Depois do WrestleDream do último domingo, a AEW transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do Dynamite no canal TBS, especial de Anniversary, a partir da Stockton Arena em Stockton, California.

Resultados

– AEW International Champion Rey Fenix venceu Nick Jackson
– Wardlow venceu Griff Garrison
– AEW World Trios Champions The Acclaimed (Anthony Bowens & Max Caster) & Billy Gunn venceram Kip Sabian, The Butcher & The Blade
– Chris Jericho & Kenny Omega venceram Konosuke Takeshita & Kyle Fletcher
– Toni Storm venceu Skye Blue

Vídeos

Watch Wrestling

Report

Em destaque neste Dynamite tivemos o rescaldo do WrestleDream, um AEW International Championship Match, um AEW World Trios Championship Match, e o segmento final com as primeiras palavras de Adam Copeland como lutador da AEW.

10 Comentários

  1. The Name10 meses

    Wardlow!

    • lol10 meses

      O arroz do costume, está bem para o ex-líder do gangue do pináculo: duas sonecas.

  2. JokerLeadger10 meses

    Que final de dynamite. Melhor heel work dos tempos recentes. Bravo

  3. The Name10 meses

    O segmento final foi simplesmente ouro! O Christian é o melhor heel da atualidade e com esta gimmick está a fazer o melhor trabalho da sua carreira, esta rivalidade entre ele o Edge ainda está a começar mas promete muito, vai ser um longa storyline e vai valer a pena cada segundo !

    • BigMando10 meses

      Espera até o Christian Cage fazer uma promo a gozar com o pai do Edge…

  4. TakerVanDerVaart2310 meses

    Muito bom episódio do Dynamite. Não acompanho de forma assídua, mas gostei bastante do que vi neste episódio! O da próxima semana promete também.

  5. AEW Dynamite – ⭐⭐⭐, tirando as promos e segmentos o show foi mediano.
    Rey Fenix vs Nick Jackson – ⭐⭐⭐, talvez o melhor combate do show, podia ser melhor se o Fenix defrontasse outro se não o Nick Jackson, como já tinham dito noutros posts às vezes parece que os Elite querem sempre ser o centro das atenções.
    Wardlow vs Griff Garrison – ⭐, não houve nada de especial nisto, parece que foi tudo a frio, tudo muito estranho, é normal que o pessoal não se tenha entusiasmado por isto.
    The Acclaimed & Billy Gunn vs Kip Sabian, The Butcher & The Blade – ⭐⭐, combate muito curto para a qualidade de todos, Kip Sabian merece muito mais e também Butcher e Blade merecem pelo menos ser ROH World Champions.
    Chris Jericho & Kenny Omega vs Konosuke Takeshita & Kyle Fletcher – ⭐⭐⭐, não era suposto o Guevara estar aqui? O que aconteceu? Acho que desiludiu o combate, pelo menos para mim esperava algo melhor.
    Toni Storm vs Skye Blue – ⭐⭐⭐, o único combate feminino poderia ter tido mais tempo e outra adversária sem ser a Sky Blue, mais uma vez digo que não sei o que vêm nela para ter tanto tempo de TV.
    Destaco as promos e o segmento final, realmente salvaram o show.

  6. Gostei:
    – Nick Jackson vs Rey Fenix (c). Aqui tivemos um fantástico combate para começar o show. Imensas sequências lindas e near-falls muito boas. No entanto, uma palavra negativa para o selling das lesões de ambos. O Nick Jackson tinha uma aparente lesão no pé e o Fenix nas costas mas os dois continuaram a fazer as manobras que precisam dessas partes do corpo sem grande dificuldade.
    – Promo com os Bullet Club Gold e MJF. Maltinha, eu estou a ver o Jay White a segurar o título e, por muito que adore o MJF, preciso que o Jay White vença o combate entre eles. Toda a gente fez boas promos aqui e resultou num segmento muito bom. Fantástico trabalho da parte de todos!
    – Jericho & Omega vs Takeshita & Fletcher. Uma fantástica tag match aqui. Todos eles combinaram muito bem e resultou em ótimas sequências. Se algum dia os Aussie Open se separarem (esperemos que não), o Kyle Fletcher vai-se safar muito bem a solo. Grande exibição! Após o combate, Powerhouse Hobbs aparentemente junta-se à Don Callis Family. Aquela chairshot na cabeça do Kenny Omega… f*da-se. Arrepiante. Desde que vi aquela I Quit Match entre o Rock e o Mick Foley no Rumble de 1999 que odeio ver chairshots na cabeça.
    – Skye Blue vs Toni Storm. A Toni Storm a fazer um trabalho excelente com a sua nova gimmick e o título está na Saraya. Odeio isto. O combate foi literalmente para os anúncios com a Toni Storm a dizer “Voltámos já a seguir depois deste patrocinadores muito importantes.” Metam o título nela! O combate não é nada demais mas ajuda a gimmick da Storm imenso.
    – Promo do Adam Copeland. Nota-se que ele está tão feliz por estar na AEW. E eu não podia estar mais feliz por ele. E depois o Adam Copeland faz uma promo muito boa. Mesmo muito boa. No entanto, ele fez uma pequena referência aos Judgment Day quando disse que sabe de experiência própria que o Luchasaurus e o Nick Wayne vão trair o Christian Cage. Nem na AEW nos safámos dos Judgment Day 🙃🙃. E se há coisa que adoro no wrestling é quando os raros palavrões são utilizados na perfeição. Não havia nada mais perfeito que o Christian Cage dizer “go f*ck yourself” naquele momento. Vejam este segmento!

    Não Gostei:
    – Griff Garrison vs Wardlow. Olá, Wardlow, já me tinha esquecido de ti. O Wardlow assassina o pobre Griff.
    – The Butcher And The Blade & Sabian vs The Acclaimed & Gunn (c). 80% deste combate aconteceu nos anúncios e, do pouco que vimos, tivemos um momento de falta de comunicação entre Billy Gunn e The Butcher. Bem medíocre.

    Overall: 6.5/10. É um episódio bom, mas estranho ao mesmo tempo. Tivemos coisas muito boas e tivemos algumas coisas fracas, como a squash do Wardlow e o trios match, e o próprio combate feminino não é nada demais. O público esteve muito bom ao longo da noite e avançaram algumas storylines. Por hoje, destaco Jackson vs Fenix, MJF e Jay White e a exibição de Kyle Fletcher. Pela negativa, o medíocre trios match pelos Trios Titles. Volto a recomendar que assistam ao segmento final entre Adam Copeland e Christian Cage!

  7. Anónimo10 meses

    Ótimo combate de Tag Team, destaco também o final entre o Edge e Christian.

  8. Não sei se é de eu ser muito fã da AEW mas o Adam Copeland parece mais novo aqui com 49 anos do que quando regressou a WWE…
    Espero grandes combates contra os oponentes que ele sitou, e mais alguns 😀