Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Top Ten #12 – Gimmicks Cinematográficas

A Wyatt Family vem aí! Esta equipa liderada por um caricato lutador de nome Bray Wyatt já apresentou umas vinhetas bem perturbadoras a antecipar a sua estreia na televisão da WWE. As personagens bizarras não vêm do acaso e Bray Wyatt vai buscar inspiração à igualmente perturbadora personagem do célebre filme “Cape Fear” (“O Cabo do Medo”). Mas esta não é a primeira vez que no mundo do wrestling se vai buscar alguma inspiração e umas ideias à sétima arte. Vejamos neste Top Ten, 10 exemplos de gimmicks inspiradas no cinema.

10 – Oz

Oh Nash, por onde já tu andaste… Dupla entrada para ele aqui, porque ele depois ainda chegou a ser o Vinnie Vegas que também era baseado no filme “My Blue Heaven” com Steve Martin. Mas ele teve um pouquinho mais de sucesso com esta que veio antes – grande sucesso não teve com nenhuma até saltar para a WWF e nascer o Diesel – e o pessoal parece lembrar-se melhor desta. Não tão directamente baseado dum filme porque antes do filme havia a obra literária infantil, mas a malta lembra-se sempre do filme “O Feiticeiro de Oz”. O Nash era qualquer coisa assim. Se era suposto levar um gajo verde fluorescente a sério… Isso já não sei…

Mas chega a ter a sua piada. Se nos lembrarmos da história, lembramo-nos que o tal feiticeiro é revelado como um mero velho. Se retirarmos a capa a NAsh e avançarmos para o presente… Pode-se considerar o mesmo?

9 – Zeus

Este até é um passo em frente. Este é mesmo uma personagem de um filme que deu o salto para o ringue. De seu nome, Tom Lister, Jr. este actor participou no “No Holds Barred”, atroz filme da WWF com Hulk Hogan no papel principal – isso já diz muito. No fantástico filme, Lister tinha o papel de “Zeus”, um heel monstruoso indestrutível que defrontaria o heróico Rip – o Hogan. De forma muito imprevisível, o herói sai por cima no filme… o que viria a dar origem na melhor storyline de sempre: Zeus – ainda o personagem do filme – a aparecer na TV da WWF a desafiar Hulk Hogan para o derrotar na “vida real” após ter sido derrotado no filme. Isto numa altura em que o kayfabe era levado mais a sério, era-nos vendida a ideia de que uma personagem de um filme era real. Ou qualquer coisa assim.

Anos mais tarde, Mickey Rourke teria um angle na WWE como promoção da sua personagem Randy “The Ram” Robinson no filme “The Wrestler” – um filme como deve ser. Mas aqui ao menos souberam distinguir o actor da personagem e o angle com Chris Jericho nunca culminou no ringue – foi só um soquito. Mal por mal, antes preferia o Randy “The Ram” Robinson no roster…

8 – Lord Humongous

Aqui nem se deram muito ao trabalho. Nem mudaram o nome da personagem do filme. Mas ao menos não era a própria personagem a competir, ainda era apenas baseada. Mas o nome e toda a inspiração vinham do influente filme de ficção científica pós-apocalíptica “Mad Max 2: The Road Warrior” – a parte do “Road Warrior” já não tem a ver. Foi em 1984 que surgiu a personagem heel na Continental Wrestling Association, com Jimmy Hart a manager e a desafiar Jerry Lawler. O original era interpretado por Mike Stark, mas à moda de um Doink, vários lutadores já vestiram a sua pele para manter a personagem viva, inclusive Sid Vicious ou Bull Buchanan. Actualmente é John Bass quem lhe dá vida. E vocês preferem o Lord Humongous do filme ou o do ringue? Ou nem conheciam um sequer?

7 – Seven

HA! O que eu fiz para poder ter o “Seven” no número 7! Se não estão familiarizados com esta personagem, não se preocupem. Isto nem chegou a estrear. Mas pronto, este é Dustin Rhodes com uma gimmick que faz o Goldust parecer o mais regular dos homens que se encontram na mercearia a diário. Vinhetas muito perturbadoras foram promovendo este “Seven”, que se tratava de uma personagem inspirada nos “Strangers” do filme “Dark City”… Que assistia do lado de fora da janela do quarto duma criancinha. Óptimo, Dustin Rhodes ia regressar à WCW com uma gimmick que mais parecia a de um raptor ou… um pedófilo. Nada melhor que apresentar uma gimmick que mais parece um pedófilo. Muito perturbador. Mais perturbador que o irmão de bigode. Por muito evidente que fosse a inspiração no filme, não foi suficiente e a personagem foi abortada com um “worked shoot”. Não tardava nada e ele estava de volta à WWF como Goldust que, mesmo não sendo inspirado num filme, quer fazer da sua vida um excêntrico filme. De gajo normal é que ele nunca faz…

6 – Paul Burchill

Piratas! Quem não se lembra de Paul Burchill a vir de cima do titantron pronto para um combate de wrestling… Ou uma caça ao tesouro… Ou uma cantiga de garrafa de rum. Qualquer coisa. A capitalizar no sucesso dos filmes do franchise “Piratas das Caraíbas”, Burchill é remodelado de forma semelhante à personagem de Jack Sparrow no filme. Por muito que a plateia lhe achasse piada, a gimmick não durou muito tempo. Alega-se que isto se deu ao facto de Vince não estar familiarizado com os populares filmes “Piratas das Caraíbas” e não achou que a personagem estivesse a ter as reacções que devia. Coube a Mark Henry arrumar o desgraçado. Regressaria mais tarde com uma irmã suspeita com quem sugeria incesto. A carreira dele até pode nem ter sido das mais notáveis, mas… Ele quase que meio andou a fazer de Johnny Depp e quase que meio andou enrolado com a Katie Lea… A meu ver, isto é sucesso…

5 – Razor Ramon

“The bad guy!” O macho latino! Scott Hall antes de se estragar todo. Moldado a partir da personagem de Tony Montana no gigante clássico filme “Scarface” de 1983, interpretado por Al Pacino. História engraçada a que Hall veio a contar no futuro sobre a sua sugestão de personagem. Hall descrevia a personagem do filme, com citações directas extraídas do filme, mais num tom de brincadeira. Vince achou que ele era um génio pelas suas ideias. Vai-se a ver e ele não fazia a mais mínima ideia acerca do filme – já devem ter percebido que o Vince anda completamente à nora no que diz respeito ao cinema… Será que ele hoje sabe sequer de onde é que todas as 10 personagens aqui apresentadas saíram?

4 – Bray Wyatt

“They’re coming.” E palpita-me que vai ser bom e que vamos gostar – um palpite para não dizer que tenho a certeza. Foram as suas desconfortáveis vinhetas que deram a ideia para este Top Ten. Mesmo que a sua personagem já fosse conhecida desde o NXT e ainda antes, da FCW. Insere-se neste contexto com a sua personagem não muito mentalmente sã que traz muita inspiração do filme “Cape Fear” – mais precisamente o remake de 1991, que foi o que atingiu mais atenção e sucesso. Mas nem é primeira vez que vão buscar ideias a este filme. Aliás, este aqui é só inspiração, já se deu uma extracção mais directa…

3 – Waylon Mercy

Que é o caso deste Waylon Mercy. Em 1995, na segunda passagem de Dan Spivey na WWF, apareceu como Waylon Mercy, uma referência directa a Max Cady, personagem interpretada por Robert De Niro no remake do filme “Cape Fear”. Tudo nele era sinistro, desde a camisa havaiana à tatuagem na testa, passando pela sua atitude de cavalheiro sulista educado até que soasse a campainha e se tornasse um psicopata autêntico… Até ao soar da campainha outra vez, onde voltaria ao homem calmo e sereno. Era uma gimmick bastante interessante e dava para fazer muitas coisas com aqueles combates e atitude bizarros. Durou pouco tempo devido à acumulação de lesões que lhe puseram fim à carreira. Será Bray Wyatt um menino à beira deste ou terá potencial para o superar?

2 – Mankind

Talvez numa posição tão alta por questões de popularidade. Acho que não preciso de dizer a ninguém quem é o Mankind, só se tiverem entrado neste site por engano e nunca tenham visto wrestling na vida. E também é possível que a referência cinematográfica não seja tão evidente ou directa, afinal Mankind ainda é uma gimmick bastante única. Os seus maneirismos de mentalmente perturbado capazes também de perturbar o espectador são originais seus, mas podiam constar em algum filme de terror bastante tenebroso. Mas a principal tendência e inspiração parte de uma estimada personagem de seu nome Leatherface, famoso pela popular franchise de filmes “Texas Chainsaw Massacre”, traduzido para “Massacre no Texas”. A personagem de Mankind podia dar para fazer as delícias de muito fã de filme de terror e podia ser directamente inserido nalgum filme do género. Psicopatas há em muitos filmes de terror slashes, mas para a inspiracção de Mankind parece haver uma preferência por este cavalheiro…
Agora um filme de terror de interesse seria com um grupo de jovens a fugir de um assassino que é o Dude Love. Isso sim…

1 – Sting

Creio que já fosse evidente ao saber o tema do artigo, quem ficaria no topo. Sting teria uma interessante mudança de gimmick na WCW em meados na década de 90 e em 1996 começava a aparecer um Sting sinistro nas traves do tecto dos recintos. Com um taco de baseball. E uma pintura facial diferente – mas familiar. Esta sua passagem era uma referência extremamente directa – os menos fãs chamar-lhe-ão “rip off” – do filme “The Crow” de 1994. Conseguiu atingir sucesso e notoriedade com esta gimmick, pois ainda hoje nos lembramos com facilidade do “Crow Sting”.

E só para completar e para fazer deste primeiro lugar um dois-em-um, a história repete-se anos mais tarde na TNA. Doido varrido da cabeça com a sua rivalidade com Hulk Hogan, vimos Sting a comportar-se como o célebre Joker, famosíssimo vilão da franchise do Batman e que tinha a referência mais directa à interpretação de Heath Ledger no êxito das bilheteiras “The Dark Knight” de 2008. Com isto, ainda se sujeitavam a deixar o homem com imagem de plágio de filmes andante, mas o que o salva aqui é que ele fez ambos resultar tão bem…

E foram estas dez peças do grande ecrã transferidas para o ringue que apresentei neste temático Top Ten. Espero que tenham gostado e agora estão à vontade de comentar estas personagens, as que se lembram e as que não se lembram e até acrescentar mais alguma que tenha sido extraviada de algum guião de Hollywood e que não tenha constado nesta listagem. Até podem falar de personagens de filmes que gostavam de ver sob a forma de gimmick de wrestling! O que quiserem. Para a semana, estarei de volta, se nada me impedir. Até lá, desfrutem de muitos filmes!

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Top Ten”.

9 Comentários

  1. RuiFerreira222 - há 3 anos

    Gosto bastante do “Top Ten” que apresentas todas as semanas. :) O meu artigo preferido no Universo.

  2. don_ricardo_corleone - há 3 anos

    Eu nem sei se resultava e até espero que não o façam se verem que sai asneira. Mas já que falam nisso, imagino um Drew McIntyre como uma espécie de guerreiro indomável como o William Wallace. Outra ideia, seria uma stable inspirada no Padrinho. Mas se calhar mais vale estarem quietos.

  3. FranciscoAP - há 3 anos

    Excelente artigo. Eu admito que fiquei verdadeiramente fã do Sting depois de ter entrado na personagem do Joker. Absolutamente genial. Ainda por cima porque foi o que salvou uma feud que tinha prometido um combate com o Hogan, o que só por si é um verdadeiro “mata-feuds”.

  4. danielLP21 - há 3 anos

    O “Top Ten” é um artigo fantástico. Continua assim! Admito que não conhecia o 10, o 9, o 8 e o 3.

    Mankind <3

    Katie Lea <3 <3 <3

    :D

  5. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Muito Bom…

    Conhecia a personagem de Nash…realmente…

  6. Evandro Monari - há 3 anos

    Uma personagem que eu acho que poderiam se inspirar é na do James Bond

  7. Duarte_WWE - há 3 anos

    Grande top 10, otimo trabalho! Nao conhecia o 10, 9,8 e o 3!
    ahahaha nao conhecia essa gimmick do goldust, mas é mais uma gimmick á dustin rhodes xD ele não consegue mesmo ser um tipo normal como disseste xD

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador