A WWE transmitiu esta segunda-feira mais uma edição do Raw na USA Network, a partir do ThunderDome no Tropicana Field em São Petersburgo, na Flórida, quando faltam menos de duas semanas para o Royal Rumble.

Resultados

– WWE Women’s Tag Team Champion Charlotte Flair venceu Peyton Royce
– Mace venceu Xavier Woods
– Shayna Baszler venceu Mandy Rose
– AJ Styles venceu Ricochet
– Hurt Business (Raw Tag Team Champions Cedric Alexander & Shelton Benjamin & WWE United States Champion Bobby Lashley) venceram Lucha House Party (Gran Metalik & Lince Dorado) & Riddle
– Jeff Hardy venceu Jaxson Ryker (por desqualificação)
– Alexa Bliss venceu WWE Women’s Tag Team & Raw Women’s Champion Asuka (Non-Title Match)

Report

O Raw abriu com um video package de homenagem a Martin Luther King.

Já no que toca ao Wrestling, tivemos um segmento de Randy Orton onde este apareceu com uma máscara para proteger as suas queimaduras. O lutador falou de não ter pegado fogo a Alexa Bliss como deveria ter feito e que se odeia por isso, e que agora está como está por ter mostrado compaixão e que essa compaixão se foi embora no momento em que a bola de fogo lhe tocou na cara.

“The Viper” explicou no entanto que é um homem de sorte, porque podia ter saído completamente desfigurado, mas não. Randy Orton também explicou que não culpa Alexa Bliss, mas sim “The Fiend” e que foi ele o responsável pelo que lhe aconteceu, pois este só o quer fora do Royal Rumble, mas que lhe podem cortar todos os seus membros, que ele irá ao pay-per-view vencer o combate e ser o main event na WrestleMania 37.

Em seguida vimos imagens de algo que aconteceu mais cedo nesta segunda-feira, com Ric Flair e Lacey Evans a serem interrompidos por Charly Caruso. A “Sassy Southern Belle” mostrou-se irritada pelas insinuações e que ela só está a aprender com o melhor de sempre.

– WWE Women’s Tag Team Champion Charlotte Flair venceu Peyton Royce: Peyton Royce atacou Charlotte Flair ainda antes da campainha tocar e por isso quando o combate começou a agressividade estava em alta. A “Queen” teve o controlo durante alguns momentos, mas Peyton Royce acabou por dominar a adversária por alguns minutos.

Quando a “Queen” estava de novo no domínio, tocou a música de Ric Flair, que veio acompanhado por Lacey Evans, que estava vestida com um dos míticos robes do “Nature Boy”.

Ainda assim, depois de vários minutos de domínio, Charlotte Flair reconquistou o ímpeto neste combate, enquanto desafiava Lacey Evans a vir ao ringue. No final, a “Queen” conseguiu meter a 5ª mudança e aplicou o seu Figure 8-Leg Lock para a vitória. Depois do combate, a manobra continuou aplicada numa mensagem para Lacey Evans, até que o árbitro conseguiu parar Charlotte Flair.

Nos bastidores tivemos os Hurt Business a darem de caras com Riddle e este começou a gozar com o grupo liderado por Bobby Lashley. Foi o “All Mighty” que fez Riddle pagar pela brincadeira, com um valente pisão no seu pé.

Em seguir tivemos uma promo de Mustafa Ali de como espera que Kofi Kingston fique de fora até depois da WrestleMania, para que ele possa sentir o que ele próprio sentiu no passado.

– Mace venceu Xavier Woods: Xavier Woods tentou usar a sua velocidade para ganhar o controlo do combate, mas a força de Mace foi um grande problema para o membro dos New Day. Depois de um domínio de vários minutos, a experiência e velocidade de Xavier Woods veio ao de cima e quase conseguiu controlar Mace. Só que o facto de os outros três lutadores dos RETRIBUTION estarem fora do ringue foram distração suficiente para que Mace conseguisse vencer Xavier Woods.

Em seguida tivemos o vídeo de anúncio das datas e localizações das próximas três WrestleManias.

De regresso ao ringue tivemos mais uma edição da Alexa’s Playground, com Alexa Bliss a gozar com o que aconteceu a Randy Orton, isto antes de chamar a Raw Women’s Champion Asuka ao ringue. A “Empress of Tomorrow” mostrou-se bastante feliz por estar ali com Alexa Bliss, que de vez em quando falava sozinha enquanto falava com a japonesa.

A cada vez mais estranha Alexa Bliss também anunciou que ia entrar no Women’s Royal Rumble Match, e no final do segmento Asuka mencionou o “The Fiend”, o que tirou Alexa Bliss do sério, mas a “Empress of Tomorrow” ainda tentou confortar a sua adversária desta noite.

Esta edição do Alexa’s Playground acabou com Alexa Bliss a montar o cavalo de baloiço que tinha no seu recreio.

Já nos bastidores tivemos Shayna Baszler a dizer que vai vencer o Women’s Royal Rumble Match, o que fez Nia Jax mostrar-se agastada com a conversa da sua parceira. No combate vai ser cada uma por si.

– Shayna Baszler venceu Mandy Rose: Shayna Baszler atacou o braço esquerdo de Mandy Rose desde o primeiro segundo. Mandy Rose ainda deu bastante luta, mas a maior experiência e agressividade da “Queen of Spades” foi o suficiente para obter a vitória sobre a “Golden Goddess”.

Depois do combate, Shayna Baszler e Nia Jax começaram a discutir, mas a troca de palavras foi interrompida por um dropkick de Dana Brooke que fez as duas lutadoras chocarem.

Nos bastidores, Shayna Baszler e Nia Jax foram entrevistadas e as duas mostraram-se despreocupadas por não se darem bem, porque na realidade nunca se deram bem e que agora é a altura certa para terem a sua desforra pelos WWE Women’s Tag Team Championships.

Noutra zona do backstage tivemos Charlotte Flair, que se mostrou irritada por tudo o que Lacey Evans está a fazer, mas que ela até pode usar o robe do “Nature Boy”, mas nunca terá a sua coroa, pois nunca será tão boa como ela.

Ainda nos bastidores tivemos o oficial Adam Pearce a falar com Ricochet, com este a agradecer por ter um Men’s Royal Rumble Qualifying Match. AJ Styles interrompeu a conversa entre os dois e começou a gozar com Adam Pearce, antes de dizer que Ricochet vai perder neste Raw.

– AJ Styles venceu Ricochet: Este combate começou a 100 à hora, o que beneficiou Ricochet que conseguiu dominar AJ Styles sem problemas.

O problema foi Omos, que acabou por apanhar um salto de Ricochet e o deixar cair no chão, o que ajudou o “Phenomenal One” a ter o ímpeto do seu lado. Depois de um domínio de vários minutos, a velocidade de Ricochet voltou a ser um factor de desequilíbrio, sendo que o “One and Only” quase venceu por várias vezes.

AJ Styles acelerou no final e também ele quase venceu este combate, mas Ricochet estava decidido a dar tudo. No entanto, o “Phenomenal One” acabou por acertar um dos mais fenomenais Styles Clash da sua carreira para garantir a vitória no combate.

A seguir tivemos uma edição do Dirt Sheet com The Miz e John Morrison, que tiveram como convidado Goldberg… ou melhor isso foi o anunciado, pois quem tivemos foi Gillberg.

Gillberg começou a gozar com Goldberg e foi então que tivemos “Drew McIntyre” a vir ao ringue.

O segmento descambou quando o “Drew McIntyre” se enganou e perguntou se isto dava para cortar ou não, o que tirou The Miz do sério. O segmento terminou com o “A-Lister” a dizer que tanto Goldberg e Drew McIntyre vão perder no Royal Rumble e que ele é o next… enquanto ergueu a sua mala do Money In The Bank.

– Hurt Business (Raw Tag Team Champions Cedric Alexander & Shelton Benjamin & WWE United States Champion Bobby Lashley) venceram Lucha House Party (Gran Metalik & Lince Dorado) & Riddle: Cedric Alexander cheio de bazófia quis começar o combate, mas acabou por sofrer às mãos da Lucha House Party, enquanto Shelton Benjamin e Bobby Lashley se recusaram a entrar. Quando finalmente os dois veteranos do Hurt Business decidiram entrar em ringue, o trio dominou o combate, mas Cedric Alexander ia entrando sempre que podia com blind tags.

Como seria de esperar, o verniz acabou por estalar e Shelton Benjamin com um simples empurrão fez Cedric Alexander voar para fora do ringue.

Ainda assim, os Hurt Business dominaram durante alguns minutos, até que Lince Dorado conseguiu deixar Cedric Alexander tempo suficiente no chão, para colocar Riddle em combate.

O “Original Bro” virou este Six-Man Tag Team Match completamente do avesso, sendo que quando Gran Metalik entrou em combate, Shelton Benjamin fez com que o mesmo ficasse quase ganho, mas Cedric Alexander tentou vencer sozinho. Quem não achou piada nenhuma a isto foi o WWE United States Champion Bobby Lashley, que também ele fez um blind tag e acabou por destruir Gran Metalik, e assim os Hurt Business venceram.

No final, enquanto os Raw Tag Team Champions discutiam, Riddle deu um pontapé a Bobby Lashley, o que deixou todo o Hurt Business irritado.

No balneário de Elias, o músico e Jaxson Ryker ainda estavam a falar sobre o que aconteceu no Raw da semana passada, sendo que o cantor estava a dizer que o seu seguidor deveria ter interferido no combate.

Em seguida tivemos mais uma mensagem do WWE Champion Drew McIntyre, a dizer que se divertiu com o Dirt Sheet, mas que no Royal Rumble irá vencer Goldberg, mas que se este não gosta do que está a ouvir, o WWE Champion vai estar de regresso no próximo Raw.

– Jeff Hardy venceu Jaxson Ryker (por desqualificação): Jaxson Ryker usou a sua força para dominar Jeff Hardy durante vários minutos, mas este nunca desiste e quando parecia que tinha criado ímpeto suficiente para acertar o Twist of Fate, Elias atacou o seu rival e assim Jaxson Ryker foi desqualificado.

Elias e o seu seguidor discutiram durante alguns momentos, mas Jeff Hardy tentou atacar Jaxson Ryker, que ainda assim com um Bossman Slam deitou o “Charismatic Enigma” por terra.

– Alexa Bliss venceu WWE Women’s Tag Team & Raw Women’s Champion Asuka (Non-Title Match): Ao contrário do esperado, o combate começou de forma técnica, o que surpreendeu Asuka, mas quando esta conseguiu ganhar o domínio, deixou Alexa Bliss em apuros. Quando isso aconteceu, as luzes do ThunderDome apagaram-se e foi então que tivemos uma versão diferente e mais sombria de Alexa Bliss dentro do ringue, algo que deixou a japonesa assustada.

Apesar disso, a “Empress of Tomorrow” tentou atacar estava versão do lado negro de Alexa Bliss, mas tudo o que a campeã fez foi ineficaz. Apesar de intimidada, Asuka continuou a atacar Alexa Bliss, mas esta parecia ser quase indestrutível como o “The Fiend”, e no final tivemos um Sister Abigail a dar-lhe a vitória.

Depois do combate, Alexa Bliss voltou à sua versão mais jovial e terminou o Raw dizer “Let Me In” enquanto se ouvia a voz do “The Fiend”.


O que achaste do WWE Raw desta semana?

37 Comentários

  1. RaiboWWE-TCGSCOC1 mês

    Ainda não percebi se o Randy Orton está a usar a máscara, para “vender” a bola de fogo da Alexa Bliss, na semana passada, ou, se de facto, ele se magoou a sério com aquela bola de fogo.

    E se as queimaduras de primeiro grau, são, de facto, reais, ou se é maquilhagem
    Confesso que não sei.

  2. Hugo1 mês

    Bom…
    A Wwe desde que descobriu que ao não ter público,pode fazer uso e abuso do copy paste não quer outra coisa.

    • Facebook Profile photo

      Se bem usado é um ouro de audiência, entretenimento e faz as promos e os shows serem melhores, mas se abusarem ai já começa a perder a graça e fica repetitivo, mas até agora estou gostando do que vejo.

  3. Facebook Profile photo

    Raw razoável! 7.5 (de 0 a 10) do Bruno Meltzer Lesnar

  4. Mirandelas1 mês

    Cheira-me que o the fiend regressa na Royal Rumble para eliminar o Randy Orton. E Randy Orton custa a Alexa Bliss a Royal Rumble match

  5. BigMando1 mês

    A personagem da Alexa Bliss está cada vez mais interessante

  6. Jonathan1 mês

    Não entendo o que a wwe esta a fazer com jeff hardy… Sempre a perder, quando ganha, sempre com muita dificuldade….Deveria ser valorizado..

    • O jeeff nak tem nads a provar nem precisa de titulos nem nada, ele esta em fin de carreira e ja tem grsnde historial na wwe, agora ele esta mais focado em ajudar ou tentar ajudar outros a se elevar

  7. David Machado1 mês

    Alexa Bliss, Randy Orton e “The Fiend” são simplesmente ouro atualmente. É impressionante a diferença de qualidade dos segmentos deste trio para o resto do show. Fosse o raw de 2h, juntando lhe a estes 3 o Drew, o Hurt Bussiness, Aj Styles, Miz & Morrison e mais um ou outro e tinhamos aqui o melhor programa semanal (ou pelo menos um dos). Infelizmente temos de levar com mais uma hora de historias sem sal, videos da semana passada e fillers. Mesmo assim este raw esteve a um bom nivel comparando com os recentes episodios.

    • Rolf1 mês

      Vi no youtube um comentário a dizer que o Randy Orton agora é “El Viper” ahahahah

    • Rolf1 mês

      Enganei no comentário 🤣

  8. Dreamer1 mês

    Já consigo ver outros sites (que não este) publicando coisas como “Randy Orton se juntando aos Lucha House Party? Entenda o caso:”

    • Rolf1 mês

      Vi no youtube um comentário a dizer que o Randy Orton agora é “El Viper” ahahahah

    • Dreamer1 mês

      El Vibora! Nem soaria tão mal hahaha

  9. Facebook Profile photo
    Tiago1 mês

    A Alexa Bliss é Pure gold.

    • Wolf1 mês

      Asuka foi muito bem no seguimento com a Bliss. Por sorte o Bray tem liberdade de criação para seu personagem e sua história.

  10. Wolf1 mês

    Seria um absurdo a Bliss ser considerada favorita para vencer o RR?

    • The Phenomenal One1 mês

      Não, mas acho que o Randy Orton irá lhe atrapalhar e acabará perdendo o combate.

    • Wolf1 mês

      Bom eu acho que de alguma forma vão levar Bliss, Orton e The Fiend para a WM, já que é o seguimento que mais tem audiência. Roman e sua feud, Hurt chatos business e a família do eterno 616 já deram o que tinha que dar.

    • Wolf1 mês

      A sim o ódio pelo goldberg ter uma luta valendo cinturão causou mais ódio ainda nos EUA.

  11. Mais um episódio ok do Raw. Destaco como melhores momentos: a promo de Randy Orton, o ótimo combate entre AJ Styles e Ricochet (este merece mais e melhor), o segmento entre Alexa Bliss e Asuka e o main event entre elas.

  12. The Phenomenal One1 mês

    Gostei desse episódio do Monday Night Raw, bom saber que sua qualidade está subindo (mesmo que lentamente), aqui vão meus destaques:
    • Ótima promo inicial do Randy Orton, vendeu bem suas “queimaduras leves”
    • Ótimo combate entre AJ Styles e Ricochet, com o “One and Only” mostrando uma incrível garra, mas acabou perdendo para o mais experiente “Phenomenal One”, que assim, já impediu dois lutadores de participarem do Men’s Royal Rumble Match, semana passada foi o Drew Gulak, e ontem foi o Ricochet.
    • Ótimo Alexa’s Playground, com a Asuka se mostrando feliz e assustada ao mesmo tempo, fez um bon trabalho, e a Alexa como sempre foi excelente.
    • Boa continuação dos desentendimentos entre Cedric Alexander e Shelton Benjamin, o combate não foi tão bom porquê praticamente só queriam mostrar os desentendimentos entre os Raw Tag Team Champions, mas vamos ver o que se segue, tomara que não se separem agora, pois o Hurt Business é uma excelente stable e sem dúvida foi a melhor coisa que já aconteceu nas vidas de Bobby Lashley, Cedric Alexander e Ricochet.
    • Bom combate entre a Raw Women’s Champion Asuka e a Alexa Bliss, com a transformação da Alexa para uma versão feminina do “The Fiend”, vamos ver se a “Goddess of WWE” continuará com essa personagem “imbatível” nos seus combates, ou será uma vez ou outra.
    Obs: Bom saber que o Drew McIntyre voltará semana que vem, já deve ter se recuperado da Covid-19 para afirmar que estará presente no Raw de semana que vem, o único problema é que com isso, também deveremos ter Goldberg semana que vem, e provavelmente o Hall of Famer vencerá no Royal Rumble e conquistará o WWE Championship.

  13. Lay-Cool1 mês

    O Sister Abigail foi o melhor presente que a Alexa poderia receber. Ela aplica muito bem esse finisher, muito melhor que o DDT

  14. Foi um bom RAW!
    – Gostei da promo do Randy Queimadinho, esteve muito bem e têm um visual creapie, vamos ver no que isto vai nos dar.
    – Gostei do segmento da Alexa Bliss e do seu playground, também ela foi o destaque do RAW e o combate em si foi interessante contra a Asuka!
    – Foi engraçado o Dirt Sheet do Miz/Morrison, não estava nada à espera de ver o Gillbert e o Drew Mclntyre gordo no ringue! 🤣
    – Bom combate entre AJ Styles e Ricochet, penso que o AJ Styles parece que está a elevar os lutadores como aconteceu com o Drew Gulak
    – Destaque para a teimosia de Cedric Alexander para com os Hurt Business, veremos o que irá dar!
    – Melhor vai para a Asuka que mencionou o meu nome em pleno RAW, muito obrigado Asuka, ganhei o meu dia! 🤣

  15. El Cuebro1 mês

    E temos a versão Fiend da Alexa, batom preto e o Sister Abigail dela me pareceu melhor que os do Bray hein, olho nisso! No mais Cedric poderá se rebelar na Hurt Business?

  16. Mais um RAW fraco.
    Destaco apenas o bom match entre o Ricochet e o AJ,a promo do Orton que vendeu bem a fire ball e esta nova versão da Alexa.

    • Wolf1 mês

      Já pensou se o F. Bálor vence o RR e temos The Fiend x Demon King na WM? Mas a wwe mais uma vez vai por o roman lá…

  17. Quem diria que um belo dia eu ia ver a Alexa vencendo a Asuka de forma “limpa” e ainda ia torcer para a Bliss tirar o título da japonesa 🤔😂

  18. mrdb1 mês

    alexa bliss é a melhor coisa da raw actualmente

  19. Pedrito1 mês

    Destaco a promo do Orton no início do Raw e claro o magnífico segmento da Bliss ela é um diamante em bruto e está a fazer uma performance magnífica desempenho 5 estrelas!

    • Pedrito1 mês

      E a transformação da Alexa no combate contra a Asuka foi de génio também!

  20. Anónimo1 mês

    Boa promo do Randy Orton. Bom combate entre o AJ e Ricochet.

  21. RAW bem abaixo.
    Destaco:
    – boa promo do Orton
    – bom combate entre o AJ Styles e o Ricochet (aquele Styles Clash🔥)
    – bom tudo o que envolveu a Alexa e a Asuka.

  22. Facebook Profile photo

    Comentário sobre o show:

    – Apesar da péssima maquiagem, gostei bastante da apresentação do Randy Orton e da respetiva promo. Talvez um pouco longa demais. 👌🤔
    – Ficamos a perceber que a Lacey e o Ric têm um caso 🤷‍♂️
    – Bom combate entre a Peyton e a Charlotte. A interrupção foi expectável, no entanto, após o intervalo, foi como não tivesse acontecido… A Lacey e o Ric se evaporaram? 👎
    – Segmento entre HB e o Riddle foi razoável. Penso que o Riddle está “enterrado” com esta personagem que esta a assumir. O pisão foi absolutamente ridículo, nem lhe toca em primeiro lugar e, em segundo, o Riddle fica a se queixar do pé errado. 👎
    – Mace derrota Woods num combate fraco e atrapalhado. Gostei da promo do Mustafa Ali. Será que a storyline com o Ricochet terminou ou foi “esquecida”? 👎🤔
    – Asuka mais uma vez a mostrar que a WWE não quer saber do seu talento nem do seu carisma. Segmento ridículo com a Alexa e combate absolutamente mau e danificador para a imagem de campeã da Asuka que já não era a melhor. Péssimo reinado! Culpa do Booking. Antevejo Bliss vs Charlotte na WM pelo título. 👎🙄🤮
    – Shayna num combate normal com a Mandy, nada de especial. 🤷‍♂️
    – Ricochet procura tentar provar que merece estar no Rumble… Como é possível alguém com este talento estar num nível tão baixo no card? 👎
    – Combate entre Ricochet e Styles bastante bom, onde aconteceu o momento da noite quando a sequência até o Styles Clash. 👌👏
    – Segmento do Miz e Morrison mais uma vez a provar que a WWE pensa que a sua “fanbase” são paus mandandos e que vão sempre alinhar e permitir publicidade falsa e enganosa para ter manter o povo agarrado na 3a hora 👎👎👎
    – No entanto, fiquei contente por ver que o Gillberg se encontra bem de saúde tendo em conta que teve um ataque cardíaco em Novembro. 👌
    – Combate six-man Tag foi mais a criação de um angle do que outra coisa qualquer. 🤷‍♂️
    – Promo do Drew a promover a sua presença no “go-home show” 👌

    Mais um episódio relativamente fraco. Sem duvida, a Raw tem sido o pior show da semana já à algum tempo. De lamentar o que estão a fazer com a Asuka, infelizmente, neste momento os titulos na sua posse são apenas um acessório sem relevância.

    De 0 a 10, avalio com 4 este show. Apenas pelo primeiro combate e pelo Ricochet vs Styles.

    Abraço a todos!

  23. Leonardo1 mês

    Eu Acho Que The Miz Vai Quebrar a Cara. Adan Pearce, Devolveu Apenas A Mala do Monei In The Bank, Sem o Contrato Dentro