A última semana de Janeiro ficou marcada por novas alegações de que Vince McMahon terá cometido crimes de agressão sexual e abuso emocional no passado, estando agora sob investigação.

O TKO Group rapidamente se posicionou em relação à polémica, e apesar do ex-presidente da WWE ter negado as acusações, acabou por se demitir de todos os cargos que tinha na empresa.

O caso tem-se vindo a desenrolar ao longo dos últimos meses, mas ainda sem grandes novidades quanto ao futuro e eventual condenação de Vince McMahon.

No entanto, essas acusações poderão vir a aumentar, pois em entrevista ao Wrestling Shoot Interviews, Missy Hyatt revelou que teve de tirar Vince McMahon do seu quarto e acusou este de a ter tentado assediar.

Eu acredito em tudo. Não me chocou. O Vince dormia com tudo. Ele gosta de ménage à trois e assim, e de muitas coisas estranhas. Não me surpreendeu quando li isso.

Telefonei ao advogado dela [Janel Grant] e contei-lhes a minha situação em relação ao que aconteceu comigo. Quando estava a fazer o Missy’s Manor, tive de empurrar o Vince para fora do meu quarto de hotel porque ele estava a tentar enfiar-me a língua na boca.

Depois de ter feito isso, quando dei por mim, queriam que eu fosse uma Federette. mas eu não queria ser uma Federette. “Vamos fazer uma coisa contigo e com o Honky Tonk Man.

Eu não confiava neles, por isso fui-me embora e tive de implorar ao Jim Crockett e ao Dusty (Rhodes) por um emprego.

Estávamos em Las Vegas a fazer as gravações. Fomos sair e ele [Vince McMahon] ensinou-me a jogar Blackjack. Deu-me 100 dólares e eu ganhei 180 dólares ou assim.

Tentei dar-lhe o dinheiro todo. Ele disse: “Não, fica com ele.” Fomos a um jantar no Ceasars, onde nos servem o vinho por cima do ombro. Uma refeição de sete pratos. Era um grupo grande de pessoas e tal. Eu estava a usar um vestido de cabedal.

O “Mean” Gene [Okerlund] atirou-me café para o colo. Eu bebi uns cocktails. Mais tarde, ele disse que tinham feito aquilo para ver como eu reagia. Para ver se eu me ia passar. “Lidaste muito bem com isso.” Sim, bebi uns cocktails. Eu estava bêbada. Não me importava mesmo nada.

Nessa noite, [Vince] acompanhou-me ao meu quarto de hotel e estava a tentar entrar no meu quarto de hotel e eu estava a empurrá-lo para fora. Na altura, eu estava noiva.

Se não estivesse noiva, talvez, mas ele tinha uns dentes tão maus. És um milionário e não consegues arranjar os dentes? Ele tem dentes muito maus. Tem dentes podres. É mesmo nojento. Talvez ele os tenha arranjado, mas nos anos 80, eram muito maus. Eu não queria meter a minha língua naquilo.

Nunca tive de dormir por causa de um emprego. Sim, fiz muitas coisas selvagens com alguns lutadores, mas nunca o fiz por um emprego, e acho que nunca precisei de o fazer porque o meu talento fala por si. Nunca tive de dormir em lado nenhum por causa de um trabalho.


O que pensas de mais estas acusações contra Vince McMahon?

3 Comentários

  1. John Sino badalando2 semanas

    Eita kkkk

  2. Natan2 semanas

    Assim como o Trump que pode ir pra cadeia em breve, logo logo será a vez do McMahon, quem diria a vilania americana está chegando no fim kk

  3. Zé das Couves2 semanas

    Quando vem uma vêm mais…

    Só agora é que lembrou que foi “assediada”…
    A facilidade com que uma mulher arruína completamente a vida dum homem sem provas nenhumas nos dias de hoje é ridícula…