A WWE anunciou esta quinta-feira o NIL: Next In Line, o seu novo programa de apoio e recrutamento que pretende estreitar a ligação entre a empresa e atletas universitários, permitindo que estes iniciem as suas carreiras na WWE, como será o caso do medalhado olímpico Gable Steveson.

Em entrevista ao Fast Company, Triple H foi um pouco mais além do que disse em comunicado e explicou que os atletas universitários têm potencial para ser as próximas grandes Superstars da WWE assim que completem os seus estudos, e falou das mudanças na política de recrutamento da empresa.

Imediatamente vimos isso como uma ferramenta de recrutamento incrível para nós, porque permite-nos abrir aos atletas um caminho para a WWE, e envolvermo-nos com eles de uma forma que eles possam aprender mais sobre isso, podemos aprender mais sobre eles, tudo isso enquanto trabalhamos juntos, e descobrir se é uma boa opção antes mesmo de terminar a faculdade e antes de precisar tomar qualquer decisão sobre o que farão no próximo estágio de sua vida.

Na minha geração, e ainda mais recentemente, precisavas de conhecer alguém. Nós esforçamo-nos muito para recrutar e encontrar atletas para que saibam que a WWE é uma oportunidade potencialmente lucrativa para eles, se estiverem interessados e apaixonados por ela.

Já num recente tryout, Triple H ficou impressionado com o arremessador de peso Isaac Odugbesan e disse:

Quando terminámos o teste, eu pensei: “Ótimo, vamos contratar esse rapaz agora mesmo”, mas descobri que ele ainda estava na escola. Isso aconteceu próximo do NIL, então fechámos um acordo e ele estará muito à frente porque trabalhará em muitas coisas enquanto estiver na escola.

Os acordos podem variar desde o mais básico, o que ainda os ajudaria a pagar as contas durante a escola. Claro, se estás a trazer uma medalha de ouro olímpica para a mesa [caso de Gable Steveson], é uma conversa diferente.


Achas que este programa de NIL: Next In Line poderá captar grandes atletas para a WWE?

4 Comentários

  1. nzo12 meses

    Então esse NIL é tipo um performace center 2.0 com foco em transformar jovens atletas em grandes superstars, isso parece mais o nxt 2.0 só que sem os superstars mais velhos

  2. Cebola12 meses

    Triple H deve estar trabalhando no automático, nem deve mais dar ideias ou tentar argumentar algo com o bando de engravatados e idosos da wwe

    • Mesmo, conseguiram arruinar todo o bom que ele fez. Parece que andavam a gozar com o belo trabalho que ele fez.

  3. El Cuebro12 meses

    É um tanto controverso o NIL e acho que está vindo meio tarde, deviam ter feito isso desde o começo do NXT, não do “novo NXT”, mas sim desde o início MESMO do NXT, lá atrás quando a FCW mudou de nome e acho que não devia restringir-se somente a nomes universitários ou outros atletas que nunca tiveram contato com o pro-wrestling, mas também a nomes de menor expressão ou iniciantes do wrestling, enfim vamos ver como funciona, sinceramente não me agrada muito bem como a tal reestruturação da marca ou então a promoção direta do Gable Steveson para o Raw!