Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Perguntas e Respostas #5

Sejam todos bem-vindos a esta edição do “Perguntas & Respostas”. Embora não fizesse originalmente parte do projecto, quero agradecer aos visitantes que apresentaram perguntas extremamente interessantes, levando assim à minha inclusão, e aos restantes colaboradores que amavelmente me incluíram no projecto. Devo admitir que tive alguma dificuldade em escolher as questões a que responder – o que acaba por ser um indicador da qualidade das mesmas –, por isso escolhi aquelas cujas respostas penso que serão mais interessantes e oportunas.

Jorge Rebelo: Salgado, sendo a autora do “Opinião Feminina” há uma pergunta que não posso deixar de fazer. O wrestling é uma modalidade muito associada ao género masculino. Como é que desenvolveste este gosto pelo wrestling e o que é que as pessoas à tua volta (família, amigo(a)s,colegas…) pensam sobre este teu interesse numa modalidade que ainda vai sendo um mundo de homens?

O meu gosto pelo Wrestling foi algo que se desenvolveu com o tempo. A início, aquilo que mais me chamou à atenção e mais me deixou intrigada nem sequer era o que se passava em ringue, mas sim as razões que levavam a que um grupo completamente diferente de pessoas protagonizasse momentos dignos de novela de horário nobre. No fundo, tudo isto que envolve a indústria, não só o que se passa em ringue como os seus adornos, era algo completamente diferente de tudo o que já tinha visto até à data e acima de tudo, era um mundo estranho do qual eu não percebia absolutamente nada. E de certa forma, também não havia ninguém à minha volta que o soubesse explicar sem cair em preconceitos e opiniões feitas.

Contudo, vários lutadores através das suas promos, personagens, histórias e por consequente, momentos protagonizados, conseguiram fazer com que eu sentisse empatia suficiente pelo produto para me começar a preocupar com o que se passava em ringue. Quando comecei a ver combates com “olhos de ver”, fiquei conquistada de vez e desde então nunca mais parei de acompanhar. Foi aí que o gosto pelo Wrestling começou a sério.

Em relação à tua segunda pergunta, embora tivessem sido amigas minhas a dar-me a conhecer o produto, rapidamente essa “moda” passou para elas e eu fui a única “sobrevivente”. Desde então que não conheço, pessoalmente claro, pessoas que gostem e acompanhem Wrestling. Portanto, embora no início fosse engraçado falar de Wrestling porque era uma “moda” comum e uma novidade, hoje já nem sequer surge em conversa porque sou a única que acompanha. Algumas pessoas sabem que gosto e aceitam sem problemas, outras fingem não saber para evitar as conversas típicas que começam sempre com “como é que gostas de algo tão falso?” e costumam acabar numa discussão.

Em relação à minha família, a início ninguém ligou muito a este novo gosto, pois todos pensaram que era apenas uma “moda” passageira. Contudo com o tempo, aperceberam-se que era algo que eu gostava mesmo de ver, portanto ficaram um pouco apreensivos, pois tal como a maioria das pessoas não conheciam bem a indústria. Contudo, depois de umas conversas e de verem uns combates comigo, embora não tenham percebido a razão do meu fascínio, passaram a habituar-se à ideia e hoje em dia já é um dado adquirido.

Miguel Carlos: Achas que Sín Cara terá futuro na WWE como Rey Mysterio? Ou vai acabar mal e será despedido daqui a poucos anos?

Prever o que vai acontecer não é propriamente algo fácil de fazer. Se vai ter tanto, mais ou menos sucesso que Rey Mysterio, não sei. Contudo, acho que Sín Cara tem potencial para tal. Sín Cara e Rey Mysterio, por serem mascarados, possuem muito aquela mística de Super-Heróis que fãs mais novos certamente adoram ver. A questão é que a audiência não consegue estabelecer uma ligação emocional com Sín Cara, pois não só desconhecem as suas emoções – pois a sua face está demasiado coberta – como o mesmo nem sequer fala inglês para fazer promos. Tal como Mysterio, Sín Cara só poderá funcionar como “underdog” e isso não se faz se os fãs não sentirem pena dele. Para isso, ele precisa de ser carismático o suficiente para conseguir transmitir dor e causar pena entre os fãs.

Sín Cara precisa também de se enquadrar no estilo da WWE, deixar as lutas muito fantasiosas com as manobras muito espectaculares para o público do México, pois a maioria dos fãs americanos ficam aborrecido com isso, não fossem os seus últimos combates em pay-per-view exemplo disso. Essas manobras funcionam quando são os destaques de um combate e têm uma razão para ocorrer num combate. Fazer todas as manobras espectaculares que se sabe num combate só porque sim, não convence um público que não está habituado a isso.

Quando conseguir a fazer isso e a falar, acredito que tenha uma grande hipótese de sucesso. Já estava a ter algum antes de se lesionar, portanto agora com o seu regresso, se afinarem uns detalhes, não há razão para Sín Cara não ser um sucesso.

The_Great_White: Com tantas especulações sobre possíveis regressos de Goldberg, Batista e etc, achas que isso se pode realizar? E qual seria o regresso ideal que ajudaria muito a empresa?

Os fãs de Wrestling em geral possuem um grande problema: estão sempre a viver no passado. Recusam-se a assistir a programas que mostrem a evolução de novas estrelas, tirando conclusões precipitadas sobre a qualidade dos mesmos, passam a maior parte do tempo a relembrar como era nos “good old days”, sem dar qualquer oportunidade, mérito ou benefício da dúvida ao produto e aos lutadores actuais. É verdade que nem tudo é perfeito hoje em dia, que a última Raw seja exemplo disso, mas no passado as coisas também não eram sempre perfeitas.

A meu ver, nenhum regresso de uma estrela antiga/reformada, seja esta estrela Goldberg, Batista ou outro qualquer, irá ajudar a empresa da forma que a WWE precisa de ser ajudada.

A WWE precisa de todos os dias pensar em formas de ajudar as novas estrelas a tornarem-se cada vez melhores, não pensar que próxima estrela do passado é que pode ficar com o próximo main-event. Rivalidades entre estrelas do passado como “Brock Lesnar vs. Goldberg parte 2”, entre muitas opções faladas, ajuda a WWE no sentido financeiro por um curto – muito curto – período de tempo, pois é quando estas estrelas voltam a abalar que a WWE se vê em apertos e sem saber o que fazer. É nessa altura que os fãs, que tanto adoram a empresa e o produto, viram as costas e esquecem a próxima geração.

Essas antigas estrelas voltam, lutam contra pessoas com quem já tinham lutado no passado ou com lutadores que estão perto da reforma ou já o deviam ter feito (como Triple H vs. Brock Lesnar), lucram com isso e dão lucro à WWE. E depois quando se vão embora, o que é que fica para o futuro? Já que fazem tanta questão de trazer as estrelas do passado, ao menos que seja para valorizar as estrelas da actualidade! É o mínimo!

Se gosto de ver as lendas aparecer ocasionalmente? Sim, fornecem excelentes momentos de nostalgia. Mas há um sítio e uma hora apropriado para tudo isso, como por exemplo estes dez minutos por semana que a WWE está a dedicar ao milésimo episódio da Raw ao trazer lendas de volta. Aniversários da Smackdown ou pay-per-views também podem ser usados para aparições ocasionais, já para não falar do Hall of Fame.

Entre o Goldberg e o Batista, penso sinceramente que o lutador mais “fácil” de convencer a voltar, nem que seja para apenas uma rivalidade, é o Batista, devido em especial à sua relação com Triple H. Os problemas do Goldberg com a indústria são mais complicados, por isso pode ser considerado mais díficil trazê-lo de volta, mas não será impossível caso Vince quisesse mesmo. Em ambos os casos acredito que tudo se resuma a dinheiro, que Brock Lesnar seja um exemplo disso.  Duvido seriamente que se algum dos dois lutadores for oferecido uma quantidade tentadora de dinheiro recuse, especialmente com os benefícios que a propaganda de uma aparição única – que todos sabemos que iria ser bem promovida pela WWE – iria trazer.

DanielLP21: Quais são os teus wrestlers favoritos de toda a história desta grande indústria e qual a justificação para essas escolhas?

A meu ver, o Wrestling não funciona, ou não está a cumprir o seu objectivo, quando não nos faz sentir algo – seja alegria, ansiedade, excitação, curiosidade, pena, frustração – através das suas histórias, personagens e combates. Como tal, para mim, os lutadores mais especiais serão sempre aqueles que protagonizaram histórias, combates e momentos que mais me marcaram como fã. Com isso dito, os meus lutadores preferidos de sempre são: Chris Jericho, Shawn Michaels, The Undertaker e Triple H. Os quatro protagonizaram histórias, entre si ou com outros lutadores, que adoro rever, que me fizeram vibrar quando vi pela primeira vez e que acima de tudo despoletaram uma enorme curiosidade em relação à história da indústria. Da actualidade e dos últimos anos, Daniel Bryan e Dolph Ziggler são os lutadores de eleição.

619 D-Generation X e Master of Chaos: Existe possibilidade da divisão Cruiserweight regressar? Será essa a melhor forma de lidar com os lutadores pouco utilizados, como Alex Riley e Tyler Reks, ou existem opções melhores?

Com as recentes contratações da WWE fala-se muito no possível regresso da Divisão Cruiserweight ou da estreia de um programa dedicado a isso. Pessoalmente, não acredito que a WWE traga a divisão Cruiserweight de volta, acho que se deverá mesmo resumir ao tal programa para a WWE Network. Contudo, isto irá depender de como a WWE irá gerir a Raw de três horas, o próximo programa que se irá estrear em breve e todos os outros que a WWE já possui. De qualquer forma, não acredito que a companhia possua organização suficiente para gerir aquilo que possuem, quanto para gerir mais uma divisão, a não ser que as coisas mudem drasticamente nas próximas semanas. Se não mudarem, a Divisão de Cruiserweight vai ser só mais um título a ser desrespeitado e os lutadores continuam a ficar empatados e para isso, não é preciso trazê-la de volta de todo.

Contudo, vamos supor que sim. Vamos supor que a WWE de facto trazia a Divisão de Cruiserweight de volta e investia nela. Iria a WWE usar essa divisão como desculpa para não apoiar lutadores de menores dimensões? Iria a WWE usar essa divisão para “catalogar” os lutadores que não vê como aptos para segurarem os seus títulos principais?

Se a resposta a essas questões for positiva, então a Divisão de Cruiserwights não faz falta. A meu ver, esta divisão funcionaria se fosse usada como forma de consolidar lutadores, não como desculpa para não os apoiar e reforçar estigmas ridículos que toda a gente já sabe que não influenciam a qualidade de um lutador.

Eu sei perfeitamente que nem todos os lutadores podem ser as próximas grandes estrelas ou têm aquela característica para ser campeões mundiais. Contudo, acho que deve ser sempre dada uma oportunidade e tenho receio que se essa divisão voltar, a WWE irá usá-la como desculpa para não apostar noutros lutadores que não tenham a estrutura física de Ryback, por exemplo.

Para os lutadores pouco utilizados, penso que a melhor coisa a fazer é dividi-los em equipas e investir neles para ajudarem a divisão de Tag Team e colocá-los a lutar pelos títulos de Estados Unidos e Intercontinental. Para quê criar mais divisões se as actuais ainda não estão organizadas? Tyler Reks, como mencionaram, já está numa equipa com Curt Hawkins que penso que poderá resultar se ganhar experiência e visibilidade como Tag Team. Já Alex Riley, não custava nada colocarem-no a lutar pelo título de Estados Unidos ou Intercontinental. Que ele o persiga e caso a sua perseguição ao título seja boa, os fãs ganharão respeito por ele e ele acabará por ganhar o título merecidamente.

Tomás Carneiro: Se neste momento pudesses atribuir os títulos a uma pessoa e no caso de Tag Team, a duas, dentro da WWE, a quem atribuías e porquê com base no que vês? E daqui a alguns anos, tendo em conta os lutadores que a WWE tem como promessas?

A meu ver, os títulos de Tag Team estão bem colocados e precisam de ficar com Truth e Kingston muito mais tempo. A WWE parece novamente estar a investir na divisão de Tag Team, o que já não é mau, embora estes estejam no pre-show do Money in the Bank. Acho que a WWE deve fazer Darren Young e Titus O’Neill perseguir os campeões durante um bom período de tempo. Que isto ajude também Abraham Washington a mostrar as suas capacidades de manager e a fazer das suas para tentar valorizar os seus lutadores, para assim se consolidar melhor como heel. Dessa forma, quando finalmente ganharem os títulos, a WWE fica com uma equipa heel fortíssima – se for bem construída, claro – e pode depois começar a tratar das outras equipas, como por exemplo, Primo e Epico. A meu ver, a história que fizeram entre estas duas equipas não faz sentido se Primo e Epico não fizerem um face turn e tentarem vingar-se ao tirar os títulos no futuro. Afinal, já que criaram uma história, ao menos que lhe dêem visibilidade e significado. De qualquer forma, isto tudo só pode acontecer daqui a um bom período de tempo e se a construção de Young e O’Neill como heels for sólida, claro.

Daqui a uns anos, não sei. Tudo vai depender de como os lutadores da divisão se dedicarem e se continuarem a trabalhar de forma consistente. Gostava de ver os Usos, Tyler Reks e Hawkins e a Ascension (do NXT) a terem sucesso na divisão de Tag Teams no futuro.

Bruno Rocha: Mesmo que a WWE esteja a subir nos rating da Raw, achas que um dia a Smackdown irá ”ultrapassar” a Raw, por exemplo, passar a ser a Smackdown  a ser em direto e ser a Raw o programa gravado? Achas que é possível ter superstars de topo na Smackdown?

Não, porque a Smackdown nunca está e nunca estará escalada para ultrapassar a Raw. A Raw é o programa principal da WWE e eles nunca esconderam isso. A WWE prefere guardar o que que considera ser mais main-stream e mais valioso na sua brand principal e deixar a Smackdown como o programa secundário. Sempre assim foi, a diferença é que antigamente não se notava a diferença graças à brand-split. A WWE terá sempre que ter estrelas de topo na Smackdown, senão não consegue atrair as massas aos house-shows. Podem não ser as mais importantes aos olhos da WWE, mas terão sempre que lá estar alguns dos favoritos do público.

Vinicius Nunes: Salgado, lendo um artigo aqui no Wrestling.pt, estive a pensar sobre o NXT, esse novo conceito de algo parecido com 3ª brand te agrada ou preferia o antigo conceito de rookies e pros? E dentro do contexto actual, você é a favor de um NXT Championship?

Muito sinceramente, prefiro muito mais o NXT no formato actual. Não é longo demais, não é cansativo e nem apresenta a palhaçada que às vezes havia nas provas dos rookies. Embora tenha gostado das duas primeiras temporadas do NXT e da última temporada quando esqueceram os pontos de “redemption”, este formato é uma lufada de ar fresco que a WWE há muito precisava. Até agora o NXT tem apresentado só aquilo que é estritamente necessário: bons combates de Wrestling e promos interessantes e curtas que servem para apresentar os lutadores aos fãs. Até ao momento está extremamente bem conseguido e aconselho a sua visualização a qualquer fã de Wrestling.

De momento, como o programa acaba por ser uma forma oficial de apresentar os novos talentos vindos da FCW, onde eles já têm ou tiveram títulos, não estou a ver muito a necessidade de arranjar títulos para serem disputados lá, porque penso que isso implicava a adição de mais tempo de programa, mais promos e mais interacções, o que a meu ver, acabará por arruinar a magia do programa e a distinção que tem dos outros. Estou bastante feliz com o facto do NXT ser apenas um programa de Wrestling e nada mais. Desta forma, até os fãs têm a oportunidade de conhecer o verdadeiro talento dos lutadores. Acaba por ser um bom contraste para quando a Smackdown e a Raw só têm squashes ou combates curtos. A longo prazo, talvez surja a necessidade de um título, mas de momento não dou pela falta.

Miguel: Para ti, quem devia ser o WWE Champion e o World Heavyweight Champion? Achas credível continuar com CM Punk a WWE Champion? E com Sheamus?

A meu ver, o campeão da WWE está bem escolhido, o World Heavyweight é que não. Da sua parte, CM Punk tem tido um reinado soberbo, repleto de excelentes combates pelo título e histórias razoavelmente interessantes. Sinceramente, não me importava que CM Punk ficasse campeão por muito mais tempo, talvez até perder o título na Wrestlemania, contudo para isto acontecer, ele precisa de continuar a ter sucesso.

Com Sheamus a situação é mais complicada e depende do que a WWE quiser dele. As reacções que ele anda a receber nem sempre são consistentes com a forma como Sheamus está a ser construído o que pode afectar o seu progresso. A meu ver, se a WWE quiser mesmo que Sheamus seja um grande babyface, então ele precisa de perder o título em breve para um heel e começar do zero, pois caso continue a ser forçado aos fãs, as recepções negativas podem persistir ou até piorar.  A meu ver, a melhor coisa seria ter o vencedor do Money in the Bank fazer o cash-in no dia do pay-per-view.

Desta forma, elevava-se uma nova estrela e pode ser que com o regresso de Sheamus à perseguição pelo título os fãs fiquem novamente do lado dele a 100% como estavam antes da Wrestlemania.

Gman: Qual é a dificuldade da WWE em lançar novas estrelas e fazer delas personagens credíveis? Porque é que a WWE se mostra tão relutante em construir novas “caras” para a empresa? Está o império da WWE a encaminhar-se para um fim? Vês alguma luz ao fundo do túnel?

Primeiro que tudo, não estou a ver o império da WWE perto de terminar por ser isso mesmo, um império. A WWE está tão consolidada que, a meu ver, para ter problemas sérios, precisaria de estar envolvida num escândalo de enormes proporções exterior à WWE, como por exemplo houve o processo judicial relacionado com o uso de esteróides nos anos 90 e como houve a tragédia da família Benoit em 2007. Até algo semelhante acontecer, não estou a ver a WWE a ficar em risco.

A meu ver, a WWE mostra relutância em lançar novas estrelas porque não sente pressão para o fazer. Continuam a ter imenso lucro, continuam a ser vistos como a companhia mais conhecida e bem-sucedida do mundo e continuam a ser o “sonho” da maioria dos lutadores profissionais espalhados pelo mundo. Como as coisas estão bem a nível financeiro, principalmente agora com o que vão receber do novo programa semanal e da hora extra que vão adicionar à Raw, a WWE faz as coisas com mais calma e sem pressão.

A questão das personagens credíveis tem muitas vezes a ver com as prioridades da WWE. Por vezes pensamos que a WWE quer tornar uma personagem credível, quando na realidade está só a tentar ajudar outras estrelas. Por exemplo, as Divas of Doom. Toda a gente pensou que era a revolução da divisão de Divas, contudo as derrotas de Phoenix frente a Kelly Kelly várias vezes em pay-per-view só provaram que a WWE fez aquilo tudo para valorizar a Kelly. Olhemos para Laurinaitis e Big Show. Ambas as personagens foram feitas única e exclusivamente para acalmar os “Cena sucks” chants e conseguiram-no nalgumas situações. Por vezes, nós não vemos as personagens como credíveis porque não sabemos ou concordamos com a forma e a razão porque são usadas.

A WWE sabe perfeitamente o que fazer para tornar alguém credível e se não o faz é porque não quer. Olhem para Ryback e para a construção dele. Ele é a prova viva de que quando a WWE quer que algo funcione, eles fazem-no bem feito, com paciência e deixam as coisas desenvolver.

De qualquer das formas, a culpa nem sempre é da WWE. Por vezes, as apostas da companhia também desiludem ou comprometem-nos, por isso eles preferem apostar naqueles que já sabem de certeza que não vão desiludir. É tudo uma questão de confiança e necessidade. Quando eles sentirem que precisam de mais estrelas credíveis ou algo semelhante, eles fá-lo-ão.

Enfim, espero ter conseguido ser clara nas respostas e lamento algumas das respostas terem ficado tão longas. Em relação às questões relativamente ao pay-per-view Money in the Bank e à divisão de Divas, as últimas edições do “Opinião Feminina” tocaram enesses assuntos, por isso aconselho a leitura aos interessados. Em relação ao reinado de CM Punk, embora tenha tocado ao de leve no tema nesta edição do “Perguntas e Respostas”, o mesmo irá ser falado de forma mais aprofundada na próxima edição do “Opinião Feminina”, por isso fiquem atentos.

Volto mais uma vez a agradecer as vossas questões e passo agora a palavra ao José Sousa – o responsável pelo espaço “Smoke and Mirrors” -, que irá responder às vossas questões na próxima semana.

Sobre o Autor

- Administradora. Publico parte das notícias, faço a gestão da League, dos Passatempos e ainda sou escritora do artigo “Opinião Feminina”.

46 Comentários

  1. Miguel Carlos - há 4 anos

    Edição muito boa. Sim, talvez Sin Cara tenha sorte.

    José Sousa, tenho uma pergunta para a WWE e outra para TNA:
    Com as suas afirmações no Twitter, achas que The Rock vai mesmo conquistar o WWE Championship na 1000ª Raw ou aquele comentário foi para “brincar” com os fãs?
    Com a perda do título de Booby Roode, achas que James Storm vai perder a liderança do Bound for Glory Series? Ou este reinado é só para fazer Austin Aries crescer e Roode vai recuperar o título em breve?

  2. Jorge Rebelo - há 4 anos

    Salgado obrigado pelas tuas respostas e é muito interessante que me identifique com algumas das ideias que deixaste na resposta à minha pergunta, sobretudo na questão de ser o último sobrevivente e da dificuldade em encontrar alguém que pessoalmente se possa ter uma conversa séria sobre o tema (que não caia na discussão “isso é tão falso”).

    Gostaria de deixar uma pergunta ao José, autor do “Smokes and Mirrors”, que vai no mesmo sentido da questão colocada à Salgado: Penso ser importante conhecer um pouco da pessoa por detrás das diferentes secções de artigo e como tal, o que te levou a gostar de wrestling, quando começaste a assistir e qual o teu envolvimento nesta modalidade (ou seja se por acaso já praticaste, de que forma te vais mantendo informado, que produtos assistes, etc).

  3. Aldo - há 4 anos

    José Sousa,gostaria de saber se tens algum palpite de quem será(ão) o(s) GM(s) escolhido(s) na 1000º EDIÇÃO DA RAW?

  4. danielLP21 - há 4 anos

    Obrigado por teres respondido à minha questão Salgado :) De facto,compreendo as tuas escolhas e esses 4 também estão no topo dos lutadores que mais admiro,juntamente com mais um ou dois.

  5. Brownsea - há 4 anos

    Mais uma vez a que dizer, Salgado estives-te impecavel, e realmente um przer ler os teus artigos, es prova viva de quando alguem se empanha o resultado e magnifico…
    Em relaçao as perguntas para a proxima semana tenhos duas:

    Quais os lutadores de outras companhias como a TNA ou ROH ou das Indys, gostarias de ver na WWE? Achas que a WWE beneficiaria com um Davey Richards por exemplo?
    E em relação a TENSAI, qeu tem sofrido mudanças na sua personagem, que achas que a WWE deveria mudar nele, para que tivesse sucesso

  6. Andre carrao - há 4 anos

    Vou pensa que um dia o dead man vai perder n a wrestlemania

  7. João Macedo - há 4 anos

    Bem, pela primeira vez a minha pergunta não foi respondida mas não deixo, por isso, de admirar esta edição, não tivesse vindo de alguém como a Salgado. Especialmente na parte da relação entre o gosto pelo wrestling e o género feminino, isso praticamente identifica qualquer fã de wrestling (como disse o Jorge Rebelo), pois pelo menos em Portugal esta “modalidade” é pouco conhecida e muita gente critica sem sequer perceber o que o produto é na realidade. A verdade é que essa “moda” existiu, mas foi por pouco tempo e os “sobreviventes” são aqueles que realmente gostam daquilo.

    Bem, agora para o José Sousa (o autor do grande “Smoke and Mirrors”): Existe alguma razão especial pela qual justificas as falhas de qualidade no produto da WWE nos últimos tempos, por exemplo na última Raw?

    Bem, cá fica a minha pergunta, fico à espera da próxima edição e que a minha pergunta seja respondida.

  8. franciscoxb - há 4 anos

    Concordas com a decisão da wwe de a raw passar a ser 3 horas?

  9. Allan Lopes - há 4 anos

    Quais foram as suas lutas favoritas, e por que?

  10. Fernando - há 4 anos

    Quem Achas que será o Proximo WWE Champion ?

  11. Mike Tyson - há 4 anos

    Salgado= Mulher?

    CHOCADO!

  12. Rafinhawwe - há 4 anos

    Acha que o rap 1000 pode ser o melhor rãs de todos e quais são suas expectativas para esse raw?
    Obrigado e abracos

  13. Rafinhawwe - há 4 anos

    Achas que o raw 1000 pode ser o melhor raw de todos e quais são suas expectativas para esta raw?

  14. jeff punk - há 4 anos

    nem vou perguntar mais…

  15. franciscoxb - há 4 anos

    quem achas que vencera a bound for glories series

  16. BrunoBomb15 - há 4 anos

    Achas os vencedores do Money In The Bank justo?

    (Esta pergunta foi feita antes do PPV, vejam a data anrtes de alguém vir reclamar comigo.)

  17. Tomás Carneiro - há 4 anos

    Obrigado por responderes!! Agradeço imenso!
    Agora para o José Sousa, Sendo que a TNA durante largos anos não vai conseguir igualar os ratings da WWE, a WWE não está pressionada para fazer shows espectaculares, apesar de ter dinheiro e qualidade que chegue para isso, achas que a qualidade dos shows podem diminuir ao longo dos anos? Apesar que desde a compra da WCW, os shows não pioraram muito, apenas ligeiramente.

  18. MISTER - há 4 anos

    Excelentes perguntas e respostas.
    Já que foi falado sobre título não seria uma boa a volta do WWE Hardcore Championship ou um título com o mesmo principio de ser defendido a qualquer momento e em qualquer lugar desde que tenha um árbitro , isso valorizaria o superstars e o novo programa da WWE , além de ser excelente para desenvolver novos lutadores ?
    Na sua opinião qual foi o lutador de melhor técnica na WWE ?

  19. Kurt Rocker - há 4 anos

    Ótimo artigo,vou passar a acompanhá-lo apartir de agora.

    Achas que a WWE poderia perder audiência e ter mais dificuldades em conseguir novos fãs se a empresa deixasse mais claro a sua forma de wrestling (Lutas combinadas,pois a WWE não esclarece muito sobre isso), já que muitos que eram fãs e souberam da idéia,deixaram de gostar da WWE ?

  20. Silveira - há 4 anos

    Qual das equipas que agora têm mais destaque (Pritime Players,Tyson Kidd e Justin Gabriel, Epico e Primo e Kofi e Truth)qual gostas mais? E qual vês com mais futuro?Quais achas que vão ser os próximos campeôs de tag-team? Juntavas main eventers para darem credibilidade a divisão de tag team ? Se responderes sim,diz quais?

  21. Vinícius Nunes - há 4 anos

    Mais uma vez minha pergunta foi respondida, agradeço a Salgado, e achei a resposta bem pertinente, e bem explicado, e tem mais ou menos a linha de raciocínio do que eu pensava, realmente, a NXT não precisa de um título agora mas creio que poderá no futuro, mas só vendo pra crer…

    Para o José Souza, queria perguntar se concorda com o fato de Brock Lesnar vs Triple H ser o main event, não seria preferível uma luta de jovens estrelas como CM Punk e D. Bryan, pra consolidá-los, principalmente o segundo? Já que tanto Triple quanto Lesnar não precisam mais de tanto destaque por serem estrelas já respeitadas por todos…

  22. Fábio - há 4 anos

    O que achas do possivel retorno de Goldberg ao wrestling e do interresse da WWE em Chael Sonnen.

  23. The_Great_White - há 4 anos

    Obrigado por responder minha pergunta :)

    Para Jose Sousa :

    Heath Slater,na minha opinião,tem um move-set ótimo…achas que poderia ser alguém na WWE ? Ou seja,ter uma função de não só somente irritar as lendas ?

  24. Diogo'_'67 - há 4 anos

    Gostavas de ver a ECW voltar como um brand na WWE? Quem achas que deva ser o ECW Champion? O que achas que a WWE tem de fazer para a ECW ter bond ratings?

  25. andre - há 4 anos

    quando é k o ryback tem um combate asserio
    contra o big show ou mark henry

  26. joao - há 4 anos

    nunca pensaram criar um canal no meo kanal para este site ?

    • O que ganhamos com isso? O site não vai receber mais visitas por causa do MEO Kanal. Para não falar dos problemas que podemos ter em lá colocar conteúdos que violam direitos de autor (shows).

  27. Frederico_WWE - há 4 anos

    É curioso que ao contrário da maioria de vós eu tenho amigos pessoais que gostam de Wrestling e até percebem e também é curioso mas tenho uma amiga que ganhou o gosto pela modalidade e pelo W.PT com o meu incentivo recente :D
    É bom ver mais malta feminina a apreciar este fabuloso desporto.

    Para o José Sousa a minha questão é:
    A WWE anda ultimamente a desiludir um pouco na qualidade dos shows que apresenta. Achas que após a histórica RAW 1000 as coisas podem melhorar ou até piorar visto que a WWE em caso de desiludir nesse show histórico e com a possibilidade de introduzir um novo titulo, novos regressos, novas storylines ou o tal grande angle de Verão que tarda a se ver… achas que se a WWE não der um booom muito em breve e a RAW 1000 era a ideal pa isso pensas que isto a partir daqui será só descer nos ratings ainda mais e consequentemente afastar ainda mais pessoas?
    Obrigado :D

  28. John_DX_Cena - há 4 anos

    gostaria de saber se voce prefere randy orton ou john cena ?e tambem raw ou smackdown ?

    sugestão:acho que deveria fazer um novo artigo sobre o john cena que acho que ele está mudando ainda é super herói mas eu acho que seu personagem está melhorando e sou um grande fã dele sempre fico de olho nele e estou reparando

  29. Gabriel Hardy - há 4 anos

    Bom, quando Roode era TNA World Champion, era quase certa a vitória de James Storm no BFG Series, agora com Aries como grande campeão, quem achas que será o vencedor dessa BFG Series? Achas ainda que será Storm?

  30. Ronaldo22ped - há 4 anos

    Achas que a WWE precise de uma stable heel bem construida para consolidar os seus adversários (como a Evolution por exemplo)

  31. FábioVaz - há 4 anos

    Muito boa seleção. Mandarei minha pergunta para essa semana.

    ” Gostaria de fazer perguntas sobre superstars especificos, começarei por um que está ausente pelo fato das gravações, mas que para mim, faz promos como poucos sabem fazer. O que dizes a respeito de THE MIZ? qual o futuro que vês para ele na empresa?”

  32. Yan - há 4 anos

    Quando achas que uma Stable, vai voltar á fazer sucesso na WWE. Quais seriam os membros dela e com quem feudaria??

  33. LinoMeireles - há 4 anos

    O Rey Misterio já está fora do ringue à algum tempo, achas que ele regressará em breve, ou mesmo no 1000 episódio da Raw ?

  34. Anónimo - há 4 anos

    Achas que quando houver o regresso do Rey Misterio a primeira coisa que irão fazer é começar uma história com o Sin Cara??? Se sim, porque???

  35. Malamadre16 - há 4 anos

    Quando e que sera a semana do Tiago responder as perguntas’???

    A minha pergunta para o José é a seguinte: “O que te cativou e agarrou nesta industria para seres um fã?”

  36. Hugo Garcia - há 4 anos

    Tenho uma pergunta: Como faço para ser um wrestler? Vou direto para a WWE?

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador