Junta-te ao nosso grupo de Facebook: "Fãs de Wrestling"!

Vintage #22 – Living in Razor’s Edge!

Olá e bem-vindos ao Vintage. No artigo de hoje vou falar de um Wrestler que tinha tudo, não para ser vedeta mas para ser “A vedeta”. Sei que muitos de vocês talvez não gostem dele mas que ele marcou o panorama do Wrestling isso não há duvida.

Meus caros vamos falar de Scott Hall, a.k.a Razor Ramon.

Hall teve um passado muito sombrio antes de entrar na indústria do Wrestling. A sua conduta não era a melhor, frequentava bares nocturnos e abusava no álcool. Ainda era jovem, com 25 anos de idade vivia sempre no limite. Muito dessa atitude perante a vida deveu-se ao passado familiar de problemas com o álcool. O seu pai, antigo militar das forças áreas Americanas, tinha também problemas com a bebida, inclusive outros familiares mais próximos. Um dia aconteceu uma tragédia. Num desses dias de abusos, Hall envolveu-se numa rixa num bar de strip com outro cliente, por causa de uma rapariga. Ambos possuíam uma arma e no meio da luta Scott foi mais rápido do que o outro Homem e disparou, acertando-lhe na cabeça, foi condenado por homicidio em 2º grau. Devido as provas serem insuficientes o caso foi prescrito rapidamente.

Este jovem de 25 anos tinha matado alguém e isso poderia ter sido o fim para ele, mas teve uma segunda oportunidade para conseguir ser alguém. Este “matulão” com 2 metros e 130 kg de peso, teve no Wrestling a hipótese para brilhar e um ano depois do assassinato foi contratado pela AWA (American Wrestling Association), lutando com o nome de “Big Scott Hall”.

Ele foi um sucesso, ele era o “Complete Pack”, quase todos diziam que ele tinha tudo para ser uma vedeta, altura, força, carisma, tudo o que era preciso naquela altura para subir até ao topo, era sem dúvida um fenómeno físico! Infelizmente o Wrestling profissional nos anos 80 havia pouco controlo em relação ao uso de esteroides, era completamente desconhecido o uso destes e Hall parecia o verdadeiro “Tarzan”, muito pelo uso destas drogas.

Em 1990 Scott Hall casou-se e teve dois filhos, um rapaz e uma rapariga, respectivamente Cody e Cassidy Hall. O amor pelos seus filhos era incontornável e fez dele um Homem muito melhor e a sua vida começou a ter muito mais sentido.

Melhor noticia não podia ter tido, quando aos 33 anos foi contratado pela WWF. Vince McMahon pediu-lhe para ele ser o Bad Guy da companhia e ele fê-lo na perfeição. Com o nome de Razor Ramon, ele teve um impacto brutal na companhia de Vince.

“Where come the Bad Guy Razor Ramon”, estas eram sempre as palavras proferidas pelos comentadores na WWF sempre que ele entrava na arena. Ele teve um sucesso inicial melhor que ele podia imaginar, tornando – se campeão Intercontinental batendo “The Model” Rick Martel, esse combate foi dos melhores do ano daquela altura. Razor teve combates inesquecíveis contra HBK, Diesel e Sicho Sid, foram documentados sempre como serem grandes combates.

O Wrestling estava a explodir nesta altura e Razor deu um salto para companhia concorrente da WWF. A WCW contratou-o juntamente com Kevin Nash. Foi um choque para Vince que detinha os direitos da personagem “Razor Ramon”. A WWF durante algum tempo tinha um “Fake Razor Ramon” como também um “Fake Diesel”.

Quando a NWO surgiu, Scott Hall ganhava 1 milhão de dólares, era dos mais bem pagos aos 37 anos de idade. Ele estava no pico da sua forma mas ele só estava sóbrio quando estava nas arenas, porque o seu comportamento era o mesmo quando tinha 25 anos de idade…álcool e drogas.

Esta situação começou a piorar e não estava sozinho, ele tinha amigos lutadores que andavam com ele nesta vida, como Shaw Michaels, Sean Waltman (X-Pack) entre outros. Era um ciclo vicioso que Hall não conseguia sair. Esta situação fez com que aquele pai extremamente cuidadoso com os filhos e mulher afasta-se da vida familiar, levando ao divórcio em 1998. Ele estava a escolher as drogas os “painkillers” em vez da família, levando á ruptura total.

Em 2002 voltou a WWF, com 43 anos de idade mas sem as condições, para continuar a ser aquilo que era, o seu desempenho nunca foi aquilo que toda gente pensava mais tarde e foi despedido.

A decadência era de tal maneira, que a WWF pagou todos os tratamentos para que ele recupera-se. Ele tentou reabilitar-se 10 vezes, nunca ninguém tinha sido tantas vezes tratado como Hall e a WWF mais tarde parou de pagar os tratamentos.

Talvez por ser o único ganha-pão, ele tinha que continuar a lutar, por isso foi para a TNA (Total Non Stop Wrestling) mas só para marcar presença pois os seus combates de nada especial trouxeram.

Devido a sua dependência, foi múltiplas vezes preso, ora por condução por estar embriagado ou drogado, lutou em vários circuitos independentes mas nunca conseguiu ser aquilo que outra hora foi.

O mais chocante foi em 2011, quando contactado pelo seu amigo Peter Polaco (Justin Credible), foi convidado para aparecer numa organização independente. Hall, que tinha que ganhar dinheiro, aceitou, só para sustentar os seus vícios. Mal chegou a arena, pediu o dinheiro que tinha direito e desapareceu por algum tempo. Quando chegou altura para ele aparecer, encontrava-se completamente drogado e bêbado. A organização achou o direito de expô-lo desta maneira perante o público, foi no mínimo deplorável mas eles alegaram que se já tinham pago ele tinha que aparecer.Hall entrou na arena arrastado e mal conseguia andar…por estar completamente drogado.

O fim de Bad Guy Razor Ramon ou Scott Hall poderia estar no fim, mas no mundo do Wrestling criam-se amizades e houve um desses seus amigos que não desistiu dele. DDP (Diamond Dallas Page), foi e, ainda é um ombro amigo de Scott e conseguiu “levantar” este gigante e ajuda-lo a reabilitar-se.

DDP é um aficionado do Yoga, com a sua paz de espírito, ajudou Scott a recuperar espiritualmente, mas faltava o fisicamente. Ele tinha uma lesão muito grave, devido aos combates que teve e começou a ganhar uma artrite muito grave na anca, que só tinha solução com uma cirurgia.

DDP através do You Tube criou vídeos para mostrar a recuperação de Scott, criou um peditório, que conseguiu angariar os fundos necessários para a cirurgia a anca.

The “Bad Guy” neste momento é um homem “limpo”, obteve a paz de alma que nunca teve quando tinha 25 anos. Neste momento ele é o grande apoio do filho Cody Hall, que está a seguir as pegadas do pai no mundo do Wrestling. Ele está a ensinar tudo que há de bom e mau no Wrestling e com ajuda de Jake “The Snake Roberts” estão a torna-lo num lutador, que pode vir a ser uma revelação.

A vida deste grandalhão só agora começou aos 55 anos mas nunca é tarde para começar tudo de novo….

Oi…chico….Um bem-haja!

Videos

AWA –  http://youtu.be/IEPJgkB4zHU

Combate Wrestlemania X –

Aparição de Hall no circuito independente (aconselho a ver) – http://youtu.be/xl6ZLhawpRA

Cody Hall – http://youtu.be/llmQ5IcvhYY

Tenham uma semana fantástica!

Sobre o Autor

- Autor da rubrica Vintage e escritor de algumas edições do Onde Andas Tu?, e play by play do PSN. Nascido a 7 de Dezembro de 1981, pertenço a uma geração onde os videojogos estavam a começar a desbravar barreiras inacreditáveis, onde 16 bits era uma loucura.Aficionado fervoroso de Wrestling e do glorioso Benfica.Orgulhoso por fazer parte de uma equipa talentosa, como o Wrestling PT.Segue-me no twitter e Facebook - ansnicola@iol.pt e canal Youtube,Daylimotion e sapo videos!

25 Comentários

  1. Miguel Silva - há 4 anos

    Bom artigo André!
    “O mais chocante foi em 2011, quando contactado pelo seu amigo Peter Polaco (Justin Credible)” Do you mean Aldo Montoya? xD
    Falando bem do Scott Hall, ele deu-nos combates inesquecíveis. Estou agora a lembrar-me do Ladder Match contra o HBK e é fantástico, tem que estar no meu top 5 de combates de escadotes de todos os tempos.
    Falando mal, é melhor nem começar porque não iria encontrar palavras para a vergonha que ele é para o mundo do wrestling!

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Obrigado Miguel!

      Realmente Aldo Montoya… aparece em dois vintages… 🙂
      O combate com HBK é na minha opinião, dos mais espetaculares e imprevbisiveis, Ladder Match´s, da historia do wrestling!

      Mas acredita que senti pena dele e ao ponto que chegou.”Eu não quero morrer”, foram as palavras que ele disse a DDP ao telefone.Só por ele estar a recuperar e estar”limpo” já é um caso de sucesso!

  2. FAlmeida_10 - há 4 anos

    Excelente Artigo André!

    A mim deste me a conhecer a história do Scott Hall que eu desconhecia totalmente.
    Só soube que tinha problemas com a bebida e drogas no início, o resto confesso que me chocou em parte o resto. Aquela aparição no circuito independente é deprimente de se ver.

    PS: O vídeo do “Cody Hall” e o “Aparição de Hall no circuito independente” é o mesmo.

  3. famartinho - há 4 anos

    Excelente artigo, que me ajudou a perceber melhor quem é o Scott Hall.

  4. Maybeornot - há 4 anos

    Ele errou várias vezes, mas se ele se conseguir emendar agora, então devemos dar-lhe outra oportunidade. Espero que ele não deite tudo a perder. O vídeo do Cody Hall é o mesmo do aparecimento no circuito independente. Mas estive a pesquisar o Cody no youtube e até tem talento.
    Bom artigo.

  5. BRRM - há 4 anos

    Bom artigo. Não sabia que ele tinha problemas com álcool e drogas desde novo, aquela aparição é chocante ele mal se conseguia mexer. Espero que ele recupere.

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Já esta a recuperar. Lentamente mas está.Já perdeu muito peso e treina com o seu filho.

      Obrigado!

  6. Roberto Barros - há 4 anos

    ótimo Artigo, o Scott Hall não é exemplo para ninguém em seu inicio de carreira, mas também é um cara que se recuperou com o tempo e muito legal o que o DDP fez, dizem que ele é um cara muito humano mesmo.

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Mesmo Roberto.

      Ele é um tipo que esta a tentar recuperar pessoas que tenham problemas com o peso.
      Também ajuda ex lutadores, foi o caso de Scott Hall e Jake “The Snake”Roberts

      Obrigado por comentares!

  7. LuisMPBO - há 4 anos

    Bom artigo.
    Grande DDP!
    Pessoalmente, o Scott Hall não é um daqueles wrestlers de quem goste assim muito, mas respeito bastante o que fez pela indústria, e devo admitir que possuía grandes qualidades e assentava muito bem naquela era.
    Além disso foi ele, juntamente com o Shawn Michaels, que proporcionou os combates que viriam a “criar” o Ladder Match, e ainda fez parte da NWO, provavelmente a stable mais importante da história do wrestling.
    Sem dúvida uma individualidade com importância no mundo do Wrestling.
    Espero para ver o filho dele.

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Grande Comentário Luis!

      Hall foi talvez dos melhores I.C champion da historia da WWE e, como dizes, fez parte de alguns momentos épicos da industria!

  8. danielLP21 - há 4 anos

    Bom artigo.

    O Razon Ramo foi uma das melhores personagens de sempre. No mínimo, das mais marcantes. Até a minha mãe se lembra dele!

    Hoje em dia olho para ele e vejo um homem de 80 e tal anos, a cair de podre…

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Pois…tens razão!

      Olha estou surpreendido com alguns comentários teus(pela positiva).O teus pais conhecem muitos lutadores… 🙂

      • danielLP21 - há 4 anos

        É natural, o meu pai via Wrestling na década de 90 e mesmo hoje em dia ainda vai dando uma vista de olhos.

      • MR Perfection André Santos - há 4 anos

        Porreiro…deve de ser fixe!

  9. Sergio Fantastico - há 4 anos

    Eu ja sabia da historia do Hall antes do wrestling e sobre a questão do ”Tarzan” os anabolizantes eram uma grande solução/problema para o wrestling nos anos 80 eu não penso em quantos lutadores não conhecidos se deram mal por causa disso na época. Quanto a historia mais recente dele devo dizer que não acompanho e fiquei bastante triste (de fato quase chorei) de ver dos meus maiores ídolos na adolescência e de sempre e a metade da minha tag preferida daquele jeito ainda bem que esta se recuperando e que seu filho seja um sucesso.
    DDP também e um grande cara eu mesmo não era grande fa dele na WCW mas e um grande cara.

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Tens razão Sérgio, DDP foi um grande Homem em ajudar Hall…ele estava perdido e seria mais um a morrer…

      • Sergio Fantastico - há 4 anos

        E nesse momento em que se vê os amigos de verdade que não desistem dos amigos eu valorizo muito isso.

  10. José Sousa - há 4 anos

    Grande artigo! Eu também via o Razor nos inícios dos anos 90 e adorava o homem, é das gimmicks mais interessantes dessa era. Depois ele tinha muito talento é pena os vícios que tinha e espero que fique limpo, e ainda bem que tem amigos que o ajudaram a não cair na sarjeta.

    • MR Perfection André Santos - há 4 anos

      Existem vídeos marcantes de Razor, mas também pelo lado negativo.
      Houve combates em que ele estava a lutar e a beber ao mesmo tempo…já na WCW

      Obrigado José!

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Newsletter Wrestling.PT

Subscreve a nossa Newsletter receberás conteúdos exclusivos no teu email!