Participa no sorteio do Battle Royal #200 e ganha uma cópia do jogo Fire Pro Wrestling World!

Top Ten #161 – Quem sobra para o Undertaker?

Sejam bem-vindos à novíssima edição do Top Ten que vos chega ainda com as faíscas todas do Survivor Series no ar. O que aconteceu de extremamente espectacular na noite passada não é do meu conhecimento devido à infeliz falta de poderes psíquicos de que ainda padeço. Mas nem foi uma semana parada.

No Smackdown, já estava anunciada a sua presença mas ninguém sabia o que ia lá fazer. Mas todos esperavam Undertaker e foi a equipa principal representativa do Smackdown que levou com ele a motivá-los, bem à sua maneira. E a malta aqui já a olhar para as caras todas, a jogar ao “Quem é Quem?” para descobrir-lhe um futuro adversário e com um palco do tamanho do da Wrestlemania em mente. Mesmo que ele tenha dito algo vago que tenha dado a entender que tenha voltado para ficar, não é fácil de acreditar e, por muito que ele diga que a Wrestlemania já não o define mais, há que admitir a verdade: ele é uma atracção de Wrestlemania.

Então vamos ser aqueles chatos a especular a olhar para nomes possíveis, sem olhar ainda para separações de brands, que fossem capazes de lhe fazer frente? Há aqui nomes regulares que vemos todas as semanas, há algumas surpresas que resgatei ainda ao possível. É um Top Ten muito simples, sem esticar assim tanto a imaginação e na qual conto com participação. Vamos a isso!

10 – Braun Strowman

Resultado de imagem para braun strowman

Ainda são recentes os arrepios que percorreram as costas dos fãs quando se falava na possibilidade de um push astronómico ao grandalhão da Wyatt Family para chegar mesmo a enfrentar Undertaker. Pois, mas as coisas até já mudaram. Ele já não seria aquele medonho retirado da Wyatt Family, ele já está emancipado, já é uma das estrelas singulares do Raw a quem querem dar destaque, já está em ascensão, é o principal monstro Tweener de, quiçá, todo o plantel. Já é bem plausível que ele seja gajo para interromper alguma presença de Undertaker, sem medo, apenas para lhe fazer frente-a-frente, meramente porque não tem aspecto de gajo que se assuste com outro gajo que fez carreira de assustar pessoas. No fundo da tabela por ainda ser muito verde para esta brincadeira, mas já foi menos possível. Curiosamente na altura em que o nome dele era atirado ao ar neste cenário…

9 – Chris Jericho

Resultado de imagem para chris jericho 2016 list

Não é o primeiro veterano que verão aqui a alternar entre os potenciais do futuro e do presente. E Jericho não é nenhum estranho a Undertaker, existem ali anos suficientes de estrada para um casamento. Mas estamos a falar daquele particular palco. E Chris Jericho nunca foi vítima de Undertaker na Wrestlemania, nem herói. E, como alguém que já fez de tudo, primeiro Undisputed Champion e todo esse currículo, ele podia muito bem ter isso na sua “bucket list”. É uma “list” diferente, sim. E se parece difícil vender uma disputa balançada entre alguém que apenas perdeu um combate de todas as suas 24 aparições na Wrestlemania contra um outro que, nesse mesmo palco, perdeu contra o Fandango… Eles apagam lacunas quando querem e lhes convém e Jericho tem um currículo rico para compensar. Para desencadear isto, bastava um Jericho mais sério e sinistro. Ou então bastava o “Dead Man” chateá-lo muito e… Undertaker… You just made the list!

8 – Roman Reigns

Resultado de imagem para roman reigns united states champion

Ia causar um alarido negativo mas era perfeitamente legítimo. Muitos iam levar a mão à cabeça, esperar um mau desempenho e lamentar previamente que Reigns já ia ganhar. Porque parece que ainda estamos virados para isso. Mas Roman Reigns já não é aquela estrela tão forçada, ele anda sempre no topo ou perto dele porque já lá pertence, mas já estão deixar andar as coisas com mais calma. E não seria de crucificar se o “Big Dog” quisesse realmente olhar para isso mesmo: ele está sempre perto do topo, mas parece que nunca mais se conseguiu estabelecer lá outra vez. Podia passar-lhe isso pela mente e querer agarrar uma oportunidade gigante, talvez maior que ele mesmo. Um desafio a Undertaker, negado, em que o tri-Campeão da WWE e actual United States Champion quisesse ganhar o respeito do lendário lutador. Uma possessão, uma obsessão que se apoderaria dele após perder o US Championship. Algo que Undertaker seria obrigado a respeitar e a ceder-lhe a oportunidade. Para lhe dar uma sova depois, mas isso seria só mais tarde, pronto.

7 – Dean Ambrose

Resultado de imagem para dean ambrose 2016

Mais um dos nossos Superstars de topo actuais, com o talento e valor que lhe fazem merecer esse lugar, sofrendo apenas talvez como vítima de fraco material oferecido. Mas nesse fraco material, estão constantemente a lembrar-nos que ele é um lunático. O gajo é doido, salta de cenas e faz aquela coisa do ricochete das cordas! Nós sabemos que ele é mais do que isso e se calhar até anda a precisar desse “mais do que isso”. E um encontrozinho com Undertaker até lhe podia despertar esse lado que nunca saiu de lá. A razão para o desencadear é que pode ser a mais ridiculamente básica e tirada do manual escrito por eles: ele é maluco, um lunático, não pensa bem nas coisas. E vira-se ao Undertaker simplesmente porque parece uma boa batalha. Só é difícil obter isto como babyface, logo lá teria que ser um vilão ou um Tweener mais maldoso. E tinha que fazer coisas mesmo à doido. Interromper-lhe a entrada e coisas assim. Irritá-lo. Entrar na Wrestlemania com um Undertaker fulo, além do habitual sereno. Coisas que só um doido suicida faria. E temos isso a encaixar-se no nosso Ambrose, mas com uma pontinha mais de interesse. Até mesmo no combate em que teríamos um Undertaker meio desorientado pela sua diferente atitude, fruto da atitude desvairada de Ambrose, onde este até conseguiria algum surpreendente domínio. É que há mesmo muita coisa possível para fazer com Ambrose que ter televisões a explodir-lhe na cara!

6 – The Rock

Imagem relacionada

Eu disse que nem todos os que aqui viriam a comparecer seriam nomes a lutar, com garra, para se estabelecer. Este precisa tanto disso como de uma campanha GoFundMe para lhe financiar um filme. A carreira dele já está toda feitinha. Mas ele podia achar que não. É que também ele é, simplesmente, uma atracção de Wrestlemania. Seja só a falar, ele até gosta sempre de ir lá dar uma perninha ao ringue e tirar a roupa para exibir o corpo musculado que já lhe valeu um prestigioso título na People Magazine – curiosamente a revista não é dele, apesar do nome. Ele podia achar que a carreira dele não estava assim tão completa. E podia achar que precisava de uma boa razão bem forte para voltar a calçar as botas na Wrestlemania. Algo melhor que recordes parvos contra o Erick Rowan. E lembrava-se que, mesmo já conhecendo também Undertaker muito bem, nunca o enfrentou na Wrestlemania, palco onde já ambos fizeram tanta maravilha. O pior/melhor é que Undertaker ia concordar com tudo e ainda ia ter um gostinho especial em dar uns sopapos a uma estrela de Hollywood. Eles conseguiriam dar um espectáculo decente e até pergunto: porque não? Arranja-se aí uma “tagline” fixe: “Sexiest Man Alive” vs “Sexiest Dead Man”. Eu compro.

5 – AJ Styles

Resultado de imagem para aj styles wwe champion

Voltamos aos nomes mais frescos e familiares que vemos regularmente. E que gostamos de ver. AJ Styles fez muita coisa em apenas um ano, menos, em que cá anda. Mas não é nenhum novato e tem mais anos de estrada que muitos que já conhecem aquele terreno melhor. Seria já aí um bom ponto de partida para ele querer fazer algo grande, algo mais inalcançável para alguns, algo que se julgaria impossível para um que “ainda agora chegou”, mesmo que ele já tenha provado bem que pertence ali. Até podia começar por um falhanço da equipa do Smackdown no Survivor Series, perdendo para o Raw, com algo que se lhe pudesse culpar. Algum erro seu, algo em que o seu ego estorvasse. E Undertaker deixou um aviso quando visitou o último Smackdown. E queria ajustar contas com um certo culpado. Styles passaria por muitas fases, tanto a de medo como a de paleio. Mas abraçava o desafio. Ele chegou, ganhou ao Cena ridiculamente limpinho, tornou-se WWE Champion. Em tão pouco tempo. Era suficiente para isso. Também já era suficiente para derrotar Undertaker em casa dele. Se calhar não era, mas pronto estaria ele!

4 – Seth Rollins

Resultado de imagem para seth rollins 2016

The Man! Já é uma estrela de topo, quer seja como um vilão ou como um recente babyface. Resulta de qualquer das maneiras e já chegou ao topo, com lugar cimentado. Dali ninguém o tira. Já nada que possa fazer ou conquistar pode ser considerado uma “upset”, ele é dos que se vê quando se olha para cima, é um bi-WWE Champion… É o “The Man”! A sua missão, agora que foi emancipado à força da “Authority”, é diferente e já se encontra bem mais dependente de si, mesmo que ele ainda não seja um gajo cheio de amigos. Podia muito bem ter Undertaker como sua seguinte missão e até podia nem ser imposta pelo próprio. Dado o seu estatuto de topo, podia muito bem ser recrutado por alguém como um Superstar supremo que tinha o que era preciso – com muita oposição de outros lutadores que iriam querer provar o contrário – para enfrentar e derrotar Undertaker. Ou até o próprio lendário Superstar podia seleccioná-lo por ver alguma coisa nele. Da forma que seja, Seth Rollins já tem estatuto para que não seja preciso um esticão tão grande para o fazer chegar a esse patamar.

3 – Kevin Owens

Resultado de imagem para kevin owens universal champion

E o tal topo onde Rollins está é partilhado com um estupendo vilão – que é demasiado perfeito nesse papel para ainda o conseguirmos ver de outra forma, mesmo que saibamos e tenhamos experienciado que também resulta – de seu nome Kevin Owens, que até tem o título principal da brand vermelha e até impõe o direito e poder de chamar a esse território o “Kevin Owens Show”. Este podia partir para desafios da dimensão de Undertaker e ser ele a impôr, com uma atitude muito diferente. Basta querer expandir o “Kevin Owens Show” para outros programas e achar que para tomar posse de outro “show”, só tinha que deitar abaixo uma das suas principais caras ou, até, a sua principal e mais antiga cara. Nem é um esticão assim tão grande e Owens podia muito bem estar cheio de conversa até estar na presença desse tal ícone. Mas perdia-se o medo, Kevin Owens quer-se agressivo. Mesmo com encaixes na história à parte, este encontro ainda é um dos favoritos de muitos e daqueles em que se antevê um melhor espectáculo, contando que Undertaker teria condição física para aguentar com algumas maluqueiras do estilo físico e agressivo de Owens.

2 – Kurt Angle

Resultado de imagem para kurt angle 2016

Eu disse que havia espaço para estas fantasias que nem passam para o impossível. É alguém cujo regresso parece ser esperado todos os meses. E era bem-vindo mesmo que já tenha carreira feita e os seus melhores dias por aí também. Mas porque não voltar para uma última suadela? Até nem seriam precisos muitos rodeios. Lembram-se, em 2011, aquele regresso do Triple H imediatamente a seguir ao do Undertaker, para terem um cara-a-cara que nos disse logo qual era o assunto? Pronto, bastava algo parecido. Já não dá para “interromper” o regresso de Undertaker porque já aconteceu mas ainda podia surpreender todos e ir ter com ele para um cara-a-cara silencioso. Palavras não seriam necessárias, já todos sabiam que o assunto não era ir jogar dominó a um tasco ali perto, enquanto comem uns tremoços e quem perdia pagava as cervejas. Até porque o Angle tem que se manter afastado dessas coisas. Angle só tinha que vir com a intenção de fazer uma última coisa em grande na WWE. E até já conhece Undertaker muito bem e já o enfrentou inúmeras vezes, mas nunca na Wrestlemania. “Bucket list”, já usei o termo. Seria o seu último grande feito, isto é, antes de uma retirada bonita, um salto ao Hall of Fame e umas brincadeiras a treinar e a ser manager dos American Alpha. Essas cenas. Antes disso, um grande combate final com Undertaker? Porque não? São dois lutadores que sabemos bem que já têm o físico deteriorado e que já passaram os seus tempos de glória. Mas que usariam o que têm para dar um grande espectáculo. Até podiam colapsar e precisar de meses de repouso a seguir, mas davam o espectáculo todo que tinham neles. Quem alinhava?

1 – John Cena

Resultado de imagem para john cena 2016

Vá, podemos já avançar de uma vez e considerar que é mesmo ele que falta? É que isto já andava para ser feito e dava para ser feito há anos. Também é daquelas coisas que se podem considerar que ainda faltam ao Cena, esqueçam lá a treta dos recordes e dos números de títulos e mais não sei o quê. Cena nunca enfrentou Undertaker na Wrestlemania e há imenso tempo que era visto como um dos que podia. Já nem ele consegue ser um full-timer e dá a impressão que, quando volta, também tem que ser para algo grande. É muito difícil imaginar ou considerar que ele volte com o propósito de desafiar Undertaker? Já todos vimos as imagens da estreia com o senhor da entrada anterior. Depois disso, Undertaker foi o primeiro homem a apertar-lhe a mão e a dar-lhe as boas-vindas. Porque não ser Cena o homem a apertar-lhe a mão na sua saída? Pronto, parece muito dramático e final quando parece que ainda vamos ter mais Undertaker por algum tempo. Mas mesmo com isso de parte, como é que isto ainda não aconteceu?

Por aqui fico, disse que era um Top Ten simples e assim o foi, em assunto. Estiquei-me um pouco mais no paleio que o que eu esperava porque não contava que viesse para cá também armar-me com ideias geniais para bookings mas foi surgindo enquanto escrevia, até nem está assim em todos. É no que dá ter a mania. Recordo que só me quis focar em “novidades”, isto é “virgens de Wrestlemania”, termos que confesso que seja horrível mas que usei de qualquer maneira. Estou ciente de que Randy Orton é um forte candidato e alguém que já se considera, mas pronto, não é novo. Deixo também aqui uma menção honrosa: o Gobbledy Gooker, para decidir de uma vez por todas, qual a maior lenda que estreou naquela noite. Qualquer outra menção é vossa, toca a comentar, a analisar estas possibilidades que vos dei e a acrescentar mais algumas, com certeza que têm sempre boas ideias. Devo trazer mais qualquer coisinha para perder tempo na próxima semana, andem por perto para verificar. Até lá é continuar a portar-se bem e, sim, ainda é cedo para árvores de Natal. Até à próxima!

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Top Ten”.

13 Comentários

  1. Diogo Teixeira - há 8 meses

    Bom artigo, gostei bastante do tema. Não sei se foi pela maneira como descreveste a possível rivalidade, mas a que mais me deixou com vontade de ver foi a do Ambrose. Acho que se fosse algo do género que referiste, com o Ambrose completamente louco a fazer coisas que não lembra nem ao Boogeyman, e a deixar o Undertaker completamente louco, era algo a explorar e que podia dar uma grande rivalidade (até era mais pela rivalidade do que pelo combate em si).
    Como sempre, voltas a ser o champ com aquele referência do Angle e das cervejas ahahahaha

  2. FambroseDxDx - há 8 meses

    Bom artigo, só acho que o dia para o publicar não foi o melhor visto que estão todos a falar do Goldberg vs Brock Lesnar.

  3. John Hardy - há 8 meses

    Taker vs Nakamura …

  4. Carlitos - há 8 meses

    Gostaria de ver contra Ambrose, Aj Styles, John Cena, Triple H, Goldberg, The Rock e Seth (so porque e o meu preferido e quero ver os meus 2 preferidos a lutar)

  5. Rui Ribeiro - há 8 meses

    “Palavras não seriam necessárias, já todos sabiam que o assunto não era ir jogar dominó a um tasco ali perto, enquanto comem uns tremoços e quem perdia pagava as cervejas. Até porque o Angle tem que se manter afastado dessas coisas” – Que rei ahahahahah!

    O Undertaker em feud com o Owens ou com Ambrose seria brutal! E até era capaz de sair uns combates bem jeitosos com o Rollins ou com o Styles (também depende muito da forma do Taker). Enfim, what if…

  6. Bom artigo, adorei a maneira como descreves te as situações. A meu ver o mais previsível é termos mais um run champ do Undertaker contra Aj Styles na RR e possivelmente num Elimination Chamber, e a colapsar contra John Cena, até porque este tipo de Storyline nunca existiu nem nada (nem nos últimos 5 anos com uma vedeta part timer chamada The Rock) mas sinceramente adorava ver o Ambrose contra o Deadman da maneira que o descreves te, era algo fora do normal…

  7. Gomes - há 8 meses

    Num mundo dos sonhos, Undertaker enfrenta o Aj no RR, e perde devido a uma interferência de um Cena Heel, culminando em um combate histórico, no mundo real Goldberg vence o Lesnar em dois minutos.

  8. KILL OWENS KILL - há 8 meses

    Bom artigo.

    A única luta mesmo do Undertaker que gostaria de ver é contra a reforma, acho que é precisamente o combate que o Taker precisa 😀 Brincadeiras a parte, a única luta que eu teria 100% de interesse em ver é Undertaker VS John Cena. Já deveria ter acontecido esse combate na verdade.

  9. Anónimo - há 8 meses

    Só uma coisa:

    O maior de todos tempos não pode ter uma segunda derrota na wrestlemania.

  10. Tunes9 - há 8 meses

    Excelente artigo e um Top muito bom.

    John Cena seria a minha escolha, tem que acontecer, não tenho mais a dizer. E seria o seu último combate. Aquele aperto de mão do Taker no novato Cena depois do seu debut e mais umas coisas podem ser usadas para a feud mas seria interessante de ver.

  11. JoseAmorim - há 8 meses

    Poderia ser outro combate contra o Lesnar , na maneira em que se o Undertaker vencesse , continuava sem derrotas na wrestlemania 😛 , ou seja , aquela derrota com o Lesnar iria desaparecer 😛 … sim sei bem que isso nunca ira acontecer !

  12. Dan Lannister - há 8 meses

    Mais um bom top ten. Todas as escolhas são plausíveis.

  13. Anónimo - há 8 meses

    UNDERTAKER VS GODBERG

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »