Desde a WrestleMania 38 que Edge & Damian Priest formam um novo grupo na WWE, a fazer lembrar uma mistura de The Brood e Ministry of Darkness, e no Raw desta segunda-feira ficámos a saber o nome do mesmo.

Edge e Damian Priest começaram por fazer uma promo de backstage em que falaram do combate que o primeiro terá contra AJ Styles no WrestleMania Backlash e que o último terá contra Finn Bálor mais tarde.

Durante a entrada para o combate do Raw, o “Archer of Infamy” foi apresentado por Mike Rome como “representando a Judgment Day”, revelando assim que a nova stable terá esse nome daqui em diante.

Edge tem então rematch marcado contra AJ Styles para o WrestleMania Backlash do dia 8 de Maio, e tem vindo a ser especulado que outras Superstars (como Rhea Ripley e Tommaso Ciampa) poderão integrar o grupo.


O que achas do nome Judgment Day para o grupo de Edge & Damian Priest?

22 Comentários

  1. Olha o romarinhoooooooooooooooooooooo1 mês

    Finalmente edge vai trabalhar para elevar novos nomes, nao gostava do priest, mas depois comecei a gostar e se juntando ao Edge certamente terá um grande futuro…

  2. Gostei do nome, a Rhea parece ter feito um tease de que vai se juntar ao grupo em breve, espero que o Ciampa também se junte. Acho que será benéfico para todos eles trabalharem com alguém como o Edge.

    • Anónimo1 mês

      Exato, também acho que será benéfico para eles.

  3. Jean1 mês

    É e será uma incrivel stable

  4. Felipe1 mês

    Devia colocar o demon balor no lugar do ciampa

  5. L26MC1 mês

    Gostei, que os próximos grupos possam também ter nomes de antigos PPV’s…

  6. Luiz1 mês

    Edge, Priest, Ciampa, Demon Balor e Sonya Deville… cabe mais membros ae, fazer o novo Ministry of Darkness 💀😈🔥🖤!!!

  7. TakerVanDerVaart231 mês

    Se Ciampa e a Rhea se juntarem acho que pode ser algo muito bom para todos os envolvidos e podem-se criar excelentes storylines com esta stable

  8. Rui1 mês

    Lembro de o edge de fazer heel a uns anos atras e acho que esta fazer bem melhor

  9. El Cuebro1 mês

    Eu gosto do nome e das gimmicks também, ainda mais combinando com esse tom mais sombrio, as cores roxo e preto combinam e ajudam nisso, aliás a gear do Priest o faz lembrar o Rollins nos tempos de Shield, acho que tem tudo para dar certo, ainda mais se a presença do Edge os ajudar numa certa liberdade criativa, eles podem dominar o Raw e acho que vem mais gente por aí, quem sabe Rhea, Ciampa e até o Bálor nessa, esperemos que venha algo bom para os envolvidos!

  10. Edge1 mês

    Seria nada mal o Aj se juntar, que nem o Cena sendo forçado a entra no Nexus

  11. Edge1 mês

    Se o Black não tivesse sido demitido essa stable ja teria existido, ou tendo ele como membro seria melhor ainda, Bray Wyatt seria outro nome forte até imagino uma dualidade trabalhada dele e do The Fiend, com um sendo membro e o outro não
    E se a WWE fosse criativa como antes , podiam por o Boo Dalas como The Fiend, apos esse sair do Wyatt
    Mas a WWE mandou todos embora… e isso nunca vai acontecer

  12. Sinceramente não gostei do nome mas vamos ver se esta equipa conseguirá ter sucesso nos próximos tempos…

  13. Gostei do nome e a stable é incrível, tudo para dar certo!

  14. Moshe1 mês

    O AJ Styles vencerá na Wrestlemania Backlash, com ajuda do Demon Ballor.
    Serão criados dois grupos.

  15. Gabriel4 semanas

    Gosto muito do site, calhou comentar esta crítica construtiva nesta notícia, mas em tantas outras podiam ser: faz-me um pouco de confusão o número de inglesismos que utilizam em basicamente todos os artigos. Championship em vez de título, rematch em vez de desforra, stable em vez de grupo, entre tantos outros… Têm uma justificação para que seja assim? Apenas curioso em relação à linha editorial do projeto. Obrigado e continuação de bom trabalho!

    • Obrigado por nos acompanhares e pelo comentário/crítica. São termos muito associados ao mundo do Wrestling, alguns até exclusivos deste, sendo usados em videojogos, etc, pelo que muitas vezes preferimos usá-los em vez de usar uma tradução que pode não definir tão bem aquilo a que nos referimos ou não ser clara para todos (portugueses, brasileiros, etc). 👍🏻