Pensamentos #109 – 10 Razões para CM Punk voltar!

Uma das coisas que me têm perguntado nos últimos tempos é “Vai pagar com cartão ou com dinheiro?”. A outra que também me perguntam muito é “Achas que o Punk vai voltar?”. E, depois ponderar durante algum tempo, a minha resposta definitiva é: Pode voltar, mas não é já. Mas, que vai voltar, vai. E hoje, decidi basear-me num artigo internacional para vos trazer 10 razões que podem levar a que o Straight Edge Society King regresse aos ringues da WWE. Vamos lá então ver:

A sua (agora) esposa ainda está na WWE

Todos conhecemos a love story que já anda pela Internet há muito tempo entre CM Punk e AJ Lee e essa relação deu os seus frutos, quando no mês passado, Punk e AJ deram o nó e são oficialmente marido e mulher. Ora, tendo em conta que Punk tem um historial de gostar de andar perto do que é seu (Quando namorava com Beth Phoenix, Punk pediu para esta ser transferida para a Raw para assim poderem viajar juntos), seria perfeitamente normal ver Punk regressar à empresa, não só para lutar, mas principalmente para passar mais tempo com a sua mulher, porque afinal, com AJ na empresa e Punk em casa, o casal não se vai ver tão regularmente como um casamento exige.

Além disso, é fácil de imaginar a forma entusiasta com que AJ vai contar as coisas que se passam na empresa a Punk, que se vai imaginar a viver aquilo tudo novamente. Então quando for altura da Wrestlemania, o buzz do wrestling vai estar em alta, fazendo com que o bichinho do wrestling volte a acordar em grande força.

Tem uma relação próxima com Vince

Punk pode dar-se mal com muita gente dentro da WWE. Stephanie McMahon e Triple H estão com certeza no topo dessa pirâmide de “ódio”. Mas dentro dessa pirâmide, alguém que pensávamos que poderia estar também no topo dessa pirâmide, é uma das pessoas com que Punk se dá melhor e uma das pessoas com quem Punk tem mais facilidade em comunicar: Vince McMahon.

Em Janeiro, Punk deu uma entrevista ao jornalista Canadiano Ariel Helwani, onde abordou a sua relação com o patrão. Punk disse que ele e Vince costumavam falar imenso, de coisas pessoais e que muitas vezes, mandavam sms um ao outro durante a madrugada “É estranho, porque eu durmo pouco ou nada e sei que ele também, por isso mando-lhe mensagens às quatro da manhã. Ele dá-me dicas para as insónias. É divertido, porque eu costuma passar grandes periodos em que me isolo, não falo com ninguém, mas depois lembro-me que falar com ele é fácil”

Esta “amizade” pode levar Vince e Punk a chegarem a um acordo bom para ambas as partes. Vince tem experiência em reatar laços com ex-campeões, como foi o caso de Steve Austin em 2002, quando Vince foi sozinho a casa de Stone Cold para o convencer a voltar. Pode muito bem voltar a acontecer…

Toda a gente acaba por regressar

Convenhamos: Uma vez que alguém entra na WWE e tem sucesso, nunca mais será o mesmo, nem que saia da empresa em maus termos. O rótulo de “Ex-WWE” nunca mais descolará do atleta. E isso ficou provado através de décadas, pois tantas e tantas lendas já regressaram à empresa. Lutadores que sairam em maus, em péssimos ou mesmo em guerra com a empresa. Bret Hart, Ultimate Warrior, Hogan, Flair, entre muitos outros que foram estrelas na WWE, que juraram nunca mais lá voltar, mas que acabaram por ceder aos encantos da Big E. Então o caso de Bret Hart é o mais famoso de sempre. Quem se irá esquecer da forma como Bret saiu da WWF, a forma como foi lixado e humilhado na sua terra natal? E mesmo assim, passados 12 anos, Bret voltou à WWE.

CM Punk não vai ser excepção. Depois de quase 10 anos de empresa e de ter sido uma estrela, Punk, com 35 anos, tem mais do que uma via aberta para voltar quando bem lhe apetecer. Até pode demorar um ano ou dois, mas mais dia menos dias, Punk vai voltar. Punk não é diferente dos outros mencionados acima. Nem o seu lendário mau feitio vai ser impeditivo de um regresso em grande.

O dinheiro não dura para sempre

Quem nunca ouviu uma história sobre um ex-jogador de futebol que ganhou muito dinheiro durante a carreira, mas que perdeu tudo, seja por uma razão ou por outra e ficou na miséria? Pois é, o dinheiro, por muito que seja, não dura para sempre. Se um atleta amealhou dinheiro durante a sua carreira, que se reforma e que deixa de trabalhar, o dinheiro começa a sair e deixa de entrar, ou seja, o dinheiro sai para pagar as contas, mas ao fim do mês não cai nada. E se continuar assim por muito tempo, o dinheiro é cada vez menos.

Ora, Punk tem uma fortuna considerável. De todos os anos nas empresas independentes e de quase 10 anos na WWE, a sua conta bancária deve estar muito bem composta. Tem uma casa avaliada em 2 milhões de dólares e o seu estilo de vida, livre de vicios, deixa-o numa posição confortável. Mas Punk ainda tem 35 anos. Tem uma vida inteira pela frente e o dinheiro que ele acumulou não lhe chega para viver até à reforma, principalmente a sustentar uma mansão.

Se nos próximos tempos a WWE lhe oferecer um contrato em part-time, a ganhar uns belos milhões, não duvidem que Punk aceita. Quem é que resiste a um contrato de trabalho por meia dúzia de meses por ano, ganhando uma fortuna? Ninguém. E o dinheiro pode ter sido um factor decisivo no facto de Punk ter ido embora, porque ele ficou extremamente revoltado com os valores oferecidos a Rock e Lesnar, quando os que trabalham duro o ano inteiro, recebem muito menos. Nesta altura da carreira e desgastado como está, Punk pode e deve ter cérebro e aproveitar um contrato em part-time.

Afinal, ele pode ter ainda contrato

As condições em que Punk saiu da WWE são desconhecidas. O que sabemos é que Punk pegou nas malas e foi para casa. Ora, segundo se soube depois, Punk ainda tinha contrato por mais 6 meses, meses esses que não foram cumpridos. E isso pode ser um factor contra Punk. Se ele tinha contrato, a WWE pode invocar que o lutador abandonou o posto de trabalho, com contrato por cumprir e que tem de cumprir o resto ou indeminizar a empresa. Além disso, segundo se sabe, os contratos na WWE têm uma cláusula de renovação automática por mais um ano, quando os contratos terminam, ou seja, o contrato de Punk terminou, mas a WWE pode renová-lo por mais um ano, sem interferência do atleta.

cmpunkcontract

Quem sonha em ver Punk na ROH ou noutras empresas, tem de esquecer o assunto, pelo menos por agora. Além do contrato de Punk não ser claro, existem as famosas cláusulas de 90 dias sem competir. Se efectivamente o contrato entre as partes terminou de vez, ainda existem estes três meses que Punk está proibido de competir.

Não acredito que a WWE vá por esse caminho, mas legalmente, a empresa tem todo o direito de exigir que Punk cumpra o resto do contrato que tem/tinha com a empresa, pois este saiu sem aviso.

Ele ama o Wrestling

Punk entrou na indústria em 1999, mas mesmo antes disso, Phil Brooks sempre foi um fã de wrestling. Existem inúmeras fotos de um Punkzinho com Stone Cold Steve Austin e toda a gente conhece a paixão com que ele fala da indústria, relembrando a sua infância de WWF e outras companhias, tendo mesmo grandes colecções de DVD’s de wrestling no seu autocarro. Antes de ser um wrestler, Punk é um fã de wrestling e de quem o pratica. É um fã daqueles que, como ele, lutaram desde o fundo e alcançaram o topo, sem recorrerem a outros caminhos que não o ringue. Toda a sua vida profissional foi passada num ringue. O que é que ele vai fazer mais? Filmes? Já foi convidado pela Brazzers para fazer porno. Vai criar uma banda? Ele diz que sim. Mas será que alguma dessas coisas o faria realmente feliz como o Wrestling faz?

Será que alguma outra profissão o faria sentir aquela emoção que ele sente quando ouve os fãs gritar o seu nome? As arenas cheias de gente, as música, os sons, o ringue, tudo aquilo a que Punk se habituou durante toda a sua carreira. Porque é que acham que a sua PipeBomb foi tão bem sucedida? Porque Punk estava à vontade, só ele, um microfone e os fãs. Não precisa de mais nada. Será que Punk quer mesmo esgotar os seus melhores anos, perdendo a oportunidade de lutar contra os seus amigos, de dar espectáculo, estando sentado no sofá? Aquela sensação de “sinto falta do cheiro do balneário” vai estar sempre presente. Seja a ver TV, seja a falar com Colt Cabana ou a olhar para as suas recordações de wrestling. “Sinto saudades”. Basta isto para um regresso.

Ego

Mas alguém duvida que Phil Brooks tem um ego do tamanho de Marte? O homem chama-se a si mesmo “The Best in the World”. Ele sempre achou isso. O Colt Cabana e o Joey Mercury admitem isso no documentário dele. Punk é um Mark dele próprio. Quantas vezes Punk não se manifestou contra a WWE por esta não o valorizar da maneira que ele acha que deve ser valorizado, ou seja, ser a estrela principal da empresa ou pelo menos, estar ao nivel de Cena. E o facto da WWE não o valorizar dessa maneira, foi a razão principal pela qual Punk desertou e deixou a WWE a mamar no dedo. Punk queria ser o Main-Event da Wrestlemania. Queria o último combate. Ele próprio admite que esse era o seu objectivo principal e que ver Miz consegui-lo, enlouqueceu-o.

Um contrato lucrativo a part-time e a promessa do Main Event da Wrestlemania faziam Punk voltar num ápice. Mas não duvidem que Punk iria exigir isso tudo escrito e assinado num contrato. Porque de promessas est ele farto e o seu ego não iria aguentar outra “facada”. Da próxima que a WWE fizesse, ele saia e provavelmente faria uma PipeBomb, mas desta vez sem teatros nem fachadas. E a WWE não quer isso. A WWE quer o ego de Punk controlado, como controlaram o ego de Shawn Michaels durante anos. E pessoas com egos assim, só têm duas saidas: Ou mudam ou rebentam. Não me parece que o Punk esteja com grandes ideia de mudar…

A WWE está a ficar sem estrelas

Quem é que a WWE tem neste momento para colocar o titulo, que seja totalmente confiável, que dê ratings, que represente a empresa e que venda merchandise? John Cena. E mais? Mais ninguem. Neste momento, o único que a curto prazo consegue levar a empresa às costas é Cena. Sheamus já não é aquele “futuro Cena”, Roman Reigns ainda está verde, Daniel Bryan está gravemente lesionado e tem a carreira em risco. De resto, ninguém tem a capacidade de levar a empresa às costas. CM Punk tem. Foi campeão durante 434 dias e durante grande parte do reinado, foi Face. E um Face ao nível de Cena. Nesse ano e tal, Punk carregou o titulo em grande, sendo um campeão quase perfeito.

cmpunkcena

Neste momento, a breve prazo, se John Cena faltar, o único que o conseguiria substituir é Punk. Ele é um número 2 apenas atrás de Cena, mas que consegue ser um número 1 totalmente credivel. Mais, se a WWE anda tão desesperada por vender assinaturas da Network, um regresso de Punk aos grandes palcos seria um caminho para aumentar e muito o número de assinaturas. Será que Punk se apercebeu disto e resolveu sair, para que a WWE sentisse a sua falta? Terá sido isso? Se foi, a WWE vai rapidamente perceber que Punk faz falta e muita…

CM Punk vs WWE = Ratings e Dinheiro

Esta não é de agora, já leva anos. Superstar vs Patrões equivale a TV Views e a dinheiro fresco. Foi assim quando Austin se virou contra Vince, foi assim quando Bryan se virou contra Triple H e foi assim quando Punk rivalizou contra Vince/Laurinaitis. As PipeBombs recorrentes, as épicas promos, os combates contra Cena com as interferências de parte a parte, tudo isto fez com que a rivalidade Punk/WWE fosse uma das mais bem sucedidas da última década. Só a PipeBomb principal rebentou a escola de ratings da Raw. O herói injustiçado que luta contra o regime que o quer derrubar.

Imaginem isto como uma sequela dos eventos de 2011: CM Punk regressa, deita a casa abaixo. Senta-se na entrada, como fez da outra vez, e começa a relatar o que se tinha passado no último ano, as promessas da WWE, as desavenças e as razões da saida. Fala de tudo e mais alguma coisa, numa promo ainda mais épica que a primeira. E depois simplesmente levanta-se e desafia a principal figura da Autoridade, seja ela quem for. Hell, até podem pegar em alguém e virá-lo Heel para representar a autoridade e colocá-lo contra Punk no Main Event da Wrestlemania *cof cof Cena cof cof*. Um retorno a curto/médio prazo será épico, ainda mais se for tão bem feito como da primeira vez.

Vai estar na melhor forma da sua vida em 2015

Um dos maiores factores para a sua saida em Janeiro foi a sua saúde. Punk estava completamente arrasado. Cheio de dores, doente, com pouco apetite e a sentir-se miserável. Numa entrevista recente de Mick Foley, este admitiu o péssimo estado de Punk: “Em cada show que participava-mos os dois, não houve sequer um em que eu não o visse a colocar gelo, a usar almofadas de calor ou a passar horas no consultório do médico”. Então a questão coloca-se: O que vai acontecer depois de Punk descansar e voltar a estar saúdavel?

A resposta é apenas uma: Vai voltar ao seu único amor, o Pro Wrestling. Aquilo que o faz sentir em casa, aquilo em que ele acha que é melhor, aquilo que o catapultou para o estrelato e lhe deu tudo o que ele tem hoje. Phil Brooks aka CM Punk está longe de terminar a sua carreira.

CM Punk reformado aos 35 anos? Não contem com isso…

See you next week on WPT

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Pensamentos”.

22 Comentários

  1. Superstars - há 2 anos

    WWE está tão sem talentos que iria atrás de um cara que a recusou ? WWE precisa voltar a epoca que um simples segmento era epico https://www.youtube.com/watch?v=kGe8wkWF7qk

  2. Ricardo Silva - há 2 anos

    Grande artigo meu caro, concordo com (quase) tudo, embora a WWE chegar a dar-lhe aquilo que quer, a liberdade que ele quer e o contrato que ele quer, com as condições que ele quer, não me parece tão provável ou, pelo menos, tão fácil de conseguir como tu dizes… Mas bem, é possível. Ou não fosse ele constantemente mencionado nas bancadas. As pessoas não se esquecem e duvido que em 2015 se tenham esquecido dele.
    Muito bom texto, análise impecável :)

  3. Flávio - há 2 anos

    1 razão apenas para ele voltar, é o melhor do mundo , e a WWE precisa dele, senão as coisas nunca mais vão ser iguais ! nunca mais vamos ver um combate como no Money In The Bank 2011 !!

    • Diogo Clemente - há 2 anos

      o cm punk é o melhor e as lagrimas vierão-me ao canto do olho quando soube que ele ia sair da wwe mas acredito que ele voltará

  4. Flávio - há 2 anos

    Já agora excelente artigo e porque relembrar estes momentos é outro nível aqui fica :)

  5. Flávio - há 2 anos

    Já agora excelente artigo e porque relembrar estes momentos é outro nível aqui fica :))

  6. Tunes9 - há 2 anos

    Excelente artigo, sobre a realidade em volta do Punk, Parabéns! RicardinhoO. :-)

    Concordo com tudo, todos os pontos são credíveis e fortes para o Punk regressar e, como tu, também acredito que pode demorar e o Punk pode ter duvidas, mas, mais tarde ou mais cedo, vai mesmo regressar e a carreira dele não acabou, esperemos que seja mais cedo. ;-)

    O Punk pode voltar e dar ainda mais interesse (ao produto e por parte do WWE Universe) e dinheiro à WWE, e pode voltar a ter destaque, ele é o “Best in the World” e um regresso dele seria o melhor que podia acontecer, espero bem que regresse o mais rapidamente possível, já sentimos falta dele.

    De resto, nada a dizer, adorei ler e subscrevo tudo o que disseste.

    Bom trabalho. :-)

  7. André Gomes - há 2 anos

    Ótimo artigo, RicardinhoO. Não sabia dessa relação do Punk com o Vince. Bem interessante.
    Eu penso que este já foi. É um ex-wrestler. Mas, tudo pode acontecer e uma surpresa no Royal Rumble seria grande. Mas penso que são apenas sonhos.

  8. Matheus Ferreira - há 2 anos

    Meu que coisas lindas eu li ai homem! sério, Parabéns, concordo com tudo que disses mas principalmente com a parte dele amar o Wrestling todo mundo que acompanha o CM Punk sabe que ele não vai ficar longe para sempre do Wrestling e ja que a sua esposa esta na WWE é possivel dele retorna por lá mesmo, se for para falar em algum retorno por parte da WWE para mim será em 2015 mesmo, e como falaste todas estrelas voltam, por que seria diferente logo com o CM Punk? quando o CM Punk quiser alguma coisa na WWE o Vince vai metelo lá e dane-se Genro, Filha e tudo Desde aquela assinatura de contrato em 2011 aonde o CM Punk disse aquelas verdades o Vince viu que ouro vale este homem para o Wrestling.

    ”com AJ na empresa e Punk em casa, o casal não se vai ver tão regularmente como um casamento exige” HAHAHA, Sabes bem as tais exigências :}

  9. Igor - há 2 anos

    Royal Rumble 2015: ” E no ringue está apenas Cena, Ziggler, Reigns, Ambrose, Cesaro, Orton e vamos ao numero 30: ”DONG”. OMG, IS THAT… IMPOSSIBLE! IS CM PUNK! PUNK IS BACK, THE BEST IN THE WORLD RETURNS!

    Cara ainda sonho com esse dia, sonho em ver ele retornando no RR 2015 e vencendo, indo na WM lutando seja como quem for. Acredito que ele retorna, ele merece muito isso.

    • THE_WOLVERINE - há 2 anos

      se ele retornar da maneira que vc disse e ganhar ainda por cima, ele perdera meu respeito pois ele estará fazendo o mesmo q Batista fez , ou seja, tirar a oportunidade de quem ficou o ano todo trabalhando pela WWE

    • danielLP21 - há 2 anos

      Não. Seria mais assim: “Oh my…”.

      • Yo - há 2 anos

        “It’s, It’s… CM Punk.”

  10. THE_WOLVERINE - há 2 anos

    Gosto do Punk, mas ele deveria pensar direito antes de falar merda, pois The Miz tbm teve que trabalhar duro para estar no Main Event da WM 27

  11. ygor - há 2 anos

    grande artigo Ricardo,pra mim ele volta ou nesse ano ou no começo do outro

  12. rodrigomcb99 - há 2 anos

    Esperemos que ele «oiça» estas razoes e volte depressa

  13. phil dunphy - há 2 anos

    podias ao menos meter a fonte.

  14. João Pedro - há 2 anos

    Concordo com tudo menos com a parte da falta de talentos.

    Na verdade, existem duas pessoas para levar a “casa às costas”. Orton e Cena. A esses, Seth, parece-me muito capaz, Wyatt não faltará muito tempo, Reigns não está assim tão verde e podem sempre ir buscar alguém como o Sheamus, Del Rio ou o Miz que foram todos campeões.

    Podem optar pelo que fizeram agora que foi ir buscar uma ex.superstar com renome e torna-la campeã (pelo menos, eu assim o espero).
    Portanto, para mim, falta de pessoas para serem campeões credíveis não falta.

    PS: A pensar nisto, até penso no Triple H como champ, nem que seja só mais uma vez…era algo…lindo :D

  15. Zé Tomé Dias - há 2 anos

    Bom artigo.
    É tudo bons motivos para o cm punk voltar a lutar, mas só o futuro o dirá

  16. joaop - há 2 anos

    A Maria separou se do so punk pq sempre que ele chegava a casa ela lembrava se dos maus momentos que lá passou e das pessoas que detestava, por isso nao concordo com a razão da aj chegar e ele sentir saudades… De resto… Bom trabalho colega

  17. Igor - há 2 anos

    Não encaro dessa forma. A WWE trouxe Batista que é um verdadeiro lixo, que nao acrescenta mais em nada para a empresa e lhe deu a vitória, esse eu concordo contigo que nao merecia tirar o lugar de um jovem, mas Punk?

    Punk é um que pode voltar e fazer o quiser e quando quiser, pq ele sempre é um dos primeiros que apoia a galera jovem. Tu sabe que Ziggler, Cesaro, Rollins e etc, ainda vao demorar pra ganhar um Rumble, pq nao o Punk? Só lhe falta isso no curriculo.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador