Post da Comunidade do Wrestling.PT

Suspeito do Costume #1 – Análise às principais rivalidades para o WWE Hell in a Cell

Boas pessoal, chamo-me Diogo Teixeira e é o meu primeiro artigo aqui no Wrestling.PT. Acompanho WWE com regularidade à alguns anos, e venho partilhar com vocês a minha opinião sobre as principais rivalidades para o Hell In A Cell.

Seth Rollins & Kane

A rivalidade pelo WWE World Heavyweight Championship entre o campeão Seth Rollins e Kane começou quando no Night Of Champions, Kane regressou como Masked Kane e atacou Seth Rollins.

Na RAW seguinte, Kane apareceu de fato e gravata e pronto para voltar ao seu emprego como Diretor de Operações, afirmando não perceber o que Rollins dizia acerca do sucedido no Night Of Champions. Nessa RAW Kane voltou a atacar Rollins, aparecendo no meio do ringue e levando o campeão da WWE para o “inferno”.

Na RAW do dia 28 de Setembro, Rollins atacou Kane, partindo-lhe o tornozelo, e quando Kane era levado na ambulância, saiu de lá como Demon, sem qualquer lesão, e voltou para o ringue para atacar Rollins.

Na última RAW, Kane fez um Chokeslam a Rollins através de uma mesa.

Esta rivalidade, pelo menos para mim, tem tudo uma boa construção. Muitas pessoas têm dito que Kane já não tem a credibilidade que tinha à uns anos, e isso não se pode negar, a WWE descredibilizou muito o Kane na última década, e em especial no último ano com a personagem de Corporate Kane, um papel que ninguém imaginava para Kane à uns 10 anos.

Mas se é verdade que a sua credibilidade não é a mesma, também é verdade que a WWE planeou bem o seu regresso e está a fazer uma história interessante e com bons segmentos. Se a ideia de aparecer dentro do ringue é nova ? Não, não é, mas foi um bom segmento, foi inesperado e acho que se adequou perfeitamente ao momento.

No segmento da ambulância, para além do segmento já ser bom, o facto de ser Kane o protagonista só melhora as coisas porque Kane fez um papel brilhante, aliás Kane tem estado brilhante em toda a rivalidade, principalmente quando está em Corporate Kane e finge não se lembrar de nada do que fez, dizendo não ter nada a ver com o Masked Kane. Rollins também tem estado muito bem, aliás como tem estado sempre ao longo do seu reinado e que para mim tem sido um grande reinado. Não é um reinado cheio de vitórias limpas e sem contestação, mas é um reinado bom e de acordo com a personagem que Rollins tem.

E é óbvio, pelo menos para mim, que não vai ser Kane a tirar o título a Rollins, e que esta construção e o facto de ficar sempre por cima (até agora) tem como objetivo credibilizá-lo e credibilizar a vitória de Rollins no PPV, talvez não no HIAC, mas provavelmente no SS ou no TLC.

A não ser que a WWE esteja a pensar avançar já com a rivalidade de Rollins com Triple H e faça com que Triple H se vire contra Rollins e ajude Kane a conquistar o título, dando-lhe o seu primeiro reinado como WWE World Heavyweight Champion e criando a tal rivalidade com Rollins.

E claro que também não podemos esquecer o Mr. MITB que a qualquer momento pode aparecer e mudar completamente o rumo dos acontecimentos.

Apesar de não serem cenários impossíveis, acredito que Rollins irá continuar como campeão no fim desta rivalidade e não será para já que Sheamus irá usar a mal.

E até ao HIAC ainda faltam 2 semanas, e acredito que pelo menos numa RAW Rollins saia por cima.

Undertaker & Brock Lesnar

Quanto à outra rivalidade principal deste HIAC, e que é o combate principal devido aos seus intervenientes, é Lesnar vs Undertaker numa cela.

Este combate é uma espécie de final de uma trilogia que começou com uma vitória de Lesnar na Wrestlemania XXX e que teve um segundo capítulo quando no SummerSlam Undertaker venceu Lesnar num combate com um final controverso e que conduziu a este combate Hell In A Cell e que espero ser o último da rivalidade.

Quanto a mim, esta rivalidade não me chama muita atenção. Primeiro porque o próprio início da rivalidade, pelo menos na minha opinião, nunca devia ter existido, pois nunca fui a favor do fim da Streak, fosse Lesnar a quebrá-la, fosse uma jovem promessa ou fosse John Cena. Para mim, a Streak nunca devia ter terminado, era um marco histórico, e apesar de não perder importância só por ter acabado, acho que devia ter sido algo que não deviam ter quebrado.

Segundo, porque não acho boa ideia gastar as datas que Lesnar tem no contrato a fazer rivalidades com Undertaker, que como já sabemos já não tem a possibilidade de dar os combates de antigamente. Lesnar podia ser muito melhor usado, apesar de ter poucas datas, acho que podiam ser usadas em outro tipo de rivalidades, com superstars mais jovens que talvez só precisem de uma oportunidade. Um combate que acho que podia ser excelente era com Cesaro, mas nunca a WWE usaria estes 2, nem Cesaro tem neste momento estatuto para lutar com Lesnar, embora seja por culpa da WWE, não por falta de talento.

Terceiro, devido à forma e à idade que Taker apresenta. Claro que é sempre bom ver Undertaker, é uma lenda viva da WWE, mas quer a WWE queira ou não, os anos passam para todos, incluindo para Undertaker, que cada vez tem mais dificuldades em acabar os seus combates. E é que não é só o facto de a qualidade dos seus combates já não ser comparável com os de antigamente, mas é que de cada vez que Undertaker sobe ao ringue, corre um grande risco de sofrer graves lesões, lesões que só ele as vai carregar no futuro, não a WWE.

Concordo com a opinião de quem diz que a WWE teve a oportunidade de acabar a carreira de Undertaker no combate apelidado de “End Of An Era”. Para além de Undertaker ter dado um bom combate, o cenário era ideal para os 3 wrestlers finalizarem a carreira. A companhia quis insistir em continuar com a carreira do Phenom, e na Wrestlemania XXX Taker teve um combate péssimo e viu-se “à rasca” para o acabar. É que para além de ter mais de 50 anos, Taker não estava a lutar contra qualquer um, era só A Besta, que tem um estilo de luta que todos sabemos não ser o mais “meigo”. Undertaker lá se aguentou e conseguiu sair de pé, mas via-se nitidamente que nesse combate Undertaker esteve com graves problemas para manter o ritmo. No ano a seguir melhorou no combate com Bray Wyatt e não esteve tão mal como contra Brock Lesnar.

Já quanto aos segmentos das RAW’s antes do SummerSlam e no próprio SummerSlam, Undertaker conseguiu estar bem melhor que na Wrestlemania XXX, e a WWE lá decidiu prolongar esta rivalidade até ao HIAC. Para já ainda não houve nenhuma mensagem ou segmento com Undertaker, e da parte de Lesnar a promoção para o combate tem sido à base da receita “porrada no gigante”. Como se Lesnar fazer um ou dois F-5 no “Giant” a esta altura do campeonato fosse bom para o credibilizar. Mas ao menos temos a hipótese de ouvir Mr. Paul Heyman, que é sempre um privilégio.

Mas pelo menos com o fim desta rivalidade, ambos ficam livres para enfrentar novos adversários na Wrestlemania, evento em que espero que Taker faça o seu último combate e que Lesnar tenha um adversário ao seu nível e que possibilite um grande combate.

Termino assim o meu primeiro artigo no WPT, espero que tenham gostado e força aí nos comentários, elogios, críticas, tudo, digam o que quiserem.

Bom resto de semana a todos!

Sobre o Autor

Foto de perfil de Facebook

8 Comentários

  1. tendeu - há 1 ano

    As pessoa não entendem que o undertaker é igual vinho, quanto mais velho melhor.

  2. Vanessa - há 1 ano

    Eu imagino que Kane vença a luta, mas por desqualificação ou qualquer outra coisa que mantenha Rollins com o título. Já que a WWE costuma sugar ao máximo as histórias e personagens, suponho que não vão tirar de Kane o papel de diretor de operações. Pelo menos não por enquanto.

    • Rick - há 1 ano

      a luta vai ser Hell in a Cell, ou seja, nao vai ter DQ´s

      • gfg - há 1 ano

        A luta não vai ser Hell in a cell vai se uma luta normal no PPV Hell in a cell.

    • Também acredito que pelo menos no HIAC Kane vença com qualquer desqualificação até para continuar com força para o Survivor Series e não ter já uma derrota, para além de que acredito que esta história pode continuar por mais algum tempo sem se tornar aborrecida.

  3. Miguel Carlos - há 1 ano

    Bom começo. Concordo com quase tudo, só defendo que a streak era para acabar e acabou nos proporcionar um dos melhores momentos de sempre.

    • Obrigado Miguel Carlos.
      Que nos proporcionou um grande momento e provavelmente o mais chocante de sempre, concordo 100%. E respeito a tua opinião sobre a streak, e o seu fim em nada beliscou a grande carreira do Taker.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador