Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Smoke and Mirrors #88 – Stealing The Show Off?

“It´s not Showing off when you back it up everynight”!

Esta frase é da autoria de Nick Nemeth um wrestler de 33 anos, que foi cativando os fãs ao longo dos anos em que está na WWE, e conseguiu não porque seja naturalmente carismático e tenha grandes promos. Ele conseguiu graças a um excelente trabalho, e esforço no ringue procurando lutar e dar espectáculo com qualquer que seja o seu oponente.

Aliás se existe imagem de marca de Nemeth é a sua capacidade de dar um selling aos ataques dos seus oponentes de forma fantástica. Por vezes é tão bom nesse campo que acaba por exagerar nessa componente, mas também é verdade que isso torna-o numa aposta segura da WWE se o objectivo é dar um grande combate, e simultaneamente credibilizar o seu oponente.

A carreira de Nemeth na WWE começa na OVW em 2004, e em 2005 tem a primeira aparição no main-roster da WWE como guarda-costas e caddy de Kerwin White, mas em pouco tempo voltou á OVW para continuar o seu trabalho de desenvolvimento enquanto wrestler. Mas em 2006 volta ao main-roster para desempenhar a personagem de Nicky nos Spirit Squad, e durante esse período destaca-se pela conquista de um título Mundial de Tag Team, e pela rivalidade que a stable teve com os DX.

Mesmo assim o destaque e aposta da WWE foi para Kenny Dykstra, mas essa aposta acabou por revelar-se falhada, e Kenny acabou por sair da WWE sem nunca ter confirmado todo o talento que prometia, continuando a sua carreira nas indys. Ao invés de Kenny e dos seus restantes parceiros de stable, Nemeth continuou o seu crescimento na FCW onde desenvolveu-se ao lado de Jack Swagger, Cody Rhodes, Eric Escobar, e outros da mesma geração.

Mas em Setembro de 2008 ele regressa aos ecrãs da WWE na Raw apresentando-se com o seu novo nome e gimmick, e imediatamente percebeu-se que a WWE apostava forte nele pois deu-lhe imediatamente um combate contra Batista que perdeu, mas nas semanas seguinte venceu R-Truth e Charlie Haas. Tudo isto antes de ser transferido para o Smackdown no Draft de 2009, e a partir desse momento é que a carreira de Ziggler começou a mudar.

E isso foi notório quando em pouco tempo derrotou o campeão dos Estados Unidos MVP, mas quando teve a sua oportunidade pelo título falhou uma vez que MVP era membro da Raw e a WWE não queria dar os dois títulos de midcard á Smackdown nessa altura. Mas a aposta continuou e a sua primeira feud foi contra o Great Khali que o perseguiu que ele venceu com batota, e nas semanas seguintes o Khali perseguiu e a feud continuou culminando com o combate contra Khali no Bash que venceu graças á ajuda de Kane.

Depois fez uma aliança com Maria que lhe valeu uma rivalidade contra Rey Mysterio pelo título Intercontinental onde Nemeth deu um excelente combate no Summerslam, e para muitos foi nesse combate que Nemeth começou a cativar alguns fãs da WWE. E continuou esse excelente trabalho no ringue na feud com o Morrison também pelo título Intercontinental, onde se destacam os excelentes combates no Hell in The Cell e 3-out-2 falls na Smackdown num dos melhores combates que vi em Smackdowns. Depois de se separar de Maria continiou a dar bons combates, e apesar de não ter tido nenhuma feud relevante até essa altura Nemeth qualificou-se para o Money in the Bank desse ano na Wrestlemania, mas esse combate foi ganho por Jack Swagger.

Mas o pós-Wrestlemania foi brilhante para Nemeth que se tornou no novo campeão Intercontinental ao vencer Kofi Kingston, sendo que defendeu o título contra Kofi no Summerslam com ajuda dos Nexus. Mas depois de 5 meses de reinados e de bons combates onde ele e o título saíram valorizados, Nemeth acabou por perder o título de novo para Kofi Kingston. Mas Nemeth saiu desta situação tão valorizado que se tornou o nº1 Contender pelo título Mundial de Edge no Royal Rumble.

Foi neste período que Vickie Guerrero se tornou imprescindível para o crescimento de Ziggler na empresa, porque com as suas promos elevou Nemeth para um estatuto dentro do roster que ele sozinho nunca teria conseguido. E esse trabalho foi notável durante dois anos, e se o Nemeth cresceu como wrestler e performer no carisma, apoio do público e mesmo no heat deveu-se em muito ao trabalho feito pela Vickie com ele.

E nessa feud com Edge ela esteve muito bem a trabalhar Nemeth, que foi campeão porque Edge usou o Spear contra ele na Rematch do Rumble na Raw, e como o finisher estava banido por Vickie Guerrero Nemeth teria que ser coroado campeão. No entanto na Smackdown, e Edge após ter sido “despedido”Nemeth foi campeão durante apenas cerca de 12 minutos uma vez que o GM Teddy Long “despediu-o”. Mas esta feud apresentou-nos um Nemeth preparado para o main-event no que diz respeito às ring skills, mas ainda a precisar de melhorias nas promos uma vez que se encontrava demasiado dependente do papel da Vickie na criação de heat para a sua personagem enquanto heel.

Após a saída da Smackdown Vickie e Nemeth foram para a Raw onde rivalizaram conjuntamente com as Laycool contra John Morrison, Trish Status e Snooki na Wrestlemania XXVII num combate em que Nemeth e Morrison foram humilhados porque a qualidade foi fraca demais para aquilo que o talento deles justificaria. Mas o pós-Wrestlemania “trouxe um novo Nemeth” ele deixava de ser “Perfection” para ser um “Ultimate Showoff”, e essa nova atitude trouxe-lhe o título dos Estados Unidos que conquistou novamente a Kofi Kingston.

E foi nessa altura que cimentou uma aliança com Swagger, após uma feud pelo título dos Estados Unidos entre eles, Morrison e Alex Riley. Essa aliança surgiu devido á aquisição de Swagger á lista de wrestlers orientados por Vickie Guerrero, mas essa aliança ajudou mais Ziggler do que Swagger, e a prova disso foi o bom reinado como campeão dos Estados Unidos, que terminou no TLC de 2011 quando perdeu o título para Zack Ryder.

No entanto todo o trabalho, dedicação e esforço de Nemeth foi recompensado no Money in the Bank do ano passado quando a WWE lhe deu a mala pela oportunidade pelo título Mundial. Oportunidade essa que surgiu quando muitos não o esperavam porque os meses seguintes á perda do título dos Estados Unidos foram tempos difíceis para Nemeth, com derrotas contra Punk e Sheamus pelo título da WWE e Mundial, e sobretudo com derrotas contra wrestlers com menor estatuto que ele no roster como foi o caso de Brodus Clay.

Mas foi depois de ter vencido a mala que se começou a notar claramente a evolução de Nemeth, sobretudo durante a feud com Jericho onde o veterano trouxe á tona o melhor de Nemeth. Sobretudo apresentou e explorou as promos de Nemeth com uma menor interferência de Vickie, e o resultado foi claramente positivo porque ele apresentava-se mais confiante e seguro.

Nesse momento, Nemeth era já um wrestler preparado para abandonar as “asas” de Vickie Guerrero e capaz de aguentar-se sozinho no main-roster obtendo impacto junto do público. Mas como tudo tem um senão, no caso de Nicky o obstáculo era o apoio que recebia do público da WWE que fazia com que não obtivesse o heat necessário para que a sua gimmick resultasse na perfeição, pelo menos não como heel.

Sendo que esse obstáculo impediu que Nemeth fosse totalmente heel durante a feud contra Jericho que acabou por sair por cima ao “retirá-lo” da WWE na noite a seguir ao Summerslam. Mas sobretudo essa incapacidade de ser heel brutal e com carisma de vilão foi notória na feud com Cena e contra a Team Foley no Survivor Series, onde apesar de ter saído vencedor e com segmentos onde esteve eficaz, nunca deixou de ser mais apoiado que os seus oponentes durante os combates nos PPV´s.

E por mais que muitos argumentem que isso não significa que estivesse a fazer mal o seu papel de heel, eu discordo deles parcialmente. Uma vez que podem ter razão quando dizem que ele não tinha culpa de receber o apoio do público, e isso é parcialmente verdade. Mas não deixa de ser igualmente verdade que um heel só poderá ser totalmente eficaz se receber heat, no momento em que o heel passa a ter mais apoio que “suposto herói” é sinal que a gimmick até poderá estar ser bem desempenhada mas que não está a resultar da forma que deveria acontecer.

Sendo que esse pormenor é tão válido para um heel como para um face, e nos últimos tempos da WWE Nemeth não foi caso único de uma personagem que já não resultava, também CM Punk não resultava mais como heel pelo menos de forma eficaz, tal como Miz não consegue ser eficaz como face (pelo menos com esta gimmick). Isto acontece porque com esta gimmick tanto Nemeth como Miz são apenas mais uns entre muitos, e não conseguiam obter o destaque que poderiam merecer. No entanto Nemeth já fez o seu face turn e os resultados são já visíveis, e abordarei esse aspecto mais á frente do texto.

Com a feud com Cena, Nemeth alia-se a AJ (que o ajuda a vencer Cena) e posteriormente ao ex-NXT Big E Langston. E perante todo esse destaque e pese alguma má construção de Nemeth como dono da mala, com algum abuso nas derrotas contra wrestlers com os quais não devia ter tido derrotas, ele fez um Royal Rumble de luxo sendo um dos últimos wrestler no ringue (após ter entrado em nº1) e onde acabou eliminado por Sheamus.

Mas o período até á Wrestlemania foi um período horribilis para Nemeth, uma vez que teve uma sequência absurda de derrotas contra Del Rio, o que cada vez mais denegria e diminuía a credibilidade da personagem heel de Nemeth. Sendo cada vez mais difícil para ele conseguir fazer o cash-in de forma bem sucedida, e simultaneamente ser um campeão Mundial capaz de se afirmar como main-eventer.

E após a derrota na Wrestlemania pelo título de Tag Team, Nemeth fez o seu cash-in na Raw seguinte á Mania aproveitando um momento de fraqueza de Del Rio, e tornando-se nessa noite pela segunda vez na sua carreira Campeão Mundial. Mas esse reinado pela forma como foi construída a sua conquista estava destinado ao falhanço, e infelizmente foi isso que aconteceu.

Nemeth apenas foi campeão até ao Payback, e nem chegou a defender o título em PPV porque teve uma lesão que o impediu de lutar no Extreme Rules. Por isso o Nemeth chegou ao Payback “debilitado” e Del Rio explorou essa vantagem de forma notável tal como referi no artigo em que abordei a perspectiva de Del Rio na rivalidade, a WWE foi genial ao fazer o double turn naquele combate.

E no futuro esta mudança poderá vir a ser a melhor coisa que aconteceu a Nemeth, porque ele como heel não iria atingir o topo porque nunca seria totalmente “odiado”. Por esse motivo o face turn pode ter transformado Nick Nemeth de um heel up-midcarder, para possivelmente um futuro top face da WWE. Claro que esse prognóstico é arriscado, mas a verdade é que os indícios até agora são positivos e Nemeth tem sido um bom face por vários motivos que abordarei de seguida.

Nemeth tem resultado como face porque a WWE decidiu fazer a opção mais simples, mas quiçá a mais arriscada: Não mudar em nada a personagem. E digo que é a opção mais arriscada porque a tentação poderia ter passado por uma opção á Miz. Nesse caso Nemeth teria tido demasiadas alterações á sua personagem, ao ponto de disvirtuar os aspectos que faziam com que o fãs admirassem Nemeth.

Assim ao não alterar a gimmick de Nicky a WWE optou pela decisão correcta, porque deste modo temos o mesmo Showoff de sempre mas com o apoio de mais pessoas que tinha anteriormente como face. Aliás essa é grande vantagem deste turn, é que dessa forma muitos dos que não conseguiam reconhecer talento as Nemeth começaram a ficar do lado dele, porque verificaram que ele tem tido um boa atitude durante este face turn.

Mas nem tudo é um mar de rosas, e as promos de Nemeth apesar de mais eficazes como face, ainda precisam de mais assertividade para que fique verdadeiramente com a qualidade de um face de topo. No entanto os primeiros sinais são muito positivos, e os próximos meses serão fundamentais para a carreira de Nemeth como face.

Até porque depois do excelente combate no Money in the Bank(onde perdeu devido á interferência de AJ) e do ataque de Big E Langston, Nemeth deverá passar os próximos meses numa feud contra o seu ex-aliado. E por isso mesmo, e infelizmente o futuro de deverá afastá-lo da rota dos títulos principais durante algum tempo, e por isso é semelhança de Bryan há um ano atrás (também com a AJ) Nemeth deverá ter nos próximos tempos feuds que o irão valorizar como face.

E só depois desse período é que deverá voltar a ter uma oportunidade por um dos títulos principais da WWE, aliás o seu percurso deverá ser em todo semelhante ao que Daniel Bryan teve após a perda do seu título Mundial. Sendo que isso só revela que Nemeth é um verdadeiro Daniel Bryan 2.0, e se o resultado final for o mesmo então não tenho nada contra.

Claro que poderá implicar um período onde estará afastado dos títulos, mas se depois de uma grande provação Nemeth tiver uma grande recompensa, então toda a viagem que irá ter valerá a pena. E sobretudo será muito mais compensatória para ele e para os seus fãs quando chegar ao destino final, tal como chega ao final a edição desta semana do Smoke and Mirrors. Ah e já agora para quem ainda não sabe quem é o Nemeth que falei no artigo desta semana, ele apresenta-se:

“Hello I´m Dolph Ziggler”!

Até á próxima semana, com mais um artigo sobre uma das rivalidades da actualidade da WWE. Bom fim-de-semana, e vemo-nos aqui no Wrestling.Pt.

Momentos da Semana

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Smoke and Mirrors”.

53 Comentários

  1. Miguel Silva - há 3 anos

    Excelente artigo!
    O Dolph é um dos meus favoritos atrás do Bryan e do Punk e foi com grande agrado que eu vi o face turn dele, pois é como face que eu acho que ele pode brilhar ainda mais e atingir o topo! Além disso, é como dizes, ele como heel já não estava a funcionar e isso ficou completamente provado na noite do cash com aquela crowd.
    Não sei o que se vai seguir para ele mas penso que ficará afastado da rota do título mundial e terá um combate com o Big E no SummerSlam, o que não me deixa nada feliz pois eu gostava que ele tivesse um reinado decente como WHC, mas pode ser que isso venha a acontecer mais no final do ano ou no princípio do ano que vem. Talvez possa ter uma feud com o Sandow, não sei…

    • José Sousa - há 3 anos

      Talvez Miguel, eu já não me acredito no Ziggler campeão no Summerslam. Sinceramente acho que fica mesmo pelo Big E durante algum tempo e depois mais tarde poderá voltar á rota do titulo.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Eu também penso assim e temo que isso aconteça porque uma feud Ziggler/Big E não me agrada nada.

      • José Sousa - há 3 anos

        Mesmo até porque acho que o Big E vai sair por cima do primeiro embate. Mesmo que não vença vai ser por DQ mas isto não vai ser algo de 1 PPV. O RVD deve ser o próximo campeão até para criar as condições para o cash do Sandow que não será demorado como o do Ziggy. Pelo menos penso assim.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Eu até há uns tempos pensava que o cash do Sandow iria ser demorado mas agora mudei completamente a minha opinião. Até porque o RVD se fosse campeão, seria uma ótima primeira feud para o Sandow pois este obteria um heat tremendo!
        Quanto ao Ziggler, tens razão é impossível que seja uma coisa de um PPV só depois de eles andarem tanto tempo como aliados, isto não se resolveria num PPV só ainda por cima se o que tu dizes se confirmar e se a vitória for por DQ. E o que mais me chateia é que o SummerSlam era o lugar perfeito para o Ziggler voltar a ser campeão e não vai sê-lo porque vai andar entretido com o Big E!

      • José Sousa - há 3 anos

        Claro que seria um heat tremendo, e a WWE não vai aguentar o Del Rio muito mais. Com todo o respeito mas não dá para dar 3 ou 4 meses de reinado ao Del Rio, ele pode ser bom no ringue mas não mantêm o heat nas promos.

        Não é uma feud de um mês claro que não é, vai durar para ai até ao o Over The Limit

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Eu acho que o Del Rio é excelente em ringue, até me arriscaria a dizer que é um fora de série mas depois “cá fora” não sei, falta-lhe qualquer coisa…

      • José Sousa - há 3 anos

        Sim o Del Rio sem o Rodriguez parece nú, ele que prometia tanto nas vignettes nas promos, parece que sozinho não consegue ser consistente. coisa que o Sandow não é, ou seja o Sandow é sempre fantástico nas promos.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Sem dúvida! Como eu sinto falta do “Albertoooooooooooo Del Riooooooo”. Ser apresentado pela Lilian ou pelo Justin não é a mesma coisa, nem pouco mais ou menos!
        O Sandow tem uma capacidade de fazer promos incrível e gostava que levassem para a frente aquela ideia de ele ter um talk show como fizeram a experiência do NXT.

      • José Sousa - há 3 anos

        Mas se for para ser um talk show que não abusem no uso como aconteceu com o Miz se não perde o impacto que deveria ter.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Eles com o Miz exageraram muito. Ficou cansativo ver a “MizTV”. Se fizessem isso com o Sandow teria que ser uma coisa que tivesse impacto e que pudesse vir a ser épico, tal como o Highlight Reel ou o Cutting Edge, sem querer colocar o Sandow ao nível destes 2 pelo menos para já.

      • José Sousa - há 3 anos

        Sem dúvida mas o mais importante vai ser a feud com o Cody Rhodes. Eu posso gostar muito do Cody mas o Sandow precisa de sair forte da feud, para fazer o cash-in no RVD. Ou como ele diria “o Homem com nome com 3 letras”.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Eu apesar de gostar do Sandow, gosto mais do Cody mas agora que deram a mala ao Sandow penso que não a deve perder, pois sairia um pouco descridibilizado. Quanto ao Cody ele nesta feud já está a ter um push nem que mais não seja pela atenção que está receber, que há muito que merecia. O cash até podia acontecer no mesmo dia ele vencia o Cody com a mala em jogo, mais tarde o RVD vencia o Del Rio pelo WHC (se o combate acontecer) e depois aparecia o Sandow e fazia o cash. E depois ainda podia vir com a conversa ds que um homem com um nome com 3 letras não podia ser campeao mundial e que ele tinha feito um favor ao mundo e essas coisas que ele diz nas promos. O Sandow saia da feud com um heat tremendo e com meio caminho andado para ser o próximo grande heel da WWE e o RVD bem ele é o RVD nao precisa de mais um reinado para já…o que ele precisa é de elevar wrestlers jovens!

      • José Sousa - há 3 anos

        Eu também concordo contigo, e quem sabe se o Cody não tem uma hipótese pelo titulo com o Sandow como campeão? É verdade que poderemos ter Sheamus mas esse está a querer-me parecer que vai para outras rotas.

        Mas com tanta provocação ao RVD tem toda a lógica que o Sandow faça o cash-in nele(partindo do principio que será RVD vs Del Rio). Até porque criava heat no Sandow que podia ser elevado já que o RVD voltou em excelente forma, muito melhor que na TNA. Por isso que use isso em prol da nova geração.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Sim, também me parece que o Sheamus não anda para aí virado e seria bom em perspectiva uma feud Sandow/Rhodes com o título mundial em jogo.
        O RVD deve elevar os talentos e é como dizes, a sua forma está muito melhor em comparação com a TNA, por isso ele pode ter bons combates com qualquer um e deve aproveitar essa forma para elevar os jovens. Além disso, com a ovação que o RVD recebe sempre, o Sandow a fazer o cash nele iria ser muito vaiado e obter o heat que necessita.

      • José Sousa - há 3 anos

        Eu acho é que a partir do momento que o Orton seja campeão, e depois de terminar uma feud com o Bryan que pode ser mesmo desta que temos Sheamus vs Orton mas pelo titulo da WWE.

  2. mangala22 - há 3 anos

    espero bem que ele vença no summerslam… e depois seja campeão

    • José Sousa - há 3 anos

      Eu acho que vai demorar mais que muitos queriam e que eu como fã provavelmente desejaria. Mas a prioridade vai ser o Sandow como campeão Mundial dentro de alguns meses, e como gosto dele não tenho nada contra.

  3. Mike Tyson - há 3 anos

    Grande José sempre com um artigo de excelência apresentado aqui todas as semanas!

  4. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Que melhor altura para fazer um artigo sobre Ziggler José foi um tema bem escolhido.
    Esta fase de Zig está a ser muito boa, perdeu o World Title sim, mas ganhou prestigio e tornou-se num face muito bom que TODOS gostam.
    Ele quando andava com Swagger sinceramente não gostava mas isso são fases na carreira de um lutador.
    Dolph ou Nemeth(fantastico nome de um antigo jogador da Republica checa….maldito sejas poborsky) é um lutador brilhante mas gostava muito que ele mudasse de finisher o Zig Zag para mim não assenta-lhe bem mas é a minha opinião, gosto muito FameAsser e do Sleeper Hold!

    Concordo com os momentos da semana!

    • José Sousa - há 3 anos

      Sim André tens razão, o único senão é o tempo que vamos que esperar por novo reinado dele, sim porque vai demorar. De resto ele está muito bem como face, e também mudava o finisher colocava-lhe o Super Kick e o Ziggler Hold(é o Sleeper Hold)

      • MR Perfection André Santos - há 3 anos

        SuperKick …já esquecia!

      • Andre_ZiggyNation - há 3 anos

        Eu acho que o Zig Zag lhe assenta muito bem..é um finisher rápido, inovador e que pode ser aplicado em qualquer altura do combate…acho que se mudasse para o S.K. ficava muito “Shawn Michaels”.

  5. Tibraco - há 3 anos

    Passou-se alguma coisa para o meu comentário não ter sido aprovado? :s

    • danielLP21 - há 3 anos

      Não vi comentário nenhum… Tens a certeza que chegaste a enviá-lo? Não está nos “Pendentes”, no “Spam” nem no “Lixo”, por isso não deves ter enviado…

      • Tibraco - há 3 anos

        Epá tenho quase a certeza de que enviei mas se não viste é porque me devo ter enganado. Obrigado pela resposta.

        José, era só para dizer que gostei do artigo mas que duvido que demore assim tanto tempo até o Ziggler recuperar o título. Até ao Survivor Series ele é de novo campeão.

      • José Sousa - há 3 anos

        Eu acho é que até ao Survivor o Sandow é campeão. E não tenho nada contra isso porque ele tem um excelente potencial para top heel do main-event. Tem mais que o Del Rio pelo menos na minha opinião.

      • Tibraco - há 3 anos

        No ringue Del Rio, até ao momento, mostrou mais que o Sandow. No resto o Sandow é infinitamente superior. Portanto sim, concordo contigo nesse aspecto.

      • José Sousa - há 3 anos

        Sim mas só agora é que vamos ter mais tempo para o Damien Sandow mostrar. No resto o Sandow é superior ele tem heat, carisma e promos e não precisa de ajuda para isso.

  6. MicaelDuarte - há 3 anos

    Uma boa “espreitadela” à carreira de Dolph Ziggler, José.

    As coisas para o Ziggler nos próximos tempos passarão pela feud com o Big E/AJ, infelizmente.

    Vendo o lado positivo desta feud, percebemos que está aqui uma oportunidade do Ziggler ganhar ainda mais apoio dos fãs, mas por outro lado, quem é quer ver o Ziggler combater o Big E?! Well, at least I don’t. Eu quando vi o Big E até gostei dele, talvez pelo ataque logo no Cena, não sei, mas a verdade é que hoje custa-me aguentá-lo. Espero eu que esta feud seja apenas, somente(!) para o SummerSlam…

    Acredito mesmo que o Ziggler poderá vir a tornar-se num top face da companhia dentro de pouco tempo, e se o caminho for idêntico ao do D-Bryan, para depois termos um Ziggler completamente “over” e no auge da sua carreira, que seja!

    Também sou apologista da mudança de finisher do Zig Zag, não porque não goste do Zig Zag, uma vez que este finisher até é credível e tem impacto, mas um Super-Kick é outra coisa. Esta mudança de finisher para o Super-Kick não só faria lembrar o grande HBK, como poderia ser mais um motivo de apoio ao Ziggler por trazer de volta uma manobra tão associada a um dos grandes nomes desta indústria, por quem os fãs têm grande apreço.

    NICKYYYYYY! :D

    • José Sousa - há 3 anos

      Sem dúvida e o pior é que a feud não vai durar um PPV, ou seja ou o Big E Langston surpreende-nos o que muitos de nós duvida, ou no final foi só uma feud para manter o Ziggler ocupado e ganhar o afecto do publico. E vai ser até ao Over the Limit, a feud… A prioridade vai ser dar o titulo ao Damien Sandow(nada contra).

      Assim o Ziggler vai ter que esperar, mas se for como o caso do Bryan eu estou disposto a esperar esse tempo, para depois ser recompensado. Não é bem pelo HBK é também porque o Ziggler já o usa e usou para vencer combates, e acho que ficava bem nele.

  7. Dolph Ziggler - há 3 anos

    Parabéns pelo artigo, José. Está muito bem estruturado.

    Quanto ao Ziggler, já sabes a minha opinião sobre ele. É um dos meus lutadores favoritos hoje em dia e como disseste ele não conquistou os fãs com o seu carisma natural ou com as suas grandes promos, mas sim pelo seu trabalho fantástico no ringue e como vendia as manobras dos adversários. E também é por essas e por outras que por vezes o Ziggler é usado para fazer uns jobs porque ele credibiliza imenso o adversário devido á maneira como vende a ofensiva do ou como faz os bumps. Aliás, viste a maneira como o Ziggler caiu fora do ringue no combate com o AdR no Raw? Incrivel. E ele parecia morto quando o Big E o atacou. Acho que ele tem de ter mais cuidado com os bumps pois qualquer dia acaba numa cadeira de rodas.

    Mudando de assunto, acho que tomaram a decisão certa em fazer-lhe o face turn pois como disseste, ele já era bastante apoiado pelos fãs nas sua faceta como heel. Ou seja, a sua personagem não estava a resultar e os fãs não o conseguiam odiar. E por isso acho que foi uma excelente ideia fazer-lhe o face turn porque assim os fãs têm toda a liberdade para apoiar o Ziggler.

    Acho que a sua feud com o Big E pode ser positiva pois assim pode crescer como babyface e desenvolver mais o seu “novo” carácter e não apressar já as coisas e dar-lhe um título Mundial. As coisas até agora podem estar a correr bem, mas não sei se ele está preparado para se tornar já num dos top babyfaces da companhia. Se ele sair por cima da feud com o Big E, pode significar que a WWE acha que o Ziggler tem futuro como babyface mas se por alguma razão o Big E ganha a feud, é o fim do Dolph.

    Espero que esta feud com o Big E ajude o Ziggler e que depois de uma boa feud, ele então volte á rota dos títulos principais com uma personagem mais desenvolvida e mais experiente como babyface. Acho que este pode voltar á rota dos títulos por volta do Royal Rumble. Quem sabe ele não ganha mesmo o Rumble? Para já as minhas apostas são o Punk e o Bryan. O Ziggler pode muito bem juntar-se.

    Vamos ver o que reserva o futuro para o Nemeth xD. Só espero voltar a ter outro mark-out moment como quando este ganhou o título Mundial no Raw depois da WM.

    Ah, e claro, como disseste, o Ziggler precisa de crescer mais no micro. O facto da sua voz ser bastante aguda não o ajuda muito mas ele tem de ter mais calma e não falar tão depressa como ás vezes ele faz. Ele já teve boas promos como com o Mick Foley e com o The Miz no main-event, mas também já teve promos bem fracas. Acho que o Ziggler pode trabalhar nisso na feud com o Big E pois se ele quiser ser um dos top faces da companhia, precisa mesmo disso.

    Quanto aos momentos da semana, nada a dizer. Concordo contigo. Poderias ter posto o segmento entre o Punk/Heyman/Lesnar mas como houve tantas coisas boas nesta semana, entendo a tua escolha. Afinal o Bryan vai ser finalmente recompensado com um main-event no Summerslam. Chegou ao ponto em que a WWE tinha obrigatoriamente que pushá-lo porque estava over demais.

    Resto de bom dia.

    • José Sousa - há 3 anos

      Eu concordo contigo acho que só lá para o Rumble é que temos o tal regresso do Ziggler aos títulos de topo da WWE. A feud com o Big E vai revoltar algumas pessoas porque é bem provável que o Big saia á frente no Summerslam para que o Ziggler saia por cima no resto da feud. Eu acredito que ele vai resultar tem que é ter calma a falar e fazer promos como á que fez com o Foley, com o Miz, e mesmo aquela em que tratou a AJ a baixo de cão(na altura do Cena).

      • Dolph Ziggler - há 3 anos

        Sim, ele tem de ter calma durante as promos pois assim não vai a lado nenhum. Ele não é dos piores a promar, mas o problema dele é mesmo o tom de voz dele e a maneira como se expressa. As promos dele com o Foley e o Miz foram muito boas e mostraram que o Ziggler tem talento no micro, mas ele já há bastante tempo que não mostra isso. Vamos ver como se porta a partir de agora.

        Quanto á feud com o Big E, penso que deve demorar até ao Hell in a Cell ou algo assim. Acho que o Ziggler vai sair por cima da feud, mas também acho que o Big E vence no Summerslam.

      • José Sousa - há 3 anos

        Eu também acho que ele vence, ou pelo menos sai por cima com um DQ e sai a atacar o Ziggler e jogando com o psicológico ao beijar a AJ(quase como o Kane fez o ano passado com o Bryan).

  8. Diogo7 - há 3 anos

    Bom Artigo, resumiste muito bem a carreira do Ziggler!

    Estou a gostar bastante deste “face” Ziggler. Era uma mudança que à muito tempo esperava e para já, o Ziggler está a desempenhar bem esta sua nova faceta e tem bastante pop por parte do público.

    Gostava que ele ganhasse o World Title no SummerSlam contra o Alberto Del Rio mas a WWE teve outras ideias e vai coloca-lo a combater contra o Big E. Acho que o Ziggler não merecia combater contra o Big E, mas mesmo assim espero que seja uma feud bem construída e acho que vai durar mais que um PPV. Lá para o fim do ano ou inicio do próximo o Ziggler deve conseguir conquistar o Titulo e ter um reinado muito (espero eu).

    Quanto à mudança do Finisher, o Ziggler devia usar o Super Kick até porque já derrotou wrestlers como o Orton com esse Finisher.

    Concordo com os momentos da semana. Excelente semana para a WWE!

    • José Sousa - há 3 anos

      Exctamente Diogo na minha opinião o Ziggler só volta á rota do titulo lá para o Rumble ou depois da Wrestlemania, tudo vai depender de quem planearem ser campeão de WHC na altura.

      • Diogo7 - há 3 anos

        Adorava ver Ziggler vs Sandow! Acho que davam um excelente combate.

  9. danielLP21 - há 3 anos

    O pior “Smoke and Mirrors” que eu me lembro de ler. Aliás, confesso que tive muitas dificuldades em acabar de ler o artigo. Quantas vezes escreveste o nome “Nemeth”? Mais, para quê escreveres “Nemeth” e “Nicky” durante o artigo e no fim dizeres “para quem ainda não sabe quem é o Nemeth que falei no artigo desta semana, ele apresenta-se (…)” se durante o artigo te fartaste de colocar imagens do Dolph e, inclusive, escreveste mesmo “Ziggler” no texto? Não percebi. Se a ideia era criar interesse durante o artigo para uma espécie de final bombástico, falhou redondamente, pelo menos comigo.

    ” (…) isso só revela que Nemeth é um verdadeiro Daniel Bryan 2.0, e se o resultado final for o mesmo então não tenho nada contra.” Então porquê? O Daniel Bryan já tem o Título da WWE nas mãos? Tanta confiança… Nem parece que o Benfiquista sou eu e o portista és tu lol

    Eu só imagino o Bryan como campeão quando ele tiver o título, mas isso sou eu… Cada um cria as expectativas que quer, eu prefiro ficar céptico até ao fim.

    • José Sousa - há 3 anos

      Ok meu caro. Eu tenho quase a certeza que não usei Ziggler, e quando fiz o mesmo com o AJ Styles foi só elogios. E usei imagens do Styles durante o texto, mas pronto respeito as divergências.

      Depois é preciso o título da WWE para o Bryan ter resultado? O Bryan vai ter sempre destaque até ao fim da carreira, com o título ou sem ele. Mas como digo, não podemos agradar a todos sempre.

      • danielLP21 - há 3 anos

        “Tudo isto antes de ser transferido para o Smackdown no Draft de 2009, e a partir desse momento é que a carreira de Ziggler começou a mudar.”

        “Foi neste período que Vickie Guerrero se tornou imprescindível para o crescimento de Ziggler na empresa”

        “mas essa aliança ajudou mais Ziggler do que Swagger”. Usaste a palavra “Ziggler”, como podes verificar no texto. :)

        Além disso, utilizaste o nome “Nemeth” 48 vezes, e é provável que me tenha escapado uma ou outra. Isso, A MIM, dificulta-me a leitura e torna-a cansativa.

      • José Sousa - há 3 anos

        Peço desculpa então, é normal que eu tenha estado destraído(ando com problemas pessoais que me tem deixado assim, não é desculpa eu sei, mas abalam a minha concentração). Mesmo assim procurei não falhar no texto porque nunca falhei uma semana.

      • Miguel - há 3 anos

        Viva José.

        Eu acho que o Ziggler nem devia ter perdido o título.

        Que reinado deprimente.

        Agora vai andar enredado com o Big E Langston.

        A diferença deste para o do Styles José é que neste referiste Ziggler e Nemeth e no do Styles referiste só Jones dizendo que era o Styles no final.

        Mas Daniel nas imagens no Styles sabias que era o Styles, tal como aqui sabias que era o Ziggler.

        Por isso não compreendo como num é excelente e noutro é dos piores mas isso já é outra coisa.

        Concordo que fica um pouco repetitivo escrever o mesmo nome muitas vezes.

      • danielLP21 - há 3 anos

        Eu não disse que é um dos piores APENAS por causa disso.

  10. Rafael Rodrigues - há 3 anos

    Grande artigo mas tambem nao achei necessarrio usares o nome Nemeth durante quase todo o artigo.
    So nao concordo quando dizes que o Ziegler é um Bryan2 porque ambos ambos estao ao mesmo nivel e a unica diferença é que o Bryan recebeu um MAINPUSH com grande impacto primeiro.

    • José Sousa - há 3 anos

      Eu chamo-o assim porque tem pontos em comum, porque ambos tiveram momentos com a AJ como campeões. E ambos tiveram ou vao ter feud com outro envolvimento da AJ.

  11. FAlmeida_10 - há 3 anos

    José Excelente artigo, uma altura muito boa para falares do Dolph Ziggler.

    Quanto á minha opinião:

    É assim o Face turn do Ziggler ocorreu no meio do Double Turn, uma jogada de génio por parte da WWE, que admito ter questionado a início contudo devo dizer que esta decisão acabou por me agradar e muito. Acredito que será como Face que o Ziggler atingirá o topo! Ele em termos de reações do público, não era heel! Vejam o Pop que ele teve com o Cash In! A WWE fez bem em virá-lo Face. E meteu o numa feud muito boa com o Del Rio.

    Atualmente está numa “feud” com o Big E Langston. Eu vejo isto de duas maneiras diferentes… É “injusto para o Ziggler descer até ao Big E”, e é “Bom ao Big E subir até ao Ziggler. É injusto para o Ziggler devido ao trabalho todo que teve, penso que merecia uma posição de mais destaque no SummerSlam. Para o Big E vai ser bom já que o Ziggler “faz todos brilhar”, logo poderá valorizar ainda mais o Big E como monstro (também devido em parte ao poder de selling que tem).

    • José Sousa - há 3 anos

      Sim concordo contigo, esta rivalidade pode servir para tirar teimas sobre a qualidade ou não do Big E Langston.

      • FAlmeida_10 - há 3 anos

        Bom, se o Ziggler não o conseguir fazer brilhar então aí não sei não…

      • José Sousa - há 3 anos

        Isso também é verdade, mas não é só o fazer brilhar é mesmo ele mostrar que não é mais um toco.

  12. LuisMPBO - há 3 anos

    Bom artigo, José!
    Sim, é verdade que utilizaste a palavra “Ziggler” e que ao longo do texto repetiste imenso a palavra “Nemeth”, mas isso pouco ou nada me incomodou.
    Bom resumo da carreira do Dolph Ziggler.
    O Ziggler é sem dúvida um dos wrestlers mais talentosos atualmente na WWE, e merece o destaque que tem vindo a ganhar, e até mais algum. Mas, é verdade que, para dar o grande passo rumo ao main event definitivo, era preciso o face turn, por todos os motivos que apresentaste. Não estava nada à espera daquele double turn no Payback, mas fiquei imensamente contente quando se concretizou. Foi uma das melhores decisões que a WWE fez nos últimos tempos.
    A construção do Ziggler foi um pouco irregular, eu acho, mas agora que já não falta muito para atingir o main event (penso eu) tudo isso fica para trás. Só espero que daqui para a frente toda a sua construção seja feita corretamente.
    Só uma pequenina coisa com que eu discordo no texto: “a tentação poderia ter passado por uma opção á Miz. Nesse caso Nemeth teria tido demasiadas alterações á sua personagem, ao ponto de disvirtuar os aspectos que faziam com que o fãs admirassem Nemeth.” – Acho que o Miz foi exatamente o oposto. Não mudou nada na sua personagem. Foi talvez um dos turns dos últimos tempos que menos alterou o wrestler que o fez. O Ziggler foi exatamente igual ao Miz. A diferença está na capacidade de ambos de desempenhar o seu papel. No caso do Ziggler, o desempenho parece ser ainda melhor do que como heel. No caso do Miz, é péssimo. O Miz manteve se igualzinho, só que agora já não consegue cativar a crowd como fazia antes. Ele para mim é um eterno heel. Podem dizer à vontade que é por falta de atenção como face por parte da WWE, mas para mim é pura incompetência. Acho que fizeram bem em não alterar a personagem dele, porque ele é daqueles cuja personagem é muito importante para o seu sucesso. Logo, acredito que se a tivessem alterado, tivesse sido um desastre ainda maior. Dependendo do caso, há que avaliar se a personagem deve ser alterada após o turn ou não, e nestes dois casos “não” é a resposta certa.
    Concordo com os momentos da semana.

  13. Andre_ZiggyNation - há 3 anos

    A construção do Ziggler heel foi má , não muito má mas podia ter sido BEM melhor. Este Ziggler face é extraordinário, tem um carisma brutal (ja tinha antes) e ao contrário do habitual nos grandes wrestlers da atualidade cheira a face por todos os lados.

    Não tenho a menor dúvida que vai voltar a ganhar o WHC e ter finalmente o reinado decente que tanto merece.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador