Depois do Against All Odds do passado sábado, a Anthem Sports & Entertainment transmitiu esta quinta-feira, a partir dos Skyway Studios em Nashville, Tennessee, mais edição do Impact Wrestling na ASX TV, rumo ao Slammiversary de dia 17 de Julho.

O Impact Wrestling é transmitido na ASX TV, Twitch e Impact Plus

Resultados

– Jake Something venceu Daivari (Before The Impact)
– TJP venceu Black Taurus
– X-Division Champion Josh Alexander venceu Madman Fulton (Non-Title Match)
– Steve Maclin venceu Jason Page
– Tenille Dashwood venceu Rachael Ellering
– Satoshi Kojima venceu Impact World Tag Team Champion Rhino

Vídeos

Impact Plus

Watch Wrestling

Report

No Before The Impact tivemos o rescaldo do que aconteceu no Against All Odds e a antevisão do que poderá acontecer no Impact Wrestling desta semana, rumo ao Slammiversary de dia 17 de Julho.

Numa edição do Iceman Intel, George Iceman revelou que Scott D’Amore não é a única pessoa furiosa com o despedimento de Sami Callihan por parte de Don Callis no final do Against All Odds.

– Jake Something venceu Daivari (Before The Impact): No combate deste Before The Impact vimos um confronto entre Jake Something e Daivari, que foi assistido de perto por Brian Myers e Sam Beale. Depois de um combate duríssimo e dividido, Jake Something obteve a vitória com o Black Hole Slam.

Depois do combate, Brian Myers atacou Jake Something e pediu a Sam Beale para também o fazer. O ataque terminou com a Roster Cut de Brian Myers no rival.

O Impact Wrestling começou com Gia Miller à porta do escritório de Scott D’Amore, para obter novidades sobre Sami Callihan. Moose confrontou o responsável do Impact Wrestling e exigiu um rematch contra o Impact World Champion Kenny Omega no Slammiversary, mas Scott D’Amore estava a lidar com responsáveis da Anthem e não tinha tempo para ouvir as exigências do lutador.

– TJP venceu Black Taurus: A ação no primeiro combate do main card começou a todo o gás, com TJP e Black Taurus a medirem o ritmo um do outro.

Depois de um combate dividido e com oportunidades de vitória para ambos, foi TJP que venceu o combate depois de aplicar o Mamba Splash.

Depois do combate, Moose atacou TJP, pegou no microfone e exigiu que Scott D’Amore tomasse a decisão certa em relação ao que aconteceu no final do Impact World Championship Match do Against All Odds.

De seguida Moose ameaçou alguns seguranças e foi atacado por Chris Sabin com um Missile Dropkick, seguido de uma cadeirada. Chris Sabin quer vingar-se do ataque que sofreu de Moose há umas semanas, mas este fugiu para o backstage.

No backstage, Ace Austin tentou formar uma aliança com Rohit Raju para o Ultimate X Match do Slammiversary, mas este respondeu que ele não era o único com um “truque na manga”.

Gia Miller abordou Chris Sabin no backstage e este desafiou Moose para um combate no Slammiversary, para este provar que é de facto o “Wrestling God” que diz ser.

– X-Division Champion Josh Alexander venceu Madman Fulton (Non-Title Match): O combate começou melhor para Madman Fulton, que recorreu à sua força para controlar o X-Division Champion. Só que Josh Alexander não baixou os braços e mostrou porque é um dos melhores campeões da divisão dos últimos anos, equilibrando o combate.

Começaram então a surgir algumas false finishes e no final Josh Alexander arrecadou a vitória com o Divine Intervention.

Depois do combate, Ace Austin atacou Josh Alexander, mas a situação escalou com a aparição de outros lutadores do Ultimate X Match, como Petey Williams, Rohit Raju, Trey Miguel e até Shera. Este último despachou vários lutadores e uma nova aliança foi formada, entre Ace Austin, Madman Fulton, Rohit Raju e Shera.

No backstage, a Knockout’s Champion Deonna Purrazzo deu um sermão a Kimber Lee e Susan por não terem conquistado os Knockout’s Tag Team Championships no Against All Odds. Susan disse que sem elas, Deonna Purrazzo não seria campeã. A “Virtuosa” não gostou e afirmou que já não precisa delas as duas.

Em entrevista a Gia Miller, W. Morrisey afirmou que toda a gente no Impact Wrestling é estúpida em pensar que tem amigos no Wrestling e que esses amigos, mais cedo ou mais tarde, irão apunhalá-los pelas costas.

– Steve Maclin venceu Jason Page: A estreia de Steve Maclin no Impact Wrestling foi um combate de sentido único, que terminou ao fim de dois minutos com uma espécie de Sit-Down Slam.

Frustrada pela sua derrota contra Tenille Dashwood no Against All Odds, Jordynne Grace tem a impressão de que as outras pessoas na promotora pensam que ela precisa de Rachael Ellering para ter sucesso.

Don Callis disse a Gia Miller que no Against All Odds apenas fez aquilo que Scott D’Amore não teve coragem de fazer: despedir Sami Callihan.

– Tenille Dashwood venceu Rachael Ellering: Antes do combate, Tenille Dashwood ofereceu uma t-shirt a Rachael Ellering, mas esta recusou e começou o combate a dominar a adversária. Só que Kaleb with a K foi ajudando Tenille Dashwood a dar a volta ao combate por várias vezes, inclusive no final, quando “cegou” Rachael Ellering com uma ring light. Isto permitiu que Tenille Dashwood fizesse um roll up e arrecadasse a vitória.

À porta do escritório de Scott D’Amore, Black Taurus e Crazzy Steve disseram a TJP e Fallah Bahh que as coisas entre eles ainda não terminaram. Fallah Bahh desafiou então os Decay para um Tag Team Match.

Rosemary e Havok deixaram uma mensagem às Knockout’s Tag Team Champions Fire ‘N Flava, atirando Kiera Hogan para dentro de um enorme caixote do lixo. Lá dentro, Kiera Hogan encontrou um saco com uma etiqueta a dizer “Mickie”.

– Satoshi Kojima venceu Impact World Tag Team Champion Rhino: No último combate da noite estava em jogo uma oportunidade pelos Impact World Tag Team Championships, e Satoshi Kojima começou melhor, obrigando Rhino a sair do ringue. Este lá conseguiu dar a volta ao combate e dominar por vários minutos, mas o japonês equilibrou na recta final e as oportunidades de vitória começaram a surgir.

No final, Satoshi Kojima contra-atacou o Gore com um Koji Cutter e venceu o combate com uma Lariat. Assim, Satoshi Kojima & Eddie Edwards vão lutar pelos Impact World Tag Team Championships.

Apesar de ter sido despedido por Don Callis no Against All Odds, Sami Callihan foi ao ringue bastante furioso e Scott D’Amore pediu aos seguranças que o deixassem ser ele a resolver a situação. O executivo pediu então a Sami Callihan para confiar nele, prometendo que irá resolver as coisas, tendo o lutador saído do ringue.

Nisto Don Callis apareceu e disse a Scott D’Amore que lhe fez um favor ao despedir Sami Callihan, mas este último respondeu que ele só o fez por causa da amizade que tem com Kenny Omega.

Tommy Dreamer é depois revelado como o representante da direção da Anthem, anunciando que Sami Callihan pertence novamente ao roster da promotora, anulando o seu despedimento. Para além disso, Tommy Dreamer anunciou que por causa de tudo o que aconteceu e sua ligação ao Impact World Champion Kenny Omega, Don Callis está demitido do cargo de vice-presidente do Impact Wrestling.

A fechar o show e já no backstage, Sami Callihan avisou Don Callis de que irá atrás do Impact World Champion Kenny Omega, sendo que o combate entre os dois irá acontecer no Slammiversary.


O que achaste desta edição do Impact Wrestling?

3 Comentários

  1. TakerVanderVaart232 meses

    Bom episódio do Impact.
    Destaque para a estreia do Maclin em ringue.
    Foi impressão minha ou houve ali uma referência à Mickie James, quando a Rosemary e Havok confrontaram as Fire N’Flava naquele segmento? xD
    Atiraram a Kiera Hogan para o contentor do lixo e estava lá um saco a dizer Mickie! (alegadamente a forma como a WWE entregou os pertences aos lutadores ao serem despedidos)

  2. El Cuebro2 meses

    Gostei muito desse episódio do Impact, acho que a estreia do Maclin foi um dos pontos altos, queria vê-lo manter a gear dos tempos de WWE, antes mesmo dos Forgotten Sons, mas tudo bem, ele foi bem, quem sabe no futuro possa retomar a parceria com o Blake e ainda colocar o Murphy nessa! Estou gostando muito da X-Division também, estão fazendo algumas das melhores lutas no momento! Também gosto muito do desempenho do Kojima, o veterano está bem demais! Ali na introdução do show o Daivari lutou com o Jake, mas ele não foi contratado pela WWE recentemente? No mais a divisão feminina está muito bem, as duplas estão on fire e quem sabe ainda possamos ver a Mickie mais pra frente e é impressão minha ou alguém no Impact tem algo contra Jordynne e Rachael? Porque ambas perderam suas lutas esses tempos lá! Gostei muito do segmento com o Moose destruindo tudo e o Sabin chegando para confrontá-lo, mas queria muito ver o Moose campeão lá, acho que vem sendo muito injustiçado e o momento com o Don Callis sendo demitido foi dos melhores do show, acho que isso reforça a ida dele para a AEW!