Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Visão Brasileira #177 – Só aumenta o peso

Pessoal estamos distantes a quatro domingos do próximo PPV da WWE o Hell In a Cell e pelo andar das coisas, sequer teremos a presença do WWE World Heavyweight Champion Brock Lesnar e parece que teremos as atenções voltadas apenas a quem será o adversário do Mr. Money In The Bank Seth Rollins, se será John  Cena ou Dean Ambrose e nesta semana resolvi abordar sobre a invencibilidade de Rusev, que agrada a uns e desagrada a outros, e seus adversários, só vão aumentando de peso a cada mês.

Sua primeira aparição foi durante a Royal Rumble Match, deste ano, onde foi o sexto a entrar, mas não eliminou ninguém e foi eliminado por Kofi Kingston, CM Punk, Cody Rhodes e Seth Rollins, ficando menos de 7 minutos no combate. Depois esperava-se que ele participasse da Andre The Giant Memorial na Wrestlemania 30, mas isto não se confirmou.

Rusev fez seu deu em combates na Raw Pós-Wrestlemania de 7 de abril, bem ele é um búlgaro que defende a Rússia ao lado de Lana, parece meio confuso, mas é assim mesmo e ele destruiu Zack Ryder vencendo facilmente. Depois nas semanas seguintes ele venceu Sin Cara, Xavier Woods e R-Truth, ficando estes dois últimos unidos a enfrentá-lo em sua primeira rivalidade na WWE.

Debut de Rusev

Visão Brasileira #156   O menino e o Extintor

A estreia de Rusev em PPVs foi no Extreme Rules, onde em uma hadicap match, ele derrotou R-Truth e Xavier Woods, em um combate que serviu apenas para mostrar a força da nova besta da WWE, lembrou muito o início de Ryback, quando este destruía a 3 MB, mas tinha a esperança que não tivéssemos ele um novo Ryback. Rusev venceu realizando uma submissão sobre Truth e depois atacou Woods, por ordem de Lana.

Rusev vs Woods e R-Truth – Extreme Rules, a partir de 26:24

Visão Brasileira #159   Quem ficará em pé?

Na sequência Rusev venceu novos adversários como Kofi Kingston, Heath Slater e teve a primeira das rivalidades de Rusev no formato EUA vs Rússia, e seu adversário a ser escolhido foi Big E. Era esprado que Rusev viesse a cair neste tipo de rivalidade, por seu personagem e logo em seu segundo PPV pela WWE isto foi confirmado.

Visão Brasileira #160   Já era de se esperar!

Para o PPV Payback, ficou definido que Big E, que havia perdido o Intercontinental Championship, após um reinado que não empolgou seria o defensor da honra Estadunidense. Sobre o combate, ainda bem que o sentimento Estadunidense não falou mais alto, Big E até teve boa vantagem no combate, mas ao final vimos Rusev vencer e continuar sua invencibilidade.

Rusev vs Big E  – Payback

Visão Brasileira #164   A Vontade e a Segurança

Depois tivemos a celebração de Rusev, recebendo uma honraria da Rússia a Golden Star Medal, e esperava por um novo superstar a confrontá-lo. Naquele momento eu já pensava em Jack Swagger e Zeb Colter, mas para isso ainda teríamos que esperar mais algumas semanas até que eles pudessem se tornar faces, mas naquela altura Swagger ainda estava em rivalidade com Adam Rose.

No PPV Money In The Bank, Rusev derrotou Big E novamente em um combate razoável, e equilibrado, mas o grande problema era a repetição deste combate e o resultado que é mais que esperado, a vitória de Rusev. Assim sua supremacia continuava, e ele necessitava de um novo adversário, para ser testado, com maior envergadura.

Rusev vs Big E – Money In The Bank

Visão Brasileira #164   A Vontade e a Segurança

Na Raw, vimos Rusev vencer Rob Van Dam e depois vimos o inicio do desafio seguinte de Rusev, e o novo adversário era Jack Swagger, aliás para mim o melhor adversário dele até o momento. A rivalidade começou durante uma promo de Rusev e Lana, 30 de junho na Raw, apontando que é a liberdade de expressão que lhes permite fazer seus sentimentos anti-americanos, Swagger e Colter realizaram o face turn que eu tanto aguardava, e os confrontaram.

Felizmente a  WWE, ouviu minhas preces e finalmente com o face turn de Jack Swagger e Zeb Colter, para que os Real Americans confrontassem Rusev e Lana, isto foi o maior acerto da WWE, pois Swagger e Colter são a representação mais genuína sobre os Estados Unidos na WWE e nada melhor do que eles desafiassem Rusev. Tivemos bons momentos entre os managers deles, Colter e Lana, fizeram boas promos.

Visão Brasileira #167   De bom, só o começo!

No PPV Battleground tivemos o embate EUA vs Rússia, nas figuras de Jack Swagger e Rusev, uma rivalidade que vinha pedindo a meses, pois agora sim a história contra os americanos faz sentido. O combate foi bom e bem equilibrado, em determinado momento parecia que Swagger iria vencer, mas depois que foram para fora do ringue, Rusev arremessou Swagger no canto do ringue e este ficou caído, permitindo que Rusev vencesse por cont-out. Depois Rusev seguiu atacando Swagger e assim ele continuou invicto.

Rusev vs Jack Swagger – Battleground, a partir de 52:30

Visão Brasileira #171   Main Event Squash

Em uma Raw, vimos Rusev derrotar Great Khali, e a rivalidade com Swagger teve continuidade para o SummerSlam, mas em determinado momento houve um certo medo de que as questões políticas pudessem fazer a WWE desistir de Lana e Rusev. Se fosse para Rusev perder sua invencibilidade cedo, Swagger era o nome mais indicado para isso. No SummerSlam eu sinceramente esperava o fim da invencibilidade de Rusev, pois era o cenário perfeito se a WWE quisesse apostar em Jack Swagger, pois imaginem um final de combate com o público estadunidense com a comemoração, em um grande “We The People”.

O combate do SummerSlam, inicialmente tinha a estipulação de Flag Match, que era favorável ao fim da invencibilidade de Rusev, pois não mancharia sua grande marca, mas a WWE acabou mudando as regras do combate e acabamos tendo um novo estilo de Flag Match, desta forma o favoritismo esperado para Swagger sumiu, e claro em um combate normal o vencedor teria que ser Rusev e isto se confirmou, até tivemos Swagger próximo de vencer o combate, mas Rusev conseguiu safar-se e após aplicar um Accolade em Swagger, este ficou desmaiado e perdeu por KO.

Rusev vs Swagger – SummerSlam, a partir de 34:20

Visão Brasileira #171   Main Event Squash

Depois do SummerSlam Rusev foi confrontado por Mark Henry, mas naquela altura, Henry vinha fazendo alguns combates de dupla com Big Show, e existia a possibilidade destes será unir-se contra Rusev. Ainda bem que isto não se confirmou. Se Swagger que tinha todos os atributos voltados aos Estados Unidos, não venceu Rusev, no SummerSlam, para que teríamos o fim da invencibilidade de Rusev, no Night of Champions, para Henry, na última Raw antes do PPV, vimos Henry celebrar sobre Ruzev, o que já era um sinal para a continuidade de Rusev sem derrotas.

Antes do combate do PPV Night of Champions, Rusev teve seu maior desafio no Smackdown, ao enfrentar Roman Reigns, aliás este foi o ultimo combate deste, antes de ser confirmada a sua lesão, claro que não digo que Rusev foi quem lesionou Reigns, pois sabemos que a lesão dele é proveniente do acúmulo de combates. Rusev acabou vencendo por DQ, graças ao ataque acidental de Seth Rollins a ele com a pasta do Money In The Bank.

No combate no Night of Champions entre Rusev vs Mark Henry, estava sem expectativas, e tivemos um fraco combate, em que Henry foi decepcionante, vimos Rusev vencer após um Accolade, pois Mark Henry desistiu,  assim continua sua invencibilidade e estão acabando os nomes a terem um real motivo de acabar com esta marca.

Na Raw após o PPV, durante o segmento em que Mark Henry veio pedir desculpas por sua derrota, ele foi interrompido por Rusev  e Lana o desafiou para uma revanche. Tivemos um combate até mais equilibrado do que o do PPV, mas após um Accolade Rusev deixou Henry inconsciente e conseguiu mais uma vitória.

Rusev vs Mark Henry – Night of Champions, a partir de 18:30.

Quando no Main Event, Mark Henry, se recusou a pedir desculpas por mais uma derrota contra Rusev e tivemos a presença de Big Show, ficou definido que Show seria o novo grande desafio a Rusev,  ainda mais quando Big Show prometeu que ele iria nocautear Rusev no SmackDown. Os desafiantes de Rusev a cada PPV vão aumentando de tamanho.

No Smackdown tivemos o primeiro combate entre Rusev vs Big Show, e tivemos Show a estar com a vitória nas mãos, mas foi primeiro segurado por Lana e depois acabou sendo atacado por Rusev com a bandeira Russa, e assim acabou vencendo o combate por DQ. Depois vimos Show a aplicar o KO Punch em Rusev e celebrar com o público no fim do Smackdown.

Na Raw tivemos um novo confronto desta vez de palavras, entre estes dois que acabou culminando com a queda da bandeira Russa ao chão, fazendo a WWE inclusive se retratar devido ao ocorrido, espero que isto não prejudique a rivalidade e agora é esperar pelas próximas semanas e possivelmente teremos um Rusev vs Big Show no Hell in a Cell. O interessante é ver que cada derrotado por Rusev depois entra em rivalidade com Bo Dallas, casos de Swagger e agora Henry.

O que começa a me incomodar é que ele vence, vence e não aspira nada dentro da WWE, tem uma invencibilidade contra lutadores do mid-card, e só vejo aumento de peso de seus adversários. Rusev não almeja nem ao menos o United States Championship, que poderia ser uma boa fórmula para inflamar ainda mais a rivalidade EUA vs Rússia, o problema disso é que o atual United States Champion é o irlandês Sheamus, que não contribuiria muito. Poderíamos ter um bom combate de força, mas a questão EUA vs Rússia não faria sentido.

Só espero que a invencibilidade de Rusev não seja encerrada por John Cena, e que ele comece a ter boas rivalidades, com maior envergadura e se decida qual cinturão da WWE ele desejará conquistar e também que a mesma seja encerrada em um PPV qualquer da WWE, acho que só temos um cenário para o fim disso a Wrestlemania.

O nome que eu escolheria para acabar com a invencibilidade de Rusev seria, Kurt Angle, para por fim a esta rivalidade Estados Unidos vs Rússia, com Angle a retornar a WWE em um grande momento e vir defender a honra do país com sucesso na Wrestlemania e poder terminar sua carreira em um  grande momento.

Agora vamos ao espaço para interagirmos:

– O que vocês acharm de Rusev?
– Qual o melhor combate dele até este momento?
– Qual o melhor adversário que ele teve?
– Ele deve aspirar algum dos cinturões da WWE? Quando?
– Quem seria o superstar mais indicado para acabar com sua invencibilidade? Quando?
– Você acha que ele pode se tornar um novo Ryback?

Abraços a todos e até o próximo Visão Brasileira.

Sobre o Autor

- Autor da Coluna Visão Brasileira e da pesquisa dos combates em listas elaboradas pela WWE. Um grande fã da WWE, desde os anos 90. Geógrafo de formação, um riograndino, que vive em Porto Alegre.

14 Comentários

  1. Don_Ricardo_Corleone - há 2 anos

    Eu gosto bastante do Rusev, nota-se que é um atleta bastante completo, fazendo lembrar o Umaga, é muito ágil e rápido para o tamanho. Penso que tem sido muito bem construido, não se podendo de todo comparar ao Ryback. O Ryback andou meses a vencer atletas amadores e jobbers, o Rusev tem enfrentado nomes forte do mid-card, sempre com uma lógica inerente a cada um deles. Tem estado a subir devagar pois o main event está ocupado com a história da Autoridade, o que até pode ser bom para ele.
    Adoro o seu personagem e agrada-me que a WWE esteja a fazer com ele o que não teve coragem de fazer com o Muhammad Hassan, até mesmo quando as relações com a Rússia complicaram bastante. Agrada-me que a WWE não tenha medo de mostrar a superioridade do Rusev face aos atletas americanos. O único reparo que eu faço no seu personagem é a súbita e absurda mudança de nacionalidade à fente de toda a gente, percebo a ideia de que ser russo dá mais jeito do que ser búlgaro tendo em conta a actual situação politica, mas tinham feito isso desde inicio.
    Tem sido bem construido,, começou a vencer jobbers, passou para o main event para enfrentar o nacionalista americano, seguiu-se um ex-atleta olimpico americano e agora o gigante americano, não penso que seja só o aumento de tamanho.
    O personagem e as histórias têm sido muito interessantes, adoro estas histórias polémicas envolvendo a actualidade politica ou social. Não tem o carisma do Muhammad Hassan, personagem que a WWE cobardemente colocou de parte, mas pode chegar tão longe como ele.
    O próximo passo deverá ser o titulo dos EUA e um reinado longo e seguro. É verdade que sendo o Sheamus não fará tanto sentido como adversário, mas será um passo em frente já que enfrentará um ex-campeão mundial e poderá levar à suprema humilhação de o anti-americano deter o titulo dos EUA.
    Penso que o Rusev pode chegar muito longe, pode ser um main eventer, desde que não enfrente o John Cena e continue a ser bem construido.
    A única incognita será a sua transição para face, se a WWE considerar necessário, pois nos casos de atletas como o Rusev ou o estragam e transformam numa anedota, Khali, Koslov, Big Show, etc., ou então será bem construido, espero eu.

    • Don_Ricardo_Corleone - há 2 anos

      Estive a pensar no que escrevi e comecei a tentar pensar como um americano e como acho que a WWE deverá estar a pensar.

      O Rusev já derrotou:

      – O patriota;
      – O atleta olímpico;
      – o gigante.

      Quem falta? O marine. Ora, quem era o marine aqui há uns anos? John Cena. Damn! Pobre Rusev…mais um a ser enterrado. Espero é que venha o mais tarde possível para haver menos estragos.

      • Tomara que isto não se confirme se for o Cena a acabar com a invencibilidade do Rusev, só teremos a lamentar.

    • Também gosto do Rusev, mas ele estar dizimando a tudo e a todos, chegará algum momento que, não teremos mais adversários para ele.
      Também acho que um processo natural é ele se tornar United States Champion o problema é que vão enfrentar logo o Sheamus, que não tem qualquer resquício estadunidense, fugindo de toda a história que vem cercando Rusev.

      Rusev como campeão, deverá ter um bom reinado, e a WWE terá que achar alguém capaz de pará-lo. Meu grande medo é colocarem justamente o Cena a acabar com todo este momento do Rusev.

      Como citaste ele corre o risco de depois que se tornar face, ser um novo Kozlov, mas espero que isto não ocorra.

  2. Matheus V. - há 2 anos

    Tenho problemas em relação a Rusev. O acho um bom wrestler (mesmo não tendo um bom combate ainda), mas não curto sua gimmick. Acho que ela estereotipa os russos, a ponto de ficar preconceituosa e, para mim, muito incomoda.
    A construção de Rusev está a ser bem feita, visto que, ao fim desta feud EUA vs. Russia, ele será um wrestler de gabarito para o main-card.
    Não acho que isto deve se prolongará até a Wrestlemania, pois isto seria enjoativo, como já estão as promos de Lana. Basta construírem uma boa feud e encerra a invencibiliada de forma digna.
    Ele poderia dar um novo gás a US Title, gostaria de o vê-lo campeão.
    Ao que me parece, John Cena é quem ir´mesmo encerrar sua streak, não há mais nenhum americano no mid-card que parece que vai fazê-lo.

    • A Gimmick dele é interessante, mas digamos que é cansativa após determinado tempo. Pode ser que ele não chegue até a Wrestlemania invicto. Sobre ele se tornar campeão, é interessante pois aí ele terá novos motivos para defender sua marca.
      Temo mesmo que veremos John Cena a derrotar Rusev, mas eu gostaria mesmo era de ver Kurt Angle a acabar com a streak.

      • Matheus V. - há 2 anos

        Para Wrestlemania ainda faltam mais ou menos 6 meses, acho que seria exagero prolongar isto até lá, além do mais, nem sei se a WWE tem tanto roster para tal.
        De fato, parece que só o Cena tem força para tal, na forma que o Rusev está a ser construído (é um “Lesnar do mid-card”).
        O Angle seria mais do que o ideal: uma feud bem construída, com direito a despedida e uma boa luta.

  3. Fabrício Quadros - há 2 anos

    – O que vocês acharm de Rusev?

    Para mim Rusev, não é um bom lutador, todo combate dele é a mesma coisa, isto vimos no combate entre ele e Reigns sempre os mesmos golpes aplicados, e o combate ficava só nisto.

    – Qual o melhor combate dele até este momento?

    Sem dúvidas contra Jack Swagger no SummerSlam.

    – Qual o melhor adversário que ele teve?

    Na minha opinião foi o Jack Swagger, azar ele não ter acabado com está “Streak” do Rusev.

    – Ele deve aspirar algum dos cinturões da WWE? Quando?

    Acho que sim, existem rumores de que ele disputará o U.S Title, mas como você citou o campeão no momento não é dos Estados Unidos, sendo ele Sheamus, e ficaria meio sem sentido.

    – Quem seria o superstar mais indicado para acabar com sua invencibilidade? Quando?

    Acho que até o John Cena é o mais indicado para acabar com isto, mas como sou fã do Cena, e dai viria gente “ah o Cena enterrou mais um”, espero que seja o Kurt Angle, se fizer o seu retorno, e seria muito legal se fosse na Mania 31.

    – Você acha que ele pode se tornar um novo Ryback?

    Acho que sim, não sei o que será dele, depois que está invencibilidade acabar, porque não terá mais sentido as feuds, depois que sair desta storyline de EUA x Rússia, é esperar a WWE é cheia de cartas na manga.

    • Também acho que Swagger foi o melhor adversário de Rusev e para mim ele deveria ter vencido no SummerSlam, isso claro se o combate fosse a Flag Match que estava marcada.

      Ele deveria mesmo conquistar o United States Championship, mas como Sheamus é o campeão a história perderá um pouco de sentido.

      Cena deverá ser o nome a acabar com a streak de Rusev, mas o que eu gostaria mesmo é de que Angle retornasse e vencesse Rusev na Wrstlemania, seria o cenário perfeito.

  4. Damien Mizdow - há 2 anos

    – O que vocês acharm de Rusev?

    Não acho mal mas também não o acho nada de especial. Acho que a presença da lana o valoriza muito mais e que é apenas mais um um wrestler dotado bastante abaixo de nomes como Lesnar, Goldberg ou Batista. No entanto não o acho um mal lutador e penso que poderá ter sucesso se for bem aproveitado embore não o imagine, a não ser que melhore imenso em vários aspectos, a ser uma lenda.

    – Qual o melhor combate dele até este momento?

    Pouco acompanho a wwe actualmente para poder ter uma opiniao formado relativamente a isso.

    – Qual o melhor adversário que ele teve?

    Para mim de longe Jack Swagger por tudo o que a rivalidade representou embora tenha achado mal o swagger ter sido tão desvalorizado na rivalidade agora que finalmente parecia estar a entrar na boa graça do publico. Claro que o objectivo era valorizar o rusev mas se era esse o objectivo acho que deviam poupar o Swagger e fazer esta rivalidade na wrestlemania para valorizar o Jack como face e atenção apenas digo isto para ser justo porque não gosto nada do Swagger.

    – Ele deve aspirar algum dos cinturões da WWE? Quando?

    Sim o titulo dos EUA parece-me um bom primeiro passo neste momento pelo que representa e para ver como ele se sai com um titulo em mãos.

    – Quem seria o superstar mais indicado para acabar com sua invencibilidade? Quando?

    Evidentemente que o Swagger nem que pudesse mais para a frente a rivalidade voltar a surgir por algum motivo mas já que falas-te e bem no Angle parece-me um nome fantastico também.

    – Você acha que ele pode se tornar um novo Ryback?

    Pessoalmente não. Gosto bem mais do Rusev do que alguma vez gostei do Ryback. Mas se a wwe nao fizer bem as coisas pode tornar-se num novo kozlov ou num novo tensai.

    • Ele é um bom lutador, também não o vejo como um Top Superstar, e realmente Lana o valoriza bastante.

      Rusev em um reinado com o United States Championship é algo que será bem interessante se isto vir a se confirmar.

      Acho que Swagger deveria ter vencido no SummerSlam, mas já que não o conseguiu, espero que seja o Angle a vence-lo na Wrestlemania, só espero que o Cena, não seja o escolhido para acabar com a marca de Rusev.

  5. John_3:16 - há 2 anos

    – O que vocês acham de Rusev?
    Considero-o um bom lutador e promissor e acho que a sua personagem está a ser bem construída, e acho que esta história que lhe estão a dar pode ser muito proveitosa pro USA champiosnhip.
    – Qual o melhor combate dele até este momento?
    Gostei de o ver lutar contra o Henry e o Swagger.
    – Qual o melhor adversário que ele teve?
    Para mim não é muito difícil responder a esta questão, Swagger.
    – Ele deve aspirar algum dos cinturões da WWE? Quando?
    Acho que o USA championship é o mais certo, e seria muito interessante vê-lo numa feud contra o Sheamus e ganhar-lhe o titulo, depois seria interessante arranjar depois uma storyline, ele ter o titulo e ser Russo, e haver varios lutadores que lhe querem tentar tirar o titulo, e assim haveriam vários contender´s.
    – Quem seria o superstar mais indicado para acabar com sua invencibilidade? Quando?
    Só espero é que não seja o Cena, não o quero ver a ser enterrado…
    – Você acha que ele pode se tornar um novo Ryback?
    De maneira nenhuma, não vejo o Rusev um sinónimo do Ryback, acho que sua personagem está a ter um processo de construção muito mais lógico e está ao poucos e poucos a enfrentar adversários cada vez mais complicados o que lhe da o prestigio que ele está e vai continuar a conquistar.

    • Rusev deverá mesmo tornar-se United States Champion até mesmo para valorizar ainda mais sua história.
      Com Swagger achei que foram seus melhores combates, eu sinceramente esperava mais do Henry.
      Também espero que não seja o Cena a acabar com sua invencibilidade.

  6. ygor - há 2 anos

    excelente artigo eu espero que ele ganhe o usa championship ale´m de inflamar a rivalidade Estados Unidos vs Russia ia credibilizar o titulo fazendo ele ser defendido em todos ppvs em boas feuds.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador