Claudio Castagnoli estreou-se na AEW durante o Forbidden Door deste domingo, como substituto de Bryan Danielson no combate contra Zack Sabre Jr..

Na conferência de imprensa após o evento, o suíço disse que olhar para as perspectivas de combates de sonho na AEW fê-lo sentir como “uma criança numa loja de doces”, dizendo o seguinte:

O que é mais importante é quem é que os fãs estão entusiasmados para ver. Quem é o meu adversário de sonho? Não me interessa. Quem vocês querem que eu enfrente? Isso é algo que pode acontecer aqui na AEW…

Eu posso dar-vos uma lista curta de quem não quero enfrentar, e é ninguém. Portanto, para mim? Sou uma criança numa loja de doces. Sabes quando vais às compras e dizem “escolhe o que quiseres!” e tu ficas ali tipo “hum, eu não sei o que escolher!” [olhando à volta]? Isso sou eu.

Acabei de chegar aqui e eu não sei, mas posso dizer-vos que estou muito feliz. É espetacular.

Comentando sobre um combate de sonho específico, o ex-lutador da WWE mencionou um grande nome da AEW:

A última vez que enfrentei o Kenny Omega foi na Ring of Honor em 2008, acho que ambos crescemos muito desde então. Portanto, acho que isso vale a pena mencionar.

Tony Khan também falou na conferência e salientou que o plano original para o “Swiss Cyborg” era outro, e que a sua estreia poderia só ter acontecido no ROH Death Before Dishonor do próximo dia 23 de Julho.


Achas que Claudio Castagnoli foi uma boa contratação da AEW? Que combates gostavas de ver do lutador?

5 Comentários

  1. El Cuebro2 meses

    As possibilidades de dream matches para o Claudio são muitas, aliás é estranho chamar ele de Claudio novamente depois de tanto tempo, mas eu acho que vem muita coisa boa por aí, o Forbidden Door foi só um começo, veremos mais no Dynamite Blood’n’Guts e além, bem vindo à AEW Claudio “Cesaro” Castagnoli!!

  2. Anónimo2 meses

    Sem dúvida que foi uma grande contratação. Desejo-lhe muito sucesso!

  3. Excelente contratação, espero que tenha muito sucesso e destaque!

  4. Os dream matches que vai ter pela frente é brutal!