Depois do primeiro combate do AEW Dynamite desta quarta-feira, CM Punk foi ao ringue falar do assunto do momento na AEW, o afastamento de Jon Moxley dos ringues para entrar num programa de reabilitação contra o vício do álcool.

O straight edge falou da situação de Jon Moxley antes de se dirigir a Eddie Kingston, começando então por dizer:

Vou passar todo o meu tempo aqui a ouvir vocês a cantar por ele [Jon Moxley], porque é importante. É importante para mim… Eu tenho alguma história com Jon Moxley. Não somos muito próximos, não somos os melhores amigos, mas ontem à noite estava a viajar para cá e recebi um telefonema e tive a situação explicada para mim. Eu sei como é lutar e lutar, e pensar que tens que ser tão forte e melhor do que todo o mundo, e curar os ferimentos e ficar doente, e aparecer para trabalhar, e todas essas coisas se complicam. Ajudar outras pessoas e ser super generoso e, eventualmente, chegar a um ponto onde para te podes livrar da roda do hamster. E fui criticado por isso.

Não quero que ninguém critique o Jon Moxley porque estou muito orgulhoso dele. Direi uma última coisa sobre isso, se alguém aqui, alguém em casa a assistir pela televisão… Se estiveres num lugar onde achas que precisas de ajuda, procura-a. Pede. Estende a mão. Envia uma mensagem a alguém, liga para alguém. Não há nada mais difícil que possas fazer no mundo, mas não há nada mais corajoso também. Não há nada de errado em pedir ajuda. Muitas vezes na minha vida e na minha carreira eu gostaria de ter pedido ajuda, e não pedi, porque pensei que estava a ser um “homem forte”.

Depois das palavras dirigidas ao “Death Rider”, CM Punk concentrou-se no seu novo rival: Eddie Kingston. Depois do conflito da semana passada, os dois lutadores estão agendados para um confronto cara a cara no próximo Rampage, e o “Second City Saint” espera ouvir um pedido de desculpas por parte do “Mad King”.


Achas que tudo isto vai mesmo resultar num combate entre CM Punk e Eddie Kingston no AEW Full Gear?

7 Comentários

  1. Excelente e emotiva promo por parte de CM Punk. Relativamente ao confronto com Eddie Kingston, acredito (e espero) que dê em combate no Full Gear.

  2. Preguiça de por nome3 semanas

    Ate que fim cm poser falou algo decente…

  3. El Cuebro3 semanas

    Foi uma baita promo do Punk, tanto falando da parte do Jon, e essa parte me emocionou muito e acho que muitos outros fãs também, o Jon tem o apoio de muita gente e certamente tudo vai dar certo para ele! E sobre o Eddie é com certeza um combate que promete demais, podia ser fácil uma street fight ou last man standing, o Full Gear verá algo bom!

    • Mário Lobo3 semanas

      Não vi a promo mas pelo que li e ninguém disse mas agora a culpa de ele ser bêbado parece que é da WWE

  4. Anónimo3 semanas

    Foi uma boa promo, esteve bem o Punk.