WWE transmitiu esta segunda-feira mais uma edição do Raw na USA Network, a partir do Chase Center em São Francisco, Califórnia, rumo ao Crown Jewel do próximo dia 21 de Outubro.

Resultados

– Xavier Woods venceu Ricochet (Primeira Ronda do King of the Ring)
– Cedric Alexander & Shelton Benjamin venceram Mustafa Ali & Mansoor
– Shayna Baszler venceu Dana Brooke (Primeira Ronda do Queen’s Crown)
– Omos venceu Raw Tag Team Champion Riddle
– Austin Theory venceu Jeff Hardy
– Jinder Mahal venceu Kofi Kingston (Primeira Ronda do King of the Ring)
– SmackDown Women’s Champion Becky Lynch & Raw Women’s Champion Charlotte Flair vs Bianca Belair & Sasha Banks (No Contest)
– Doudrop venceu Natalya (Primeira Ronda do Queen’s Crown)
– SmackDown Tag Team Champions The Usos venceram WWE Champion Big E & Drew McIntyre (por Count-Out)

Report

O Raw abriu com Drew McIntyre no ringue, que começou a falar dos combates que irão acontecer no Crown Jewel e que será nesse evento que irá reconquistar o WWE Championship. Como seria de esperar, o WWE Champion Big E interrompeu o seu próximo adversário e depois de o elogiar explicou que este não lhe irá tirar o título. O “Scottish Warrior” lembrou que apesar de ser duas vezes WWE Champion, não sabe o que é ter os fãs a gritar por ele enquanto ganhava o título e que é isso que irá acontecer no Crown Jewel.

Quando tudo indicava que as coisas iam aquecer, tivemos os SmackDown Tag Team Champions The Usos a interromper os dois lutadores e estes explicaram que estão no Raw porque podem fazer o que quiserem por trabalharem com o “Tribal Chief”. A dupla explicou que todos sabemos que Roman Reigns vai vencer Brock Lesnar no Crown Jewel e que eles estão aqui para perceber quem é que vai defrontar o “Tribal Chief” no Survivor Series.

Quando os The Usos iam sair, Big E e Drew McIntyre começaram a discutir e os SmackDown Tag Team Champions desafiaram os dois lutadores para um combate de equipas. Depois de ambos aceitarem, parecia que Big E e Drew McIntyre iam continuar a discutir, mas ambos sofreram um Superkick dos The Usos.

– Xavier Woods venceu Ricochet (Primeira Ronda do King of the Ring): O primeiro combate desta noite começou de forma equilibrada, com os dois a apresentarem um estilo muito menos aéreo do que era esperado, isto até Ricochet com um Superplex incrível ter virado o ímpeto a seu favor.

O “One and Only” dominou durante alguns minutos, mas o lutador dos New Day estava decidido em seguir em frente neste torneio e quase venceu por várias vezes, sendo que Ricochet decidiu que estava na altura de meter a quinta mudança, mas acabou por voar contra a barreira de proteção. Xavier Woods meteu o seu adversário dentro do ringue e acertou a sua Elbow Drop para vencer este combate.

No balneário, Randy Orton estava sossegado e Riddle foi-lhe explicar que desafiou Omos para um combate neste Raw. O “Original Bro” explicou que estava a seguir os passos do “The Viper”, mas este explicou-lhe que na semana passada não tinha nenhum plano e que as coisas simplesmente aconteceram, e que ele nunca deveria ter desafiado Omos.

– Cedric Alexander & Shelton Benjamin venceram Mustafa Ali & Mansoor: O duo de Cedric Alexander & Shelton Benjamin entrou melhor e quando parecia que Mustafa Ali & Mansoor iam colocar a sua velocidade em combate, o duo do Hurt Business venceu o combate depois de um Michinoku Driver de Cedric Alexander em Mustafa Ali.

Depois do combate terminar, Mustafa Ali empurrou Mansoor mostrando-se irritado com mais uma derrota.

– Shayna Baszler venceu Dana Brooke (Primeira Ronda do Queen’s Crown): Dana Brooke tentou dar luta à “Queen of Spades” e procurou vencer com vários pins rápidos, mas no final bastou uma joelhada de Shayna Baszler para esta seguir para a semi-final do Queen’s Crown.

Nos bastidores tivemos a Raw Women’s Champion Charlotte Flair a dizer que todas as três lutadoras com quem vai partilhar o ringue no Raw de hoje estão abaixo dela e que espera que Sasha Banks conquiste o SmackDown Women’s Championship, pois ela já venceu a “The Boss” tantas vezes que assim terá a certeza que irá ter os dois títulos em sua posse em breve.

Ainda antes do combate começar, Riddle pegou no microfone e começou a dizer coisas sem nexo para ver se conseguia safar-se ao combate com Omos, sendo que o “Original Bro” ainda chamou por Randy Orton. AJ Styles farto disto mandou o árbitro começar o combate.

– Omos venceu Raw Tag Team Champion Riddle: Riddle ainda veio para fora do ringue atacar AJ Styles, mas dentro do mesmo Omos destruiu o “Original Bro”. AJ Styles não deixou o combate acabar e pediu ao seu guarda-costas para acertar o pontapé de karaté que ele sabe fazer. Já depois de terem sido vistas várias repetições, o “Phenomenal One” mandou o gigante terminar o combate e foi o que ele fez.

Depois do combate, AJ Styles parecia preparado para continuar a atacar Riddle, mas a música de Randy Orton tocou e o “Phenomenal One” mandou Omos ir esperar pelo “The Viper” perto da mesa de comentadores. Só que Randy Orton apareceu do outro lado do ringue e acertou um RKO em AJ Styles.

Nos bastidores, Drew McIntyre queria discutir com Big E, mas o WWE Champion explicou que os The Usos são 7 vezes campeões de equipas e por isso eles ou esquecem os problemas que têm um com o outro, ou então vão ter uma noite bastante longa pela frente. O segmento terminou com os dois a darem um “mega aperto de mão”.

Em seguida revimos o segmento entre Goldberg e Bobby Lashley que aconteceu no último Raw. Já no ringue, o “All Mighty” estava chocado por Goldberg o ter ameaçado de morte e que um Hall of Famer não pode dizer este tipo de coisas. Bobby Lashley explicou que apesar disso decidiu desafiar a lenda para um No Holds Barred Match porque este agora não passa de um cão raivoso e que alguém tem de o abater. O segmento terminou com o “All Mighty” a explicar que Goldberg não o consegue vencer, quanto mais matar.

No backstage tivemos Sasha Banks a explicar que hoje tem de confiar na mulher que perdeu o título para Becky Lynch e que é bom que ela siga as suas ordens. A “The Boss” afirmou que hoje irá vencer e no Crown Jewel irá conquistar o SmackDown Women’s Championship.

– Austin Theory venceu Jeff Hardy: Jeff Hardy entrou decidido a dar uma lição a Austin Theory, mas a maior velocidade do jovem fez com que este dominasse o veterano. A meio do combate o WWE 24/7 Champion Reggie apareceu a fugir de vários lutadores, causando a confusão…

Toda esta confusão fez o jovem perder a concentração e parecia que o “Charismatic Enigma” ia conseguir vencer, mas Austin Theory fugiu do Swanton Bomb e com um pin rápido, puxando as calças, venceu este embate.

De volta aos bastidores tivemos Bianca Belair a explicar que no Crown Jewel vai reconquistar o SmackDown Women’s Championship e que hoje no Raw irá mostrar porque é a “EST da WWE”.

– Jinder Mahal venceu Kofi Kingston (Primeira Ronda do King of the Ring): Os dois lutadores vieram para o ringue com duas estratégias bem diferentes e foi a força de Jinder Mahal que levou a melhor durante os primeiros minutos. Ainda assim, Kofi Kingston nunca se deixa vencer e quando estava a virar o ímpeto a seu favor, Veer & Shanky atacaram Xavier Woods. Isso distraiu o ex-WWE Champion e Jinder Mahal apanhou-o com o Khallas, seguindo assim em frente no King of the Ring.

Nos bastidores tivemos a SmackDown Women’s Champion Becky Lynch a dizer que já venceu as três lutadoras com quem vai partilhar o ringue neste Raw e que fazer equipa com Charlotte Flair é tão apelativo como estar num beco a cheirar mal, mas que vai liderar a sua equipa para a vitória e que no Crown Jewel irá reter o seu título.

Ainda antes do combate sequer começar, as quatro lutadoras decidiram que não iam sequer fazer equipa umas com as outras e tiveram uma brawl que durou vários minutos e teve de ser parada por vários árbitros e os oficiais da WWE.

– SmackDown Women’s Champion Becky Lynch & Raw Women’s Champion Charlotte Flair vs Bianca Belair & Sasha Banks (No Contest): Quando as quatro finalmente se acalmaram começou o combate, mas os ânimos estiveram sempre muito crispados e nenhuma destas Superstars quis seguir as regras ao ponto de terem lutado quando nem sequer eram as lutadoras legais. O caos foi tanto que o árbitro decidiu que hoje não dava para mais e terminou este combate em No Contest.

Ainda assim, as três lutadoras que vão lutar pelo SmackDown Women’s Championship no Crown Jewel continuaram a lutar e foi a campeã Becky Lynch que levou melhor no meio de todo este caos.

– Doudrop venceu Natalya (Primeira Ronda do Queen’s Crown): Natalya entrou decidida a vingar-se da lesão que Doudrop lhe causou há alguns meses e mostrou-se bastante agressiva, mas quando tentou aplicar o Sharpshooter, a adversária conseguiu contra-atacar e com um pin rápido segue em frente neste torneio.

Nos bastidores, as WWE Women’s Tag Team Champions Rhea Ripley & Nikki ASH viram John Morrison a meditar e perguntaram-lhe o que estava a fazer. O lutador explicou que estava a projectar o seu pensamento para o mundo. Nikki ASH ainda ofereceu palavras de apoio a John Morrison, tendo depois admitido a Rhea Ripley que não fazia ideia do que o lutador estava a dizer.

No backstage, Mansoor ia ser entrevistado, mas Mustafa Ali apareceu e começou a insultar o seu antigo parceiro de equipa por este não ser bom o suficiente e que ele é um perdedor. Mansoor ia retomar a entrevista, mas acabou por ser atacado por Mustafa Ali, com este a dizer que o lutador árabe sem ele não é ninguém.

– SmackDown Tag Team Champions The Usos venceram WWE Champion Big E & Drew McIntyre (por Count-Out): O duo do WWE Champion Big E & Drew McIntyre mostrou bom trabalho de equipa e entrou melhor neste main event, mas a maior química dos The Usos fez com que estes conseguissem isolar o campeão.

Os SmackDown Tag Team Champions dominaram durante vários minutos, mas Big E conseguiu sobreviver e fez o tag a Drew McIntyre, que entrou com tudo neste embate, mas a primeira quase vitória pertenceu aos The Usos. Quando parecia que Drew McIntyre se estava a preparar para vencer, Big E fez um blind tag no seu parceiro e o caos ficou instalado quando os The Usos atiraram os seus adversários um contra o outro.

O verniz estalou entre o WWE Champion Big E e Drew McIntyre e os dois começaram a lutar fora do ringue, e o árbitro não teve outro remédio que não fazer a contagem até 10, terminando assim o combate por count-out.

Já depois do combate terminar, os The Usos decidiram aproveitar o caos e atacar os seus adversários, mas Big E e Drew McIntyre viram-se livres dos irmãos e voltaram para o ringue.

Já no ringue foi “Scottish Warrior” que venceu esta brawl tendo acertado um Claymore Kick, deixando um aviso rumo ao WWE Championship Match do Crown Jewel.


O que achaste do WWE Raw desta semana?

21 Comentários

  1. António1 semana

    WWE RAW 👌🏽👌🏽👌🏽
    Que seja um show extraordinário , como sempre ! 🙌🏽🙌🏽🙌🏽

  2. Breno1 semana

    Cara, é absurdo o q estao fazendo com o Ricochet. Nem no aniversario dele, ele ganha

    • António1 semana

      Kkkkkkkk verdade ! Espero que tenha um maior destaque em breve, caso contrário, já sabemos o que acontece .

  3. joao (diferenciado)1 semana

    bom raw, gostava que os combates femininos fossem mais longos mas de resto nada a apontar

  4. Anomino1 semana

    Jhom Morrison vai virar top guy. Foi o que entendi sobre essa teaser dele. Já era hora

  5. Ronaldo1 semana

    Alguem pode me explicar o pq a Natalya estava na disputa do torneio pelo Raw, sendo q ela nao é do RAW?

  6. The Name1 semana

    Raw péssimo, mas já não é novidade nenhuma, booking muito fraco e estes combates das mulheres no torneio?
    Duraram menos que o combate entre a Shida e a Serena Deeb…
    John Laurinaitis odeia mesmo combates entre mulheres, não haja dúvidas o porquê de haver frustração na empresa!
    Raw é o pior show!

  7. Kay Orton1 semana

    obrigado pelo Women’s Evolution WWE 😍😍😍😍😍😍😍😍

  8. Gostei:
    – Promo de Drew McIntyre, que é interrompido por Big E e os Usos?! Eles não tem qualquer tipo de razão para estar no Raw, mas a justificação é ‘’fazemos parte da Bloodline’’. Ok. Vamos ver Drew McIntyre & Big E vs The Usos. O segmento termina com um duplo superkick dos heels. Um ótimo segmento, apesar da aparição aleatória.
    – Xavier Woods vs Ricochet. O Ricochet fez uma promo decente antes do combate. Sobre o combate em si, é ótimo. Xavier avança para as meias-finais.
    – Shayna Baszler vs Dana Brooke. Uma squash para Shayna. Dominou completamente, mas gostava que os combates femininos tivessem mais algum tempo… Até agora, todos os combates do Queen’s Crown juntos não passam a marca dos 6 minutos.
    – Segmento entre Drew McIntyre e Big E. É a storyline do ”será que conseguem coexistir?” que é algo de que não sou fã mas não achei este segmento mau.
    – Promo de Bobby Lashley. Uma boa promo de Lashley e, não acredito que vou dizer isto numa feud de Goldberg, estou a gostar da feud.
    – Promo de Sasha Banks. Uma boa promo.
    – Promo de Bianca Belair. Gosto da forma como Belair não tem medo de ninguém e desafia todas.
    – Jinder Mahal vs Kofi Kingston. Para a qualidade destes 2 (mais de Kingston em relação ao Mahal) até é um bom combate. Xavier arruma com Veer e Shanky, mas Mahal consegue aplicar o Khallas para avançar no torneio.
    – Promo de Becky Lynch. Uma boa promo de Becky.
    – Mansoor fala do que aconteceu. É interrompido por Ali e isto termina com Ali a atacar Mansoor, efetivamente separando a tag team. O segmento é bom e suponho que só fizeram isto para o Mansoor ter a sua grande vitória habitual na Arábia.
    – E & McIntyre vs Usos. Foi um ótimo combate. No entanto, o fim é horrível, com McIntyre e E a meterem-se à porrada e perdem por count-out…

    Não Gostei:
    – Entrevista com Woods & Kingston. Nada de mais.
    – Segmento com os RKBro. É decente, mas já vimos melhor destes 2.
    – Ali & Mansoor vs Benjamin & Alexander. Uma squash que deixa bem Cedric & Shelton. Ainda bem. Após o combate, Ali, farto, empurra Mansoor. Já vão separar esta tag team?
    – Promo de Charlotte Flair. É a promo típica da Charlotte.
    – Segmento entre Riddle, AJ & Omos. Meh.
    – Riddle vs Omos. Omos dominou. Chega a acertar um kick que até foi bom, mas depois insistiram nas repetições e o isto arrastou-se imenso. Omos vence.
    – Jeff Hardy vs Austin Theory. Estava a ser algo até a malta do 24/7 decidir aparecer. Quando eles se vão embora, Jeff tenta vencer mas a distração é suficiente para Theory vencer com alguma batota. Podiam ter feito melhor.
    – Flair & Lynch vs Belair & Banks. As 4 estavam a ter um bom combate até acabar por Double Count-Out. É reiniciado. Volta a ficar bom mas Bianca decide atacar Sasha… depois Becky e Sasha metem-se à bulha com Becky a sair por cima. 2 combates que estavam a ser bons, 2 combates arruinados pelos finais horríveis.
    – Os Usos recebem uma chamada de Roman. Foi decente, mas curto.
    – Natalya vs Doudrop. O combate mais longo do torneio até agora (2:55). Foi decente, mas deem tempo à malta.
    – John Morrison estava a meditar mas é interrompido por Ripley & Ash. Segmento decente. No entanto, altamente estranho.
    – Após o main event, os Usos atacam Drew e Big E. Os faces conseguem revirar mas Drew acerta um claymore em Big E. Podia ter acabado o show de forma melhor…

    Overall: 6/10. Definitivamente o pior Raw do último mês. Muitos segmentos cheios de nada e pouco em ring, com quase todos os combates a serem ou curtos ou com maus finais. Deste show, percam só tempo a ver Xavier vs Ricochet.

  9. ??1 semana

    Mais um show fraco como sempre.

  10. Porque raios é que a Doudrop teve de vencer por roll up um combate contra a Natalya meu deus… ela recém subiu ao main Roster e este torneio é uma ótima oportunidade para mostrar sua move-set e fazem isto… ridículo e péssimo.

    O combate tag não tenho nada a criticar, adorei a Brawl no início e o clima durante o combate. São 4 estrelas mesmo, a Bianca e o Riddle acho que são as maiores apostas do call up de 2020 do NXT.

  11. El Cuebro7 dias

    O Drew vai ser o heel da história com o E então?! E o que a WWE está fazendo com sua divisão feminina hein, se você não está no topo você não pode ficar mais do que 4 minutos lutando num ringue é isso?! Que vergonha! E muito injusto o Ricochet ter perdido, acho que ele estaria muito melhor fora da WWE e não seria o único nessa situação, o Ali também, tiveram que desmanchar a dupla dele para dar uma luta solo para o Mansoor no Crown Jewel, nada contra o cara, mas puxar o saco da Arábia Saudita assim está ficando ridículo!

    • Têm que agradar ao ditador da Arábia Saudita, afinal ele é peça essencial nos excelentes resultados financeiros que a WWE apresenta

  12. Isto foi tudo tão horrível que nem consigo perder o meu tempo a analisar este show.
    Agradeço apenas ao tipo do Whatculture pelo sacrifício de ter que assistir a este show para que eu possa perceber o que se passou
    Mau demais, o costume

  13. Episódio fraquinho. A meu ver só se safou o segmento inicial entre Big E, Drew McIntyre e The Usos, Xavier Woods vs Ricochet e a promo de Bobby Lashley. Tudo o resto foi abaixo do que podem (e devem) entregar.

  14. Anónimo7 dias

    Bom segmento entre McIntyre, Big E e Usos. Bom combate entre o Ricochet e Xavier Woods. Gostava que o combate de Tag Team feminino não tivesse acabado daquela maneira, estava a ser bom, mas o final não ajudou. Destaco também o main event, apensar do final, foi um bom combate.

  15. Foi um RAW um pouco fraco, destaque entre os segmentos de Big E, Drew e os Usos!