Navega no Wrestling PT sem pop-ups

WWE TLC: Tables, Ladders & Chairs (22/10/2017)

A WWE realizou este Domingo, no Target Center em Minnesota, o TLC: Tables, Ladders & Chairs! Este foi o último Pay-Per-View da WWE antes do Survivor Series. O main-event da noite foi um 5-on-3 Handicap TLC Match entre a equipa de The Miz, Sheamus, Cesaro, Braun Strowman e Kane e a de Seth Rollins, Dean Ambrose e o regressado Kurt Angle, que substituiu Roman Reigns.

Para além disso, outro grande destaque deste PPV vai para um combate entre AJ Styles e Finn Bálor, dois ex-líderes dos Bullet Club. AJ Styles substituiu Bray Wyatt no combate.

Podes assistir ao WWE TLC na WWE Network. Subscreve aqui, o primeiro mês é grátis!

Resultados

– Sasha Banks venceu Alicia Fox (Kickoff)
Asuka venceu Emma
– Cedric Alexander e Rich Swann venceram The Brian Kendrick e Jack Gallagher
Raw Women’s Champion Alexa Bliss venceu Mickie James
– Enzo Amore venceu WWE Cruiserweight Champion Kalisto
– Finn Bálor venceu AJ Styles
– Jason Jordan venceu Elias
– Dean Ambrose, Seth Rollins e Kurt Angle venceram The Miz, Cesaro, Sheamus, Braun Strowman e Kane (5-on-3 TLC Handicap Match)

Report

Kickoff

No Kickoff do WWE TLC tivemos o primeiro combate da noite, entre Sasha Banks e Alicia Fox. Numa rivalidade que começou há umas semanas atrás, as duas tiveram um combate intenso e bastante competitivo, mas no fim, o temperamento de Alicia Fox levou a melhor, dando uma abertura a Sasha Banks para conseguir vencer este combate com o Bank Statement.

TLC

No primeiro combate do WWE TLC tivemos a estreia esperada de Asuka. No combate contra Emma, vimos esta em controlo de grande parte do mesmo, mas a ofensiva variada e agressiva de Asuka deu lhe a vitória, com o Asuka Lock.

Em seguida tivemos um “concerto” de Elias que foi interrompido por Jason Jordan, que lhe atirou vegetais para cima, para acabar com o concerto.

O segundo combate do WWE TLC foi um Tag Team Match da divisão Cruiserweight, entre a equipa de The Brian Kendrick e Jack Gallagher e a de Cedric Alexander e Rich Swann, uma rivalidade que já se vinha a desenvolver há umas semanas. Num combate com acção rápida e intensa, como sempre os Cruiserweights fazem, no fim, vimos Cedric Alexander com o Lombar Check vencer The Brian Kendrick, dando assim a vitória à sua equipa.

A seguir tivemos o combate pelo Raw Women’s Championship, entre Alexa Bliss e Mickie James. Um combate competitivo, que Alexa Bliss fez do braço de Mickie James um alvo o combate inteiro. No fim, Mickie James quase conseguiu vencer, mas com um pouco de batota e com um DDT, Alexa Bliss conseguiu reter o seu Raw Women’s Championship.

Em seguida tivemos a segunda tentativa de “concerto” de Elias e, apesar desta vez ainda ter conseguido começar a cantar, foi mais uma vez foi interrompido por Jason Jordan.

Logo a seguir tivemos o WWE Cruiserweight Championship em jogo, num combate que Enzo Amore só conseguiu dominar através de batota. E foi isso que o levou à vitória, depois de um polegar no olho e um Jordanzo, Enzo Amore tornou-se Cruiserweight Champion pela 2ª vez na carreira.

A seguir tivemos um dos combates mais aguardados da noite, o confronto, pela primeira vez na WWE, entre os 2 ex-líderes do Bullet Club, AJ Styles vs Finn Bálor. Num combate excitante, rápido e intenso, AJ Styles e Finn Bálor deram tudo. No fim, persona do “Demon” de Finn Bálor manteve-se invicta quando este, com o Coup de Grace, conseguiu vencer o combate. Depois, os dois cumprimentaram-se. Primeiro com um aperto de mão e, por fim, com um Too Sweet no meio do ringue, mostrando o respeito mútuo que existe entre ambos.

A seguir tivemos Elias no ringue para um combate contra Jason Jordan. Antes, Elias tentou o “3º concerto” da noite, mas foi mais uma vez interrompido por Jason Jordan. O combate entre os dois foi bem disputado e foi dominado, em grande parte, por Elias. No entanto, a força de Jason Jordan veio ao de cima e, apesar de Elias ter quase vencido, o filho de Kurt Angle, com um small package com o ombro fora do ringue, arrecadou a vitória.

Por fim tivemos o main-event da noite: um 5-on-3 TLC Handicap Match onde Seth Rollins, Dean Ambrose e Kurt Angle enfrentaram The Miz, Sheamus, Cesaro, Kane e Braun Strowman. Num combate caótico, como seria de esperar, o trio “The Shield” (com Kurt Angle no lugar de Roman Reigns) dominou o início do combate, até Braun Strowman ter enfiado Kurt Angle por uma mesa. Com o combate em 5 vs 2, o domínio era evidente, mas um desentendimento entre Kane e Braun Strowman deitou tudo a perder… Depois de um Chokeslam e uma série de cadeiras em cima de Braun Strowman, não o detiveram e os seus 4 companheiros de equipa viraram-se contra o “Monster Among Men” e enfiaram-no por um camião do lixo. E foi aí que o combate virou outra vez, pois Kurt Angle voltou ao ringue. A partir daí, o trio dominou até ao fim e, com uma Powerbomb ao estilo The Shield em The Miz, Kurt Angle fez o pin para a vitória!

O que achaste do WWE TLC?

68 Comentários

  1. Legit Boss - há 4 semanas

    Essa vitória da Alexa foi simplesmente horrível, Mickie carregou o combate inteiro nas costas, com sua ótima performance, enquanto Alexa não conseguia sequer receber alguns golpes. Não consigo entender como uma pessoa que luta nesse nível – desde o seu debut no NXT – consegue ficar por tanto tempo com um título. Mickie merecia essa vitória, de longe. Estou decepcionada.

    • The Boss - há 4 semanas

      Faço de suas minhas palavras.
      Não digo que Alexa não mereça, pelo contrário, ela tem uma ótima personagem, e gostei de ver ela ser campeã, mas pra tudo tem um limite.
      Ela era pra ter perdido hoje. Como você disse, a Mickie levou esse combate inteiro nas costas, a campeã vendia mal boa parte dos golpes.
      Sem contar que a Mickie seria uma adversária muito melhor para Asuka, do que a Bliss.

    • Anónimo - há 4 semanas

      a Alexa recebe esse destaque todo porque é bonita

      • El Merenguero - há 4 semanas

        Como se Sunny, Sable, Trish Stratus, Lita, Mickie James, Melina, Torre Wilson, Stacy Keibler, Maryse e Michelle McCool não tivessem recebido todo destaque no passado por terem sido bonitas.

      • As Bellas então não se fala… ela é boa, muito boa. Mas claro que tem de evoluir no ringue

    • BRUNOju. - há 4 semanas

      Cara a(o) campeã sempre quando vai reter o cinturão, recebe menos destaque que o desafiante. E assim ao contrário, por exemplo na luta no SummerSlam da Alexa e Sasha, a Alexa teve bem maior liberdade de atuação.

    • Anónimo - há 4 semanas

      Legit Boss Finalmente vejo alguém a pensar tal como eu sobre Alexa, não entendo isso, ela não melhora, as outras tem sempre de carregar os combates dela, em alguns ela até “parece” razoável, mas não tem jeito nenhum ela, e ela com campeã já tá muito forçada, já da enjoo.

      Admira não ter ando por aqui a defensora dela, kkkk contra factos não existe argumentos kkkk

  2. andre - há 4 semanas

    Infelizmente alexa ganhou, eu não entendo a wwe gosto de alexa mais seu reinado já deu o que tinha que dá Ta forçado e sem graça mickie merecia muito esse título mas fazer o que né

    • Anónimo - há 4 semanas

      Ainda pode dar muito mais. A Alexa continua evoluindo

    • El Merenguero - há 4 semanas

      Mickie James fez o seu papel de veterana: deixar over a novata. Daqui uns cinco anos, se Alexa não aumentar o ego, fará exatamente isso para outro lutadora. É o ciclo da indústria.

  3. wesley - há 4 semanas

    Show mediano, o Roman fez falta ao main event que não foi muito bom, ainda mais ver um semi aposentado fazendo o pin num talento atual.
    De resto, com exceção da luta entre o Enzo vs Kalisto, as lutas foram até boa incluindo o pre-show. O melhor foi Balor vs styles, mesmo sempre achar ridículo essa historia de Demon ( considero que ele deveria mostrar algo diferente além da pintura) foi a luta que mais gostei do Balor, destacar também o ótimo trabalho dos comentaristas a enfatizar que o Aj fez uma longa viagem antes da luta. assim a derrota não descredibilizou muito ele.
    Pra mim essa luta entre a Bliss vs Mick foi bem melhor a que elas tiveram no sd live, mesmo não achando a Alexa má wrestler ainda acho que ela não ta no nível de ser uma campeã, ela depende muito da adversaria pra entregar uma boa luta e mesmo com o booking franco que tinha anteriormente, a Sasha sempre quando necessário entregava boas luta, o mesmo vale pra Charlotte e a Becky no smack.
    E por último o único combate que mim interessava mesmo era a da Asuka. foi uma boa luta, mas é um completo erro fazer a Emma dominar maior parte, a Asuka tem que ter um tratamento igual( de preferencia superior ) ao Lesna ou Goldberg.

  4. Legit Boss - há 4 semanas

    Sasha Banks vs. Alicia Fox: Esta foi uma boa partida, não houve nada de especial, mas estava longe de ser ruim e elas trabalharam bem. [6,9/10]

    Asuka vs. Emma: Na minha opinião isso falhou completamente, pois era feito para que Asuka parecesse impressionante. Emma roubou o combate para si, tanto que a principal coisa que eu li sobre foi “Emma estava ótima e mais competitiva do que eu esperava”, o que significa que não estão falando sobre Asuka. Mas tirando esse detalhe, o combate foi ótimo, as duas têm uma química incrível juntas. [7,7/10]

    Jack Gallagher and Brian Kendrick vs. Cedric Alexander and Rich Swann: Este foi um combate agradável, divertido e com uma técnica excelente. [7/10]

    Alexa Bliss vs. Mickie James: Isso foi a parte mais amarga do show. E como eu já havia comentado anteriormente, Mickie carregou o combate nas costas, então o mérito é apenas seu. E se Alexa não consegue fazer um combate decente com uma ótima adversária, imagina com uma do seu nível? [6/10]

    Kalisto vs. Enzo Amore: Esta foi uma partida realmente formal com quase nenhum heat e Enzo ganhando o título de volta, como previsto. As mudanças rápidas do título aconteceram demais para me preocupar com elas de alguma forma. [6,2/10]

    Finn Balor vs. AJ Styles: Esse combate foi tudo o que eu já esperava, afinal, tínhamos o encontro de suas feras, simplesmente impossível dar algo errado. A melhor coisa da noite. [9/10]

    Elias vs. Jason Jordan: Ninguém se importou com isso, mas eles trabalharam duro e tiveram uma química incrível juntos. [6,5/10]

    Kurt Angle, Seth Rollins, & Dean Ambrose vs. The Miz, Sheamus, Cesaro, Braun Strowman, e Kane: Isso parece um desses combates que eu precisarei assistir algumas vezes antes que eu possa chegar a uma conclusão real sobre o que eu penso. Ver Angle de volta foi divertido e os primeiros 10 minutos da partida foram incríveis, mas depois diminuiu drasticamente e tornou-se previsível de forma incorreta. Kane apareceu muito e sentiu como se ele fosse apresentado como a estrela da noite. E eu senti uma inconsistência várias vezes, não sei se foi pelo tempo dado, mas era o que eu sentia. Estou certa de que algumas pessoas gostaram disso mais do que eu. [7,9/10]

    • No Way Jose - há 4 semanas

      Não aguento ver mais a baixinha nariguda como campeã
      E agora ela vai demorar perder o cinturão, já que vai ser Raw vs SmackDown no Survivor Series e o Raw não tem mais nenhum evento exclusivo por enquanto…

  5. Erasmo - há 4 semanas

    já imaginava que o Kane e o Braun se iriam se desentender
    porque que o Aj não veio para WWE mais cedo o gajo é simplesmente fantástico.

  6. Não conseguem arranjar um melhor outfit para o Jason Jordan?

    Aquela nova T-shirt dos The Shield está top, tenho de a encomendar.

    Sasha X Alicia: Ainda bem que foi no Kickoff…

    Asuka X Emma: Esperava que a Emma fosse ser completamente dominada pelos rumores que ouvia da Asuka. Mas, foi um bom combate em que deu para ficar a conhecer a nova integrante do main roster e a Emma a meu ver esteve bem. Só gostaria de saber se a Asuka é face ou heel.

    Cruiserweight tag team match: passei a frente

    Alexa X Mickie: continua o seu “path of destruction”… é um prazer ver a Mickie em ringue

    Enzo X Kalisto: por mim tbm poderia ter sido o Kickoff

    Balor X Styles: Não há palavras para descrever o quão bom foi este combate. Para mim o melhor da noite.

    Quanto ao Main Event. É uma pena que o Reigns não se tenha safado aos 2 e meio da meningite XD. Mas agora a sério. Estragou um pouco o regresso dos Shields e a história que estava a ser contada. Mas enfim… a saúde em 1º lugar

  7. Valente - há 4 semanas

    Too Sweet.

  8. mnozilbrass - há 4 semanas

    Não se percebe porque é que na entrada dos the shield a música é a do Roman Reigns e logo depois da vitória deles aparece a música original dos The shield…
    Acho que o kurt Angle passados estes 11 anos merecia outra estreia contra um oponente fulgurante ou então elevar uma estrela e aparecer com a sua gimmick, não com a dos the shield nem fazer uma espécie de imitação do “Shield Roman”.
    O main-event achei uma espécie de circo!
    O melhor combate do evento na minha opinião foi balor vs Styles pois são grandes wrestles e era o mínimo que se podia esperar!
    No geral poderia ser um evento muito melhor e com outros combates com interesse.

  9. MicaelDuarte - há 4 semanas

    Provavelmente faço parte da minoria, mas não estava à espera que o main-event fosse grande coisa, e acho que acabou por se confirmar. Não gostei de ver o Kurt Angle como se fosse um membro oficial dos Shield, nem do booking do combate.

    Embora no wrestling tenhamos que fechar os olhos a certos aspetos para podermos desfrutar do espetáculo, a verdade é que me custou imenso ver a equipa dos “Shield” sair vitoriosa num combate 5 vs 3. Simplesmente é algo difícil de ver como legítimo. A equipa do Miz tinha a besta do Strowman, os Bar, o Kane (não sei se ainda há alguém que consegue levar o Kane a sério em pleno 2017, mas para todos os efeitos era mais um número) e o próprio Miz, e os “Shield” conseguem uma vitória, ainda por cima com o acabado do Angle à perna?

    A vitória dos “Shield” era óbvia, mas ou optavam por um booking que permitisse olhar para a vitória como legítima, ou simplesmente não tinham estragado completamente a dinâmica do combate ao fazerem 5 vs 3, mantendo o 3 vs 3 inicial (Shield vs Miz, Cesaro e Sheamus).

    AJ Styles vs Finn Bálor foi muito bom. Espero que voltem a combater no Survivor Series, com a vitória a sorrir ao Styles.

    A estreia da Asuka também cumpriu, foi um bom combate, embora eu tivesse bookado a Asuka como um verdadeiro Lesnar feminino.

    Quanto ao resto do PPV, calculo que tenha sido uma perda de tempo.

  10. marcos - há 4 semanas

    enquanto tiver alguém pegando a Bliss( suspeito ser o Tio Vince) ela será TOP por tempo indeterminado…..

  11. Rollins4everfan - há 4 semanas

    PPV que vale pelo Main event e o combate entre o AJ e Balor o resto lixo

  12. andre - há 4 semanas

    Ninguém tá pegando a bliss, seu personagem e bom só falta evoluir em ring e seu reinada já tá chato mas não significa que ela tá dormindo com alguém pra chegar onde chegou ela é boa mais não em tudo, esses comentários machista não vão te levar a lugar nenhum

  13. Tobias da Silva Santos - há 4 semanas

    PPV feito para o Shield, protegeram o grupo de tudo. Sem criticar a luta do AJ x Balor pq foi bom pakas, mas não acham que o AJ tá meio descredibilizado? Perde pro Corbin limpo, perde pro Balor, realmente achei que essa luta seria foda com um empate, algo assim no final. Agora, o Angle tava engraçado pra crlh vestido no estilo do Shield com aquela cara de bobão que ele tem, não me levem a mal, ele é meu wrestler preferido, mas que tem cara de bobão, tem.

    • Tobias da Silva Santos - há 4 semanas

      E até hj quero entender como “o monstro entre homens” aguenta tudo que é porra, mas não resiste a um F5.

    • Tobias da Silva Santos - há 4 semanas

      Pensando bem, o evento é do RAW, era melhor que o Balor vencesse mesmo e fizeram ele lutar como Demon King e não permitiram que o AJ usasse o finalizador.

  14. BRUNOju. - há 4 semanas

    Bom PPV. Começando parabenizando a crowd, estiveram animados e presentes na maior parte do show. Que ótimo ver três combates femininos num mesmo show! Sasha Banks e Alicia Fox fizeram um bom combate, claro, ao nível de um kickoff. Pensava que teríamos aquelas cenas da Fox louca após perder, mas não.

    Asuka vs Emma, foi algo totalmente contrário ao que eu imaginava. Acho que apresentaram a japonesa mais frágil que o necessário. Queria ter visto mais dela. Mickie James e Alexa Bliss fizeram na minha opinião, o melhor combate feminino da noite, ótima atuação das duas, estiveram muito bem, pensei até que seria o último combate da Mickie, mas, por sorte não será.

    Do lado masculino, bom combate entre Bálor e Styles, para mim, não foi algo tão especial, pois não acompanho as Indys. O main event foi o combate da noite para mim, bons spots, e gostei muito daquela cena entre o Braun e Kane. Principalmente a parte das cadeiras.

  15. Devitt - há 4 semanas

    Gente como eu amooo os comentários desse site. Dou tanta risada que mais parece uma sessão de humor, não de um PPV. hahahahahahahahahaha
    Vamos começar falando dos fans da Alexa, porque num ppv como esse, se tudo o que você tem pra dizer se refere a Bliss, você deve ser muito fã dela. Alexa não precisa dormir com ninguém pra ser boa no que faz, como eu já disse antes, é a melhor mic skill da divisão feminina (RAW e Smackdown Live) e isso ninguém pode negar. Pode não ser das melhores no ringue, mas não é tão má quanto dizem por ai, ainda mais se levar em consideração os moves dela. Afinal são raras as mulheres que se arriscam num Diving Finisher, principalmente um daquele nível. Precisamos constar também que ela é a única mulher no atual roster, que consegue fazer um 450 Splash. Enfim, não é tão má quanto dizem, precisa melhorar? Óbvio, tá longe de ser uma Charlotte, mas se quiser chega ao nível.
    Agora falando sobre o PPV, foi bem comum.
    – O Angle entrar como o Reigns não é um problema, até porque ninguém constava com a entrada dele na luta, e ainda por cima ficou mais interativo com o resto do grupo, eu gostei pelo menos. Achei que ele não lutou mal pra sua idade, ele sempre vai ser uma lenda e aqueles slams dele foram ótimos pra mim. (Sobre essa luta ainda, eu tive um ataque de claustrofobia quando colocaram o Strowman dentro daquele lixo, pq parece ser muito fechado)
    – O debut da Asuka foi o esperado pra mim. Não sei até quando vão conseguir manter a personagem em 100% até porque no NXT ela não aparecia sempre e mal fazia promos. Já no RAW, ainda mais se for enfrentar a Alexa, ela vai precisar fazer muitas promos. Eu estou aguardando antes de ter uma opinião formada, mas pode ser que ela sature muito rápido.
    – Enzo Amore com o título da divisão cruiserweight é, no mínimo, estranho. Mas enfim, ele não tem feito um papel ruim na divisão e tem atraído atenção pra mesma, então não vejo como algo negativo.
    – AJ Styles x Finn Balor eu não vou dizer que estou surpresa porque já esperava algo assim dos dois. Mas foi uma boa luta. Minha favorita do PPV, creio.
    Enfim, o resto foi só pra passar o tempo, inclusive o pré-show. Então, resumindo, um ppv básico, nenhuma super novidade.

    • Anónimo - há 4 semanas

      Não sei se rio ou se choro LOOOL, já cá faltava a defensora da Alexa, sempre a não quer ver, a Mickie carregou o combate todos as costas, Alexa nem direita tava, nem sabia receber os golpes, mesmo mau, e ainda achas que ela é boa? Ela como campeã já enjooa.

      Ri muito aqui “Óbvio, tá longe de ser uma Charlotte, mas se quiser chega ao nível.”
      Ai nossa isso deve ser a anedota do ano, comprar a Charlotte com Alexa, é grande insulto a Charlotte. Ela não ta nem sequer perto de 1 terço do talento da Charlotte, e nunca vais chegar ao nível dela!!! Alexa não presta, nunca vai ser uma das melhores. Ela só se safa no microfone, e é bonitinha, porque se não fosse isso, tava num canto. E tu lá sabes se ela não dorme com ninguém, ela contou-te alguma coisa? não pois não, tal como disses que achas que ela não dorme, os outos podem dizer que acham que sim, porque aqui ningué, sabe se é verdade ou mentira, não tamos lá a ver nada por isso. Gostas dela, tas no teu direito, agora lá por gostare dela, não tapes os olhos aos erros dela.

      • leleco - há 4 semanas

        verdade. ninguém sabe oque acontece no bastage…. Só sabemos que tem rumores que tem divas que dormem com executivos para conseguir destaque. A Alicia fox deu um entrevista dizendo que tem divas que fazem de T-U-D-O ( TUDO MESMO) por fama e por destaque na empresa. Tadinha da fox, por isso ela nunca tem push, ela não faz de tudo para ter fama, ela está na wwe por amor. Se a alexa faz isso( dormir com alguém em troca de destaque) aí eu já não sei. Oque eu sei é que é injusto a alexa ser 4x womens champ em uma divisão que tem : sasha , bayley , micikie, fox e emma ( essas últimas são totalmente injustiçadas). Os combates da alexa são medianos para ruim. Esses últimos tempos ela ( BLISS)vem melhorado, só que, está longe de fazer um combate memorável ! daqui a alguns anos ninguém vai se lembrar de uma feud ou combate da alexa que foi excelente.

      • El Merenguero - há 4 semanas

        Talvez porque Sasha e Emma constantemente enterram publicamente a companhia em entrevistas e nas redes sociais, enquanto Alexa sempre demonstra positividade e profissionalismo, mesmo quando algo criativamente sai errado.

      • El Merenguero - há 4 semanas

        E a Mickie finalmente está fazendo um papel que deveria ter feito desde o seu ínicio: contribuir e ajudar as novas lutadores.

  16. Anónimo - há 4 semanas

    Eu entendo que as baixas afetaram muito o ppv mas não entendo certas coisas na WWE, como fazem do retorno do Angle algo tão besta? Simplesmente ele foi um Roman careca na luta, só faltou usar o spear, não fez sentido nenhum ele entrar como um SHIELD, agora ele faz parte da stable? Mesmo o Roman doente não podiam fazer uma cena no inicio do ppv de algum ataque nele que o impossibilitasse? E o Angle entrasse como surpresa? Seria muito mais chocante, enquanto a luta… era muito previsível que o Braun iria ser virar contra, estava muito na cara que o SHIELD não perderia nem contra todo o roster do RAW, e com a entrada do Angle ficou muito mais evidente, achei o destaque no Angle totalmente desnecessário, ficou muito falso, querendo ou não o personagem do Angle não é um Undertaker ou HHH.

  17. feed me more - há 4 semanas

    Eu gostei do ppv , main event muito bom , e a Emma simplesmente roubou show , parabens a wwe por ter dado essa oportunidade a ela , agora asuka era notório que ela estava nervosa devido a sua estreia e a emma se aproveitou disso devido a sua experiencia e dominou boa parte do combate , finn vs a.j style que combate foi aquele simplesmente incrivel , e falando do strowman com certeza terá um Face turn em breve.

  18. Anónimo - há 4 semanas

    Melhor combate foi Finn Bálor contra Aj, espero que voltem a lutar mais uma vez, e desta vez o Aj vença!!! Pena o Roman não ter lutado, mas pelas risadas que dei ao ver o Kurt a Shield, valeu a pena xD

  19. Foi um bom PPV, tinha alguma esperança na vitória da Alicia Fox para começarem a apostar nela mas a WWE gosta é de apostar na Sasha Banks…Os main events foram bons, o Kurt Angle está um pouco enferrujado, como seria de esperar mas não esteve mal.

  20. BRRM - há 4 semanas

    Provavelmente não há muita gente que poderá partilhar a mesma opinião que eu, mas fds eu gostei mesmo muito de um PPV. A minha motivação para ver wrestling andou bastante em baixo durante grande parte deste ano e só ultimamente (mais especificamente, desde pouco antes do HIAC) é que a “chama” voltou a “arder com força” e, apesar de não ter criado grandes expectativas, este foi um dos PPV’s que eu mais me “diverti” a ver durante este ano. Claro que ter um TLC sem um Ladder match e um Tables match (já para não falar do icónico Chairs match lol) faz um bocado de confusão mas, para ser sincero, não senti tanta falta desses combates como estava à espera. btw, gostei bastante do trabalho do Booker T como heel nos comentários.

    Sasha vs Alicia – bem, a Fox irrita-me mas a Sasha ganhou por isso, safoda lol. E vou só dizer isto porque agora não estou com vontade de criticar seja o que for.

    Asuka vs Emma – belo combate. Sinceramente, não me lembro de nenhum combate feminino no main roster, este ano, do qual tenha gostado tanto como este. As duas portaram-se muito bem. Espero que, até esta mesma altura do próximo ano, a Emma já tenha ganho um título, a gaja merece.

    Cedric & Swann vs Kendrick & Jack – com estes quatro já se sabia que ia ser um bom combate. Gostei muito.

    Alexa vs Mickie – melhor combate da Mickie desde o retorno dela e talvez também o melhor combate da Alexa (pelo menos que eu me lembre), na minha opinião claro.

    Enzo vs Kalisto – felizmente, aquilo que eu já adivinhava acabou por se confirmar e o Enzo recuperou o título. Espero que ele não fique rouco durante muito tempo porque estou muito ansioso pelas promos que aí vêm por parte dele (se bem que, mesmo rouco, o gajo continuou a brilhar no mic).

    JJ vs Elias – e aqui vem a parte que menos gostei. A WWE fez merda ao criar esta storyline de “filho do Angle” e ainda não conseguiu remediar (até porque ainda não tentaram lol). O Jordan nunca devia ter tido tanto destaque a solo tão cedo.

    Bálor vs Styles – é uma pena que o primeiro embate entre estes dois se tenha dado nestas circunstâncias mas a qualidade do mesmo não desiludiu. Ótimo combate! Aquele “Coup de Grâce” é que deve ter doído…

    Main Event – adorei isto. Não sei bem explicar porquê mas este combate deixou-me de muito bom humor lol. Claro que fiquei desiludido por o Roman não ter podido participar nisto mas o Angle ainda proporcionou uns belos mark out moments. Ao início não gostei de ele ter entrado com o Rollins e o Ambrose (que, já agora, tiveram uma performance enorme) e com a outfit dos Shield mas com o decorrer do combate fui-me habituando à ideia. Anyway, estava convencido de que a equipa do Miz ia ganhar mas, para mim, o combate foi suficientemente bem construído para me fazer aceitar a vitória dos campeões de tag team e do Kurt apesar de estar em desvantagem numérica. O confronto entre o Strowman e o Kane (e, mais tarde, com o resto da equipa) foi muito bom. E por falar no Kane, porque caralhos é que não houve aquela explosão nos cantos durante a entrada dele? Bem, seja como for, tendo em conta que esta é a única queixa que tenho a fazer sobre o combate acho que é capaz de não ser assim tão mau lol.

    E pronto, acabei de ver este evento com um sorriso nos lábios e com um estranho sentimento de alegria que não sei explicar bem de onde surgiu. Gostei muito da experiência de voltar a ver wrestling quase como se fosse um puto, ou seja, sem analisar tudo a fundo. Não sei porque raio é que isto aconteceu, mas gostava que acontecesse mais vezes lmao

  21. Dante_Edy - há 4 semanas

    Melhor combate da noite foi sem dúvida AJ Vs Balor, como já seria de esperar. Pena é AJ andar a perder várias vezes limpo em curto espaço de tempo, afetando a sua credibilidade, quando comparada com 2016. Seria bom existir um rematch no SS2017, aonde AJ poderia ganhar e lançar-se contra Mahal, aonde infelizmente terá de perder.

    O Main Event da noite foi o melhor que conseguiram fazer perante as circunstâncias. O Angle era o Reigns careca e mais velho, mas com o colete, com bastante proteção, tira-lo do combate, para ele aparecer depois no fim, permitiu o mesmo safar-se. Pena é ele ganhar por pinfall a uma estrela que deveria estar mais acima no Card consistentemente como o Miz, sabendo que daqui a pouco volto a reformar-se.

    O resto foi desinteressante.

  22. Sou do Russo - há 4 semanas

    que merda de booking deram ao main event…

  23. KILL OWENS KILL - há 4 semanas

    Lutaça entre o Balor e o AJ. De primeiro não concordei nenhum pouco que o Balór lutasse como Demon, pois assim não poderia perder. Sentia que era pro Styles ter vencido por que ele está a ponto de ir atrás do maior título da SD e acho que perder para um “Up Mid Carder” do Raw seria meio sem sentido, mas a forma como tudo ocorreu me fez deixar isso de lado. Pra vocês verem como uma boa luta consegue “salvar” muita coisa mesmo se um lutador importante perder limpo. E também, momento foda depois da luta. Só faltou mesmo Gallows e Anderson, mas deviam estar ocupados dominando alguma dvisão de duplas por ai (…). Desde já, esse pode ter sido um capítulo muito importante do que pode vim a ser uma baita rivalidade um dia.

  24. KILL OWENS KILL - há 4 semanas

    Sobre ME, eu entendo as críticas que o pessoal está fazendo, mas tenho que dizer que acabei gostando da luta. Let me explain!

    Pra começar, achei muito zuado essa história de 3 VS 5, queriam mesmo fazer o Shield parecerem super heróis e não percebem que dessa forma diminuem o Miz, o Cesaro e o Sheamus, por terem que ir pedir uma ajudinha. 3 VS 3 seria mesmo o ideal e pra tornar a luta menos previsível, com um bom booking daa pra resolver. Poderiam em determinado momento da luta prender um dos Shield do algemas ou inabilitar um deles jogando-o na mesa de comments, poderiam utilizar o Axel para ajudar (estilo Alex Riley no I Quit em 2011), enfim. Haviam N opções.

    Também é bom lembrar que a doença do Roman interferiu bastante no nosso investimento na luta. Quer queiramos quer não, já não era a mesma coisa.

    Mas agora o por que de eu ter gostado, além da baixa expectativa: foi puro entretenimento. Foi divertido e não só isso, acho que conseguiram desenvolver bem a treta entre o Braun e o Kane e sobretudo não prejudicar nenhum dois dois. Também acho que ajudaram um pouco mais o Seth e o Dean por toda a garra que eles mostraram. E gostei muito de ver o Miz com a posição de líder, achei perfeito toda sua participação. Cesaro e Sheamus estiveram ótimos também. Então é isso, acho que fizeram um bom trabalho após todas as cagadas que ocorreram, tanto as que podiam ser controladas quanto as que não podiam.

    Só tem uma coisa que lamento nessa luta. Foi decepcionante que essa tenha sido a primeira luta do Angle desde o retorno. Por mais que eu o tenha achado decente na luta, um retorno aos ringues desse merecia MUITO mais.

Comentar

Editar avatar »