O lutador saudita Mansoor chegou ao main roster da WWE no Raw da passada segunda-feira, mas acabou por ver a sua streak de 49 vitórias consecutivas terminar contra Sheamus, por causa de Humberto Carrillo ter interferido para atacar o irlandês, provocando assim a sua desqualificação.

Em entrevista ao TV Insider, Mansoor reagiu ao fim da sua streak de vitórias dizendo o seguinte:

Eu estava a ter combates no 205 Live e senti que estava a ganhar impulso. Então alguém apontou que se eu incluísse os eventos ao vivo do NXT na Flórida, antes da pandemia, eu estava numa streak de 25 vitórias consecutivas. Eu não fazia ideia. Eu não queria colocar muita atenção nisso, porque não queria gabar-me. Eu queria manter minha cabeça baixa, trabalhar e ser humilde. Então chegou a 45 [vitórias] e as pessoas começaram a reportar sobre isso.

Eu esperava que isso não acabasse de forma anti-climática. O que aprendi sobre a streak invicta é que o ímpeto é a chave. As vitórias podem realmente construir e tirar o melhor dos meus oponentes.

Já sobre Sheamus, Mansoor só teve elogios a fazer ao WWE United States Champion, mas mostrou-se confiante de que apesar de ter levado uma “tareia”, está de pronto para outra.

Sheamus foi um excelente oponente para começar, uma prova de fogo. Ele é o lutador mais duro da empresa – acho que muita gente sabe disso. Foi uma forma de provar que pertenço [ao main roster] e posso levar uma tareia e ainda me levantar.

Apesar de não ter sofrido pin ou submissão, a verdade é que a streak de vitórias de Mansoor chegou ao fim, e é estranho isso ter acontecido tão pouco tempo depois da mesma ter sido destacada por jornalistas, que tentaram justificá-la com a relação que a WWE tem com a Arábia Saudita.


Achas que a WWE fez mal em acabar com a streak de vitórias de Mansoor? Será que só o fez por a mesma ter começado a ser notícia online?

8 Comentários

  1. Fernando Nogueira5 meses

    Qual é o sentido de construir uma streak e quebrar em uma luta comum de TV?

    Podia render uma storyline digna de PPV…

    Mas na WWE agora tudo é assim. Não existem mais história, rivalidade…

    Tirando Roman, Lashley e Drew o resto do roster só fica lá de um lado pro outro sem sentido

  2. Nada de interessante nisto.

  3. El Cuebro5 meses

    Realmente estava uma situação interessante, difícil ver uma série invicta tão longa no wrestling ultimamente, ainda mais ele e a relação da WWE com a Arábia Saudita, mas acontece de perder ou deixar de ganhar, como ele mesmo disse ele enfrentou o Sheamus que é um cara consagrado e muito difícil de se bater! Mas olhando por outro lado poderíamos ter uma situação inusitada, e se o Mansoor começa a vencer e encosta naquela série invicta do Goldberg hein, o veterano iria querer saber o que acontece!

  4. Anónimo5 meses

    Em algum dia a streak dele ia acabar, só acho que não devia ser um show semanal, e sim num PPV.

  5. Um streak sem sentido nenhum!

  6. Facebook Profile photo

    Acho que não, mas bem que poderia chegar perto ou até mesmo superar a streak do Goldberg, para as pessoas começarem a olhar para o Mansoor como um verdadeiro talento do wrestling.

  7. TakerVanderVaart235 meses

    Acho que nem mencionaram a streak dele no Raw, portanto acabou sendo meio sentido! A não ser que ele ainda acabe por pegar nisso mas não me parece.
    Acho que até podia ter dado uma storyline minimamente interessante mas acabou assim do nada