Navega no Wrestling PT sem pop-ups

WWE NXT TakeOver: WarGames (18/11/2017)

A WWE realizou este Sábado o primeiro grande evento do fim de semana, que este Domingo culminará com o Survivor Series, o NXT TakeOver: WarGames.

O main-event da noite foi um WarGames Match entre as equipas: Undisputed ERA, SAnitY e a dos Authors of Pain & Roderick Strong.

Podes assistir ao WWE NXT TakeOver: WarGames na WWE Network, subscreve aqui. O primeiro mês é grátis!

Outros grandes destaques foram o combate pelo NXT Championship entre Drew McIntyre e Andrade “Cien” Almas e um Fatal 4-Way Match pelo NXT Women’s Championship que estava vago há algumas semanas.

Para além disto, tivemos também dois Single Matches: Lars Sullivan vs Kassius Ohno e Aleister Black vs Velveteen Dream.

Resultados

– Lars Sullivan venceu Kassius Ohno
– Aleister Black venceu Velveteen Dream
– Ember Moon venceu Peyton Royce, Nikki Cross e Kairi Sane (NXT Women’s Championship Fatal 4-Way Match)
– Andrade “Cien” Almas venceu NXT Champion Drew McIntyre
– The Undisputed ERA venceram SAnitY e The Authors of Pain & Roderick Strong (WarGames Match)

Report

O primeiro combate da noite opôs o experiente Kassius Ohno contra Lars Sullivan, num combate que Kassius Ohno pediu que acontecesse ao General Manager William Regal. O veterano Kassius Ohno tentou vencer Lars Sullivan recorrendo aos seus strikes perigosos, mas no fim, isso não chegou e Lars Sullivan venceu o combate com o seu golpe final, o Freak Accident.

O combate que tivemos a seguir foi entre The Velveteen Dream e Aleister Black, um combate que aconteceu depois de semanas em que Aleister Black ignorou The Velveteen Dream. Depois deste combate, nem Aleister Black, nem o público do NXT, irá alguma vez mais ignorar The Velveteen Dream. Um combate que teve bastantes mind games antes e mesmo durante o combate. A surpresa foi ver The Velveteen Dream a tentar vencer com pontapés característicos de Aleister Black e esteve bastante perto de vencer, mas no fim, um Black Mass de Aleister Black acabou o combate. No fim, The Velveteen Dream teve o que quis, pois Aleister Black disse finalmente o nome de Velveteen Dream.

Em seguida tivemos a Fatal 4-Way pelo NXT Women’s Championship. Um combate que começou rápido e em que as 4 lutadoras tentaram obter vantagem bastante cedo, mas não conseguiram. Depois de alguns momentos em que parecia que ia acabar o combate, tal como a Insane Elbow de Kairi Sane em Peyton Royce e Nikki Cross, que Ember Moon cortou o pin. No final, foi também um finisher duplo, mas desta vez Ember Moon, com o Eclipse, em Peyton Royce e Nikki Cross. Depois, com o pin em Nikki Cross, Ember Moon garantiu a vitória e tornou-se na nova NXT Women’s Champion.

A seguir tivemos o combate pelo NXT Championship, um combate que o campeão Drew McIntyre dominou ao início, mas depois e com a ajuda de Zelina Vega, Andrade “Cien” Almas começou a dominar. Perto do final do combate e depois de Andrade “Cien” Almas ter-se safado de um Future Shock DDT e Drew McIntyre ter-se safado do Hammerlock DDT, parecia que o combate ia acabar quando Drew McIntyre fez o Claymore em Andrade “Cien” Almas. No entanto, a proximidade da corda fez com que Zelina Vega conseguisse meter o pé de “Cien” Almas na mesma sem o árbitro ver. O fim chegou quando Andrade “Cien” Almas consegue aplicar um DDT a Drew McIntyre enquanto este estava pendurado na 3ª corda, tornando-se assim o novo NXT Champion.

No main-event da noite tivemos o regresso do War Games: SAnitY vs Undisputed ERA vs The Authors of Pain e Roderick Strong. O combate começou com Roderick Strong, Adam Cole e Eric Young no ringue, até que 5 minutos depois vieram Kyle O’Reilly e Bobby Fish. Passados mais 3 minutos de domínio da Undisputed ERA, entraram os Authors of Pain, que dominaram o combate a seu belo prazer. Foi quando os SAnitY entraram que o caos realmente começou, pois quando Killain Dain e Alexander Wolfe entraram, trouxeram alguns “brinquedos”: correntes de aço, cadeiras, mesas e um bastão. O suficiente para virar o War Games do avesso. Já mais perto do fim e já depois de um German Suplex de Alexander Wolfe para cima de uma mesa a um dos Authors of Pain e de um vertical suplex de Roderick Strong a Adam Cole do topo da jaula, o final aconteceu quando Adam Cole, com um Shinning Wizard, em Eric Young garantiu a vitória para a Undisputed ERA, num dos combates mais caóticos dos últimos tempos.

O que achaste do WWE NXT TakeOver: WarGames?

32 Comentários

  1. No Way Jose - há 3 semanas

    Cezar Bononi venceu o Andrade Cien Almas e ontem teve seu perfil adicionado no site da WWE.
    Bononi será o novo desafiante número 1 do NXT Championship

    • Rui Portugal - há 3 semanas

      Será? Provavelmente não num TakeOver..
      Parece claro que o próximo com hipóteses será o Black ou alguma surpresa que aí venha (Ricochet, Dijak,… mas duvido)

      • Facebook Profile photo

        rodriko - há 3 semanas

        Concordo, sem dúvida aliester black ja merece

  2. MicaelDuarte - há 3 semanas

    A meu ver, um excelente Takeover.

    O combate mais fraco foi Ohno vs Lars, e mesmo este foi agradável. O Lars não me diz absolutamente nada, provavelmente teria dado a vitória ao Kassius Ohno.

    A Fatal 4-Way foi muito boa para os dez minutos de combate que as senhoras tiveram. A Ember Moon é, finalmente, campeã. Como diz o outro, à terceira é de vez.

    McIntyre vs Almas também foi muito bom. O Almas está uma máquina e este push veio na hora certa. Aquela Zelina Vega é incrível como manager… Nunca na vida pensei ficar fã do Cien Almas, mas a Zelina faz milagres. Quanto ao Drew, esperemos que a lesão não seja grave, embora tenha sido claro que ele estava mal depois de sofrer o último DDT.

    O combate War Games foi uma verdadeira guerra, especialmente a partir do momento em que os restantes membros dos Sanity entraram. No entanto, o final pareceu um bocado forçado e anticlimático.

    Agora, aquele que, para mim, foi o combate da noite: Velveteen Dream vs Aleister Black. Estes senhores abusaram no storytelling do combate. Foi lindo. Até o momento pós-combate! Um contraste do caraças entre as gimmicks que resultou numa performance incrível de ambos, especialmente do Dream, que tinha mais a provar do que o Black. Esta feud e combate são as provas de que um booking cuidadoso e que presta atenção aos pormenores valem sempre a pena.

    Está visto que o NXT já recuperou a aura dos tempos do KO, Zayn, Neville, Bálor, etc.

    • Gangrel_Rules - há 3 semanas

      Concordo o alester e o dream deram show e uma historia que não precisou de brawls nem nada para haver interesse, quanto ao alester gostaria de o ver tirar o titulo ao Andrade, não acho que o Andrade seja o campeão certo nem acho que seja superior ao Drew, ainda foi cedo para isto… Se calhar só foi dado o titulo pela lesão do ex campeão. Mas admito que ele (Andrade) tem talento.

  3. Pedro - há 3 semanas

    Bom show…
    A rivalidade black vs velveteen foi demais mesmo 🙂
    O combate feminino foi bom e o final ainda melhor contudo fico triste por nao ter sido a Peyton (btw achei estranho aquilo da Billie mas se ela tinha de ganhar era sozinha por isso..)
    A Zelina Vega é demais, bom combate
    Final um pouco estranho, mas era de esperar que eles vencessem

  4. hipermegaboss - há 3 semanas

    A meio do combate Drew vs Cien o comentador disse : ” O Andrade só tem uma maneira de sair daqui com o título e é via pin ou submission”.
    Ri muito xD

  5. Tobias - há 3 semanas

    Como assim o McIntyre perdeu? Rapaz, pensava que ele só perdia esse título para o Adam Cole ou para o Aleister Black.

  6. juninho - há 3 semanas

    Problema do vince e que ele e todo sistemático gosta do tudo certinho dentro das regras e o triple h e diferente por isso todo o nxt takorover e um sucesso já os ppv do main roster não andam tendo um bom momento a prova disso foi a mudança no survivor series provavelmente o vince deve ter tomado uma prensa dos oficias da wwe , já que o publico não queria o jinder mahal como campeão entre outras coisas .

    • Devitt - há 3 semanas

      Duvido muito que algum oficial dê uma “prensa” no dono da empresa. Contudo, o Triple H tem boas ideias de booking, assim como o Regal e os bookers em geral do NXT.

  7. Anónimo - há 3 semanas

    Acho que pode começar uma rivalidade da Peyton com a Billie!

  8. DietOwensDiet - há 3 semanas

    A meu ver o War Games match entra no top 3 dos melhores combates do ano, agora que venha o SummerSlam como diz a Dasha Fuentes

  9. BRUNOju. - há 3 semanas

    Ótimo TakeOver… começando por Kassius Ohno vs Lars Sullivan, que foi um combate mediano, souberam explorar bem o perfil dos dois lutadores e foi um combate num nível esperado. Destaque especial para Aliester Black vs Velveteen Dream, acho que foi o segundo combate melhor da noite, esses dois trabalharam muito bem tanto antes do combate quanto na hora… muito bom mesmo.

    Combate feminino pecou por não ter muita storyline in-ring, ficou mais numa sequência de trocação de golpes, e isso pra mim, broxa bastante um combate… poderia ter sido melhor. Mas, fico muito feliz pela Ember Moon, merecidíssimo a vitória! Aliás, acho que o NXT Women’s title é o título mais credível dos dias atuais da WWE, olha o hall das campeãs. Realmente não esperava pela vitória de Andrade, porém, acho que nas últimas semanas construíram muito bem seu personagem, juntamente com o ótimo trabalho de Zelina Vegas.

    É disso que eu gosto… O main event fez JUS mesmo ao nome! AMEI a forma como exploraram cada gimmick das stables, primeiramente com a Undisputed Era, usando da vantagem para sair por cima dos oponentes, logo depois os AoP, com sua brutalidade e dominância e por último, a SANITY trazendo todas aquelas ferramentas e spots violentos, muito, mas, muito bom! Só acho que durou um pouco de mais. PORÉM, meus parabéns, aliás, sou oficialmente fã da SANITY, hehehe.

    Feliz pelo NXT ter se recuperado, fazia tempo que não tinham um produto tão bom… ansioso pelas próximas gravações.

  10. Combate da noite Aleister Black vs Velveteeb Dream

  11. BRRM - há 3 semanas

    Aleister Black vs Velveteen Dream… wow. Simplesmente wow. São cenas assim que me fazem gostar tanto de wrestling. Que storytelling, meu Deus!

    O resto do evento também foi nice, principalmente o War Games match. Para quando um destes no main roster?

    • Gangrel_Rules - há 3 semanas

      Daria muito prejuízo a WWE, destruir 2 rings e duas jaulas, mais corpos destruídos e o strowman ficaria bem consolado xd

  12. Anónimo - há 3 semanas

    obrigado triple h !!

  13. DietOwensDiet - há 3 semanas

    So comecei a acompanhar a partir do 2o combate Aliester black vs velveteen dream excelente combate, otimos momentos spots para todos os gostos, o aliester é um dos sérios candidatos ao titulo do NXT, a vitória da ember moon foi no mínimo surpreendente, estava mais a espera da peyton ou da nikki, durante o combate andrade vs drew devido ao sono não consegui acompanhar pois adormeci por uns 20 minutos para ver o war games match, este sim valeu a pena, adorei o combate, para mim dos melhores do ano, eu não acompanho muito o NXT mas acho que depois de ontem vou começar a acompanhar!!! Agora que venha o survivor series

  14. Jorge - há 3 semanas

    Alguém poderia me dizer se há algum site para ver WWE survivor series em directo, se faz favor.

  15. Bom Takeover. Não me pareceu que tenha sido tão bom como os anteriores, confesso que o NXT não me cativa tanto como antes, apesar do Drew McInthyre e do Aleister Black.
    Não sobram dúvidas de que o Patrick Clark é um grande atleta, merecia por isso mais do que uma gimmick pateta de um homem que se move como uma mulher, que se veste como uma mulher e que vive obcecado com que outro homem diga o seu nome. Qualquer dia temos um combate em que quem perde tem de dizer o nome do adversário, em vez de titulos. Já vimos isto antes, com a Bayley, os Vaudevillans e o Adam Rose. A malta da universidade vibra com estas patetices, próprio da idade. Depois chegam ao main roster e, obviamente, estas gimmicks não têm sucesso algum, é preciso mais. O Black lá disse o seu nome no fim, cumpriu o sonho do Velveteen de ouvir o seu amor dizer o seu nome…Não me venham, como acontece sempre em sites internacionais, com o Prince, isto de Prince não tem nada. É muito mais Rico ou Orlando Jordan (da TNA), do que Prince. É mais Conchita do Prince. Espero que acabe a feud já, porque isto é absurdo. Ainda assim bom combate, é como digo, o Patrick merecia mais.
    Depois, parece que a filosofia da batata quente chegou ao NXT. Admitamos, sem a Zelina o Andrade “Cien” Almas não é material de main event e, a não ser que o Drew McInthyre vá já para o main roster, este resultado teve tanto de surpreendente como de absurdo. Veremos se no próximo Takeover não teremos novo campeão novamente.
    O main event foi muito bom. O Vince McMahon tem de justificar a compra das jaulas de turabarão, ainda falam de compras impulsivas…Não concordei com a entradas dos wrestlers aos pares. Os Undisputed ERA não me dizem nada, pelo menos ainda, provavelmente é por não acompanhar a NJPW nem as Indys, então para mim eles são novidade mas, ganhou quem deveria ter ganho, pois a derrota seria o mesmo erro cometido com os Nexus e, por isso, seria fatal para a stable.
    No geral, foi um bom show, melhor do que eu esperava.

    • MicaelDuarte - há 3 semanas

      Porque é que tudo o que é um pouco mais excêntrico é logo rotulado como “pateta” e “só a malta da universidade é que vibra com estas patetices”?… O Velveteen Dream foi apresentado como uma personagem séria, perito em jogos psicológicos com os adversários. Até usa a excentricidade como meio de distração para os adversários, que o subvalorizam por isso mesmo.

      E o que é que interessa mesmo se ele é efeminado? Faz parte da personalidade da personagem. Não é por isso que ele é mais ou menos agressivo em ringue ou a personagem não pode ser levada a sério. É tudo uma questão de booking e apresentação, quase sempre. Os dois gajos sacam uma performance daquelas e preocupam-se com o “homem vestido de mulher”…

      E tens razão, ele não vai resultar no main-roster, mas não é pela personagem ou falta de talento (bem longe disso). Vai ser um belo jobber. E, pura e simplesmente, porque a WWE tem a mania de meter o nariz em coisas que fluem naturalmente e começa a “ajustar” as personagens aqui e ali, e depois os fãs deixam-se de investir do mesmo modo que faziam no NXT… Que o diga os Nakamuras e os Bálors da vida.

  16. KILL OWENS KILL - há 3 semanas

    Mais um excelente Takeover.

    Apesar de achar que seria melhor Dunne VS Gargano no lugar de KO VS Lars, acho que os dois precisavam dessa “atenção”, principalmente o Lars que está sendo bookado como uma besta, mesmo ainda tendo que comer muito feijão pra chegar lá, mas já começa a convencer mais um pouco, pelo menos a mim. Fico meio triste pelo KO, até agora só vem sendo usado pra elevar os outros.

    Black VS Velveteen foi sensacional, que belo Storytelling. É por isso que o “produto WWE” ainda tem uma certa vantagem sobre o de outras empresas, quando eles querem fazer uma hisória bem contada, eles conseguem. Utilizaram de cada maneirismo, cada detalhe, foi do caralho… Que ótimo momento para o Dream, que precisava muito disso e sai muito valorizado mesmo tendo sido o derrotado. Também foi interessante ver o Aleister nessa situação de ter que lidar com esse cara que é obcecado por ele. Ah velho, por isso que eu digo, qundo a história é bem contada nada derruba ela.

    F4W: Foi um Spotfest né, até que me agradou, mas esperava mais. Estava torcendo pela Peyton por todo o trabalho que ela e a Kay tem realizado, mas realmente a Ember foi a escolha mais acertada e estou muito feliz por ela. Cara, que divisão feminina maravilhosa essa que o NXT tem.

    Drew VS Cien: ainda não acredito que o Drew perdeu…. Yes! Não me entendam mal, sou muito fã dele, mas o Andrade merecia isso. O grande Jobber de luxo do NXT, o cara que ninguém botava fé, finalmente se torna campeão principal da marca depois de todas as porradas que levou. Maravilhoso. AH e que história bem contada durante a luta. Nopapel todos sabíamos que o Cien seria só mais um número pro reinado do Drew se solidificar, na prática conseguiram nos fazer acreditar que ele poderia vencer… e venceu… Gostei muito disso, primeiro por que o Andrade merece; segundo, por que não estava achando tão interessante o Drew com o título, e agora com essa derrota quero ver como a personagem dele vai ficar; terceiro, por que torna o produto mais imprevisível, mas fazendo sentido com toda a história. Enfim, velho, parabéns a Zelina e o Cien por todo o trabalho que eles tem feito.

    Sem o War Games á estava sendo um TO excelente, mas ainda tinha essa guerra pra ser travada. Foi lindo viu. Gostei muito da valorizada que deu pro Cole e pra Stable, eles precisam disso. Agora por outro lado, achei estranho o Rody agir como se fosse brother dos AoP, podiam era fazer ele se unir logo com o Ellering.

  17. Gonçalo "the best" - há 3 semanas

    Fiquei super contente com o combate entre o Velveteen Dream e o Aleister Black. A melhor rivalidade na WWE merecia um combate deste calibre. Foram feitas duas estrelas.

    Almas vs McIntyre. Wow não estava nada a espera deste resultado. Excelente combate e espero que o Drew esteja bem

    A Ember Moon não me diz nada. É uma excelente lutadora mas não percebo qual é a sua personagem. Preferia uma vitória da Nikki Cross ou da Peyton.

    O Main event foi de loucos. O Adam Cole não me diz nada.

  18. duzonraven - há 3 semanas

    Muito bom ppv!!

    Aleister Black e Velveteen fizeram uma ótima luta, surpreendeu-me!

    A luta das meninas foi ok, gostei da Ember Moon como campeã, durante o reinado da Asuka foi a única que me pareceu conseguir confrontá-la, e seu personagem é muito bom, espero que nos proporcione grandes lutas.

    Também gostei da decisão de Cien como campeão, sinceramente nunca vi nada especial em Drew, se observar a luta verá que cien que definiu o ritmo da luta, além de aplicar os melhores golpes. Drew possui golpes comuns e é só mais um fortão do estilo que a wwe gosta, mas acredito que Cien será um ótimo campeão heel, vencendo com a ajuda de Zelina, que além de manager aplica bons golpes!!

    e o war games foi sensacional, caótico como esperado, com todas as equipes possuindo bons momentos! todos doaram-se ao máximo na luta, e o melhor venceu. Adam cole bay bay!

Comentar

Editar avatar »