rumores que apontavam para a existência do Money In The Bank na última WrestleMania caso o Barrett não estivesse lesionado. Ou então, e isto já me passou pela cabeça, ainda inventam um combate entre a Team AJ e a Team Vickie, mas não me parece.

        Essa ideia de termos um Dolph Ziggler vs Wade Barrett é muito boa, e não me importava nada que a WWE a utilizasse, principalmente se fosse com a mala em jogo.

        Em relação ao Kane e ao Daniel Bryan ( e aproveito para corrigir o meu erro do comentário anterior, uma vez que é óbvio que eu queria escrever “lutarão” mas acabei por escrever “lutaram”) é uma ideia que já me ocorreu há muito tempo. Seria simples e eficaz: era um combate com história, essa história seria muito longa( o que, no fim de contas, é o que se pede numa WrestleMania, uma vez que, teoricamente, é lá que devem acabar a maioria das histórias) e, caso o Bryan vencesse, seria a cereja no topo do bolo.

        Não sou daqueles que espera um combate entre o Sín Cara e o Rey Mysterio, até porque caso se confirmasse a história Kane/Bryan, teríamos dois combates com histórias muito semelhantes. Além disso, não estou a ver o Sín Cara a lutar com o Rey, uma vez que seria, na minha óptica, um passo maior do que a perna. Depois, ainda sobram o Big Show, o Rhodes, o Sandow e, principalmente, o MIZ! Qual será o papel dele na WrestleMania?

        Além disso, não nos podemos esquecer do Antonio Cesaro, do R-Truth, do Kingston e até do Mark Henry e do Christian. É mesmo muita gente…

      • Salgado - há 4 anos

        Pronto, durou o dobro… Que felicidade :D

        Sim, isso que dizes em relação ao Miz é maioritariamente verdade e tem grande probabilidade de acontecer, nem era isso que eu estava a questionar. O problema do Ziggler são as mic skills e a diferença entre a qualidade das mic skills deste com as do Miz é absolutamente chocante. Não sei se tiveste oportunidade de ver o Main Event ainda, mas a interacção do Miz e do Ziggler foi excelente, mas notou-se claramente que por muitas melhorias que Ziggler esteja a apresentar nessa parte, o Miz é claramente superior.

        Daniel, não lhes dês ideias! Oh Daniel, mas isso são rumores. Não faz sentido tirar o combate de MITB só porque o vencedor não está lá. Não tinham o Ziggler também? Não lhe acabaram por dar a mala? A WWE não aposta naqueles que não quer, mas sabes quais são aqueles que merecem. E se, vamos supor que os rumores são verdadeiros, faziam o quê à team Johny e à team teddy? não te esqueças que isto começou a ser planeado antes do Barrett se lesionar. Ele lesionou-se na Raw após a Elimination Chamber, eles no próprio pay-per-view já estavam a promover o combate de equipas pela supremacia do General Manager. Sinceramente, nunca acreditei muito nesse rumor.

        Ai, isso ainda era pior. Team AJ vs. Team Vickie, credo… Não, eles não lhes vão dar tanto destaque assim.. espero.

        Com a mala em jogo sempre se tem mais relevância do que um simples combate por nada. Ou isso, ou vão em frente com o Ryder/Ziggler.

        Nem me apercebi do erro xD Por acaso, é muito bem pensado. Era uma forma de terminar em grande com a rivalidade deles os dois. Na verdade, é tão bom que fico surpreendida se a WWE se lembrar disso xDD (agora sou eu a ser má para eles). Sim, o Bryan tinha que vencer. Acho que aí não existem mesmo dúvidas nenhumas.

        Percebo o que dizes na questão dos combates Rey/Cara & Bryan/Kane serem muito parecidos, mas olha que tenho a impressão que se a WWE tiver que escolher entre os dois, escolhe fazer o primeiro só pela venda de máscaras. A não ser que decidam ir de 8 a 80 e não fazer este combate de todo para que os mais novos não fiquem “zangados” com nenhum dos dois lutadores – que é uma hipótese que já me passou pela cabeça. Portanto, estás a dizer que a WWE corre o risco de dar um passo maior que a perna no que toca Sín Cara? Yeah, because that didn’t already happen, right? xDDD

        O Big Show pode-se reformar assim que acabar este reinado. Isto pode muito bem ser visto como a sua grande despedida. Se o Sheamus ficasse com o crédito da reforma, ainda melhor. Já disse que os Rhodes Scholars podiam estar envolvidos num combate de Tag Team. Já viste se a WWE organizasse uma Triple Threat de Tag Team ou qualquer coisa do género como havia no início do milénio? Fogo, era brutal e agora têm equipas para isso! Eles só precisam de tornar isto relevante e importante que é o que tenho medo que não aconteça devido ao Rock e companhia.

        O Miz, se as coisas forem pelo caminho que parecem estar a ir, vai enfrentar um heel… Agora quem, talvez o Cesaro.. A meu ver, seja como heel ou seja como face, o Miz precisa de ter um título. Dêem-lhe o título IC de volta e deixem-no ir à ‘Mania com ele. Se alguém consegue promover um adversário ou um título, é o Miz. Foi o que ele fez com o Kofi!

        Mark Henry metam-no com o Ryback. Se o Ryback não ganhar o Rumble, é a melhor coisa a fazer para manter Ryback como alguém relevante. O Cesaro defende o título, espero que não o perca até lá, o Truth, o Kingston e o Christian já não sei… xD

      • danielLP21 - há 4 anos

        Vi o Main-Event e adorei aquele segmento, pôs-me com um sorriso nos lábios. A diferença entre um e outro em relação às Mic-Skills é enorme, mas também me parece injusto para o Dolph compará-lo com o Miz nesse aspecto. CM Punk, The Miz e, vá lá, John Cena estão noutro nível no que diz respeito às Mic-Skills.

        Sim, faz sentido o que dizes em relação aos rumores, mas a verdade é que, TALVEZ, a WWE, este ano, oiça os fãs e lhes dê um Money In The Bank na WrestleMania e acabe com aquele PPV…

        Sinceramente, recuso-me a pensar que o Ziggler vai lutar com o Ryder na WrestleMania… Estás mesmo pessimista em relação ao Dolph!

        Oh claro que o Sín Cara já deu vários passos maiores do que a perna, mas lá está: mais uma razão para não o colocarem num combate desses. Já pensei algumas vezes nessa questão da venda de máscaras, mas mesmo assim acho que a WWE não vai para a frente com isso.

        O Big Show ainda deve durar mais uns meses, mas a reforma não está longe. E porque não um combate na WrestleMania com a carreira dele em jogo? Assim ele perdia, recebia a ovação do público e ficávamos todos felizes e contentes xD

        Adorava que houvesse um combate pelos Títulos de Tag Team entre 3 ou 4 equipas, e, até, que o Título Intercontinental e o Título dos EUA fossem defendidos em combates decentes e. de preferência, combates com várias pessoas, apesar de eu não ser o maior fã deste tipo de contentes. Agora deixaste-me a pensar com essa ideia de um combate entre Ryback e Mark Henry, seria uma excelente ideia caso o Ryback não tivesse ocupado com outras coisas. E faria sentido, uma vez que o Henry podia voltar com aquela história de ser um monstro destruidor e acusar o Ryback de lhe tentar roubar esse “título”.

        Estamos aqui a falar sobre a WrestleMania e nem sabemos o que vai acontecer hoje, mas isto é que são fãs. Afinal, qual é o mal de tentar adivinhar o que vai acontecer daqui a 6 meses? :D

      • Salgado - há 4 anos

        Embora a Raw tenha sido boa, o Main Event é bem capaz de ter sido o meu programa da WWE preferido desta semana! Se não fosse o Otunga e o Marella, tinha sido perfeito. Pois estão e é exactamente a esse nível que o Ziggler tem de chegar.

        Podemos sonhar, claro, mas os meus sonhos estão todos resumidos a ver se o Punk não perde o título no Rumble xDD

        Não estou a ser pessimista, se fosse bem feito, eu não me importava e gostava de ver. Se reparares, eles têm imensa química juntos, têm história e o ano passado, por volta desta altura, eles estavam os dois em alta. Acho que se a WWE apostasse numa rivalidade deles os dois, de forma a por fim à história que eles andaram a construir durante anos no youtube e assim, seria extremamente poético e fixe de ver. Mas claro, tinha que ser bem feito e não uma rivalidade de jobbers. Se bem feito, não acho que seja mau para nenhum dos dois. Não acho que vá acontecer, mas acho que é uma excelente dia. A rivalidade já está feita, é só capitalizar!

        Pode ser que não. Pode ser que só o façam para Mysterio passar o testemunho a Sin Cara e estiver pronto para se reformar e não acho que isso aconteça para já.

        Ai eu ficava feliz e contente de certeza com a ideia dele se ir embora :) Mas não esperem pela Wrestlemania, façam já isso no TLC! Não há espaço para todos na Wrestlemania, Daniel, não reparaste já nisso? xDD

        Se eles organizarem bem as coisas, com uma Triple Threat pelos Títulos de Tag e duas rivalidades decentes (uma pelo USA e outra pelo IC), mais o Ziggler (vamos supor com a mala em jogo), eram capazes de ocupar assim os nomes mais indispensáveis da Wrestlemania. Isto tem é que ser bem feito e tem que lhes ser dado TEMPO! Ao invés de por o Brodus Clay a dançar e o Flo Rida e o Gun Kelly a darem concertos -.-

        Já que não pode ser campeão já, porque ainda é cedo para ele, metam-no com monstros. Façam com ele o que estão a fazer com o Show/Sheamus, mas sem título. O Henry é o nome excelente para isso. Tive imensa pena dele se ter lesionado. O ano passado foi excelente para ele.

        Tal e qual! É assim mesmo que as coisas são :) Nem me importo de errar, o que interessa é debater :)

      • danielLP21 - há 4 anos

        Não ficaria chocado se o Punk mantivesse o Título da WWE contra o The Rock, mas se a WWE tem em ideia uma derrota do Rocky no Royal Rumble ou que ele não vença o título, então nesse caso a hipótese de termos um Cena vs Rock no Royal Rumble aumenta… No entanto, é melhor não ficar com muitas esperanças. Para já, acho que o The Rock ganha o título. Se não vencer, já estou à espera, senão, melhor ainda :D

        Atenção, eu referi-me ao combate entre Ryder e Ziggler de forma pessimista tendo em conta o que o Ryder é ACTUALMENTE. Não tenho dúvidas de que o homem tem talento, aliás, isso viu-se no ano passado, mas não acredito que ele lute na ‘Mania com o Dolph. Olha, e porque não o Ryder e o Santino serem uma das equipas do nosso combate de sonho pelos Títulos de Tag Team? xD

        Oh eu também estou farto e cansado do Big Show, e nunca sequer fui fã dele ( nem de perto nem de longe) mas também não posso desejar que o senhor se reforme assim do nada… Não tenho dúvidas de que ele merece uma despedida decente, por isso olha que lhe dessem essa despedida na WrestleMania contra alguém que precisasse de ficar na história. E porque não o Miz? São só suposições, mas eles têm muita história juntos. Só não estou a ver como é que o combate surgiria… Mas isso não é nada que a WWE não resolvesse!

        Para mim, os títulos têm que estar todos em jogo na WrestleMania, e se houvesse algum que não tivesse tempo para ser defendido, escusado será dizer qual era a minha escolha… Não te iludas, vai haver alguma performance musical…

        Confesso que não estava à espera que o Mark Henry se portasse tão bem como Campeão Mundial e também fiquei com pena da lesão dele. Foi uma daquelas surpresas positivas que a WWE nos proporciona de vez em quando.

        Claro que não te importas de errar, acho que nem tu nem ninguém! Se nós, por acaso, acertássemos em tudo com 6 meses de antecedência era porque algo de errado se passava :D

      • Salgado - há 4 anos

        Ai eu ficava. A WWE não me deu qualquer razão para acreditar que o Punk vai ganhar no Royal Rumble, embora seja isso que deva acontecer e, por muito que não ache piada ao senhor, estou a torcer por ele a 100%. Não estou a ver Cena e Rock a acontecer noutro sítio que não a Wrestlemania. Ficaria seriamente chocada se tal acontecesse, mas quem sabe?

        Eu percebi a forma como tu entendeste o que disse, por isso é que me esforcei por frisar que as coisas tinham de ser BEM feitas! Se eles começaram já, ainda vão a tempo de valorizar muito o Ryder. Acreditar também não acredito, mas não nego que era poético e engraçado xD Ehm….Deixa-me pensar…Uhm… NÃO! Por amor de deus xDD Para esse combate, escolho os Rhode Scholars, o Tyson Kidd e o Justin Gabriel e, se kane e bryan não fizerem mais nada, Team Hell No.

        Também nunca lhe achei piada. Aliás, nunca achei assim uma tremenda piada aos “gigantes” por assim dizer. Nunca houve um fascinio propriamente dito, nem por ele, nem pelo Khali. o Mark henry conquistou-me o ano passado :) Acho que a única curiosidade que eu tinha em relação ao Big Show era mesmo em vê-lo ao vivo, porque ele é uma atracção de tão grande que é xDD

        Assim do nada? Daniel, não estás a ler o que estou a escrever? XDDD Estou a dizer para ele se reformar em alta após ser campeão, não dois ou três meses depois de perder o título. Agora é que ele está com o ímpeto todo!

        Olha, mas por acaso é boa ideia… Miz a reformar Big Show? Eu acho que iria gostar dessa ideia, independentemente de quem fosse no lugar do Miz xD Mas sim, é boa ideia. Mas eles não vão fazer isso xD

        Ah sim, também não tenho dúvidas que concordamos ambos em qual é o título que pode passar sem ser defendido… A não ser que a divisão dê uma volta de 360 até lá, claro. Ainda gostava de saber para que é que metem essas performances musicais.. As pessoas não vão lá pelo concerto! Para quê isto? para depois cortarem do DVD da Wrestlemania porque não querem pagar o cachet aos artistas, como fizeram com o DVD da WM25? É rídiculo… Ainda se fosse feito com sentido e lógica, agora só porque *têm* haver…

        Também não estava nada à espera. Eu não gostei nada da ideia. Estava demasiado preocupada com os mais novos, mas ele surpreendeu-me pela positiva e foi um dos pontos altos de 2011. A bem ou mal, ele merecia.

        Oh e não tinha piada nenhuma. Eu gosto de ser surpreendida. Pela positiva é certo xDD Se acertarmos as coisas, estamos a estragar a nossa própria experiência, porque depois dizemos que as coisas são demasiado previsíveis… Enfim, é dificil ser fã xDD

  9. danielLP21 - há 4 anos

    Não me importo muito com o que as pessoas pensam dos meus comentários, mas, sinceramente, tenho a noção que às vezes vou demasiado longe. Enfim, por isso é que há dias em que não comento muito ( apenas o essencial) porque se me apanham num dia mau eu confesso que exagero um bocado. Mas pronto, é para isso que serve a moderação dos comentários :D

    Admito, há uns meses atrás tive curiosidade em ler os teus primeiros OF e reparei que pouca gente comentava. Fico feliz que não tenhas desanimado e até reparei que hoje em dia escreves muito melhor o que na altura. E acredita que na altura já escrevias muito bem, por isso vê lá a qualidade dos teus artigos actualmente! Até me lembro de ver um comentário do Luís Salvador que dizia ” Então pessoal? Ninguém comenta?”. Acredito que ao início não deva ter sido fácil, mas também não demoraste muito tempo a conquistar os leitores ( só não digo “conquistar os corações” porque posso ser mal interpretado, principalmente por aqueles que costumam estar no chat da TNA).

    Felizmente, já ultrapassate a centena de artigos e espero, muito sinceramente, que venham muitos mais, até não conseguires aguentar mais! Eu cá estarei para ler, se Deus quiser e nada me acontecer xD

    • Salgado - há 4 anos

      Todos nós vamos demasiado longe, poucos são aqueles que reconhecem. E todos nós temos os nossos dias maus. O problema é que as pessoas caem na tentação de tratar os erros de um só indíviduo como se fossem um crime. Isto tem que ser feito num ambiente descontraído, mas também sempre com a ideia presente de que as pessoas não têm a obrigação de nos conhecer/compreender. E isto serve para todos (quem comete o erro e quem repreende), independemente da situação. Sim, e olha até a moderação de comentários é alvo de críticas, quando na esmagadora maioria das vezes deviam ser as pessoas a por a mão na consciencia e a lembrarem-se de que aqui ninguém a obrigação das compreender ou aceitar os comentários xDD

      O problema, em grande parte, foi meu. Tu notas essa melhoria, porque eu demorei um período de tempo a perceber o que queria fazer deste espaço. O que queria que este espaço fosse. Eu nunca tinha escrito ou sequer participado num site antes do W.PT. Portanto, demorei algum tempo a evoluir e a aperceber-me do que era exigido de mim. Basicamente, da noite para o dia, passei de nunca falar de Wrestling com ninguém, nunca discutir/debater, apenas a ler/ouvir as opiniões do outros, para ser eu a dar a minha própria opinião para sabe-se lá quantas pessoas. Não fiz essa transição tão rapidamente quanto devia ter feito, reconheço isso agora.Depois, tal como referi noutro comentário, sinto a necessidade de tentar que todos percebam o que digo, não que concordem forçosamente, mas que percebam e para isso refiro sempre várias opiniões, o que alonga o artigo, assustando a maioria dos leitores.

      Porém, uma das noções que sempre me animou foi a ideia de que mesmo não comentado, há pessoas que lêem. Aliás, no próprio evento da Smackdown que decorreu aqui em portugal, dentro do pavilhão atlântico, ao meu lado estava um fã que começou a falar do W.PT e, conversa puxa conversa, falámos do OF e ele elogiou o meu trabalho. Eu ainda perguntei o nome que a pessoa usava no site, mas o rapaz respondeu-me que nunca comentou no site. Portanto, essa ideia de que há pessoas a ler, mas não a comentar é um pensamento alegre de se ter e acaba por ser fiel à realidade :)

      Sinceramente, no início não foi fácil, mas também eu estava demasiado preocupada em encontrar o que é que faltava no OF, para me preocupar com os comentários. Eu sentia que não estava a conseguir fazer aquilo que eu achava que devia conseguir fazer, se calhar por isso é que havia pouco feedback. Agora, que me sinto perfeitamente satisfeita com o que faço no OF, embora alguns artigos saiam melhores que outros, continuo sem ter muitos comentários, mas o “pensamento feliz” que referi a acima continua presente, porque é uma realidade. Não só tive feedback na Smackdown, como recebo elogios através das redes sociais, algumas das perguntas e interacções no Perguntas e Respostas também subentendem que a pessoa em questão está a par do que eu digo e penso, portanto de momento estou satisfeita com o feedback que tenho tido, porque tal como te disse, é esse feedback que me ajuda a construir o OF todas as semanas.

      100 edições… Ainda nem eu acredito xDD Eu vou continuar até a WWE me afastar disto ou vocês se fartarem de mim xD Espero sinceramente que nada aconteça, para que nada impeça estes debates ao domingo :)

      • danielLP21 - há 4 anos

        Tu já me tinhas dito que não costumavas debater sobre Wrestling com quase ninguém no teu dia-a-dia, e de um momento para o outro começar a escrever para um site sobre esse mesmo assunto é uma grande mudança e, simultaneamente, um grande desafio. Do meu ponto de vista, esse desafio foi ultrapassado com distinção :)

        Deve ter sido excelente encontrar uma pessoa que costuma ler os teus artigos sem comentar! O mundo é mesmo pequeno, eu próprio não sabia que tinha um amigo que já tinha escrito em blogues sobre Wrestling porque pensei que ele nem sequer ligava muito a isto! Coincidência das coincidências, estava eu no exterior do Pavilhão Atlântico com o Luís Salvador e aparece esse meu amigo, que por acaso nem foi ver o show, uma vez que já tinha ido ver várias vezes a WWE ao vivo ( e viu o Triple H como Campeão da WWE…) e ele conhecia o Luís Salvador! Mas olha, cá para mim, esse fã que estava ao teu lado teve foi vergonha de dizer quem era :D

        Estou a brincar, eu próprio lia os teus artigos sem os comentar. Aliás, o meu primeiro comentário neste site foi uma resposta a um comentário teu sobre um combate de Tag Team numa Raw na Road To WrestleMania. Se não me engano, era um Daniel Bryan & Chris Jericho vs Sheamus & CM Punk, e o que estava em causa era se o Jericho estava legal ou não, uma vez que houve um pequeno “botch” e ele não fez o “tag” com o Bryan mas fez o “pin” vitorioso na mesma. Nesse comentário, elogiei logo o teu trabalho, e estás cada vez melhor :)

      • Salgado - há 4 anos

        A única altura em que tive alguém com quem discutir Wrestling foi mesmo no início e, nessa altura os nossos conhecimentos eram nulos. O meu objectivo sempre foi esse Daniel e ainda bem que consegui superá-lo!

        Fiquei mesmo super contente. É diferente falarmos aqui todos nós e depois confrontar-mos mesmo as pessoas e aperceber-mo-nos que as críticas são “reais”. É excelente. Eu sei, eu estava lá ao vosso lado, o Salvador explicou-me depois de ter ido falar com vocês. Ainda me disse qual era o nome de W.PT do teu amigo, mas eu não reconheci :)

        Eu lembro-me disso. Comecei-me a rir descontroladamente quando isso aconteceu mesmo em directo, achei que foi excelente xD grande botch! Muito obrigado mesmo, Daniel :)

      • José Sousa - há 4 anos

        Aliás nisso somos parecidos Salgado, eu também fora os meus colegas de Faculdade nunca tinha debatido a sério Wrestling até escrever aqui, e sim é um desafio ao inicio tornares-te mais interactivo!

      • Salgado - há 4 anos

        Pois, comigo foram só algumas amigas no início e nessa altura não valia a pena, nenhuma de nós percebia patavina do que estava a ver. O problema não é interagir, um bocadinho de boa educação e cuidado e a conversa flui, o problema foi só mesmo encontrar a identidade do espaço e tentar não cair naquilo que os outros diziam. Basicamente, tentar não ser mais uma em muitos…

  10. Vasco - há 4 anos

    Excelente artigo Salgado!

  11. andré_rodrigues - há 4 anos

    Pessoal, ninguém me indica um link do video do combate onde o John Cena Sangrou até dizer chega, neste combate: http://24.media.tumblr.com/tumblr_m8xy0bxyrN1ql7oz0o1_1280.jpg

  12. icarocaminha - há 4 anos

    Excelente artigo parabéns

  13. Kendrick - há 4 anos

    Artigo simplesmente fantastico :)

    Mas como eu te digo, desde que vi o Punk fazer um GTS ao The rock e este dizer que viria no RR, nao tenho duvidas, todos estes ppvs ate ao RR sao ppv fillers, o Punk nao vai perder o titulo.

    Penso que o Cena vai Sofrer o pin do Punk depois de um SS to Ryback, que entratanto é incomodado pelo Heyman ou pelo arbitro que levou a coça

  14. danielLP21 - há 4 anos

    Achavas muito descabido se o CM Punk perdesse hoje o título para o Cena, sendo que este lutaria com o The Rock no Royal Rumble, onde o CM Punk podia interferir e custar o combate ao Rocky? Assim, teríamos na WrestleMania um combate entre o Punk e o Rock sem o título em jogo, ou então o Punk ganhava o combate Royal Rumble e na WrestleMania teríamos um Triple Threat pelo título? Olha, vou ser sincero: não estou a ver o Punk fora do combate pelo título na WrestleMania ou num combate que não seja com o The Rock, caso contrário com quem lutaria o Punk? Com o Lesnar? Com o Undertaker? A WWE tem aqui ( mais um) caso bicudo para resolver. Que fazer com o homem que tem sido a principal razão para muitos acompanharem a WWE no último ano e meio?

    E porque um Tag Team Fatal 4-Way pelos títulos com Rhodes Scholars, Tyson Kidd & Justin Gabriel, Prime Time Players e Rey Mysterio & Sín Cara? Mas lá está, duvido que o Tyson e o Justin lutem na WrestleMania, o que é uma pena. E assim a escolha deveria recair sobre o Ryder e o Santino…

    Os “gigantes” também nunca foram, de longe, os meus favoritos. Posso apenas dizer que gostei muito do Umaga e, no último ano, do Mark Henry. De resto, Big Show, Big Daddy V ( ou Viscera) e o pior deles, Great Khali, nunca me encheram as medidas. O Khali para mim nunca teve lugar na WWE ( nem em lado nenhum…) e nem sei como é que ainda lá está… Ou melhor, até sei… Claro que não incluí o Kane neste lote, uma vez que o considero mais um “powerhouse” do que um “gigante”, e em termos de “powerhouses” admito que sempre gostei do Batista.

    Sim, pensando melhor até seria melhor o Big Show reformar-se já, e assim até deixava espaço para outros na WrestleMania, literalmente!

    Eu disse o Miz porque uma vez que ele vai ser face ( em princípio…) mais vale dar-lhe algum destaque, e o Big Show é um dos poucos heels consolidados e ainda por cima é uma lenda. Mas desde que o Big Show se reforme brevemente e que a história tenha o mínimo de sentido, podem pôr quem quiserem a reformá-lo! Como já disseste, o Sheamus também é uma boa opção.

    Não sei os teus gostos musicais, mas a mim o que mais me irrita é que as pessoas que actuam nem sequer têm talento! Na minha opinião claro… Além disso, por melhor que fosse o artista, está-se a falar do maior evento de WRESTLING do ano! Só falta mesmo colocarem o Flo Rida numa rivalidade com o Slater xD

    Tenta ver o outro lado: se acertássemos em quase tudo, ficávamos com o sentimento de que até teríamos futuro no mundo do Wrestling, caso quiséssemos seguir esse caminho xDD

    • Salgado - há 4 anos

      A ideia em si é gira, mas para quê terminar o reinado do Punk só para passar para o Cena? No Survivor Series? Acho que merece um bocadinho mais de pompa e circunstância. Acontece sempre isto com reinados longos e streaks, depois nunca achamos que as condições são as ideiais para estes terminarem.

      Por acaso já tinha pensado na Triple Threat e era giro! Podes ter a triple threat à mesma. O Punk e o Rock enfrentam-se no Rumble e o Cena vence a Chamber. Juntam-se os três na Wrestlemania. tal como tu, também não estava a imaginar o Punk a não lutar pelo Título na Mania, por isso é que lembrei de uma Triple Threat. Mas se o main-event é triple threat, o combate pelo título WHC não pode ser, portanto deve ser só Sheamus/orton.

      O lesnar está escalado para enfrentar o HHH. O Punk, a meu ver, ou fica com o Rock (individualmente) ou fica em Triple Threat. Porque olha, se formos bem a ver, a não ser que o Cena fique emparelhado com o Undertaker, não tens nada para ele fazer que não o Punk/Rock. Pois tem. Eles têm que ter muito cuidado a gerir o Punk, porque parte da audiência está aqui por causa do Punk. Se eles estragam o Punk, há “revolta”. A não ser que quem o estrague seja o Rock. Se for o Cena, tens riot garantido. Se for o Rock, muito poucos dizem alguma coisa.

      Uma fatal four? Na Wrestlemania tem que ser algo mais especial. Isso já anda a ser feito e falado agora. Isto começam a ser muitas Triple Threats e Fatal Four para uma Wrestlemania só xDD Pois, assim também tenho pena pelo Kidd e pelo Gabriel, eles são mesmo muito talentosos. Ai acho que o Santino e o Ryder não tem espaço na ‘Mania. Acho que não os vão meter lá..

      Nem do Umago gostei, vê-lá xDD O Kane e o Undertaker são um tipo de gigantes diferentes. O kane e o Undertaker sempre souberem o que estavam a fazer e o que devem fazer, ao contrário do Khali, por exemplo. Eu considero mesmo o Kane um gigante. para mim, powerhouse é o Batista, o Cena, o HHH e por aí adiante. O Batista teve muita sorte. Teve muita sorte em calhar na evolution, em ser amigo do HHH, e – queiram as pessoas admitir ou não – ele lá para o fim da carreira melhorou. E o Batista teve imensa química com vários lutadores. Os combates dele com o Undertaker foram espectaculares, também teve química com o Cena, com o Edge, com Triple H… A brincar, a brincar, o Batista teve presente em grandes combates e em rivalidades excelentes. A história dele nos Evolution e a virar-se contra os Evolution foi das coisas mais bem construídas que a WWE fez nos últimos anos. Pessoalmente, não vou muito à bola com ele, mas teve envolvido em coisas muito fixes, verdade seja dita xD Aliás, um dos combates dele com o Undertaker vai aparecer de certeza (não é na minha primeira contribuição) no meu “Match of the Week”.

      Sou disse o Sheamus porque eles já tem a faca e o queijo na mão, mas não acredito que aconteça. O big Show deu uma entrevista a dizer que ainda não está sequer a pensar na reforma, portanto isto é tudo muito bonito, mas são sonhos xDD

      Sim, geralmente também não gosto de pessoas sem talento seja qual for a área xD Ui, então no Wrestling nem se fala ahahah

      Por algumas conversas que vou apanhando no chat, até não acho que tenhamos gostos muito diferentes, mas de música não sou “entendida”, por assim dizer, por isso é que também não discuto o assunto no chat.

      Exactamente! Eu não estou a “pagar” para ver os outros a tentarem cantar! Ai sim, essa rivalidade então tem muito que se lhe diga xD

      ahahaha sim, daniel, vamos alargar os nossos sonhos! Já andamos a sonhar pouco, não é? xD

  15. Bill Rods - há 4 anos

    Cristo! Eu até vinha comentar o artigo, mas parece que já se ocuparam de fazer isso!… xD

    De qualquer forma, excelente artigo, como sempre Salgado.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador