Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Opinião Feminina #176 – Game Changer

É hoje que se realiza a trigésima edição da Wrestlemania. A ideia louca que Vince McMahon teve há quase três décadas atrás continua viva nos dias de hoje e tornou-se no maior evento de Wrestling do ano.

A primeira edição da Wrestlemania foi revolucionária à sua maneira, pois afectou permanentemente a indústria. Tudo seria diferente nos dias de hoje se a primeira Wrestlemania não tivesse tido tanto sucesso.

Após essas, várias outras históricas e marcantes Wrestlemanias se seguiram. E, no ano de 2014, a Wrestlemania XXX será uma delas.

Isto porque o evento é o argumento mais forte que a WWE pode usar para promover e lançar definitivamente a WWE Network. O primeiro mês da WWE Network serviu para conquistar os fãs que iriam aderir de qualquer das formas. Os fãs que não precisavam de mais motivação. Ou seja, as minorias.

A Wrestlemania XXX é a forma de chamar as massas. Se a transmissão da Wrestlemania XXX causar demasiados problemas que dificultem a visualização do evento a muitos fãs, a WWE terá uma grande dificuldade em voltar a conquistar a confiança dos fãs.

A WWE Network não é como os live events, onde a WWE tem a liberdade de mudar o card sem pré-aviso, sabendo perfeitamente que quando voltarem à área, os mesmos fãs irão aparecer no evento.

Quando se apela às massas com a ideia que podem ver a Wrestlemania, pelo preço estipulado, é isso que a WWE tem a responsabilidade e obrigação de fornecer.

Caso corra mal, entre toda a péssima publicidade que tal iria certamente ter, e a insatisfação dos fãs, a WWE Network pode mesmo estar condenada durante os primeiros meses.

Porém, se tudo correr bem, a WWE Network tem o potencial de, mais uma vez, alterar definitivamente a indústria.

No entanto, não é só a WWE Network que a Wrestlemania XXX pode influenciar. O panorama actual da companhia sofreu algumas mudanças nos últimos meses. Mudanças que, metaforicamente, encostaram a WWE à parede.

Tal como foi discutido ao longo das últimas semanas, a saída de CM Punk e a a reacção dos fãs a Batista forçou a WWE a alterar a Wrestlemania. Daniel Bryan teria um papel extremamente diferente no evento se CM Punk nunca tivesse saído, ou até regressado, e se os fãs tivessem, eventualmente, aceite Batista.

Todavia, CM Punk não regressou e os fãs, não só rejeitaram Batista por não ser Daniel Bryan, como o rejeitaram por ser a escolha da WWE.

Triple H vs. Daniel Bryan é um combate perfeito para a Wrestlemania. Durante imensos meses, Triple H foi o responsável por todos os ataques a Daniel Bryan e certificou-se que este não se tornava campeão.

Triple H vs. Daniel Bryan deveria ter estado sempre nos planos da WWE. Mas nunca esteve. Não até ao momento em que CM Punk saiu da WWE.

Quando isso aconteceu, Triple H precisava de um adversário e a WWE precisava de uma forma de acalmar os fãs. A WWE usou a revolta dos fãs com a situação de Daniel Bryan e com a saída de CM Punk, tornando-a sua. Tornando-a parte das suas histórias. A WWE apropriou-se desta revolta e usou Daniel Bryan como distracção.

No entanto, embora tenha sido forçada a seguir esta direcção, a WWE continua a ter a oportunidade de causar permanentes mudanças no panorama da companhia.

Com a saída de CM Punk, a WWE ficou sem uma das principais atracções. Daniel Bryan poderá ser um substituto, mas para tal, a WWE precisaria de mudar a sua atitude. Precisaria de tornar Daniel Bryan uma sólida segunda escolha, tal como fez com CM Punk e o seu reinado de 434 dias.

Ora, não estou a dizer que Daniel Bryan se irá tornar campeão e bater o reinado de CM Punk. No entanto, precisa de algo que o consolide e que ajude a esquecer, definitivamente, os últimos oito meses de desgraça criativa.

Vencer Triple H na Wrestlemania XXX e vencer o Título no main event, encerrando um dos eventos mais importantes dos últimos anos, pode ajudar. Se tal acontecer, tal poderá será um sinal das verdadeiras intenções da WWE e de finalmente terem reconhecido o potencial que têm em Daniel Bryan.

Caso contrário, poderá ser indício de um iminente regresso de CM Punk – algo que tem sido rumorado para o grande evento – ou a escolha de outra personalidade para o substituir.

Pessoalmente, não acho que CM Punk vá regressar na Wrestlemania ou nos meses que se seguem. Acredito, sinceramente, que este precisa de uma pausa séria, algo que dois ou três meses dificilmente conseguirão fornecer. Afinal, um mês em 2013 não foi o suficiente.

Sinceramente, não compreendo a ideia de que a forma como a WWE posicionou Daniel Bryan na Wrestlemania é um sinal de mudança de atitude por parte da companhia. Eles não tinham outra escolha, dadas as circunstâncias.

A WWE não reconheceu o potencial de Daniel Bryan nos cinco meses em que tentou evitar, a todo o custo, a sua aproximação do main-event. E, quando CM Punk abandonou a companhia, a WWE apenas reconheceu a necessidade de disfarçar um problema e de evitar que a estreia da WWE Network fosse envolta em revolta, negatividade e pay-per-views arruinados pela reacção dos fãs.

Portanto, tal como referi acima. Duas vitórias desta magnitude na Wrestlemania podem ajudar a esquecer todos os erros criativos com Daniel Bryan até ao momento. O que realmente faria a diferença e esclarecia, de uma vez por todas a posição da WWE relativamente a Daniel Bryan é a forma como o mesmo é promovido após o grande evento.

Porque, a grande salvação que todos esperamos poderá não passar de mais uma manobra de distracção, como forma de lançar a WWE Network da forma mais pacífica e alegre possível.

Afinal, o que garante os fãs que Bryan poderá mesmo festejar a sua vitória e terá um reinado sério? Certamente não a altura em que venceu o Título no Night of Champions.

Ora, embora a conclusão de tudo isto possa ser feliz, nem que seja apenas por uma noite, a construção desta história tem estado repleta de teorias da conspiração, o que não é novidade, dado os envolvidos.

Mesmo tirando Daniel Bryan da equação, as teorias da conspiração existem sempre que Triple H está envolvido em algo.

Booker T, Scott Steiner, RVD, Jeff Hardy, Goldberg, Mick Foley, Chris Jericho e Kurt Angle são as estrelas que tiveram mais destaque num video curioso que a WWE transmitiu recentemente, narrado por Stephanie McMahon.

Foi uma bela coincidência que as estrelas em questão são as que os fãs mais referem como vítimas, no que toca à suposta forma como Triple H exerce o seu poder e influência nos bastidores.

Booker T, o babyface, foi embaraçado, humilhado e insultado, durante a sua rivalidade com Triple H em 2003. O combate de ambos na Wrestlemania acabou com uma vitória de Triple H.

Aliás, grande parte das situações envolvendo Triple H e os lutadores referidos ocorreram em 2003, um dos anos em que Triple H dominou a Raw. Desde 2002 a 2004, Triple H e a Evolution foram o centro da Raw. Algo que nem sempre é relembrado pelos fãs da melhor forma.

E é exactamente isto que Daniel Bryan irá enfrentar na Wrestlemania: a reputação de Triple H. Legítima ou não, a verdade é que para grande parte das minorias, Triple H abusou do seu poder e influência frequentemente para prejudicar várias estrelas e se beneficiar a si mesmo.

Ora, a WWE e Triple H têm a perfeita noção de como alguns fãs pensam e para se certificarem que conseguem mexer com as emoções de todos, desde as minorias até às massas, usam-no a seu favor.

O vídeo referido acima é um exemplo. A estipulação que dita que quem vencer o combate entre Triple H e Daniel Bryan irá lutar pelo Título é outro. É exactamente isso que as minorias convictas da veracidade da reputação de Triple H receiam. A ideia de Triple H arrasar com a credibilidade de Daniel Bryan, o herói de muitos, apenas para encerrar a Wrestlemania como campeão é algo que, há uma década atrás, seria extremamente provável de acontecer.

Tão provável que, ainda hoje, todos receiam que aconteça.

Quando Triple H e Vince McMahon afirmaram em televisão que Daniel Bryan não tem estofo para ser representante da companhia, não disseram aos fãs nada que estes não soubessem já. Os padrões da WWE são bastante conhecidos, portanto a companhia estava simplesmente a brincar com a realidade e com as convicções dos fãs.

E, desta vez, Triple H voltou a fazê-lo, afirmando que tinha o poder de garantir que Daniel Bryan não seria campeão na Wrestlemania XXX.

Para as massas, este comentário foi apenas uma referência ao trabalho de Triple H nos bastidores. Para as minorias, isto foi uma referência a todas as ocasiões em que sentiram que este tinha usado o seu poder para prejudicar alguém.

Foi como se Triple H tivesse reconhecido e admitido culpa em todas as outras ocasiões e estivesse a garantir que seria esse o destino de Daniel Bryan. Haverá melhor forma que esta para brincar e manipular com o que os fãs sabem ou pensam que sabem o que se passa nos bastidores? A meu ver, não.

A verdade é que, embora com significados ligeiramente diferentes, estas afirmações e comportamentos atingiram todos os fãs.

A paranóia, os receios e teorias da conspiração que tantos fãs têm são usados contra si, de forma a tornar o combate mais emocionante e absolutamente imperdível.

É por isto que Triple H é um dos melhores vilões de sempre. Estou a falar de vilões a sério, não daqueles que todos nós gostamos imenso, porque fazem um excelente trabalho.

Triple H consegue ser mesmo odiado. É por isso que é tão frustrante quando este não aproveita todo o seu potencial, algo que foi desperdiçando nos últimos meses com a Autoridade.

Porém, tal como afirmei acima, assim que a WWE se apercebeu que poderia ter de construir a Wrestlemania sem CM Punk, tudo mudou rapidamente. Logo na noite após o Royal Rumble, Triple H e Stephanie McMahon comportaram-se como vilões a sério e Daniel Bryan foi representado como um herói sério e determinado.

Bastou a saída de CM Punk para, nem que fosse por uma noite, todos se comportarem como sempre se deviam ter comportado.

Daniel Bryan passou a ser o centro das atenções, reforçando a minha teoria de que este é apenas uma distracção. Mesmo quando não está directamente envolvido no segmento, como aconteceu há umas semanas com Triple H, Randy Orton e Batista, é tudo sobre Daniel Bryan.

Infelizmente, o comportamento da Autoridade não durou muito tempo, porque a caminho da Elimination Chamber, voltaram a misturar as águas para arrasar um bocadinho mais com a credibilidade de Randy Orton.

A saída de CM Punk tornou a Elimination Chamber desnecessária, pois assim que se tornou claro quais eram as opções da WWE para a Wrestlemania, não havia muitas formas para justificar mais um pay-per-view em que Daniel Bryan era prejudicado.

Tinha que ser feito, para a eventualidade de estarem a considerar um vitória deste pelo Título na Wrestlemania, mas depois de tantos meses a ser prejudicado, é normal que os fãs não tenham muita paciência para ver, mais uma vez, Daniel Bryan a ser tramado.

A forma como a WWE o fez também pecou pela criatividade, visto que os fãs tinham visto Bray Wyatt a prejudicar John Cena de forma semelhante.

Por isso, a Elimination Chamber terminou de forma bastante anticlimática e a própria Chamber ficou com o conceito anulado. Afinal, a Chamber não pode ser muito efectiva e credível quando existem tantas interferências num só combate.

Depois do Elimination Chamber e da confirmação de que CM Punk não iria regressar, tornou-se claro que Daniel Bryan iria enfrentar Triple H. Não havia outra saída.

Ora, embora seja o combate mais lógico, muito mais lógico que CM Punk vs. Triple H devido aos últimos oito meses de história que Triple H tem com Daniel Bryan, não era isso que os fãs queriam ver.

Os fãs estão a pedir e a gritar por um reinado de Daniel Bryan como campeão, não por uma vitória contra Triple H. Tal era claro sempre que Bryan fazia uma promo sobre enfrentar Triple H, especialmente durante o segmento “Occupy Raw”.

A ovação que os fãs deram à sugestão que Bryan fez, sobre ser inserido no combate pelo Título caso vencesse Triple H, foi claramente maior do que aquela que se fez ouvir após Triple H aceitar o combate.

Triple H pode ser o adversário mais lógico para Daniel Bryan, mas não é isso que os fãs fazem questão de ver. Porém, Triple H não pode ficar sem adversário para a Wrestlemania.

E foi aqui que os fãs criaram a sua própria sorte. A forma como rejeitaram Batista forçou a WWE a apressar o heel turn deste e criou a necessidade de inserir um babyface no combate. Como nenhum babyface, que não se chamasse Daniel Bryan, seria aceitável, a WWE optou por incluir Daniel Bryan em dois combates na Wrestlemania.

Não preciso de saber o que Daniel Bryan iria fazer na Wrestlemania se CM Punk e os fãs não tivessem forçado uma mudança para ter a certeza que seria muito diferente deste cenário.

Agora só resta saber quais são as intenções da WWE. A meu ver, é bastante óbvio que a aposta em Daniel Bryan e o seu uso na Wrestlemania é apenas uma distracção e uma forma de resolver vários problemas de uma só vez. A WWE não o está a fazer por Daniel Bryan.

A questão agora é: terá o último mês mudado alguma coisa ou, depois da Wrestlemania, Daniel Bryan volta apenas a ser o último recurso da companhia?

Seja qual for a intenção da companhia, existe a necessidade de vender a WWE Network e de deixar os fãs felizes com a mesma. Tal aponta para uma vitória de Daniel Bryan em ambos os combates. Pessoalmente, embora reconheça tal desfecho como mais provável, continuo receosa de uma vitória Batista no combate pelo Título. Afinal, os últimos meses não deixaram de existir.

Além da Network, existe outro aspecto a ter em conta: Extreme Rules. Sinceramente, não consigo visualizar a WWE a dar a Daniel Bryan as duas vitórias decisivas na Wrestlemania, quando podia deixar uma para o Extreme Rules.

O combate entre Triple H e Daniel Bryan poderia terminar de forma pouco conclusiva, levando a uma Fatal Four Way pelo Título. Bryan poderia ganhar o Título à mesma, mas apenas obtinha a vitória decisiva contra Triple H no Extreme Rules.

No entanto, Bryan também pode vencer Triple H de forma decisiva, vencer o Título ao fazer o pin em Randy Orton e enfrentar Batista no Extreme Rules. Não acredito que a WWE tenha desistido de fazer Batista uma das figuras principais das suas histórias.

No entanto, mais importante que as vitórias na Wrestlemania, é a forma como a WWE promove o campeão depois do evento. Pela forma como Triple H tem sido retratado como o homem mais poderoso da WWE, não me admirava que tal preparasse o regresso de Vince McMahon e, mais uma vez, a WWE tentasse tirar o destaque a Daniel Bryan, tal como fez depois do Hell in a Cell.

Pessoalmente, prefiro não apostar nas boas intenções de uma companhia que teve de ser forçada a dar uma conclusão lógica à história de Daniel Bryan com Triple H.

A Wrestlemania chegou onde deveria chegar, do ponto de vista de Daniel Bryan. Justiça foi feita. Ainda não se sabe se Bryan terá o seu grande momento, mas ninguém lhe tira o facto de ser a peça central da maior Wrestlemania dos últimos tempos.

Não deixa de ser frustrante que a WWE passou tanto tempo a evitar e a ignorar o potencial e a popularidade de Daniel Bryan. Cada dia que passa que o mesmo não é aproveitado é um desperdício e um risco que se corre.

Um dia, quando finalmente apostarem nele a sério, poderão já ter perdido uma grande oportunidade.

Quando a tarefa mais complicada é tornar um lutador popular, não se deveriam desperdiçar talentos como Bryan que o fizeram de forma tão verdadeira e orgânica. Os fãs foram os maiores apoiantes de Bryan e aqueles que ditaram esta Wrestlemania, sem nunca desistir dele.

Graças a isso, esta Wrestlemania apenas tem um desfecho aceitável para os fãs: Bryan como campeão. Se tal não acontecer, a Raw de amanhã será extremamente interessante de assistir.

A edição de este ano da Wrestlemania está envolta em controvérsia. A Network, Daniel Bryan e CM Punk são apenas alguns dos factores. Estão muitas coisas em jogo e hoje, tudo pode mudar. Resta saber se a Network e a teimosia da WWE o permitem. Desejo uma excelente Wrestlemania a todos, até à próxima edição!

Sobre o Autor

- Administradora. Publico parte das notícias, faço a gestão da League, dos Passatempos e ainda sou escritora do artigo “Opinião Feminina”.

31 Comentários

  1. danielLP21 - há 3 anos

    Excelente artigo Salgado.

    Também receio a forma como a WWE vai continuar a construir o Daniel Bryan depois da noite de hoje. Eu não estaria tão confiante como a maioria em relação a uma vitória do Bryan no “main-event”, mas acho que vai lá estar, visto que o Triple H sabe que tem de perder o combate entre eles. Não há outra opção a não ser essa.

    Ainda assim, acho que o Batista sai do PPV como campeão, ou não fosse essa uma das condições para o seu regresso… Não sou muito de acreditar em rumores, mas esse parece-me óbvio que é verdadeiro.

    • GonRodri - há 3 anos

      Concordo

    • RJRC98 - há 3 anos

      Olhem quem está em Nova Orleães :

    • Salgado - há 3 anos

      Obrigado :)

      Bem, o Bryan já venceu o HHH, mas mesmo assim continuo receosa de uma vitória de Batista. Não acredito que encerrem a Wrestlemania com uma vitória de Batista, portanto acredito que se o combate for guardado para o fim, tal será uma pista do resultado.

      Mas lá está, o problema é o seguimento e não tenho confiança NENHUMA que a WWE o faça bem.

  2. David Miguel - há 3 anos

    Excelente artigo como sempre
    Agora esperemos o evento e veremos o que prevalece a razão e o desejo dos fans ou o imenso ego do chefe.
    Se Triple H quiser realmente fazer o que ele diz ser “The best for the business” ele perde a luta e veremos Bryan ao menos no main event se o mesmo irá sair triunfante já é outra questão.
    Mesmo assim tenho meus receios Triple H já enterrou muita gente no decorrer da sua imensa carreira apenas para alimentar seu grande ego e auto promover a si mesmo e torço para que Daniel Bryan não seja mais um nome a se incluir na vasta lista.
    As esperanças giram em torno do WWE Network a empresa necessita que o evento seja um sucesso e que tenha uma boa aceitação dos consumidores o que nos alimenta uma perspectiva de que Triple H deixe seu orgulho de lado e conceda aos fans o que eles querem ver.
    Más no decorrer do ultimo ano que passou e no começo deste ano a WWE só anda a fazer besteiras e a estragar paper views que poderiam ter sido excelentes se não fossem as decisões erradas.
    É realmente dificil prever o que acontecerá só nos resta aguardar e torcer para que ao menos desta vez as pessoas que comandam a WWE tenham tomado as decisões certas.

  3. JoãoRkNO ® - há 3 anos

    Excelente trabalho Salgado.

    Apesar de manter-me fiel às minhas previsões, confesso que estou com algum receio do que poderá acontecer esta noite e a partir de amanhã com o Bryan. Mesmo que saia Champion, algo que eu desejaria, tenho medo do booking que lhe poderão dar nos próximos tempos, apesar de que se esta noite houver alguma injustiça até um boicote poderá ser possível, juntando os cânticos a CM Punk etc etc.

  4. José Sousa - há 3 anos

    Excelente artigo. Esta é a YES!Mania, só tenho dúvidas é que o Bryan saia campeão hoje da Mania. Tal como o Daniel também tenho esse feeling que o Batista vence o titulo, fazendo o pin no Orton mas vence.

    • Salgado - há 3 anos

      Obrigado :)

      Também tenho receio dessa possibilidade, tal como referi no artigo. Acredito que a posição do combate no card seja uma pista do desenvolvimento do combate.

  5. Micael Duarte - há 3 anos

    Excelente artigo.

    Se há coisa em que não acredito, é nas duas vitórias do Daniel Bryan. Se eu queria que acontecesse? Claro que sim, mas não acredito que tal aconteça.

    • Salgado - há 3 anos

      Obrigado :)

      Também me custa imenso acreditar nisso. Nós não temos culpa nenhuma por pensar assim, os últimos oito meses que falem por si.

      • Micael Duarte - há 3 anos

        Bem Salgado, um já venceu… Será que é O Momento? Espero bem que sim! :D

  6. john3:16 - há 3 anos

    Foi um bom artigo salgado, de facto um dos meus maiores receios desta noite é que o bryan não sai da mania com o titulo, estou convencido que o seu primeiro combate acaba em no contest, pois não tou a ver a wwe a dar-lhe 2 vitorias, coisa que merecia.
    No entanto espero que depois da mania bryan não seja campeão o ano inteiro, porque apesar de tudo eu deverei ser dos poucos que ja ta cansado de tanto yes, obviamente que ele deve continuar a lutar pelo titulo, mas podia ter um bom reinado mas não grande demais. Se o batista sair do show como campeão, tambem não fico surpreendido pois a wwe praticamente lhe prometeu isso, vamos ver.
    Desejo-te uma ótima wrestlemania e até pra semana !

  7. ddRay - há 3 anos

    sinceramente… eu gosto do vosso trabalho (da wrestling.pt) trazem sempre as notícias todas, as streams, as gravações, têm bom contéudo e sem este site seria mais complicado eu acompanhar o wrestling, mas a minha visão disto tudo difere tanto da vossa que não consigo evitar o comentário que irei fazer abaixo.

    De facto, a WWE tem certos padrões e tem alturas em que é injusta para os seus profissionais wrestlers, mas as coisas não são tal e qual o que vocês pensam. Que eu saiba, nenhum de vocês tem contactos na WWE que vos confirmem as teorias e a unica verdade aqui é que a WWE tem um sucesso estrondoso e nada indica que deixará de ter nos próximos anos. Se há alguém a saber fazer as coisas é a WWE, caso contrário já teriam sido esquecidos como companhia de Wrestling e hoje estaríamos a falar de outros nomes.

    É incrivel como todo e qualquer artigo a comentar as ações da WWE se resume a CM Punk e a Daniel Bryan. Será que vocês só vêm esses 2 à frente? Será que se o Batista ou o Orton ou até mesmo o HHH saírem campeões da WM30 vocês vão assinar uma petição para mudar a direção da WWE?

    Eles sabem muito bem as opiniões dos fãs, aliás, para eles isso já é o “virar frangos”, os planos da WM não foram feitos encima do joelho, vocês é que metem isso na cabeça. Eles planeiam as coisas conforme o Marketing que têm, não conforme a opinião dos fãs.
    Eu quero ver o HHH a sair da WM30 como campeão, roubar aquela WM toda e erguer o título mesmo na cara dos fãs. Sinceramente estou farto de ver mais John Cena por aí… os heróis dos fãs…

    A WWE precisa de mais um heel de qualidade como foi o Edge, precisa de um gajo como o Stone Cold que em qualquer papel consegue ser sempre o centro da atenção, precisa de um Bray Wyatt (já tem), não vejo a necessidade de chorões que se não têm o título despedem-se.

  8. Hildo - há 3 anos

    Excelente artigo salgado muito bom mesmo.
    Concordo com tudo que você disse, A WWE Não está fazendo isso poque confiam no Bryan.. Ela realmente está fazendo isso porque Não tinha outra escolha, era isso ou era isso. Essa feud sem duvida nenhuma foi a melhor feud para essa wretlemania, um pouco melhor que Wyatt vs Cena. Bryan e Triple H praticamente ”carregaram” Orton e Batista. Desde que começou, Ofuscou completamente Orton e Batista.

    • Salgado - há 3 anos

      Obrigado :)

      Tiveram que “carregar” BAtista e Randy Orton, porque se os deixavam à mercê dos fãs, era uma desgraça absoluta.

  9. Micael Duarte - há 3 anos

    “É incrivel como todo e qualquer artigo a comentar as ações da WWE se resume a CM Punk e a Daniel Bryan” – Se a WWE tivesse tomado as decisões correctas tanto para um, como para outro, quando estas deviam ter sido tomadas, não existia tanto barulho em torno do Punk e do Bryan, especialmente em torno do último.

    “Eles sabem muito bem as opiniões dos fãs, aliás, para eles isso já é o
    “virar frangos”, os planos da WM não foram feitos encima do joelho,
    vocês é que metem isso na cabeça.” – Da mesma forma que nós não estamos dentro da companhia e partimos do princípio que os planos foram alterados devido à situação do Punk e à rejeição dos fãs para com o Batista, também tu, não estando dentro da companhia, não sabes se isto esteve sempre planeado… Aliás, acho muito estranho alguém dizer que isto já estava tudo planeado, quando, à vista de todos, os planos foram altamente mudados no último mês…

    “Eu quero ver o HHH a sair da WM30 como campeão, roubar aquela WM toda e erguer o título mesmo na cara dos fãs. Sinceramente estou farto de ver
    mais John Cena por aí… os heróis dos fãs…” – Portanto, estás farto de ver o John Cena, um lutador que se dedica à WWE como poucos e não está em “part-time”, mas queres ver o HHH como Campeão da WWE… Pronto, acho que já deu para perceber o teu ponto…

    Ah, e não percebi qual é a ligação entre a necessidade de se ter um grande “heel”, como, de facto, é o Triple H, com a cena de este ter te sair da WrestleMania Campeão… Mas sim, apostar em “part-timer’s” e nos “velhos” é que está na moda, portanto, bora nessa…

    Uma boa WrestleMania para ti, e que o Daniel Bryan saia de lá Campeão.

  10. john3:16 - há 3 anos

    Será muito difícil aparcer alguem parecido ao Austin Diogo !

  11. akujy - há 3 anos

    Presumo que n sejas grande fã do DB. Estás no teu direito, mas daí até dizer que tudo no site fala sobre ele e o Punk é um grande exagero. Até temos rúbricas que são dedicadas a temas alternativos só por si e que falam de coisas como Wrestling feminino ou acontecimentos passados. Mas é normal q s fale mt nesses 2, já que eles são notícia e as pessoas debatem sempre os temas mais “quentes” e populares.

    • ddRay - há 3 anos

      o CM Punk já não é notícia para a WWE há muito tempo, o Bryan entendo que se fale dele, mas daí a dizer “se ele não ganha a WM passa a ser lixo”, que exagero :o

      Sou fã do DB no ringue, o resto não gosto muito… mas que ele luta e sabe cativar no ringue, isso é 100% verdade, faz-me lembrar um pouco o Chris Benoit mas num estilo diferente.

      Caramba, quero ver a WWE a promover o Seth Rollins e o Dean Ambrose que têm ambos bons mic skills e estilo de luta engraçado/espetacular… separar o Cesaro da porcaria do Swagger e fazê-lo brilhar como merece, começar a dar destaque a mais tag teams, voltar a dar alguma imponência às mesmas como era nos tempos de 2001, arranjar um mid-card estável e fazer feuds para ele com melhor qualidade para valorizar o IC e o USA Champ…
      Eles têm tanto por onde pegar… porque raios há de estar o defeito sempre no não pegar no CM Punk ou fazer do Daniel Bryan o campeão?

      E… se o Stone Cold alguma vez voltasse nem que fosse a dirijir uma coisa qqer já que não pode lutar ou até mesmo para comentários, seria hilariante!

  12. Excelente artigo Salgado.

    Eu espero que a WWE aposte de verdade no Bryan e não o use apenas para apartar a fúria dos fãs…

    Uma ótima Wrestlemania a todos!

  13. rodrigomcb99 - há 3 anos

    Excelente artigo Salgado
    Eu tenho esperanças que o Bryan saia da WM como campeão e acho que ele irá ter um bom reinado como campeão pois se assim não for na minha opinião seria o maior erro da WWE
    SEE ALL OF YOU AT WRESTLEMANIA!!!

  14. Guest - há 3 anos

    PTWrestling, olhem quem está em Nova Orleães

  15. Tunes9 - há 3 anos

    Excelente artigo, mais um como sempre, Parabéns Salgado! :-)

    Sinceramente, eu já estou farto do “YES! Movement”, já me cansa, o DBryan é um excelente Wrestler e parece ser uma excelente pessoa e simples, é um tipo porreiro e trabalhador e merece tudo de bom e o Main Event, mas já começam a exagerar, o HHH é o meu lutador preferido de sempre, sempre foi, é e sempre será, sou fiel, portanto não vou ser hipócrita, eu espero que o HHH “destruía” o DBryan e vença e vá ao Main Event e que se torne WWEWHC, mas isso sou eu, entendo as diferentes opiniões e gostos e compreendo que o DBryan merece estar no Main Event e ganhar o titulo, é o presente e futuro da WWE.

    De resto, concordo contigo. :-)

    • Salgado - há 3 anos

      Muito obrigado :)

      Compreendo que canse os fãs estar constantemente a ouvir falar do assunto, mas é uma situação que a WWE não resolveu e da qual os fãs não desistem.

      Também entendo :)

      • Tunes9 - há 3 anos

        É verdade, temos que aguentar. :-)

  16. Salgado - há 3 anos

    Obrigado :)

    Bem, o Bryan já venceu, agora falta ver o resto.

  17. Salgado - há 3 anos

    Obrigado :)

    Tal como já disse, não acredito que façam dele um campeão credível com um reinado sólido e, no fundo, ele precisa disso mais do que tudo o resto.

  18. Salgado - há 3 anos

    Tens toda a razão. Não tenho qualquer contacto dentro da WWE que confirmem as minhas teorias, mas, tal como disseste, são as minhas teorias. E este é o meu espaço, onde dou a minha opinião, à qual tenho direito.

    Não tenho qualquer dúvida que a WWE continue a ter sucesso durante muitos e bons anos, mas existem formas de maximizar esse sucesso e, a meu ver, eles nem sempre as aproveitam.

    Nisso, tens toda a razão. Estão há anos suficientes na indústria para saber o que fazem, no entanto tal não significa que sejam infalíveis ou que tudo o que fazem seja perfeito. Há falhas, há erros e, da minha parte, estou aqui para discuti-los. Tal como discuto as suas qualidades.

    Neste momento, resume-se a CM Punk e Daniel Bryan porque são os exemplos mais oportunos. CM Punk e Daniel Bryan não são exemplos de ontem. Posso fazer um artigo a falar do Zack Ryder e de como foi absoutamente arrasado pela WWE, mas não só já referi o assunto várias vezes, como já nem se encontra dentro de contexto.

    Eu sei que sabem. Aliás, referi isso várias vezes ao longo desta mesma edição. Não foram feitos em cima do joelho,mas tiveram que levar umas belas mudanças de última hora, isso é inquestionável.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador