A AEW transmitiu esta quarta-feira uma edição especial do Dynamite no canal TNT, apelidada de Road Rager, que marcou o início do regresso à estrada da promotora e de uma série de quatro especiais que a mesma realizará em Julho. Este Dynamite Road Rager aconteceu no James L. Knight Center, em Miami, Flórida.

O AEW Dynamite Road Rager foi transmitido na FITE TV. Subscreve aqui!

Resultados

– Cody Rhodes venceu QT Marshall (South Beach Strap Match)
– The Pinnacle (Wardlow, Cash Wheeler & Dax Harwood) venceram Inner Circle (Jake Hager, Santana & Ortiz)
Andrade El Idolo venceu Matt Sydal
– Orange Cassidy & Kris Statlander venceram The Blade & The Bunny (Mixed Tag Team Match)
– AEW World Tag Team Champions Young Bucks (Matt & Nick Jackson) venceram Eddie Kingston & Penta El Zero Miedo (Street Fight)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Cody Rhodes venceu QT Marshall (South Beach Strap Match): O primeiro combate do Dynamite viu Cody Rhodes a entrar de forma dominante, sendo que QT Marshall só conseguiu virar o ímpeto quando Aaron Solow atacou o seu rival. Como seria de esperar, a strap começou a ser usada como arma e isso fez com que os dois lutadores fossem trocando o ímpeto deste opener.

Com o passar dos minutos, o cansaço e as marcas da strap foram começando a aparecer, mas Cody Rhodes foi sobrevivendo a todos os ataques de QT Marshall e virou o ímpeto a seu favor. Quando o seu rival lhe cuspiu em cima, o “American Nightmare” irritou-se de tal forma e acertou três Cross Rhodes e tocou nos quatro cantos do ringue para assim vencer este combate.

De seguida tivemos imagens de uma promo de Shawn Spears e este estava a explicar porque atacou Sammy Guevara, mas acabou atacado por uma cadeirada do “Spanish God”, que lhe disse que a rivalidade entre eles está longe de ter acabado.

De regresso ao ringue tivemos Tony Schiavone a entrevistar o AEW World Champion Kenny Omega, que como sempre veio acompanhado por Don Callis. Este começou a relembrar todos os lutadores que Kenny Omega já venceu durante este seu reinado e que já não há mais ninguém para o campeão enfrentar. Foi então que a Dark Order voltou a vir ao ringue e Evil Uno questionou porque é que o AEW World Champion continua a ignorar “Hangman” Adam Page.

Kenny Omega acabou a atacar Evil Uno e tivemos então uma brawl entre a Dark Order e The Elite, isto até “Hangman” Adam Page vir ajudar os seus amigos e sozinho dar conta dos The Elite. O segmento terminou com um cara a cara entre Adam Page e o AEW Champion Kenny Omega, antes do campeão conseguir fugir.

A seguir tivemos Jim Ross a entrevistar Ethan Page e Darby Allin, e o ex-TNT Champion começou por dizer que o seu rival tem inveja dele, por ele ter chegado primeiro à AEW. Ethan Page confirmou que isso era verdade, mas que se não fosse ele, Darby Allin não seria ninguém no mundo do Wrestling, que foi ele que fez de Darby Allin uma estrela, também será ele que vai terminar a carreira do seu rival no Coffin Match na próxima semana.

– The Pinnacle (Wardlow, Cash Wheeler & Dax Harwood) venceram Inner Circle (Jake Hager, Santana & Ortiz): O combate começou se forma agressiva e foi o trio do Inner Circle a levar a melhor nos primeiros momentos, mas o Wardlow & FTR conseguiram isolar Santana e assim dominar durante alguns minutos. Só que este conseguiu fazer o tag a Ortiz, que entrou bem no combate, mas rapidamente foi também ele dominado pelo trio dos The Pinnacle.

Quando Ortiz fez o tag a Jake Hager este virou o combate do avesso e pediu para que Wardlow entrasse em ringue. Os dois começaram ao soco como só eles sabem e até parecia que o lutador dos Inner Circle estava melhor, mas Tully Blanchard distraiu a árbitra e deu espaço para que os FTR acertassem o seu Big Rig e assim Wardlow pudesse vencer.

Assim que o combate terminou, Konnan queria fazer frente a Wardlow, mas foi atacado pelas costas por Tully Blanchard.

A seguir tivemos um video package a promover o combate que acontecerá na próxima semana, na primeira noite do Fyter Fest, entre Karl Anderson e o IWGP United States Champion Jon Moxley.

De seguida tivemos o cara a cara entre MJF e Chris Jericho, que ia sendo interrompido pela tentativa de um fã entrar no ringue. O jovem lutador disse que era triste o “Le Champion” andar a suplicar por um combate contra ele. Já Chris Jericho disse que aceitava qualquer estipulação, até fazer sexo com a mãe de MJF…

MJF começou então a explicar que Chris Jericho vai ter de ultrapassar com sucesso o “The Labours of Hercules”, em que terá de vencer quatro lutadores à escolha do líder dos The Pinnacle, em quatro combates com estipulações diferentes e todos seguidos. Se os vencedor, aí sim poderá voltar a lutar contra ele contra MJF.

Chris Jericho aceitou o desafio e para o provocar, MJF disse que ele tinha de lhe apertar a mão para consumar o acordo. O segmento terminou com o “Le Champion” a acertar o Judas Effect no seu rival.

Nos bastidores tivemos Tony Schiavone a entrevistar a AEW Women’s World Champion Britt Baker e esta acusou Nyla Rose de lesionar Rebel de forma propositada e que Tony Khan devia ter vergonha pelo que aconteceu, mas quando enfrentar a sua rival vai vencê-la e continuar a “Era da DMD”. Na promo, Britt Baker também provocou a WWE.

– Andrade El Idolo venceu Matt Sydal: A estreia de Andrade El Idolo começou de forma equilibrada, sendo que Matt Sydal estava a tentar impor o ritmo que mais lhe interessava, mas o estreante virou o ímpeto a seu favor e começou ele a dominar. O domínio do mexicano durou alguns minutos, mas Matt Sydal resistiu e começou a ter algum ímpeto, mas “El Idolo” não estava para brincadeira e com um Hammerlock Flatliner venceu o combate.

Assim que o combate terminou, Andrade El Idolo atacou Matt Sydal para marcar ainda mais a sua posição.

Em seguida tivemos Christian Cage e Matt Hardy a falar da sua rivalidade e onde se soube que os dois vão enfrentar-se na primeira noite do Fyter Fest, que se realizará na próxima semana.

Em ringue, Arn Anderson foi entrevistado por Tony Schiavone, mas as luzes apagaram-se, algo que já tinha acontecido durante o South Beach Strap Match de Cody Rhodes e QT Marshall. Quando as luzes voltaram, Malakai Black (Aleister Black) estava em ringue e atacou primeiro Arn Anderson e depois Cody Rhodes, ambos com um Black Mass, tendo assim deixado uma mensagem enfática na sua primeira presença na AEW.

A seguir tivemos imagens de uma promo de Ricky Starks que aconteceu antes do Dynamite, em que este insultou Brian Cage, irritou-se com Taz e ainda falou da mulher do “The Machine”. Como seria de esperar, Ricky Starks acabou a fugir de Brian Cage, que atacou os três seguranças que o seu parceiro de grupo tinha em ringue.

– Orange Cassidy & Kris Statlander venceram The Blade & The Bunny (Mixed Tag Team Match): O pouco ortodoxo duo de Orange Cassidy & Kris Statlander entrou melhor neste combate, mas um pouco de batota por parte de The Blade & The Bunny fez com que estes começassem a dominar. O casal dominou durante alguns minutos, mas Orange Cassidy conseguiu virar o combate do avesso, mas parecia que a sua equipa ia perder quando The Blade acertou no rival com uma soqueira. Porém, Kris Statlander fez o tag e isso obrigou a que The Bunny viesse para o ringue, e a ET residente da AEW acertou o Big Bang Theory na adversária e venceu o combate.

Logo a seguir e de forma inesperada tivemos Dan Lambert, o fundador da American Top Team, e este começou a insultar a AEW e a dizer que o Wrestling não é bom desde os anos 90, e que se ele quer ver bom Wrestling, tem de ver cassetes antigas. Isto durou até que Lance Archer se fartou de ouvir Dan Lambert e veio ao ringue atacá-lo com o seu Blackout.

– AEW World Tag Team Champions Young Bucks (Matt & Nick Jackson) venceram Eddie Kingston & Penta El Zero Miedo (Street Fight): A Street Fight começou logo caótica e agressiva, como seria de esperar. O que também era de esperar era que os candidatos principais Eddie Kingston & Penta El Zero Miedo se sentissem mais confortáveis num combate deste género, sendo que várias armas começaram a aparecer desde cedo.

Com o passar dos minutos, os AEW World Tag Team Champions Young Bucks conseguiram controlar os seus adversários e assim dominar durante algum tempo, mas os candidatos principais, em especial Penta El Zero Miedo com a sua velocidade, começaram a virar o combate do avesso.

No entanto, os Young Bucks decidiram atacar o árbitro para que os Good Brothers viessem para o ringue para os ajudar, e Frankie Kazarian também apareceu. Já com pioneses espalhados no ringue, tivemos Nick Jackson a acertar uma Hurricanrana do terceiro canto em Penta El Zero Miedo. De seguida, os Young Bucks colocaram vários pioneses na boca de Eddie Kingston e acertaram um Superkick, e assim retiveram os seus títulos.


O que achaste deste AEW Dynamite Road Rager?

39 Comentários

  1. Dancan4 semanas

    Vitória de Andrade e Tommy End atacando Cody. O show de hoje realmente está insano!

  2. Italo DX4 semanas

    Agora vou assistir AEW

  3. Kay Orton4 semanas

    MALAKAI BLACK IS ALL ELITE !!!!!!
    O HOMEM ESTÁ LIBERTO DA PRISÃO !!!!

    só quero meu homem Murphy tendo sua liberdade agora

  4. Os bucks ja enjoam… creio q sao eles q gerem a divisao tag team (posso estar enganado) prq isto ja parece uma ego trip..tao se agarrar demasiado aos titulos pa terem relevancia, e acabam por dar cabo das outras tag teams… esta na altura d dar destaque aos ftr, the acclaimed, lucha brothers, ortiz e santana, good brothers, best friends, private party.. reclamam da divisao feminina mas esta divisao d equipas e a pior da aew, so os bucks e q recebem destaque e neste momento n se ve nenhima equipa q possa estar ao mesmo nivel q eles pa lhe tirar os titulos prq eles vencem tudo e todos e ja enjoa

    • L26MC4 semanas

      Ainda na semana passada perderam, para os mesmos que derrotaram ontem…

      Vocês reclamam de barriga cheia, por isso é que o wrestling não evoluiu, vocês querem reinados de semanas.

    • L26MC, o que torna a derrota da semana passada irrelevante, e, consequentemente, quem os derrotou torna-se irrelevante também.

      Os Bucks não têm nada de interessante. “Super kiiiiiiiiiiiiick” e cenas… Meh.

    • Dancan4 semanas

      Canelax, os FTR e Santana e Ortiz estão tendo seu destaque na guerra entre o Inner Circle e The Pinnacle. Já Fenix dos Lucha Brothers e Trent dos Best Friends estão se recuperando de lesão, então isso torna impossível eles terem relevância no momento.

    • meu deus4 semanas

      Quem odeia os Young Bucks percebe 0 de wrestling e nunca viu os seus melhores combates mesmo. Mas continuem aí a ficar chateados com as vitórias e o sucesso deles que mais os ajudam já que eles são heels.

    • meu deus, odiar? Wtf, eu nem sequer acompanho isto, só os resultados.

      Ok, não percebo nada de wrestling porque acho os Bucks desinteressantes. Já devia saber que dar muitos saltos e descredibilizar finishers é bué fixe. Desculpa 🙁

    • E antes que respondas “se não acompanhas, como é que sabes que são só super kicks e kick-outs de finishers a toda a hora?”, a resposta é: já vi alguns combates deles na AEW e, sobretudo, na ROH e na NJPW. A menos que tenham mudado muito o estilo dos combates (o que eu duvido muito), a minha opinião mantém-se.

      Não disse que os odeio ou que não os acho talentosos. Acho-os desinteressantes e não me interessa o que eles fazem. Ponto.

    • L26MC4 semanas

      DanielLP21, não digo o contrário, não podemos é querer reinados para uns e uma semana depois estamos fartos e já queremos outros.

      Compreendo o teu desinteresse pelos Bucks, acho que está aos olhos de todos que eles exageram das manobras em todos os combates, usam muitas manobras que acabariam com qualquer combate.

    • Partilho da tua opinião em relação aos Young Bucks, Daniel. Não sei como uma equipa que se baseia em dar saltos e esgotar finishers ficou assim tão Over, mas não passa disso, um superkick aqui outro ali.. Mas há mesmo quem os leve a sério, e não aceita que sejam criticados, efeito Dave Maltzer

    • Concordo por um lado, mas não fazia sentido ser para o Eddie e o Penta que são uma tag muito random, gostava que perdessem depois para Eddie e Mox, ou Penta e Fénix. Mas nem compares a divisão de equipas da WWE com a da AEW, a da AEW é muito superior e os Young Bucks são do melhor que existe

    • L26MC eu nunca disse q queria reinados de 1 semana apenas disse que ja enjoa ser senpre os mesmos a ganhar, para teres nocao nos ultimos 9 combates perderam 1 e foi o combate q n interessava a ninguem.. eu nunca disse q deviam perder os titulos po eddie e penta mas sim pa uma tag team que tenha tido um push/build up. E posso ser fan da aew mas n gostar dos bucks, comcomo ja sseram aqui os combates deles neste momentos se resume a superkicks, alguns spots e interferência de 10 gajos para ajudar a ganhar ate o frankie foi la. E para mim o pior dos bucks e q ha alturas q n “vendem” as manobras dos adversarios. Neste momento n existe nenhuma tag team q se possa considerar uma ameca pos titulos deles prq nenhuma recebeu push significativo.. todas as teams ganham e perdem excepto os bucks q so ganham

    • L26MC4 semanas

      Canelax, simplesmente são vice-presidentes e já se sabia que os Bucks iam ser a cara desta divisão, por isso não me surpreende eles fazerem o que quiserem.

      A AEW vai fazer a coisa certa quando tivermos novos campeões, certamente pode estar para breve o fim do reinado, já tinha comentado noutros postes que os Jurassic Express seriam a escolha perfeita e iria dar um enorme pop na arena.

    • N sei se os jurassic express seriam a melhor escolha, eu n me importava, parece q so dao atencao no jungle boy e o luchassaurus parece um bocado “esquecido”.. como disse n me importava q fossem eles os escolhidos mas para mim seria melhor os lucha bros ou ortiz e santana

    • meu deus4 semanas

      Canelax, na AEW os campeões são sempre credíveis e por isso muito raramente perdem enquanto campeões (perdem tipo 1x em 10 tal como os Young Bucks), tira as palas para os teus favoritos e vê as coisas como deve ser. Os Young Bucks já eram uma tag team de renome muito antes da AEW e de serem “EVPs” como os resmungões gostam sempre de falar como se isso tivesse alguma importância no que acontece no show. Eles já foram campeões na ROH, PWG e NJPW, aliás chegaram a ter 3 tag team titles de empresas diferentes ao mesmo tempo só para veres o quão popular eles já eram. O momento de outra tag team ser campeã vai chegar e caso sejas realmente fã da AEW até já saberias que é bem provável que o Santana e Ortiz derrotem os FTR para se tornarem N1 Contenders em breve e tomasses atenção ao calendário até chutaria que viram campeões no show que a AEW vai fazer em Nova Iorque. Já quanto ao Lucha Bros, o Fenix passa a vida lesionado devido aos riscos que corre e está neste momento ausente mesmo por isso e já agora caso nenhum deles tem contrato de longa duração com a AEW (já que também têm contrato com a AAA) então tornar algum deles campeão será sempre um risco até que assinem um contrato a longo termo. Termino só o meu comentário para lembrar os “haters” que o melhor combate de 2020 foi uma tag team match envolvendo os Young Bucks e mais não digo, vão ao cagematch ou assim ver a quantidade de combates de qualidade que eles já proporcionaram em vez de tirarem uma opinião errada e sem conhecimento só depois de verem um combate normal de 10 minutos num show semanal e uns até apenas “leram os resultados” mas vêm perder tempo para espalhar veneno.

    • meu deus4 semanas

      Ah e esqueci de referir, o Luchasaurus também está com alguma pequena lesão, caso tivessem atentos reparavam que a ultima match dele foi a 22 de abril. Neste momento, os Jurassic Express nem estão nos rankings e a AEW está a apostar e bem no Jungle Boy enquanto singles wrestler, basta ver as reações que ele obtém do público.

    • O meu deus… 1° n tenho nenhum wrestler/tag team favorito mas sim um show q gosto mais em relacao a outro
      2° ter uma opiniao propria n signifiva espalhar veneno
      3° se tu gostas bom pa ti, eu n sou obrigado a gostar do estilo deles
      4° pode haver mais q uma forma de olhar pa mesma situacao, tu dizes q o melhor combate de 2020 envolveu os young bucks eu posso dizer q foi por envolver o hangman e o kenny
      5° isso dos contratos podia ser um risco na wwe mas na aew nem tanto visto q eles tem parcerias com outras empresas, tanto e q o kenny ganhou o titulo impact e o titulo aaa mega por isso essa ideia morre logo na praia
      6° nunca disse q o jungle boy n estava a ser bem utilizado.. ate acho q a aew esta a construir muito bem ele, sammy, mjf e darby. So acho q o luchassaurus sempre esteve em 2°plano desde q se estreou, o momento mais alto talvez tenha sido quando regressou d lesao e limpou os gajos da dark order
      7° ja vi varios combates o bucks e sempre achei demasiado coreagrafado pouco natural (tal como o kenny omega) cheio de spots e aqueles exageros d superkicks.. mas la esta e minha opiniao e n es obrigado a aceitar
      8° gosto mais dos comvates tag team classicos, 2 lutadores no ringue outros 2 nos cantos, isolar um dos lutadores num canto e ir fazendo tags. Os combates do bucks passam 80/90% do tempo todos dentro do ringue e o arbitro nem mete ordem naquilo… assim como tb acho exagerado na aew a quantidade de spots q fazem so pa tentar ter uma reacao do público e acho exagerado a quantidade de vezes q fazem combates na linha “hardcore” as vezes o quanto menos melhor.
      Volto a referir q isto e so una opiniao minha e ate prefiro a aew do q a wwe

    • meu deus4 semanas

      Já vi que não gostas dos Young Bucks, mas dizer que eles não são bons é apenas uma algo que não é factual e deixa de ser apenas uma “opinião”. Sem eles e o Kenny Omega que dizes terem combates “coreagrafados” não existia sequer a AEW, então é melhor começares a lidar com isso caso queiras realmente ver os shows.
      Para tua felicidade fica aqui também o aviso de amigo que o Kenny Omega vai perder o título para o Hangman Page (vai na volta e também não gostas dele) no All Out numa história de longa duração que dura há quase dois anos.
      Da próxima, tentem ver as coisas com mais atenção, mas sinceramente nem devia ter respondido, eles são heels e já que estão a gerar essas vossas “opiniões” só quer dizer que estão realmente a fazer um bom trabalho, é como eles dizem: só vão ser reconhecidos quando se retirarem realmente dos ringues e aí vão todos sentirem saudades deles.

    • Este “meu deus” é um troll, só pode. É que nem lê o que os outros escrevem.

      Ninguém escreveu que os Bucks não são bons! Absolutamente ninguém. Os outros são haters ou és tu que és um fanboy? Já disse que já muitos combates dele e, PARA MIM, descredibilizam o Wrestling com os kick-outs a Piledrivers do 3º canto num show semanal banal e coisas do género. Não tem nada a ver com serem faces ou heels.

      O Roman Reigns era desinteressante e deixou de ser (para a maioria das pessoas). Não passou a ser mais talentoso. Os Bucks, para mim, não passam daquilo e não são personagens interessantes. Desculpa se isso te ofende.

    • Jsantos4 semanas

      DanielLP21 tens toda a razão so pode ser troll.. ate ja poem palavras na minha boca que eu nunca disse… o meu deus nunca disse q eles sao bons ou maus apenas disse q n aprecio o estilo deles.. se eu digo q achava piada ao santino marella isso entao quer dizer q ele e o melhor do mundo!? Obvio q n, simplesmente tou afirmar q EU apreciava a personagem. E eu sei q a historia do hangman com omega esta a ser construída desde o inicio e em resposta ao q disseste eu aprecio o hangman. Falas q eles estao a fazer um bom trabalho como heels essa e pa rir… eles n me provocam raiva como um mr mcmahon, miz ou mjf por exemplo esses sjm fazem bons trabalhos como heels… eles dao me e vontade de deixar d assistir o show quando comeca o combate deles prq ja sei o q vai acontecer isso n e ser um bom heel e digo te ja q como eu ja existe varias pessoas a pensar o mesmo inclusive alguns q eram grandes fans e agora deixaram d ser.. ate podes ir ver os comentarios na pagina do insta e youtube da aew.. mas quem n devia responder mais sou eu visto q tu nem sabes do q falas a partir do momento q disseste q os lucha bros n fazia sentido ganhar os titulos prq tem contrato com a empresa AAA enquanto o kenny tem o titulo da AAA… como disse o daniel nao somos nos q somos haters mas tu e q es um fanboy ou como dizem os brasileiros um baba ovo

    • de vez em quando isto muda o meu nome de utilizador n percebo prq

  5. L26MC4 semanas

    Que surpresa agradável termos o Black na AEW, é uma personagem meio única e depois daquele vídeo ainda deu mais hype para conhecer este lado mais sombrio do mesmo.

    Cody vs Black, vai ser do caraças!!! Bem trabalhado diria que vamos ter um dos combates do ano.

  6. Agora já sei pq a Zelina Vega regressou à WWE…..

  7. Nenhum combate feminino, que lástima. É essa a empresa que quer competir com a WWE? Vão ficar sempre a sombra, e outra, que stage horrível.

    • L26MC4 semanas

      Foi melhor ver os combates femininos que a WWE apresentou esta semana.

    • Não só dessa semana rs. Em comparação com a AEW é melhor ver qualquer combate feminino da WWE.

    • Wrestling fan4 semanas

      Está ali um combate com mulheres!

    • dica4 semanas

      Vai preocupar-te com a anti-vacinas Sasha Banks. A AEW não tem apenas um programa semanal, se querem tanto apoiar wrestling feminino vê também o Dark e o Elevation que lá há tantos combates femininos como masculinos.

    • Sim, porque a divisão feminina da WWE é uma marvilha, adoro o Papa Shango de 2021, a Shayna que é das lutadoras mais credível que existe no mundo até perde para um “quase super heroi”, e a rivilidade Rhea vs Charlotte é de um booking tremedo. A divisão feminina tem realmente muito para melhorar, é provavelmente o seu ponto mais fraco, mas a WWE não está de todo numa boa fase neste aspeto também

  8. Regresso à estrada bastante positivo por parte da AEW e é tão bom e emocionante ver o público a fazer tanto barulho, bem como sets diferentes a partir de agora. A meu ver, foi um Road Rager bem conseguido!
    Deste primeiro Dynamite com fãs fora do Daily’s Place em cerca de 16 meses, destaco: o opener intenso entre Cody Rhodes e QT Marshall (Cody é muito bom em termos de storytelling); o segmento em que finalmente tivemos as primeiras interações entre Kenny Omega e ‘Hangman” Adam Page (que está imensamente over) rumo a um eventual title match; o combate de trios bem porreiro; o confronto de Chris Jericho e MJF também foi fixe e acabou bem; a promo forte de Dr. Britt Baker DMD (gostei daquela “bicada” com menção à Arábia Saudita eheheh); a ótima estreia in-ring de Andrade El Ídolo; a debut surpreendente de Malakai Black aka Aleister Black/Tommy End; a matching gear dos “casais” no Mixed Tag Team Match; e o main event algo insano.

  9. Facebook Profile photo

    o reinado do reigns ao pe do omega e do bucks (que nao perdem por causa do que fazem dentro da empresa ) e uma soap pop !!! ….
    vou te que ver o show ….

  10. Análise4 semanas

    Excelente show, é bom ver o Dynamite de volta na estrada já que é o show com a melhor crowd no wrestling.
    Para os menos informados nos comentários e que não vêm AEW desde o inicio, é o Tony Khan que decide sempre quem vence ou perde sempre já que é o dono na empresa, os EVP’s não têm poder nisso, eles simplesmente fazem parte da lista de melhores do wrestlers do mundo e há que aproveitar isso enquanto estão no seu auge, no primeiro ano de AEW muito deles andaram a ajudar outros e a perder combates importantes mas agora já ninguém fala disso, têm todos memória de peixe ou então são fãs pouco informado sobre o produto.

  11. Que grande show. Dá gosto ver AEW, é por shows como este que ainda vejo wrestling. Espetacular do início ao fim, obrigado Tony Kahn

  12. O review de hoje demorou, muito devido a exames, mas cá vai:

    Gostei:
    – Cody Rhodes vs QT Marshall. De início, parecia que o público não entendia o combate, mas foi ganhando interesse ao longo e, como já sabem, um público interessado melhora o combate. Sobre o combate, o QT é muito bom. É capaz de ser um dos lutadores mais underrated da atualidade. Um bom pop após a vitória de Cody. Aplaudo ambos por um Strap Match diferente. Durante o combate, as luzes foram apagando-se. Como eu tento afastar-me ao máximo de spoilers antes de ver o show, eu não entendi, pensei que eram falhas técnicas. Ainda bem que estava errado… 😉
    – Shawn Spears fala do seu ataque a Sammy Guevara, e Guevara responde com um ataque a Spears. Uma boa promo de Spears. Esta feud tem potencial.
    – Kenny Omega, acompanhado de Don Callis, fala de não ter mais adversários, até Evil Uno interromper. Isto levou a uma brawl entre os Elite e Dark Order, que foi ganha pelos Dark Order após Hangman Page ajudar. O segmento termina com Page e Omega cara-a-cara. Após um ótimo começo de feud na semana passada, a AEW continua no caminho certo para construir esta feud e este segmento prova isso. A reação do Omega quando a música do Hangman Page toca é brutal. Vejam, vale a pena!
    – Jim Ross conduz uma entrevista com Ethan Page e Darby Allin. Segmento simples, nada de mais, mas a promo de Ethan Page justifica o porquê de estar aqui.
    – FTR & Wardlow vs Santana, Ortiz & Hager. Um combate cheio de ritmo e melhor do que esperado. Só quero destacar que a curta run de Jake Hager na AEW já é muito melhor do que a run dele na WWE. Tenho gostado do trabalho desenvolvido por ele. Os heels vencem com uma distração.
    – Video package a anunciar Karl Anderson vs Jon Moxley pelo IWGP US Championship. Este combate promete imenso. Karl Anderson fez uma promo brutal. Não me importava de vê-lo a ter um singles push no futuro.
    – MJF revela as estipulações a Jericho. Destaco um fã a entrar no ring a querer bater, suponho eu, no MJF. Eu acho que isto só prova o excelente heel que este jovem é. As estipulações são simples: Jericho terá que derrotar 4 adversários à escolha de MJF de seguida. Jericho aceita e bate-lhe, conseguindo um pop enorme. Mais do mesmo destes 2, com um excelente mic work. Um segmento que recomendo a verem.
    – Britt Baker culpa Tony Schiavone pela lesão de Rebel. Depois manda uma ótima indireta quando diz que a Vickie Guerrero deve estar feliz com o seu ”dinheiro ensanguentado” e que o Dynamite da próxima semana devia ser na Arábia Saudita… Isto fez-me rir.
    – Andrade vs Matt Sydal. O público esteve interessado, e uma ótima estreia para uma das mais recentes contratações. Matt Sydal cumpriu bem o trabalho de meter Andrade over e Andrade a mostrar o que sabe fazer melhor.
    – Promo package para Matt Hardy vs Christian. Simples, mas eficaz. Dá sempre aquela nostalgia ver estes 2 em ring. Ah… WrestleMania X-7…
    – E depois, o segmento da noite. Tony Schiavone entrevista Arn Anderson em ring, mas as luzes vão abaixo. Quando voltam, Malakai Black (ex-Aleister Black) está em ring e ataca Anderson com um Black Mass, e quando Cody tenta ajudar, também leva. O pop a Black deu arrepios! Tal como a sua mulher, uma estreia surpreendente e muito bem feita, possivelmente a melhor estreia que a AEW fez desde o Jon Moxley. Muito bom, mesmo. Recomendo todos a verem!
    – Orange Cassidy & Kris Statlander vs The Bunny & The Blade. É o típico combate do Orange Cassidy, que é algo que geralmente aprecio. De resto, nada mais a dizer.
    – Dan Lambert, que nunca tinha ouvido falar, pega num microfone, entra em ring e faz uma promo… que até foi boa. Eu não me queixo. Não foi uma surpresa tipo Bad Bunny na WM, mas fez uma boa promo. Lance Archer entra em ring e destrói, conseguindo uma boa reação do público.
    – Young Bucks vs Eddie Kingston & Penta El Zero. Era o combate que se esperava, uma street fight repleta de ação, spots e distrações. O público estava super interessado e os spots com os pioneses foram brutais. Muito bem feito por parte de todos os envolvidos.

    Não Gostei:

    Overall: 8/10. Os destaques do show são sem dúvida a estreia de Malakai Black e o confronto entre Page e Omega. A qualidade in-ring podia ter sido melhor, mas ainda foi boa. Os segmentos foram bem feitos. Uma coisa que me irritou um bocado foi as câmaras. Não fui grande fã destes novos ângulos, parecia exagerado…

  13. Anónimo4 semanas

    O Andrade esteve bem no seu primeiro combate, e destaco também a estreia do Black.