Esta quarta-feira ficou-se a saber que quatro lutadores processaram a Lucha Underground. Já seria de esperar, depois de vários lutadores se terem queixado dos contratos com a Lucha Underground e por não os deixarem sair.

Ontem, King Cuerno conhecido fora da Lucha Underground como El Hijo del Fantasma, Ivelisse, Joey Ryan e Kobra Moon, conhecida fora da Lucha Underground como Thunder Rosa, foram os 4 lutadores que para já se sabe que processaram a Lucha Underground.

As queixas foram feitas contra o canal El Rey Network e a Baba G-Productions, produtora da Lucha Underground, e os processos acontecem porque parte dos contratos são ilegais.

No processo pode ler-se que os lutadores só ganham cerca de 4 mil dólares por ano com a Lucha Underground, por contrapartida muitos lutadores independentes conseguem fazer perto de 50 mil dólares em um ano, ou até mais conforme a sua fama.

Para além do pagamento ser muito pequeno, os lutadores com contrato com a Lucha Underground ainda eram obrigados a pedir autorização aos produtores da promotora sempre que quisessem lutar em outras promotoras de wrestling, e estes é que tinham a palavra final sobre se os lutadores poderiam ou não lutar.

Com este processo em curso é bem provável que outros lutadores se juntem de forma a puderem ser libertos dos seus contratos com a Lucha Underground.

Também é bem provável que a 5ª temporada de Lucha Underground nunca venha a acontecer e assim a promotora tenho tido o seu fim com a 4ª temporada.

2 Comentários

  1. Esta Lucha Underground está pior que o Vince da Ajuda… não deixa a malta lutar em mais lado nenhum 😞

  2. Kauê Silva10 meses

    Se isso acontece mesmo deve ser reportado e os lutadores devem sim conseguir se livrar de seus contratos, afinal eles tem muito talento e tem que demonstrar isso em outras promoções, com certeza tem meu apoio!